0 Shares 731 Views

5 Livros Negros com Orgulho! – Dia da Consciência Negra

Negros na Literatura

Olá!, tudo bem com vocês? Dia 20 de novembro comemora-se o dia da consciência negra, e dentro do tema montamos uma série de textos para debater e enaltecer a cultura afro e seus principais personagens com vocês, assim como sugerir ideias para trabalhar o assunto em sala de aula.

CONSCIÊNCIA-NEGRA1
Mesmo com grande ídolos literários como Machado de Assis e Langston Hughes, os negros, sejam autores ou personagens tendem a ser menos frequentes no pleito nacional e em países que infelizmente lideram o cânone. A situação é tão complicada, que poucos são os heróis Negros oriundos da literatura, se falarmos então dos que saíram da literatura para o cinema a conversa se torna ainda mais complicada. Principalmente quando tentamos colocar o herói como real protagonista e que segue a jornada de herói, tão bem sucedida estratégia narrativa para gerar ícones pops, que cheguem as massas.

Cinco livros sobre negros em diferentes movimentos e contextos sociais

Embora não possamos mudar o mercado imediatamente, podemos sugerir livros que apresentem heróis negros em suas diferentes situações e contextos históricos. Espero que gostem e se gostarem das dicas, por favor compartilhem!

Negros Heróis: histórias que não estão no gibi

11 LIVRO negros heróis

 “Negros Heróis: histórias que não estão no gibi” é uma obra de jornalismo literário que, por meio da história de dois personagens fora de série, narra a luta do negro brasileiro contra o racismo.

A primeira parte da obra é composta pela trajetória de Laudelina de Campos Mello. Nascida e criada na era pós-abolicionista, a mineira de Poços de Caldas aprendeu o que é o preconceito racial muito cedo. Filha de escrava doméstica e com baixa escolaridade, ela seguiu os passos da mãe. Dotada de uma personalidade forte, obteve cargos administrativos em associações formadas por negros durante a década de 1940. Ao notar que sua classe trabalhista vivia os resquícios da escravidão, passou a lutar pela sindicalização das empregadas domésticas. Foi voluntária do Exército de Santos durante Segunda Guerra Mundial, além de infernizar a elite racista de Campinas, cidade do interior de SP, nas décadas de 1950 e 1960. Controversa e inteligente, tornou-se o grande ícone da luta da luta das empregadas domésticas por direitos trabalhista e, mesmo com pouco estudo, não se intimidou diante políticos como Orestes Quércia, Jarbas Passarinho e Juscelino Kubtischek.

A segunda parte da obra narra momentos marcantes da vida do ativista Antônio Carlos Santos Silva, o TC. Nascido em Campinas e criado em um insalubre cortiço, TC deu seus primeiros passos no Bairro São Bernardo. Ainda muito pequeno foi viver em Mumbuca, quilombo mineiro, onde aprendeu valores de respeito com os descendentes de escravos. Durante os anos de chumbo da ditadura militar, fez parte do Grupo Evolução, trupe de artistas operários negros que viajavam pelo Brasil difundindo ideais de democracia racial. Acusados de revolucionários, por muitas vezes sofreram com a repressão militar. Na década de 1990 abandonou a música, sua grande paixão, para dedicar-se ao ativismo cultural. Foi um dos fundadores da Casa de Cultura Tainã e enfrentou uma intensa disputa política para que a única opção de lazer de uma região carente e sem perspectiva não tivesse as portas fechadas. Em 2002, foi condecorado com o prêmio de honra ao mérito cultural pelo então presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

Ficha técnica

Autor: Roniel Felipe.

Editora: Independente.

Ano: 2012.

Páginas: 178.

12 Anos de Escravidão

12 LIVRO 12 anos de escravidão

Doze anos de Escravidão narra a história real de Solomon Northup, negro americano nascido livre que, por conta de uma proposta de emprego, abandona a segurança do Norte e acaba sendo sequestrado e vendido como escravo. Durante os doze anos que se seguiram ele foi submetido a trabalhos forçados em diversas fazendas na Louisiana.

Este relato autobiográfico, publicado depois da libertação de Northup, em 1853, logo se tornou um best-seller, e hoje é reconhecido como a melhor narrativa sobre um dos períodos mais nebulosos da história dos Estados Unidos. Verdadeiro elogio à liberdade, esta obra apresenta o olhar raro de um homem que viveu na pele os horrores da escravidão.

Ficha técnica

Autor: Solomon Northup.

Editora: Penguin e Companhia das Letras.

Ano: 2014 (A primeira edição, escrita pelo Solomon é de 1853!).

Páginas: 280.

Conversas que Tive Comigo

13 LIVRO conversas que tive comigo

 

“Conversas que Tive Comigo” traça um retrato pessoal do líder Nelson Mandela. Com prefácio de Barack Obama, o livro se baseia no arquivo pessoal de materiais inéditos de Nelson Mandela. São diários, cartas, anotações pessoais, recortes de jornais, rascunhos de discursos e gravações que procuram propiciar a compreensão do lado humano desta personalidade.

Ficha técnica

Autor: Nelson Mandela.

Editora: Rocco.

Ano: 2010.

Páginas: 416.

Aqualtune e as histórias da África

14 LIVRO Aqualtune histórias que vieram da África

Maria, Guilherme, mais conhecido como “Orelha”, e Aqualtune só queriam curtir as férias juntos.  Eram amigos desde sempre.  Mas não imaginavam que uma simples viagem para uma fazenda longe da cidade grande se transformaria na maior aventura da vida deles.  A revelação de uma antiga lenda africana, a presença de Cambinda, uma avó bem diferente das “vovós”, e a figura de Zumbi, o guerreiro dos Palmares, mudariam o destino de Aqualtune e seus amigos.  Para se salvar, eles precisam correr contra o tempo.  Com a ajuda de Kafil, um garoto esperto que conhece bem a floresta e seus segredos, Aqualtune vai enfrentar as forças da natureza, unir o passado e o presente e descobrir a verdade por trás da antiga lenda. Mas o tempo não espera por ninguém, e não vai esperar por eles.

Ficha técnica

Autor: Cristina Massa.

Editora: Gaivota.

Ano: 2012.

Páginas: 164.

Nunca Deixe de Tentar

15 LIVRO Nunca deixe de tentar

Histórias de sucesso são inspiradoras. Michael Jordan é um exemplo atual de sucesso e superação que provavelmente todo professor e aluno já ouviram falar.

Este é o primeiro título da coleção Na Vida Como no Esporte, que revela os princípios nos quais grandes atletas e treinadores pautaram suas trajetórias e mostra como esses valores transcendem o universo esportivo e podem ser aplicados à vida pessoal e profissional. Organizada pelo técnico da seleção brasileira masculina de voleibol, Bernardinho, a série abre com o depoimento de Michael Jordan sobre sua busca pela excelência e os fundamentos que nortearam sua brilhante carreira.

De forma simples e direta, Jordan ressalta a importância de fixar metas, manter o foco e não se deixar paralisar pelo medo, e conta como sempre encarou o fracasso como combustível para novas tentativas. O comprometimento, a determinação, o espírito de equipe, a capacidade de liderança e a extrema dedicação do jogador à prática dos fundamentos são analisados, ponto a ponto, por Bernardinho ao longo do livro.

Nunca deixe de tentar vai servir de inspiração para todos aqueles que desejam atingir seus objetivos e realizar seus sonhos, sem se intimidar com a pressão permanente por resultados em um mundo cada vez mais competitivo.

Ficha técnica

Autor: Michael Jordan.

Editora: Sextante.

Ano: 2009.

Páginas: 80.

Com essa lista de livros com contextos e personagens negros em diversos países, realidades sociais, suas lutas, e seus sonhos… com certeza alunos, professores e educadores adquirirão novos conhecimentos, perspectivas e poderão refletir e discutir sobre o dia da consciência negra, além de ter entretenimento garantido!

You may be interested

10 poesias sobre o Natal
Datas Comemorativas
89 Visitas
Datas Comemorativas
89 Visitas

10 poesias sobre o Natal

Felipo Bellini - Nov 18, 2017

Olá pessoal, o natal está chegando e por isso, o Demosntre vai começar a postar uma série de textos temáticos sobre essa data comemorativa tão importante e…

Dia da Bandeira do Brasil – Guia de atividades
Datas Comemorativas
63 Visitas
Datas Comemorativas
63 Visitas

Dia da Bandeira do Brasil – Guia de atividades

Felipo Bellini - Nov 17, 2017

Oi, gente! Tudo bem? O tema da vez é o dia da Bandeira do Brasil. Para conferir mais datas comemorativas exclusivas do Demonstre é só clicar nos…

Dia do Conselheiro Tutelar – Plano de aula
Datas Comemorativas
95 Visitas
Datas Comemorativas
95 Visitas

Dia do Conselheiro Tutelar – Plano de aula

Felipo Bellini - Nov 16, 2017

Olá, pessoal, Tudo bem? O tema da vez é o dia do Conselheiro Tutelar. Para conferir mais datas comemorativas exclusivas do Demonstre é só clicar nos links.…

Leave a Reply