Olá pequenos e nem tão pequenos, tudo bem com vocês? E em uma corrida entre um coelho e uma tartaruga, quem ganha? Hoje vamos contar uma história de garra e convicção que com toda a certeza vocês vão adorar.

Antes:
Curta nossa pagina no Facebook- www.facebook.com/demonstrec
Acesse nosso blog – http://demonstre.com/

A Lebre e a Tartaruga
Um certo dia, numa floresta, a Lebre ridicularizou as pernas curtas e a lentidão da Tartaruga. Sorridente, a tartaruga respondeu: “você acredita ser rápida como o vento, contudo, eu acredito que se estivéssemos em uma corrida, eu venceria”.
A Lebre, obviamente, achou tal afirmação absurda e improvável de acontecer, mas aceitou o desafio, confiante de sua vitória.
Ambos convidaram a Raposa para que fosse o juiz da competição, além de definir o trajeto e o ponto de chegada. Com dia e hora marcada, a Lebre e a Tartaruga foram ao ponto inicial.
Assim que a largada foi dada, a Tartaruga, com seu passo naturalmente lento, seguiu focada, com passos firmes e incansáveis. Enquanto isso, a Lebre, que já estava em uma vantagem enorme graças a sua velocidade, simplesmente tirou um cochilo.
Quando acordou, a Lebre percebeu que tinha perdido a noção do tempo, e mesmo com toda sua velocidade, a Tartaruga já havia passado a linha de chegada, descansando tranquila em local mais arejado.
Moral: O êxito sempre espera aquele que realiza seu trabalho com zelo e persistência.
E aí, gostou? Essa fábula nos mostra que toda vitória é possível, principalmente para pequenos grandes guerreiros como vocês! O segredo é nunca desistir!

COMPARTILHE
Artigos anterioresFilósofos – Parmênides
Próximo artigoDinâmicas para alunos de 6º a 9º ano
Professor de inglês e tradutor. Leciono na educação básica como concursado pelo governo do estado do Rio Grande do Norte atuando no: Ensino Fundamental II, Ensino Médio regular e na Educação de Jovens e Adultos - EJA; gerencio a empresa Traduza, onde me responsabilizo tanto pela tradução de livros e artigos científicos, como orientação da equipe; e sou mestrando do programa de pós graduação em linguagem da UFRN.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here