O que eu aprendi com Freinet

0
370
O que eu aprendi com Freinet 2

Lições de Freinet

Antes de Freinet… Nesta última sexta-feira eu levei uma pequena turma de alunos para uma praça e trabalhei inglês com eles de maneira bem leve, dialogando as características de cada um e fazendo com que eles repetissem a estrutura lexical de maneira menos agoniada do que acontece na sala de aula normalmente.
11840580_10153585999988701_2045658620_o
Isso chamou a atenção dos que passavam, chamou a atenção dos que estavam por perto e fez inclusive com que alunos de outras escolas, que por sinal estavam ali na praça interagissem e tentassem repetir a estrutura algumas vezes.

Eu adorei, não porque eu estava seguindo uma didática ou um planejamento muito elaborado, mas porque eu vi naquele momento que a turma dita mais complicada da escola estava realmente envolvida e aprendendo.

Ao sair, uma senhora, antiga pedagoga da escola e pessoa que dou muito valor disse que aquilo lhe lembrava FREINET, e não é por acaso. Na faculdade eu ouvi bastante sobre ele. Lembro que é dele a noção que “não existe uma educação ideal”, e sim uma “educação de classes”. Gosto também na maneira como ele dialoga em seus estudos apresentando uma escola popular, moderna e democrática, tanto trabalhando especificamente cada uma, como fazendo um intercâmbio de ideias, já que desde sempre sua principal intenção era desenvolver novos métodos de se relacionar com os alunos. E que métodos!

freinet

Acho que o Freinet foi o primeiro contato que tive sobre projetos e atividades pedagógicas. Lembro quando uma professora ainda na UFRN fez um jornal de classe, e como ao explicar passo a passo a atividade eu lembrava de como uma atividade semelhante me fez escrever nas séries iniciais. O Freinet me ajudou com suas atividades, com os cantinhos pedagógicos, com a percepção de que os muros da escola não são limites para ela, de que as aulas passeio também são uma alternativa, e que o professor tem na profissão a possibilidade e dever de fazer e ultrapassar todas as barreiras para fazer seus alunos aprenderem.

Bem, é isso que eu aprendi com Freinet, é por isso que eu planejo as minhas atividades e é por isso também que eu transformo a educação deles com todas as minhas forças, levando energias, levando o aprendizado e tentando fazer de cada aula uma aventura, mesmo que falhando, tentando e tentando até conseguir.

SER PROFESSOR É AÇÃO!

Pausa rápida na sua leitura, só para dois avisos:

Poema de bom dia: Amor

Então, estamos começando o projeto Poema de bom dia, e você pode participar. Para poder participar, basta enviar um e-mail para: [email protected] os seguintes dados: nome, idade, endereço, telefone, email e cpf + sua poesia escrita no corpo de e-mail + arquivo de áudio ou vídeo com a poesia declama.

Esperamos seu material!!!

Projeto Poema de bom dia

O projeto Poema de bom dia é uma realização da Produtora Demonstre. Uma homenagem aos poetas locais e nacionais do nosso Brasil. Poemas diários para preencher seu dia de inspiração!

Amor – Álvares de Azevedo

Amemos! quero de amor
Viver no teu coração!
Sofrer e amar essa dor
Que desmaia de paixão!
Na tu’alma, em teus encantos
E na tua palidez
E nos teus ardentes prantos
Suspirar de languidez!

Quero em teus lábios beber
Os teus amores do céu!
Quero em teu seio morrer
No enlevo do seio teu!
Quero viver d’esperança!
Quero tremer e sentir!
Na tua cheirosa trança
Quero sonhar e dormir!

Vem, anjo, minha donzela,
Minh’alma, meu coração…
Que noite! que noite bela!
Como é doce a viração!
E entre os suspiros do vento,
Da noite ao mole frescor,
Quero viver um momento,
Morrer contigo de amor!

Facebook: https://bit.ly/2qr1CXu
Instagram @poemadebomdia: https://bit.ly/2qrbzDI
Website: http://demonstre.com/

Não deixe de se inscrever no canal do demonstre: https://www.youtube.com/demonstrec

Depressão é algo sério! Veja este vídeo!

Nele explico o que é depressão, as causas da depressão e seus sintomas.

Agora pode voltar para o seu texto! <3

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here