Olá, se você também procura ter uma base de algumas leis, o demonstre, nos traz um trabalho onde vamos falar de direitos e com base nas leis vamos apresentar as características dessas leis.

E o hoje as lei que iremos apresentar a vocês, são as leis dos “Direitos Humanos” que fala sobre de como tratar bem as pessoas e para estabelecer os mecanismos necessários para fazer cumprir a sua implementação e uso.

Direitos Humanos

Direitos humanos são os direitos básicos de todos os seres humanos. São direitos civis e políticos (exemplos: direitos à vida, à propriedade privada, liberdade de pensamento, de expressão, de crença, igualdade formal, ou seja, de todos perante a lei, direitos à nacionalidade, de participar do governo do seu Estado, podendo votar e ser votado, entre outros, fundamentados no valor liberdade).

Os direitos humanos tem origem no conceito filosófico de direitos naturais que seriam atribuídos por Deus; alguns sustentam que não haveria nenhuma diferença entre os direitos humanos e os direitos naturais e veem na distinta nomenclatura etiquetas para uma mesma ideia. Outros argumentam ser necessário manter termos separados para eliminar a associação com características normalmente relacionadas com os direitos naturais, sendo John Locke talvez o mais importante filósofo a desenvolver esta teoria.

Artigo 1º – “Direitos humanos”

Um artigo onde prevalece a esperança de alcançar melhores condições de vida para os seus familiares, o que na prática nem sempre se reflete assim, pois a maioria é sujeita a condições de vida e trabalho muito duras, mal remuneradas e sem direitos.

Resultado de imagem para artigo1 direitos humanos

Tentando mostrar como devemos respeitar as pessoas uns aos outros.

Artigo 1º

Todos os seres humanos nascem livres e iguais em dignidade e em direitos. Dotados de razão e de consciência, devem agir uns para com os outros em espírito de fraternidade.

Interpretação da lei/direito Artigo 1º

O artigo 1º é um artigo que diz para a sociedade está preparada para conviver e respeitar outras culturas, assim todos sendo iguais. Tendo em mente que nos dias atuais é muito grande a divisão de classes tanto por meio de religiões, raça, dinheiro e outros.

Artigo 2º – “Direitos humanos”

É um artigo dos direitos humanos que ensina a ter ética com as pessoas, criando um ciclo de respeito, onde o respeito não é obrigação, mas sim por fazer parte da ética da vida.

Resultado de imagem para Todos os seres humanos podem invocar os direitos e as liberdades proclamados na presente Declaração, sem distinção alguma, nomeadamente de raça, cor, sexo, língua, religião, opinião política ou outra, origem nacional ou social, fortuna, nascimento ou outro estatuto.

O artigo também retrata a formação de estatutos para a defesa da vida de pessoas comuns.

Artigo 2º

Todos os seres humanos podem invocar os direitos e as liberdades proclamados na presente Declaração, sem distinção alguma, nomeadamente de raça, cor, sexo, língua, religião, opinião política ou outra, origem nacional ou social, fortuna, nascimento ou outro estatuto.

Além disso, não será feita nenhuma distinção fundada no estatuto político, jurídico ou internacional do país ou do território da naturalidade da pessoa, seja esse país ou território independente, sob tutela, autônomo ou sujeito a alguma limitação de soberania.

Interpretação do Artigo 2º

O artigo representa que todas as pessoas possuem uma liberdade, mas que essa liberdade não deve ser extrapolada, com desrespeito a outros.

Artigo 3º – “Direitos humanos”

Uma representação das leis que tenta mostrar as pessoas que todos devem ter abundancia em liberdade própria, assim fazendo coisas que é certo e que lhe acha que lhe faz bem para as pessoas.

Resultado de imagem para Todas as pessoas têm direito à vida, à liberdade e à segurança pessoal.

Ter uma segurança diária de poder andar e ter a liberdade precisa.

Artigo 3º

Todas as pessoas têm direito à vida, à liberdade e à segurança pessoal.

Interpretação do Artigo 3º

É um artigo dos direitos humanos que mostra as pessoas onde devem ser colocado as suas expressões em relação a segurança própria, fazendo um ciclo de entendimento sobre a liberdade.

Artigo 4º – “Direitos humanos”

Um artigo que logo nos vem na cabeça os tempos antigos, mais hoje em dia ainda existe muitas pessoas que vivem em um regime de escravidão.

Resultado de imagem para Todas as pessoas têm direito à vida, à liberdade e à segurança pessoal.

É muito comum pessoas serem obrigadas a trabalhar, por salários abaixo da média, e o trabalho é de grande, as vezes sem ter hora para sair.

Artigo 4º

Ninguém pode ser mantido em escravidão ou em servidão; a escravatura e o comércio de escravos, sob qualquer forma, são proibidos.

Interpretação do Artigo 4º

Um direito que também expressa liberdade em relação a prisão, como prisão domiciliar, carcere privado, trabalho escravo, obrigado a trabalhar por um valor bem menor que o que realmente é.

Artigo 5º – “Direitos humanos”

Um texto que faz a relação a pessoas que não tem a minima dó de outra pessoas, tratando como se fossem objetos descartáveis.

Imagem relacionada

A tortura é uma grande falta de respeito a alma e ao corpo das pessoas, não só pela falta de ética, mais sim pela dor do próximo.

Artigo 5

Ninguém será submetido a tortura nem a punição ou tratamento cruéis, desumanos ou degradantes.

Interpretação do Artigo 5º

Um artigo dos direitos humanos que tentar fazer com que as pessoas possam se colocar uma no lugar das outras, fazendo elas pensar “e se essa dor fosse em mim”.

Artigo 6º – “Direitos humanos”

A consciência e a razão, de que os homens, as mulheres e as crianças são dotados, permitem-lhes refletir sobre as noções de direitos e de ética, considerar como “pessoa, como “sujeito de direito”, todos os seres humanos, todos os indivíduos.

Resultado de imagem para Todos os indivíduos têm direito ao reconhecimento como pessoa perante a lei.

Pelo fato de pertencerem à “família humana”, as pessoas são titulares de direitos.

Artigo 6º

Todos os indivíduos têm direito ao reconhecimento como pessoa perante a lei.

Interpretação do Artigo 6º

É um direito que exige o respeito pelo outro, por todos os outros seres humanos; implicam a solidariedade em relação à sua história, ao seu futuro, e conduzem à fraternidade.

Artigo 7º – “Direitos humanos”

É um artigo que fala das pessoas tentarem ter uma posição maior que outras, fazendo que todos sejam iguais, sem distinção de qualquer coisa que seja.

Resultado de imagem para Todos os indivíduos têm direito ao reconhecimento como pessoa perante a lei.

O artigo faz com que todo mundo seja igual, não existindo pessoas melhores que outras em nenhum sentido.

Artigo 7º

Todos são iguais perante a lei e, sem qualquer discriminação, têm direito a igual proteção da lei. Todos têm direito a proteção igual contra qualquer discriminação que viole a presente Declaração e contra qualquer incitamento a tal discriminação.

Interpretação do Artigo 7º

O artigo tenta fazer com que as pessoas possam ser mais carinhosas e tenham um pouco de amor ao próximo.

Artigo 8º – “Direitos humanos”

Uma lei que considera que o desprezo e o desrespeito pelos direitos humanos resultaram em atos bárbaros.

Resultado de imagem para Todas as pessoas têm direito a um recurso efetivo dado pelos tribunais nacionais competentes contra os atos que violem os seus direitos fundamentais reconhecidos pela Constituição ou pela lei.

Atos que ultrajaram a consciência da Humanidade e que o advento de um mundo em que os homens gozem de liberdade de palavra, de crença e da liberdade de viverem a salvo do temor e da necessidade foi proclamado como a mais alta aspiração do homem comum.

Artigo 8º

Todas as pessoas têm direito a um recurso efetivo dado pelos tribunais nacionais competentes contra os atos que violem os seus direitos fundamentais reconhecidos pela Constituição ou pela lei.

Interpretação do Artigo 8º

Um artigo essencial que os direitos humanos sejam protegidos pelo Estado de Direito, para que o homem não seja compelido, como último recurso, à rebelião contra tirania e a opressão.

Artigo 9º – “Direitos humanos”

Um artigo que diz que ninguém pode ser preso, detido ou exilado, mas isso é feito se alguém não fez algo, porque se tiver feito tem que pagar dentro das leis.

Resultado de imagem para direitos humanos

A devida pessoas não pode ser presa se não tiver provas concretas.

Artigo 9º

Ninguém pode ser arbitrariamente preso, detido ou exilado.

Interpretação do Artigo 9

Uma pequena representação de como as pessoas podem ser defendidas dia a dia, se sentido protegidas.

Artigo 10º – “Direitos humanos”

Um artigo que mostra que todas as pessoas, seja ela que for, independente de raças, religião, dinheiro, está sempre protegida pela lei.

Resultado de imagem para direitos humanos

Mostrando o que lhe é de direito e o que é de obrigação perante a sociedade.

Artigo 10º

Todas as pessoas têm direito, em plena igualdade, a uma audiência justa e pública julgada por um tribunal independente e imparcial em determinação dos seus direitos e obrigações e de qualquer acusação criminal contra elas.

Interpretação do Artigo 10º

Mostra que o direito está para ser cumprido todos os dias, e para que as pessoas possam te segurança.

FIM

Chegamos ao fim de mais uma lista que envolve leis e  seus direitos, e hoje falamos de —-. Se você gosta de nossos trabalhos, ajude para que mais pessoas possam também conhecer do nosso conteúdo, compartilhe nas redes sociais, indique amigos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.