in

10 Plantas para Vasos

10 Plantas para Vasos 2

As plantas são de diferentes tipos e estão em diferentes lugares do planeta, e muita dessas plantas servem para uma grande quantidade de remédios, para diversas doenças.

Sendo um dos maiores e mais biodiversos grupos de seres vivos na Terra, as plantas verdes fornecem uma parte substancial do oxigênio molecular e são a base dos alimentos da maioria dos ecossistemas, especialmente dos terrestres.

Então o demonstre veio mostrar nesse poste uma lista recheada de “Plantas para Vasos”, que podem ajudar as pessoas em seus problemas de saúde chegando até a curar algumas doenças que as pessoas enfrentam.

Índice: hide

Plantas para Vasos

As plantas para vasos são de um tipo que tem um pequeno porte, algumas tem flores, e em sua maioria são bastante bonitas para a decoração, essas também tem a característica de ter raízes pequenas.

10 Plantas para Vasos 1

As plantas de jarros também podem ser temporárias no jarro, assim enquanto crescem para ser colocadas no chão.

Dinheiro-em-penca – Plantas para Vasos

O dinheiro-em-penca é uma planta herbácea e rasteira, de pequeno porte, alcançando apenas 5 a 25 cm de altura. Ela apresenta folhagem densa e muito ornamental, formada por caule ramificado, filamentoso e comprido, de coloração arroxeada e numerosas folhas cerosas, delicadas, pequenas e verde-arroxeadas, com a página inferior roxa.

10 Plantas para Vasos 2

As flores do dinheiro-em-penca são brancas e pequenas e de pouca importância ornamental. Sua popularização é crescente e diz-se que traz sorte e dinheiro para a pessoa que ganhar um vaso com a muda da planta, de presente.

Dinheiro-em-penca – Ficha da Planta para Vasos

  • Nome Científico: Callisia repens
  • Nomes Populares: Dinheiro-em-penca, Dinheirinho, Mosquitinho, Tostão
  • Família: Commelinaceae
  • Categoria: Folhagens, Forrações à Meia Sombra
  • Clima: Equatorial, Subtropical, Tropical
  • Origem: América Central, América do Sul
  • Altura: 0.1 a 0.3 metros, menos de 15 cm
  • Luminosidade: Meia Sombra
  • Ciclo de Vida: Perene

Para que serve Dinheiro-em-penca

O dinheiro-em-penca presta-se principalmente como forração. Sua textura fina e delicada é muito valorizada no paisagismo. Adapta-se em diversos estilos de jardins, e é especialmente indicado seu plantio entre as rochas, em locais úmidos. Também é apropriada para cestas suspensas e jardineiras, de forma que seus ramos pendentes podem ser melhor apreciados.

Vídeo sobre Dinheiro-em-penca:

Vídeo sobre a planta que está no youtube.

Echevéria – Plantas para Vasos

Um das mais suculentas mais populares, as echevérias ou rosas-de-pedra são nomes utilizados para um grande grupo de espécies do gênero Echeveria. Elas têm folhas de coloração verde, rosada ou acinzentada, espessas em forma de roseta. Produzem florezinhas róseas de feito ornamental secundário.

10 Plantas para Vasos 3

Excelentes para jardins de pedras, compondo com outras suculentas, bromélias e cactáceas, as echevérias também ficam lindas em vasos e bordaduras. Multiplicam-se por estaquia das folhas suculentas e por separação das mudas laterais.

Echevéria – Ficha da Planta para Vasos

  • Nome Científico: Echeveria spp
  • Nomes Populares: Echevéria, Bola-de-neve-mexicana, Rosa-de-pedra
  • Família: Crassulaceae
  • Categoria: Cactos e Suculentas
  • Clima: Equatorial, Mediterrâneo, Semi-árido, Subtropical, Tropical
  • Origem: América do Norte, México
  • Altura: 0.1 a 0.3 metros, menos de 15 cm
  • Luminosidade: Meia Sombra, Sol Pleno
  • Ciclo de Vida: Perene

Para que serve Echevéria

Devem ser cultivadas sempre a pleno sol, em solo composto de terra de jardim, terra vegetal e areia, bem drenável, com regas periódicas. Tolerantes ao frio subtropical.

Vídeo sobre Echevéria:

Vídeo sobre a planta que está no youtube.

Érica-japonesa – Plantas para Vasos

A érica-japonesa é um arbusto ereto e muito florífero, além de delicado e gracioso. Sua textura é semi-lenhosa e seus ramos são bastante ramificados. Ele é nativo da Nova Zelândia e é mais encontrado na costa leste, do norte ao sul da ilha, assim como na Austrália, em regiões como a Tasmânia, Victoria e Nova Gales do Sul.

10 Plantas para Vasos 4

O nome árvore-chá deve-se ao famoso navegador inglês James Cook, por ele ter utilizado suas folhas para fazer chá, durante explorações pela Oceania. Sua pequenas flores podem ser simples ou dobradas, nas cores branca, vermelha ou rosa. Aprecia o frio, desenvolvendo-se e florescendo com mais abundância em climas amenos.

Érica-japonesa – Ficha da Planta para Vasos

  • Nome Científico: Leptospermum scoparium
  • Nomes Populares: Érica-japonesa, Árvore-chá, Érica, Falsa-érica, Leptospermo, Manuka
  • Família: Myrtaceae
  • Categoria: Arbustos, Cercas Vivas, Flores Perenes
  • Clima: Mediterrâneo, Oceânico, Subtropical, Temperado, Tropical
  • Origem: Austrália, Nova Zelândia, Oceania
  • Altura: 1.8 a 2.4 metros, 2.4 a 3.0 metros
  • Luminosidade: Sol Pleno
  • Ciclo de Vida: Perene

Para que serve Érica-japonesa

. As folhas diminutas e aromáticas, de coloração verde-acinzentada, recobrem os ramos deste arbusto perene, que floresce na primavera e no verão.

Vídeo sobre Érica-japonesa:

Vídeo sobre a planta que está no youtube.

Escila – Plantas para Vasos

A escila ou scila é uma planta bulbosa e suculenta, de folhagem e florescimento ornamentais. Ela é originária do Cabo Oriental, província da África do Sul e muito popular entre os colecionadores de cactos e suculentas. Uma das características tão típicas desta espécie é o fato de que ela desenvolve seus bulbos sobre o solo, o que não é muito comum em plantas bulbosas.

Os bulbos são pequenos, em formato de gota e recobertos por uma túnica transparente. Suas folhas são lanceoladas, dispostas em roseta, de cor verde a prateada, que podem ser adornadas com pintas de leopardo ou listras de zebra, de acordo com a variedade. O verso das folhas é de um belo tom violáceo, assim como os bulbos, salvo nas cultivares “Laxifolia” e “Paucifolia”, que apresentam-se verdes simplesmente.

Escila – Ficha da Planta para Vasos

  • Nome Científico: Ledebouria socialis
  • Sinonímia: Scilla violacea, Scilla socialis, Scilla pauciflora, Ledebouria violacea
  • Nomes Populares: Escila, Scila
  • Família: Hyacinthaceae
  • Categoria: Bulbosas, Cactos e Suculentas, Flores, Folhagens
  • Clima: Equatorial, Mediterrâneo, Semi-árido, Subtropical, Tropical
  • Origem: África, África do Sul
  • Altura: menos de 15 cm
  • Luminosidade: Luz Difusa, Meia Sombra
  • Ciclo de Vida: Perene

Para que serve Escila

No início da primavera, desponta delicadas inflorescências, em rácemos, com flores pendulares em forma de sino, de cor rosa e listras verdes, com sépalas muito recurvadas. Se durante o inverno o fornecimento de água se mantiver regular, a planta permanece em estado vegetativo e não perde suas folhas, assim como não recebe estímulo para florescer na próxima estação.

Vídeo sobre Escila:

Vídeo sobre a planta que está no youtube.

Gengibre-concha – Plantas para Vasos

De porte médio a grande, o gengibre-concha combina muito bem com paisagens tropicais. Produz inflorescências belíssimas, com flores de coloração branco-rosada, em cachos pendentes. Suas folhas são grandes e coriáceas, com longas hastes, existe ainda uma cultivar do tipo Variegata, com folhas manchadas de branco-creme amarelado.

10 Plantas para Vasos 5

A floração ocorre principalmente no verão. Assim como outros gengibres, esta planta aprecia solos ricos em matéria orgânica e irrigados regularmente. Deve se cultivada a pleno sol ou meia sombra. Não tolera geadas.

Gengibre-concha – Ficha da Planta para Vasos

  • Nome Científico: Alpinia zerumbet
  • Nomes Populares: Gengibre-concha, Alpínia, Louro-de-baiano
  • Família: Zingiberaceae
  • Categoria: Arbustos, Arbustos Tropicais
  • Clima: Equatorial, Subtropical, Tropical
  • Origem: Ásia, China, Japão
  • Altura: 1.8 a 2.4 metros
  • Luminosidade: Sol Pleno
  • Ciclo de Vida: Perene

Para que serve Gengibre-concha

Multiplica-se por divisão das touceiras, tomando o cuidado de deixar uma boa parte de rizoma e folhas com cada muda.

Vídeo sobre Gengibre-concha:

Vídeo sobre a planta que está no youtube.

Guaco – Plantas para Vasos

O guaco é uma antiga conhecida dos índios sul-americanos, devido às suas maravilhosas propriedades medicinais. Esta trepadeira volúvel, de textura semi-lenhosa pode atingir 3 m de altura se tiver suporte adequado. Ela apresenta folhas grandes, oblongo-lanceoladas, coriáceas, opostas, simples, brilhantes e de coloração verde intensa.

10 Plantas para Vasos 6

As inflorescênias surgem apenas se a planta recebe luz direta do sol durante boa parte do dia; elas são do tipo capítulo, com flores hermafroditas de papus branco e corola tubulosa, de cor branco-creme. Os frutos são do tipo aquênio. Apesar de volúvel, o tutoramento e o amarrio ajudam a planta a subir e se fixar. Também pode ser cultivada em vasos, desde que tenha o suporte adequando. É interessante seu plantio em jardins de ervas e medicinais, devido às suas conhecidas propriedades.

Guaco – Ficha da Planta para Vasos

  • Nome Científico: Mikania sp
  • Nomes Populares: Guaco, Cipó-caatinga, Cipó-catinga, Cipó-sucuriju, Coração-de-jesus, Erva-cobre, Erva-de-cobra, Guaco-de-casa, Guaco-de-cheiro, Guaco-liso, Guaco-trepador, Guaco-verdadeiro, Guape, Mikania, Uaco
  • Família: Asteraceae
  • Categoria: Medicinal, Trepadeiras
  • Clima: Equatorial, Subtropical, Tropical
  • Origem: América do Sul
  • Altura: 2.4 a 3.0 metros
  • Luminosidade: Meia Sombra, Sol Pleno
  • Ciclo de Vida: Perene

Para que serve Guaco

O guaco é uma trepadeira de crescimento rápido a moderado que pode ser utilizada para cobrir cercas, treliças, grades, entre outros suportes de pequeno e médio porte.

Vídeo sobre Guaco:

Vídeo sobre a planta que está no youtube.

https://www.youtube.com/watch?v=KfhZA_VSb3w

Hibisco – Plantas para Vasos

O Hibiscus moscheutos é uma espécie de porte arbustivo e florescimento ornamental, originário de planícies alagadas ao longo da costa do Oceano Atlântico, na América do Norte. Apresenta ramagem ramificada, de textura semi-herbácea e ereta. As folhas são mucilaginosas, pubescentes na página inferior e glabras, na superior. Elas podem ser inteiras ou com até três lobos, e geralmente se apresentam em formato deltóide ou cordiforme, com margens crenadas.

10 Plantas para Vasos 7

Elas são pentâmeras, hermafroditas e se apresentam em uma grande variedade de cores, como branco, salmão, rosa, vermelho e vinho, em cores sólidas ou em delicados degradeés, muitas delas com o centro de cor marrom ou bordô. Os frutos são cápsulas globosas, com numerosas sementes.

Hibisco – Ficha da Planta para Vasos

  • Nome Científico: Hibiscus moscheutos
  • Nomes Populares: Hibisco, Rosa-malva
  • Família: Malvaceae
  • Categoria: Arbustos, Cercas Vivas, Flores, Flores Perenes, Plantas Aquáticas, Plantas Palustres
  • Clima: Mediterrâneo, Oceânico, Subtropical, Temperado, Tropical
  • Origem: América do Norte, Canadá, Estados Unidos
  • Altura: 0.9 a 1.2 metros, 1.2 a 1.8 metros
  • Luminosidade: Sol Pleno
  • Ciclo de Vida: Perene

Para que serve Hibisco

Floresce no verão, despontando grandes flores terminais, com diâmetro que varia de 15 a 25 cm de diâmetro, de acordo com a cultivar.

Vídeo sobre Hibisco:

Vídeo sobre a planta que está no youtube.

Licuala-redonda – Plantas para Vasos

A licuala-redonda é uma palmeira monóica e ornamental, de estipe único e curto e crescimento bastante lento. Ela se caracteriza por ter até 15 folhas enormes, plissadas, brilhantes e que podem ser palmadas, na forma “peltata“, e inteiras e redondas na “sumawongii“.

10 Plantas para Vasos 8

Cada folha é sustentada por um forte pecíolo, de margens espinhentas e à medida que as folhas caem, parte dos pecíolos antigos permanece no caule, recobrindo-o e dando um aspecto fibroso. As inflorescências surgem dentre a folhagem e são do tipo espiga, arqueadas, subdividindo-se a partir de uma raquis central, em muitas espiguetas. Cada espigueta carrega numerosas flores esverdeadas e hermafroditas, que são muito atrativas para as abelhas por serem perfumadas e ricas em néctar.

Licuala-redonda – Ficha da Planta para Vasos

  • Nome Científico: Licuala peltata
  • Nomes Populares: Licuala-redonda, Licuala, Palmeira-leque
  • Família: Arecaceae
  • Categoria: Árvores, Palmeiras
  • Clima: Equatorial, Subtropical, Tropical
  • Origem: Ásia, Birmânia, Butão, Himalaia, Índia, Malásia, Oceania, Tailândia
  • Altura: 2.4 a 3.0 metros, 3.0 a 3.6 metros, 3.6 a 4.7 metros, 4.7 a 6.0 metros
  • Luminosidade: Luz Difusa, Meia Sombra, Sombra
  • Ciclo de Vida: Perene

Para que serve Licuala-redonda

Esta palmeira de leque é ideal para cultivar em ambientes internos, em vasos amplos e perfeitamente drenáveis.

Vídeo sobre Licuala-redonda:

Vídeo sobre a planta que está no youtube.

lisianto – Plantas para Vasos

O lisianto é uma planta linda, de popularização crescente, principalmente como flor-de-corte. Sua folhagem é ereta, pouco ramificada e suas folhas são oval-lanceoladas, opostas, um pouco suculentas e de coloração verde acinzentada. Sua floração ocorre nos meses quentes. É muito comercializada em vasos, mas principalmente como flor-de-corte para a confecção de arranjos florais, conferindo sofisticação e delicadeza aos buquês.

10 Plantas para Vasos 9

Não é raro confundir suas flores com as da roseira (Rosa sp), mas a observação de sua folhagem diferente torna fácil a identificação. Pode ser cultivada no jardim, em maciços ou bordaduras informais, mas exige um clima mais ameno para um perfeito desenvolvimento.

lisianto – Ficha da Planta para Vasos

  • Nome Científico: Eustoma grandiflorum
  • Nomes Populares: Lisianto, Genciana-do-prado
  • Família: Gentianaceae
  • Categoria: Flores Anuais
  • Clima: Equatorial, Mediterrâneo, Subtropical, Temperado, Tropical
  • Origem: América do Norte, Estados Unidos, México
  • Altura: 0.3 a 0.4 metros, 0.4 a 0.6 metros
  • Luminosidade: Meia Sombra, Sol Pleno
  • Ciclo de Vida: Anual

Para que serve lisianto

As flores são muito duráveis, grandes e podem ser simples, semidobradas ou dobradas, de coloração azul, rosa, violeta ou branca, além de mesclas e tonalidades intermediárias.

Vídeo sobre lisianto:

Vídeo sobre a planta que está no youtube.

Maranta-pena-de-pavão – Plantas para Vasos

A maranta-pena-de-pavão é uma planta herbácea, rizomatosa, excelente como forração em áreas semi-sombreadas. As folhas ornamentais são ovais com manchas escuras e com o verso branco. Há duas principais variedades em cultivo, a M. leuconeura kerchoveana, (de folhas em tons de verde – planta da foto) e a M. leuconeura erythroneura (de folhas com veias vermelhas).

10 Plantas para Vasos 10

As flores são brancas e discretas e não tem importância ornamental. Devem ser cultivadas sempre a meia-sombra, em solo fértil enriquecido com matéria orgânica mantido úmido. Em geral é uma planta rústica mas é sensível à falta de água. Não é tolerante a geadas. Pode ser cultivada em todo o país. Multiplica-se por divisão da planta, desde que cada muda seja completa, isto é com folhas, rizoma e raízes.

Maranta-pena-de-pavão – Ficha da Planta para Vasos

  • Nome Científico: Maranta leuconeura
  • Nomes Populares: Maranta-pena-de-pavão,
  • Família: Marantaceae
  • Categoria: Folhagens, Forrações à Meia Sombra
  • Clima: Equatorial, Subtropical, Tropical
  • Origem: América Central, América do Sul
  • Altura: 0.1 a 0.3 metros, 0.3 a 0.4 metros
  • Luminosidade: Luz Difusa, Meia Sombra
  • Ciclo de Vida: Perene

Para que serve Maranta-pena-de-pavão

Muito utilizada para cobrir o solo sob copas de árvores. Pode ser cultivada em vasos também.

Vídeo sobre Maranta-pena-de-pavão:

Vídeo sobre a planta que está no youtube.

Fim do poste sobre as Plantas para Vasos

Então estamos chegando ao film de mais uma lista de conteúdos, e nesse poste trabalhamos com “Plantas para Vasos”. Assim se você achou esse poste legal, e conhece alguém que está precisando ler isso, compartilhe com elas e também se possível em suas redes sociais, para que as pessoas possam desfrutar de mais conteúdos.

10 Atividades sobre Estado Físico da Matéria – Química

Vídeo: As expectativas de ser mãe

Vídeo: As expectativas de ser mãe