5 Poemas de Bom Dia

0
595

Oi pessoal, o post de hoje traz 5 “Poemas de Bom Dia” selecionados especialmente para todos vocês. Espero que gostem!

Poema de Bom Dia

Os poemas de bom dia mostram como os autores fazem essa relação com as palavras.

Apresentação do Poema de Bom Dia – Póetica

É um poema de Vinicius de Morais que mostra como um bom dia muda o resto do dia de forma diferente, fazendo uma boa relação com as pessoas.

Poema de Bom Dia – Póetica

De manhã escureço
De dia tardo
De tarde anoiteço
De noite ardo.

A oeste a morte
Contra quem vivo
Do sul cativo
O este é meu norte.

Outros que contem
Passo por passo:
Eu morro ontem

Nasço amanhã
Ando onde há espaço:
– Meu tempo é quando.

Autor Poema de Bom Dia – Poética – Vinicius de Morais

Foi um poeta, dramaturgo, jornalista, diplomata, cantor e compositor brasileiro. Poeta essencialmente lírico, o que lhe renderia a alcunha “poetinha”, que lhe teria atribuído Tom Jobim, notabilizou-se pelos seus sonetos. Conhecido como um boêmio inveterado, fumante e apreciador do uísque, era também conhecido por ser um grande conquistador.

Vídeo sobre o Poema:

Apresentação do Poema de Bom Dia – Feliz Dia para Quem É

É Um poema que mostra o bom dia em relação a felicidade, amor, carinho,e afeto. podendo usar objetos do dia a dia para tornar um dia melhor.

Poema de Bom Dia – Feliz Dia para Quem É

Feliz dia para quem é
O igual do dia,
E no exterior azul que vê
Simples confia!

Azul do céu faz pena a quem
Não pode ser
Na alma um azul do céu também
Com que viver

Ah, e se o verde com que estão
Os montes quedos
Pudesse haver no coração
E em seus segredos!

Mas vejo quem devia estar
Igual do dia
Insciente e sem querer passar.
Ah, a ironia

De só sentir a terra e o céu
Tão belo ser
Quem de si sente que perdeu
A alma p’ra os ter!

Autor Poema de Bom Dia – Feliz Dia para Quem É – Fernando Pessoa

Foi um poeta, filósofo, dramaturgo, ensaísta, tradutor, publicitário, astrólogo, inventor, empresário, correspondente comercial, crítico literário e comentarista político português.

Vídeo sobre o Poema:

Apresentação do Poema de Bom Dia – Bem no fundo

O poema bem no fundo faz uma relação de como palavras muda o nosso dia bem logo nas primeiras horas do dia, é um poema de Paulo Leminiski.

Você sabe como se dá a construção da moral durante o desenvolvimento infantil?

Entenda os motivos para trabalhar educação sexual na escola!

Não deixe de se inscrever no meu canal do youtube: Vídeos diários para professores!

Confira também as entrevistas que estamos realizando no canal do Demonstre:

Não deixe de se inscrever no canal do youtube do Demonstre: Vídeos diários de poesia!

 

Poema de Bom Dia – Bem no fundo

No fundo, no fundo,
bem lá no fundo,
a gente gostaria
de ver nossos problemas
resolvidos por decreto

a partir desta data,
aquela mágoa sem remédio
é considerada nula
e sobre ela — silêncio perpétuo

extinto por lei todo o remorso,
maldito seja quem olhar pra trás,
lá pra trás não há nada,
e nada mais

mas problemas não se resolvem,
problemas têm família grande,
e aos domingos
saem todos a passear
o problema, sua senhora
e outros pequenos probleminhas.

Autor Poema de Bom Dia – Paulo Leminski – Bem no fundo

Filho de Paulo Leminski e Áurea Pereira Mendes, seu pai era de origem polonesa e sua mãe filha de pai português e mãe brasileira de origem negra e indígena, Paulo Leminski foi um filho que sempre chamou a atenção por sua intelectualidade, cultura e genialidade. Estava sempre à beira de uma explosão e assim produziu muito. É dono de uma extensa e relevante obra.

Vídeo sobre o Poema:

Apresentação do Poema de Bom Dia – Bom dia tristeza

O poema bom dia tristeza mostra como nas primeiras horas do dia a pessoa pode ser afeta com palavras, e também pode se alegrar. Esse é um poema de Adoniram Barbosa.

Poema de Bom Dia – Bom dia tristeza

Que tarde tristeza
Você veio hoje me ver
Já estava ficando até meio triste
De estar tanto tempo longe de você

Se chegue tristeza
Se sente comigo
Aqui nesta mesa de bar
Beba do meu copo
Me dê o seu ombro
Que é para eu chorar
Chorar de tristeza
Tristeza de amar

Autor Poema de Bom Dia – Bom dia tristeza – Adoniran Barbosa

Foi um compositor, cantor, humorista e ator brasileiro. Rubinato representava em programas de rádio diversas personagens, entre as quais, Adoniran Barbosa, que acabou por se confundir com seu criador dada a sua grande popularidade. Adoniran ficou conhecido nacionalmente como o pai do samba paulista.

Vídeo sobre o Poema:

Apresentação do Poema de Bom Dia – Meu Destino

É um poema de Cora Carolina que mostra como no inicio do dia as pessoas lembram de dias tristes  e dias alegres, pesando em seus sonhos.

Poema de Bom Dia – Meu Destino

Nas palmas de tuas mãos

leio as linhas da minha vida.

Linhas cruzadas, sinuosas,

interferindo no teu destino.

Não te procurei, não me procurastes –

íamos sozinhos por estradas diferentes.

Indiferentes, cruzamos

Passavas com o fardo da vida…

Corri ao teu encontro.

Sorri. Falamos.

Esse dia foi marcado

com a pedra branca

da cabeça de um peixe.

E, desde então, caminhamos

juntos pela vida…

Autor Poema de Bom Dia – Meu Destino – Cora Coralina

Foi uma poetisa e contista brasileira. Considerada uma das mais importantes escritoras brasileiras, ela teve seu primeiro livro publicado em junho de 1965 (Poemas dos Becos de Goiás e Estórias Mais), quando já tinha quase 76 anos de idade

Vídeo sobre o Poema:

FIM

Gostou? Deixe sua opinião sobre esse post e sugira novas ideias de temas para abordamos aqui no Demonstre. Visite também a página do Demonstre no facebook, e o meu canal no youtube.

Bom pessoal, muito obrigado por acompanhar o post até aqui e até mais!

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.