Olá! o demonstre querendo trazer cada vez mais resolveu trazer listas de salmos da bíblia que nos mostram como podemos agir e pensar em nosso dia a dia e hoje o demonstre traz a lista de 8 Salmos de Libertação, para que possamos conhecer esses salmos e se possível colocar em nossas vidas.

Salmos de Libertação

Os salmos de libertação ajuda as pessoas a livra de pensamentos e ocasiões que estão lhe incomodando, soltando a pessoa ao que lhe prende e dando a liberdade para poder viver em paz.

Os salmos de libertação são indicados a pessoas que estão passando pelo um momento difícil onde elas estão sofrendo com algo indesejado. Um salmo de libertação ajuda bastante pessos enfermas ou que tenham entes queridos na mesma situação.

Salmo 06 – Salmos de Libertação

O salmo dá seu autor como o rei David. A suposta intenção de Davi ao escrever o salmo era que seria para qualquer pessoa que sofresse de doença ou aflição ou para o estado do Reino de Israel enquanto sofria com a opressão

Senhor, não me repreendas na tua ira, nem me castigues no teu furor.
Tem misericórdia de mim, Senhor, porque sou fraco; sara-me, Senhor, porque os meus ossos estão perturbados.
Até a minha alma está perturbada; mas tu, Senhor, até quando?.
Volta-te, Senhor, livra a minha alma; salva-me por tua benignidade.
Porque na morte não há lembrança de ti; no sepulcro quem te louvará?
Já estou cansado do meu gemido, toda a noite faço nadar a minha cama; molho o meu leito com as minhas lágrimas,
Já os meus olhos estão consumidos pela mágoa, e têm-se envelhecido por causa de todos os meus inimigos.
Apartai-vos de mim todos os que praticais a iniqüidade; porque o Senhor já ouviu a voz do meu pranto.
O Senhor já ouviu a minha súplica; o Senhor aceitará a minha oração.
Envergonhem-se e perturbem-se todos os meus inimigos; tornem atrás e envergonhem-se num momento.

Salmo 06 cantado – Salmos de Libertação

Cantado por Bruno Musica da Iurd, com letra- Musicas de la Iurd.

Significado do salmo 06

Neste Salmo, podemos perceber nas palavras do rei o desespero pela misericórdia divina. Ele encontra-se triste e enfraquecido pela crueldade de seus inimigos e suplica a Deus eu os afaste de si.

Vídeo salmo 06:

Salmo 32 – Salmos de Libertação

O Salmo 32 é o 32º salmo do Livro dos Salmos. No Salmo 32, o salmista expressa a alegria de ser libertado do grande sofrimento.

Bem-aventurado aquele cuja transgressão é perdoada, e cujo pecado é coberto.
Bem-aventurado o homem a quem o Senhor não imputa maldade, e em cujo espírito não há engano.
Quando eu guardei silêncio, envelheceram os meus ossos pelo meu bramido em todo o dia.
Porque de dia e de noite a tua mão pesava sobre mim; o meu humor se tornou em sequidão de estio. (Selá.)
Confessei-te o meu pecado, e a minha maldade não encobri. Dizia eu: Confessarei ao Senhor as minhas transgressões; e tu perdoaste a maldade do meu pecado. (Selá.)
Por isso, todo aquele que é santo orará a ti, a tempo de te poder achar; até no transbordar de muitas águas, estas não lhe chegarão.
Tu és o lugar em que me escondo; tu me preservas da angústia; tu me cinges de alegres cantos de livramento. (Selá.)
Instruir-te-ei, e ensinar-te-ei o caminho que deves seguir; guiar-te-ei com os meus olhos.
Não sejais como o cavalo, nem como a mula, que não têm entendimento, cuja boca precisa de cabresto e freio para que não se cheguem a ti.
O ímpio tem muitas dores, mas àquele que confia no Senhor a misericórdia o cercará.
Alegrai-vos no Senhor, e regozijai-vos, vós os justos; e cantai alegremente, todos vós que sois retos de coração.

Salmo 32 cantado – Salmos de Libertação

Cantado pelo música feliz o povo que o senhor escolher, e postado no canal da Fabiana.

Significado do salmo 32

O Salmo 32 é considerado um salmo de sabedoria e um salmo penitencial. A inspiração dessas palavras sagradas foram a resposta que Davi deu a Deus após o desfecho da situação que ele viveu com Bate-Seba.

Vídeo salmo 32:

Salmo 35 – Salmos de Libertação

O Salmo 35 é um dos Salmos de lamentação de Davi onde encontramos também uma declaração de inocência. Neste salmo encontramos uma ênfase incomum no papel dos seus inimigos.

Pleiteia, SENHOR, com aqueles que pleiteiam comigo; peleja contra os que pelejam contra mim.
Pega do escudo e da rodela, e levanta-te em minha ajuda.
Tira da lança e obstrui o caminho aos que me perseguem; dize à minha alma: Eu sou a tua salvação.
Sejam confundidos e envergonhados os que buscam a minha vida; voltem atrás e envergonhem-se os que contra mim tentam mal.
Sejam como a moinha perante o vento; o anjo do Senhor os faça fugir.
Seja o seu caminho tenebroso e escorregadio, e o anjo do Senhor os persiga.
Porque sem causa encobriram de mim a rede na cova, a qual sem razão cavaram para a minha alma.
Sobrevenha-lhe destruição sem o saber, e prenda-o a rede que ocultou; caia ele nessa mesma destruição.
E a minha alma se alegrará no Senhor; alegrar-se-á na sua salvação.
Todos os meus ossos dirão: Senhor, quem é como tu, que livras o pobre daquele que é mais forte do que ele? Sim, o pobre e o necessitado daquele que o rouba.
Falsas testemunhas se levantaram; depuseram contra mim coisas que eu não sabia.
Tornaram-me o mal pelo bem, roubando a minha alma.
Mas, quanto a mim, quando estavam enfermos, as minhas vestes eram o saco; humilhava a minha alma com o jejum, e a minha oração voltava para o meu seio.
Portava-me como se ele fora meu irmão ou amigo; andava lamentando e muito encurvado, como quem chora por sua mãe.
Mas eles com a minha adversidade se alegravam e se congregavam; os abjetos se congregavam contra mim, e eu não o sabia; rasgavam-me, e não cessavam.
Com hipócritas zombadores nas festas, rangiam os dentes contra mim.
Senhor, até quando verás isto? Resgata a minha alma das suas assolações, e a minha predileta dos leões.
Louvar-te-ei na grande congregação; entre muitíssimo povo te celebrarei.
Não se alegrem os meus inimigos de mim sem razão, nem acenem com os olhos aqueles que me odeiam sem causa.
Pois não falam de paz; antes projetam enganar os quietos da terra.
Abrem a boca de par em par contra mim, e dizem: Ah! Ah! os nossos olhos o viram.
Tu, Senhor, o tens visto, não te cales; Senhor, não te alongues de mim:
Desperta e acorda para o meu julgamento, para a minha causa, Deus meu e Senhor meu.
Julga-me segundo a tua justiça, Senhor Deus meu, e não deixes que se alegrem de mim.
Não digam em seus corações: Ah! alma nossa! Não digam: Nós o havemos devorado.
Envergonhem-se e confundam-se à uma os que se alegram com o meu mal; vistam-se de vergonha e de confusão os que se engrandecem contra mim.
Cantem e alegrem-se os que amam a minha justiça, e digam continuamente: O Senhor seja engrandecido, o qual ama a prosperidade do seu servo.
E assim a minha língua falará da tua justiça e do teu louvor todo o dia.

Salmo 35 cantado – Salmos de Libertação

Postado na canal salmos e provérbios.

Significado do salmo 35

Pede a Deus que não se cale e suplica que não alongue mais o seu sofrimento, pede pelo seu julgamento divino.

Vídeo salmo 35:

Salmo 42 – Salmos de Libertação

O Salmo 42 é o 42º salmo do Livro dos Salmos, geralmente conhecido em inglês pelo seu primeiro verso, na versão King James.

Assim como o cervo brama pelas correntes das águas, assim suspira a minha alma por ti, ó Deus!
A minha alma tem sede de Deus, do Deus vivo; quando entrarei e me apresentarei ante a face de Deus?
As minhas lágrimas servem-me de mantimento de dia e de noite, enquanto me dizem constantemente: Onde está o teu Deus?
Quando me lembro disto, dentro de mim derramo a minha alma; pois eu havia ido com a multidão. Fui com eles à casa de Deus, com voz de alegria e louvor, com a multidão que festejava.
Por que estás abatida, ó minha alma, e por que te perturbas em mim? Espera em Deus, pois ainda o louvarei pela salvação da sua face.
Ó meu Deus, dentro de mim a minha alma está abatida; por isso lembro-me de ti desde a terra do Jordão, e desde os hermonitas, desde o pequeno monte.
Um abismo chama outro abismo, ao ruído das tuas catadupas; todas as tuas ondas e as tuas vagas têm passado sobre mim.
Contudo o Senhor mandará a sua misericórdia de dia, e de noite a sua canção estará comigo, uma oração ao Deus da minha vida.
Direi a Deus, minha rocha: Por que te esqueceste de mim? Por que ando lamentando por causa da opressão do inimigo?
Com ferida mortal em meus ossos me afrontam os meus adversários, quando todo dia me dizem: Onde está o teu Deus?
Por que estás abatida, ó minha alma, e por que te perturbas dentro de mim? Espera em Deus, pois ainda o louvarei, o qual é a salvação da minha face, e o meu Deus.

Salmo 42 cantado – Salmos de Libertação

Cantado por Daniel Ludtke, e postado no canal da gravadorant.

Significado do salmo 42

O salmo 42 é um salmo de lamento, com ênfase na confiança em Deus.

Vídeo salmo 42:

Salmo 93 – Salmos de Libertação

É um dos Salmos Reais, louvando a Deus como o Rei do Seu povo, que muitos pedem por saúde através dele.

O SENHOR reina; está vestido de majestade. O SENHOR se revestiu e cingiu de poder; o mundo também está firmado, e não poderá vacilar.
O teu trono está firme desde então; tu és desde a eternidade.
Os rios levantam, ó Senhor, os rios levantam o seu ruído, os rios levantam as suas ondas.
Mas o Senhor nas alturas é mais poderoso do que o ruído das grandes águas e do que as grandes ondas do mar.
Mui fiéis são os teus testemunhos; a santidade convém à tua casa, Senhor, para sempre.

Salmo 93 cantado – Salmos de Libertação

Cantada com a poderosa Oração para ter paz de espírito e acabar com nervosismo.

Significado do salmo 93

Por mais que as coisas aqui na Terra fiquem perturbadas, a Palavra de Deus seja confrontado e os homens queriam tirá-lo do poder, o Senhor permanece inabalável.

Vídeo salmo 93:

Salmo 133 – Salmos de Libertação

O Salmo 133 é o salmo 133 do Livro dos Salmos, geralmente conhecido em inglês pelo seu primeiro verso, na versão King James, “Eis quão bom e quão agradável é que os irmãos vivam em união!”.

Oh! quão bom e quão suave é que os irmãos vivam em união.
É como o óleo precioso sobre a cabeça, que desce sobre a barba, a barba de Arão, e que desce à orla das suas vestes.
Como o orvalho de Hermom, e como o que desce sobre os montes de Sião, porque ali o Senhor ordena a bênção e a vida para sempre.

Salmo 133 cantado – Salmos de Libertação

Salmo postado no canal Regnobertolopes.

Significado do salmo 133

O salmista imagina azeite em tal quantidade que fluísse da cabeça à barba e à veste de Arão, que representava os sacerdotes de Deus. Quando o povo de Deus vive em união e harmonia, é abençoado por Deus.

Vídeo salmo 133:

Salmo 142 – Salmos de Libertação

O texto é apresentado como uma oração por Davi no momento em que ele estava escondido na caverna. É, conseqüentemente, usado como uma oração em tempos de aflição.

Com a minha voz clamei ao SENHOR; com a minha voz supliquei ao SENHOR.
Derramei a minha queixa perante a sua face; expus-lhe a minha angústia.
Quando o meu espírito estava angustiado em mim, então conheceste a minha vereda. No caminho em que eu andava, esconderam-me um laço.
Olhei para a minha direita, e vi; mas não havia quem me conhecesse. Refúgio me faltou; ninguém cuidou da minha alma.
A ti, ó Senhor, clamei; eu disse: Tu és o meu refúgio, e a minha porção na terra dos viventes.
Atende ao meu clamor; porque estou muito abatido. Livra-me dos meus perseguidores; porque são mais fortes do que eu.
Tira a minha alma da prisão, para que louve o teu nome; os justos me rodearão, pois me fizeste bem.

Salmo 142 cantado – Salmos de Libertação

Cantado pelo coral da Igreja Sede Assembléia de Deus – Min. Belém Sumaré -SP

Significado do salmo 142

O termo caverna pode se referir a uma das duas ocasiões em que Davi se escondeu do rei Saul em uma caverna.

Vídeo salmo 142:

FIM

Chegamos ao fim de mais uma lista de salmos, e hoje o demonstre trouxe uma lista de Salmos de libertação, que nos faz refletir sobre o assunto. Se você gostou dessa lista de salmos compartilhe nas Redes Sociais para que as pessoas possam conhecer os trabalhos do nosso site.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.