A cigarra e a formiga – História Infantil

0

A cigarra e a formiga é mais uma das maravilhosas fábulas de Esopo. Ela mostra a importância do trabalho, e de como é necessá se prevenir enquanto tudo está bem.

Trabalhar enquanto o tempo é favorável, permitirá descansar nos dias difíceis. Só quem se esforça no verão terá reservas para suportar a fome e o frio no inverno. Aquele que só se importa com diversão, poderá sofrer uma decepção!

A Cigarra e a Formiga – Fábula de Esopo

A cigarra e a formiga - História Infantil 1

Uma formiga trabalhava, carregando suas folhinhas sem parar! Todas as vezes que passava pelo caminho da árvore de Jatobá, avistava uma cigarra que não parava de cantar. Os dias passavam, e a cigarra, cantava e cantava!

A formiguinha já exausta, passou pela cigarra descomprometida, que levava livre e solta sua vida. A cigarra abordando a formiguinha perguntou:

-Hora, hora! Você não se diverte amiga? Que triste é levar uma vida de formiga!

– Eu não posso parar agora dona Cigarra, pois tenho que abastecer a minha casa! O verão irá passar, o inverno vai chegar. Se eu não me abastecer, de fome irei morrer! E você não trabalha?

A cigarra e a formiga - História Infantil 2

– Para que preocupação dona formiga!Embora eu não trabalhe, sempre encho minha barriga!

A cigarra e a formiga-  A chegada do inverno

Dias e dias se passaram. Enquanto a formiga trabalhava, a cigarra cantava! Até que o verão passou, e o inverno frio chegou. A formiga recolheu-se em sua casa abastecida e quentinha, enquanto a cigarra  tremula e friorenta, bateu à porta da formiga:

-Formiguinha bondosa, não haveria em sua casa, lugar para a pobre cigarra molhada, que nessa vida não possui nada?

A cigarra e a formiga - História Infantil 3

– Sinto lhe dizer dona Cigarra, mas minha casa é pequena e está toda ocupada!

– Você me deixará morrer de fome e frio? Quanto cantei para alegrá-la enquanto aflita trabalhava!

-Disseste bem dona Cigarra! Se eu trabalhava e você  cantava, agora eu descanço e você dança!

” Moral da história: Ao invés de ficar esperando pelos outros, faça sua parte!”

Autor: Esopo – Adaptação Eline Costa

A Cigarra e a formiga- Autor da Fábula

Essa fábula é atribuída à Esopo, um sábio e velho escravo da Grécia antiga, que educava o povo por meio de suas histórias e fabulas. Ele viveu no 6º século antes de Cristo.

A cigarra e a formiga - História Infantil 4

Além da leitura, as crianças poderão assistir o vídeo, e tirar suas conclusões!

https://www.youtube.com/watch?v=1mntubJ-Aoc

A Cigarra e a Formiga – Exercício de leitura para o fundamental I

  1. Faça uma lista de 10 profissões que você conheça
  2. Por que trabalhar é importante ?
  3. Se divertir é errado? Escreva em seu caderno sua opinião sobre a cigarra
  4. Por que a formiga não quis ajudar a cigarra?
  5. O que aconteceria se a Cigarra cantasse, entretanto, também trabalhasse?
  6. O que aconteceria se a formiga trabalhasse e também se divertisse um pouco?
  7. Dê o sinônimo das palavras: Abastecido e Friorento
  8. Dê o antônimo  das palavras: Aflita e abastecer

Atividade/dinâmica

  1. Promova um teatro na sala encenando a fábula da Cigarra e da formiga.
  2. No meio da encenação, crie um concurso de talentos
  3. Separe alguns alunos para serem os jurados
  4. Eleja a cigarra da classe que conseguir cantar melhor

Concluindo

Como você pode ver, as fábulas de Esopo são mesmo carregadas de sabedoria e lições de moral para a vida. Entretanto, convenhamos que a Cigarra e a formiga deveria dar a formiga o direito de também se divertir, concorda? Portanto, trabalhar é importantíssimo, mas, se divertir de vez em quando também é saudável!

Contudo, se você concorda, dá uma curtida na página e fique sempre aqui conosco!

Abração e até breve!