Dinâmica A trilha

0

Neste post você encontrará diversas dinâmicas de integração para estar trabalhando em um grupo, afinal, as vezes o primeiro contato nem sempre é tão fácil. Como demonstração do que poderá ser feito, trouxemos aqui A trilha e outras Dinâmicas de Integração.

A trilha

Um time bem integrado é composto por profissionais com competências complementares que contribuem para o desenvolvimento de toda a equipe e, consequentemente, da empresa. No mundo da equipe ideal, todos propõem inovações, buscam soluções, fazem a diferença, são participativos e proativos nas diversas situações e desafios do cotidiano empresarial e ainda se ajudam. Parece algo fantasioso, mas é possível de se conseguir com uma boa liderança e bons profissionais abaixo dela.

O alto desempenho de uma equipe é promovido por valores como a boa convivência, o respeito mútuo, a colaboração, a solidariedade, a confiança, a transparência, o comprometimento, o empenho, a sinergia e o foco nas metas almejadas.

Dinâmicas de Integração

Integrar alguém é fazer com que ele faça parte de um grupo, ou seja, é fazer com que este alguém se junte, tornando-se parte integrante, completando.

Neste post, você irá encontrar diversas dinâmicas de integração para que ninguém se sinta segregado em um grupo, afinal, não existe sentimento pior do que se sentir excluído.

A trilha – Dinâmicas de Integração

Essa dinâmica tem como principal objetivo auxiliar o aluno a vivenciar a prática da solidariedade e resgatar o compromisso com o outro.

Além disso, nessa dinâmica, os participantes terão tido a oportunidade de vivenciar a prática da solidariedade e o resgate do compromisso com o outro.

Recursos para a dinâmica

  • Sala ampla;
  • Sapatos dos participantes;
  • Música instrumental.

Execução da Dinâmica

  1. Primeiramente, o condutor comentará com o grupo se eles conhecem “ditos populares” e colocará para os participantes os seguintes ditados: “Tem pedra no meu sapato”, “Isto é uma pedra no meu sapato”, ou “Tem uma pedra no meu caminho”.
  2. O condutor pedirá para os participantes comentarem sobre o ditado.
  3. Em seguida, o condutor solicitará aos participantes que tirem os seus sapatos e que com eles façam uma trilha (um sapato de frente para o outro) no centro da sala.
  4. Divide-se o grupo em dois grupos menores, que se posicionam cada um nas pontas da trilha.
  5. Explicar o jogo:
    • No centro da sala temos uma trilha de um lado, e temos uma montanha, e do outro um precipício (desfiladeiro ou abismo). O condutor dá o código de jogo:
    • Vocês deverão passar na trilha (nos sapatos) sem cair. Isso vale para os dois grupos. Após feitas as combinações, os grupos fazem a sua passagem, um de cada vez.
  6. O condutor lembra ao grupo que é fácil essa caminhada e que a vida não é bem assim, pois nos encontramos com outros, no sentido contrário, no cotidiano. Sendo assim, o facilitador dá o código.
  7. Os grupos passarão, ao mesmo tempo, pela trilha. Inicia-se a caminhada com música de fundo. O condutor estimula o grupo, solicitando a ajuda para o companheiro, possibilidade de dar as mãos, cuidado, calma, reflexão, sem pressa, etc. Olhe a trilha, olhe o seu companheiro, olhe o outro que cruza por você. Perceba o outro!

Fim da dinâmica A trilha

Se você gostou da dinâmica, compartilhe a ideia, deixe seu comentário ou crítica.

10 Dinâmicas de Integração

Obrigado por acompanhar este post até aqui. Se você gostou dessa lista, e quer mais, temos diversas outras para alegrar a garotada. Então deixe seu comentário e compartilhe com os colegas, depois disso desejamos que você tenha lindos sonhos, em um sono feliz! Divulguem entre todos!