A Educação Especial e o Ensino Regular

Hoje vamos apresentar um texto onde mostra trabalhos de diferentes representações e neste poste vamos falar um pouco mais aprofundado de “A Educação Especial e o Ensino Regular” mostrando seus pontos principais.

Os pontos principais do ensino envolvendo pessoas com algum tipo de deficiência mostrando como pode ser aplicada na educação de crianças e jovens.

A Educação Especial e o Ensino Regular

A Educação Especial é o ramo da Educação que se ocupa do atendimento e da educação de pessoas com deficiência, preferencialmente em escolas regulares, ou em ambientes especializados tais como escolas para surdos, escolas para cegos ou escolas para atender pessoas com deficiência intelectual.

A educação especial e o ensino regular

Sendo assim a escola está cumprindo seu papel com estratégias que permitam a integração dos alunos de forma mais autônoma, porém ainda há mudanças necessárias para a emancipação dos alunos com necessidades especiais, principalmente com a participação da família, objetivando uma escola de qualidade para todos.

A Integração dos Portadores de Necessidades Especies no Ensino Regular

A integração dos alunos de forma mais autônoma, porém ainda há mudanças necessárias para a emancipação dos alunos com necessidades especiais, principalmente com a participação da família, objetivando uma escola de qualidade para todos.

5_atividades_de_educacao_especial_para_utilizar_em_sala_de_aula-9792853-5020482-3214143

O direito do aluno com necessidades educativas especiais e de todos os cidadãos à educação é um direito constitucional.

O Direito do Aluno

A garantia de uma educação de qualidade para todos implica, dentre outros fatores, um redimensionamento da escola no que consiste não somente na aceitação, mas também na valorização das diferenças. Esta valorização se efetua pelo resgate dos valores culturais, os que fortalecem identidade individual e coletiva, bem como pelo respeito ao ato de aprender e de construir.

Vídeo Sobre a Integração dos Portadores de Necessidades Especies no Ensino Regular:

A Integração: Conceito e Tipos

A Educação inclusiva compreende a Educação especial dentro da escola regular e transforma a escola em um espaço para todos. Ela favorece a diversidade na medida em que considera que todos os alunos podem ter necessidades especiais em algum momento de sua vida escolar.

educacao-especial-licenciatura-1203409-4423782-7217283

O estudante poderá beneficiar-se dos apoios de caráter especializado, como o ensino de linguagens e códigos específicos de comunicação e sinalização, no caso da deficiência visual e auditiva; mediação para o desenvolvimento de estratégias de pensamento, no caso da deficiência intelectual; adaptações do material e do ambiente físico, no caso da deficiência física; estratégias diferenciadas para adaptação e regulação do comportamento, no caso do transtorno global; ampliação dos recursos educacionais e/ou aceleração de conteúdos para altas habilidades.

Limites da Educação

O PNE considera público alvo da Educação especial na perspectiva da Educação inclusiva, educandos com deficiência (intelectual, física, auditiva, visual e múltipla), transtorno global do desenvolvimento (TGD) e altas habilidades.

Vídeo Sobre a Integração: Conceito, Tipos e Limites:

A Ação do Professor do Ensino Regular com Alunos Portadores de Necessidades Especiais

Os professores devem ser preparados para a nova prática, de modo que possam atender também às necessidades do ensino inclusivo. O saber está sendo construído à medida que as experiências vão acumulando-se e as práticas anteriores vão sendo transformadas.

Sendo que o professor não pode estar sozinho, deverá ter uma rede de apoio, na escola e fora dela, para viabilizar o processo inclusivo.

Vídeo Sobre a Ação do Professor do Ensino Regular com Alunos Portadores de Necessidades Especiais:

A Oferta do Atendimento Especializado ao Educando Portador de Necessidades

O atendimento educacional especializado é garantido na Carta Magma do País, está no Código de leis maior de uma nação. Com advento da Constituição Brasileira de 1988, foi o marco para nortear outras leis que respalda a Educação Especial, com a Lei n° 9394/96 – Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional.

aluno-5709059-3563327-3602069

Sendo que no capitulo V, exemplifica a garantia das pessoas com Necessidades Educacionais Especiais (NEE) dentro da escola. O Artigo 58 da mesma Lei começa com a seguinte premissa sobre a definição da Educação Especial.

O que a constituição Diz

A constituição Diz que a educação é direito de todos e dever do estado e da família, será promovida e incentivado com a colaboração da sociedade, visando pelo desenvolvimento da pessoa, seu preparo para o exercício da cidadania e sua qualificação para o trabalho

Vídeo Sobre a Oferta do Atendimento Especializado ao Educando Portador de Necessidades:

FIM

Chegamos ao fim de uma lista que foi recheada de conteúdos, e hoje falamos de A Educação Especial e o Ensino Regular com suas características. Se você gostou do assunto e do texto, compartilha nas redes sociais, e ajude a divulgar nossos trabalhos. Você também pode acessar as nossas redes sociais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Demonstre Atividades

Demonstre Atividades é um Portal Educacional focado em conteúdo e atividades para professores.