Pressione ESC para fechar

Atividades de Química

As atividades de Química servem para estudar as estruturas que mantém o mundo funcionando, nessa categoria você vai entender quais são as formas de atividades que servem para você professor conseguir oferecer em sala de aula um conteúdo mais rico capaz de manter a atenção dos alunos mesmo nos temas mais complexos.

Atividades de Química

E para você aluno que deseja se aprofundar no estudo da química e ter melhores chances na hora das provas ou mesmo conquistar o conhecimento necessário para seguir uma carreira nessa área, essa categoria vai te ajudar a praticar seus conhecimentos ao mesmo tempo que proporciona um desafio empolgante.

Bioquímica

Bioquímica é a ciência na qual a química é aplicada ao estudo de organismos vivos e os átomos e moléculas que compõem os organismos vivos. Dê uma olhada no que é bioquímica e por que a ciência é importante.

Bioquímica é o estudo da química dos seres vivos. Isso inclui moléculas orgânicas e suas reações químicas. A maioria das pessoas considera que bioquímica é sinônimo de biologia molecular.

Química Orgânica

A química orgânica é mais do que simplesmente o estudo do carbono ou o estudo de produtos químicos em organismos vivos. A química orgânica está em todo lugar.

Química orgânica é o estudo do carbono e o estudo da química da vida. Como nem todas as reações de carbono são orgânicas, outra maneira de analisar a química orgânica seria considerar o estudo de moléculas que contêm a ligação carbono-hidrogênio (C-H) e suas reações.

Química Analítica

A química analítica é a disciplina química que estuda a composição química dos materiais e desenvolve as ferramentas usadas para examinar as composições químicas. Envolve química de laboratório úmido, bem como uso de instrumentação. A química analítica é importante na ciência, engenharia, medicina e indústria.

A análise qualitativa caracteriza a identidade de uma amostra, enquanto a análise quantitativa examina sua massa ou concentração. As técnicas usadas na análise qualitativa incluem testes químicos, espectroscopia, espectrometria, microscopia, testes de chama e testes de esferas.

A análise quantitativa emprega balanças analíticas, análise gravimétrica, análise volumétrica e técnicas de separação, como filtragem, centrifugação e cromatografia. Há sobreposição de técnicas usadas entre os dois ramos, principalmente porque as amostras podem precisar de purificação para caracterizá-las.

Química inorgânica

Em geral, moléculas inorgânicas são moléculas que não possuem uma estrutura definitiva de hidrocarboneto (feita de átomos de carbono e hidrogênio). Eles são compostos principalmente de íons e atuam como base de sua reatividade química. Os íons são formados quando uma molécula ou átomo tem um número menor ou adicional de elétrons que sua configuração eletrônica original.

No entanto, os íons são formados para tornar os átomos / moléculas mais estáveis, proporcionando a configuração eletrônica de um gás nobre. Portanto, quando os átomos atingem a configuração eletrônica de gás nobre, eles se tornam carregados positiva ou negativamente. Espécies carregadas positivamente são chamadas cátions e espécies carregadas negativamente são chamadas ânions.

Catiões e ânions naturalmente se atraem através de interações iônicas, formando os tipos mais fortes de ligações químicas, chamadas ligações iônicas. Em geral, todos são classificados como compostos inorgânicos. No entanto, há também um grande número de compostos, ligados por ligações covalentes, que se enquadram na categoria de compostos inorgânicos. ou seja, HCl, CO2, H2O.

Química Orgânica

Além dos compostos organometálicos (compostos que incluem uma estrutura orgânica mais metais), há muito pouca sobreposição entre química orgânica e química inorgânica. Como mencionado acima, moléculas orgânicas são feitas de hidrocarbonetos. Portanto, é muito fácil distinguir entre um composto orgânico e inorgânico. Até o século 19, acreditava-se que as moléculas orgânicas eram naturais e só podem ser extraídas da natureza. No entanto, a maior inovação em química orgânica foi quando Kekulé explicou a existência da estrutura do benzeno. O núcleo do benzeno tornou-se uma parte essencial da química orgânica.

A classificação e as reações dos compostos orgânicos dependem de seus grupos funcionais. O comprimento da cadeia de carbono simplesmente definiria as características físicas do composto. Os compostos orgânicos tendem a derreter e ferver, ao contrário dos compostos inorgânicos. Os métodos de espectroscopia são utilizados principalmente para a análise de compostos orgânicos. A química orgânica é muito usada na química medicinal para a descoberta de novos medicamentos, química nutricional, química de aromas e fragrâncias, petróleo, etc.

Atividades de Química – FAQ

Vamos dar algumas das respostas mais solicitadas pelos nossos seguidores e visitantes, você sem dúvidas vai encontrar aqui a resposta para suas dúvidas em relação ao nosso trabalho.

Todos os ramos da química vão ser representados?

Estamos atualmente trabalhando para construir um acervo de atividades diversificado que possa ajudar professores e alunos de todas as áreas então esperamos sim atender aos mais diversos ramos da química.

Posso contribuir com dicas e sugestões?

Toda ajuda é bem vinda, se você gostou de aprender um pouco mais sobre a química e tem sugestões e dicas que possam ajudar outros a terem a mesma experiência, entre em contato e ficaremos felizes em aprender junto com você.

Posso utilizar estas atividades com a minha turma?

Sim! Essa é exatamente a nossa ideia, preparamos todas estas atividades para que você professor possa ter uma vida mais simples e um trabalho muito mais prazeroso além de conseguir uma resposta mais positiva por parte dos alunos.

Continue aprendendo sobre Química!

Se você gostou de nossas atividades de química e quer continuar vendo mais e mais atividades de outros temas, aproveite para ler ainda mais de nossos artigos em outras categorias, você vai aprender tudo o que precisa e muito mais.