Atividades para o Dia Nacional do Combate ao Fumo

Fala, pessoal. Tudo bem? Hoje falaremos sobre o Dia Nacional do Combate ao Fumo. Para conferir mais datas comemorativas exclusivas do Demonstre é só clicar nos links. Espero que gostem!

Dia Nacional do Combate ao Fumo – 29 de agosto

dia-nacional-de-combate-ao-fumo-2-2545685-6160115

O dia Nacional do Combate ao Fumo é uma data oportuna para trabalhar o tema saúde em sala de aula. O fumo está associado a diversas doenças como o câncer. Estudos demonstram que o cigarro é responsável por uma em cada 10 mortes no mundo.

Vamos falar um pouco mais sobre o combate ao fumo

Segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), a cada hora, dez pessoas morrem por doenças relacionadas ao tabagismo no Brasil. No mundo são mais de 4 milhões de pessoas perdendo a vida por ano em decorrência dessas doenças, sendo 200 mil só no Brasil. Por conta disso, o tabagismo é considerado a principal causa de morte evitável no mundo.

Em 1986, o governo brasileiro aprovou a Lei Federal número 7488, que estabeleceu o Dia 29 de agosto como o Dia Nacional de Combate ao Fumo. Desde então, entidades governamentais e civis se movimentam cada vez mais, especialmente nesta data, em prol de propagar os males do cigarro e os benefícios para a saúde quando se deixa o fumo. O Dia Mundial sem o Tabaco, comemorado no dia 31 de maio, também é outra data importante para conscientizar as pessoas dos problemas do tabagismo.

Dados da OMS apontam que os jovens entram cada vez mais cedo no vício, com cerca de 13 anos, e que mais de 70% da população brasileira já possui o hábito de fumar.

Eu comecei a fumar com 17 anos para acompanhar meus amigos da época e não parei mais. Já parei por alguns dias, mas quando bebo acabo voltando com tudo

Estudante carioca de 22 anos

Mas por que é tão difícil deixar o tabaco de lado?

É fato: o cigarro realmente vicia. O que pouca gente sabe é que além do alcatrão e da nicotina, substâncias que provocam o vício, o cigarro possui mais de 4.700 substâncias tóxicas como o monóxido de carbono (o mesmo que sai do escapamento dos carros), agrotóxicos e substâncias radioativas como o polônio 210 e o cádmio, presente das baterias dos automóveis. Em contrapartida, estas substâncias provocam sensação de euforia e bem-estar ao fumante, o que causa dependência em cerca de 95% das pessoas que fumam, o que tende a agravar o vício com o passar do tempo.

Por tudo isso, o cigarro se torna um inimigo silencioso que vai destruindo a saúde do fumante aos poucos.

Comecei a fumar com 17 anos porque achava bonito ver mulheres fumando. Parei de fumar por uns seis anos quando fiquei grávida dos meus dois filhos, mas acabei voltando. A ansiedade e a sensação de solidão me fizeram voltar, o cigarro era como uma companhia para mim. Quando um irmão meu teve câncer de pulmão sem nunca ter fumado e acabou falecendo em decorrência dele, decidi que eu podia parar de fumar, que só dependia de mim. Não fiz nenhum tratamento, contei apenas comigo e com a filosofia budista que sigo há três anos e que prega a saude, a vida

Fonte anônima que precisou passar por um processo doloroso para parar definitivamente.

Tratamentos gratuitos

Nem todas as pessoas conseguem deixar o cigarro sozinhas. Por isso, existem inúmeros tratamentos como a acupuntura, os chicletes e os adesivos de nicotina, entre outros, sendo a psicoterapia um dos mais recomendados. Em todos os estados do país existem hospitais e institutos que oferecem tratamentos a preços populares e gratuitos, a fim de diminuir o número de doenças e mortes por conta do cigarro.

No site do Inca (https://www.inca.gov.br/tabagismo) é possível encontrar uma cartilha chamada ‘Você está querendo parar de fumar?’ que esclarece muitas dúvidas. Você também pode encontrar no site outras informações de como encontrar ajuda para abandonar o vício. Se preferir informações por telefone, anote o número do Disque Saúde (136) e dê o primeiro passo para deixar o tabagismo.

Afinal, o cigarro não faz mal apenas para a pele e para os cabelos, afeta o organismo como um todo e ainda prejudica os não-fumantes que convivem com quem fuma. Dê uma chance para você e para a sua saúde. Parar de fumar é uma decisão que só você pode tomar.

Atividades para o Dia nacional do Combate ao Fumo

Por isso, e em vista da Programa Nacional de Combate ao Tabagismo se faz pertinente trabalhar em sala de aula hábitos saudáveis e introduzir aos alunos temas desta relevância.

Nesta atividade, textos base do Ministério da Saúde e do Instituto Nacional do Câncer (INCA) poderão ser abordados em sala de aula. Disciplinas como português, ciências, informática e línguas se beneficiarão desta metodologia.

Brainstorm

Para o nosso brainstorm sugerimos que os alunos sejam reunidos em círculo. O professor irá apresentar aos alunos diferentes panfletos e cartazes do Ministério da Saúde e do INCA contra o tabagismo. Como sugestão, o professor poderá encontrar material neste link.

Uma discussão sobre o tema será estimulada como um debate entre os alunos. O professor deverá anotar no quadro todas as dúvidas e ideias que os alunos expuserem sobre o tabagismo.

Atividade de Leitura

Como o público desta atividade são as crianças, seria interessante trabalhar com ela os efeitos do fumo, mas sobretudo os efeitos do fumo nas crianças, conscientizando os alunos deste vício e trazendo para a sala de aula um elemento de aproximação com o tema. Os esforços do Governo Brasileiro para combater o fumo também poderão ser abordados na atividade de leitura.

Os alunos também serão estimulados a pesquisarem sobre os efeitos do cigarro no corpo, doenças associadas ao cigarro e todos os malefícios do hábito tabagista. A pesquisa poderá ser online ou na biblioteca da escola e o professor de ciência será convidado a auxiliar os alunos.

Produção Textual

Para a produção textual, os alunos deverão criar um texto para panfletos informativos sobre os malefícios do cigarro. Além disso, os alunos serão convidados a desenvolverem a arte dos panfletos utilizando o programa PowerPoint do pacote Microsoft Office, com o auxílio do professor de informática no laboratório de informática. Poderão ser criados diversos modelos de panfletos utilizando recursos visuais como um pulmão saudável versus um pulmão doente devido ao cigarro.

Todas as informações coletadas durante a atividade de leitura serão úteis neste momento. O professor de ciências também poderá direcionar a escrita dos panfletos, abordando os agravos à saúde e as consequências do cigarro no corpo humano. Além disso, esta atividade é possível de ser abordada também nas aulas de inglês ou espanhol, onde os alunos poderão traduzir os panfletos e explica-los (em inglês ou espanhol) para toda a turma.

Com o auxílio dos professores, os panfletos deverão ser mandados para uma gráfica afim de finalizar a sua confecção. Seria interessante colocar o nome da turma e o ano que foi criado o panfleto, bem como que é uma atividade sobre o dia Nacional do Combate ao Fumo.

Feedback

Para a atividade de feedback, os alunos deverão distribuir os panfletos criados na escola, nas redondezas e também em seu bairro. O feedback será dado pela opinião das pessoas que receberem os panfletos.

Cada aluno deverá anotar as reações, elogios e comentários que forem feitos ao distribuírem os panfletos. Em um segundo momento os alunos poderão apresentar estes comentários na sala de aula para todos os seus colegas.

Compre a apostila completa de atividades com datas comemorativas para o mês de agosto!

Obtenha este e mais 44 materiais com atividades exclusivas para o mês de julho por apenas 10 reais. Compre agora e receba o ebook completo, com esquemas e fotos! <3

APENAS 10 REAIS!

45-atividades-para-datas-comemorativas-7677468-9021487


btn-buy-green-4519907-7975813-3330798

Obrigado me acompanhar até aqui. Peço que você indique este conteúdo para seus colegas e amigos. Compartilhe nas suas redes sociais!

Conto com sugestões para os próximos conteúdos. Abraços e até a próxima!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Demonstre Atividades

Demonstre Atividades é um Portal Educacional focado em conteúdo e atividades para professores.