Merenda Escolar

Você sabe qual a real importância da Merenda escolar? Sabe a diferença que faz no país? Entenda mais sobre como o seu filho deve se alimentar, até mesmo na escola.

Merenda escolar

A merenda escolar é uma refeição escolar ou almoço escolar, é uma refeição oferecida aos alunos e, às vezes, aos professores de uma escola, geralmente no meio ou no início do dia letivo.

lunchbox-1375317_1280-9008262-3461865

Países de todo o mundo têm vários tipos de programas de refeições escolares. Milhões de crianças de todos os níveis e notas obtêm suas refeições em suas respectivas escolas todos os dias. As merendas escolares fornecem alimentos altamente energéticos com altos valores nutricionais, gratuitamente.

Os benefícios das refeições escolares variam de país para país. Enquanto nos países desenvolvidos a merenda escolar é uma fonte de refeições nutritiva. Nos países em desenvolvimento é um incentivo para enviar as crianças à escola e continuar sua educação.

Nos países subdesenvolvidos, as refeições escolares proporcionam segurança alimentar em tempos de crise. Por isso ajudam as crianças a se tornarem adultos saudáveis e produtivos, quebrando assim o ciclo de pobreza e fome. Em todos os casos, a merenda escolar permite que as crianças se concentrem em seus estudos, sem a fome como uma distração.

A importância da merenda escolar na vida

A importância da merenda escolar na vida de nossos filhos é enorme. Afinal, não se trata de uma comida que eles comem raramente e, sim em 5 dias da semana.

Os hábitos alimentares normalmente, são adquiridos durante a infância, quando estamos abertos às descobertas. Tendo isso em vista, é fundamental incentivar e promover que a criança adote hábitos saudáveis o quanto antes.

vegetables-3757259_1280-9230596-5503821

Contudo, sabemos que o que ocorre entre 6 e 12 anos – nos primeiros anos escolares – é que falta interesse por alguns alimentos, principalmente os que são ricos em nutrientes e vitaminas.

Esta é uma fase que se deve um cuidado especial, o crescimento é conhecido por ser lento e constante. Logo, as crianças nessa faixa etária precisam de alimentos com alto teor energético, acompanhados por índices relevantes de componentes vitamínicos e minerais.

Nessa idade a grande preocupação dos pais, professores e nutricionistas, é que a criança pode desenvolver problemas como: desidratação e desnutrição, principalmente devido a baixa ingestão calórica e energética. Além disso, pode haver a desnutrição proteico-energética. Ela é, basicamente, um conjunto de distúrbios que causam deficiência de proteínas e de fraqueza, devido a falta de energia na alimentação.

school-lunch-1734646_1280-1466646-8913139

Portanto, uma alimentação saudável se faz necessária e é exatamente nesse cenário que a merenda escolar se faz importante. Essa afirmação é apoiada por dados científicos. Ressaltando que uma pesquisa da Unicamp de 2003, revelou que a merenda escolar é a principal refeição do dia de mais da metade dos alunos do nordeste e do norte. Vale lembrar que neste ano o número é ainda mais expressivo. Visto que esses dados se agravaram após a recessão econômica de 2015, uma imensa quantidade de crianças dependem dessa refeição.

Clique aqui e entenda como tornar a merenda da sua escola mais saudável.

PNAE – Merenda escolar

A sigla PNAE significa Programa Nacional de Alimentação Escolar. É uma ferramenta de assistência financeira suplementar com verba direcionada à garantia de pelo menos uma refeição diária aos alunos beneficiários.

A criação do PNAE foi datada no ano de 1983, porém a origem vem de meados da década de 50, no governo de Getúlio Vargas, através da Campanha da Merenda Escolar.

Este programa representa a maior experiência e com mais alcance em programas de alimentação e nutrição na América Latina. A gama de clientes atendidos atualmente no país, ultrapassa 37 milhões de alunos, o investimento bilionário é observado por outros países, pois é algo superior a 1,025 bilhão de reais ao ano.

isolated-1083235_1280-5098535-8505994

O processo de gestão deste programa, é como tudo no Brasil, bastante complexo e burocrático. Isso porque, a União, os Estados, Municípios, Conselhos e Estabelecimentos de ensino, estão diretamente envolvidos. Mesmo com a grandeza de tal programa, o mesmo deve ser gerido com tamanha clareza e eficiência para que o grande impacto social, não seja lesado de forma alguma.

O objetivo principal do PNAE é suprir parcialmente as necessidades nutricionais dos alunos beneficiários, através da disposição de ao menos uma refeição por dia, com o intuito de resolver os requisitos nutricionais no tempo em que o indivíduo estiver na escola.

Para saber mais sobre esse programa e a merenda escolar, clique aqui.

Lei da merenda escolar

Inicialmente a Constituição Federal prevê que o Estado deve garantir ao estudante, atendimento em todas as nuances da educação, através de programas suplementares para diversas áreas, incluindo alimentação.

Contudo, a principal legislação que governa as questões da merenda escolar no país é a Lei Nº 11.947, sancionada pelo Governo Federal em junho de 2009, que trata sobre a alimentação escolar na Educação Básica, no entorno educação pública.

A lei abrange diretrizes que presume garantir o direito dos alunos da educação pública à alimentação e estabelecer critérios para o cumprimento do dever do Estado nesse sentido.

gavel-2492011_1280-8843258-7196812

A lei considera 3 aspectos essenciais para o entendimento da realidade da merenda escolar nos dias atuais:

  1. Deve-se contratar um nutricionista como responsável técnico pela alimentação escolar em todas as unidades de ensino, visando promover hábitos saudáveis e a nutrição de todos os alunos beneficiários;
  2. Pede por um controle social advindo da comunidade para acompanhar as ações desempenhadas pelo poder público;
  3. Suplica e induz apoio ao desenvolvimento sustentável – neste ponto, especialmente, a lei determina que no mínimo 30% dos produtos venha da agricultura familiar e local.

Entenda mais sobre a legislação da Merenda Escolar!

Merenda escolar saudável

A alimentação saudável é motivo de atenção dos pais e dos responsáveis, isso inclui o órgão responsável pela merenda escolar. Quando se trata de instituições de ensino privadas, a regularização e o acompanhamento se dá pelos pais e envolvidos. O que possibilita a cobrança por alimentos nutritivos que correspondam a necessidade calórica, energética e proteica das crianças.

salad-2655915_1280-4280587-2029176

Nesse caso os pais se organizam e cobram uma posição da escola. Que se ainda não o fez, irá se prontificar a contratar um profissional para elabora um cardápio saudável para seus alunos.

Já nas escolas públicas o órgão responsável é o PNAE, que já entendemos do que se trata. Porém, a Legislação da merenda – também visto acima – sugere e pede aos pais, para que fiscalizem se a merenda está sendo oferecida. Além disso, os pais e a comunidade pode e deve verificar se a necessidade de calorias diária por criança está sendo atendida.

Clique aqui para saber o que torna a merenda escolar saudável!

Cardápio – merenda escolar

O cardápio da merenda escolar saudável deve ser assinado por uma nutricionista, que ficará responsável pela composição dos pratos. Traçando sabor e nutrientes.

Para elaborar o cardápio da merenda escolar alguns pontos devem ser considerados:

  • Identificação (nome e nº CRN) e assinatura do nutricionista responsável por sua elaboração.
  • Indicação da faixa etária e etapa/modalidade de ensino, bem como do horário em que é servida a alimentação escolar.
  • Atenção para a oferta de refeições para a creche e o Programa Mais Educação.
  • Presença de ficha técnica de preparação (descrição dos ingredientes, per capitas e valores de energia, macro e micronutrientes).
  • Diferenciação de per capita de alimentos para as diferentes faixas etárias.
  • Cardápios diferenciados para alunos com necessidades nutricionais específicas.
  • Presença de alimentos regionais que respeitam a cultura e tradição local (inclusive indígenas e quilombolas).
  • Cardápio variado.
  • Oferta de frutas e hortaliças (mínimo 3 porções/semana).
  • Atenção para a oferta de doces (máximo 2 porções/semana).
  • Atenção para a oferta de alimentos restritos.
  • Atenção para a oferta de alimentos proibidos (bebidas baixo valor nutricional).
  • Atenção para a oferta frequente de bebida láctea.
  • Atenção para a oferta de café para a educação infantil.
  • Atenção para a oferta de preparações fritas.

Neste curso você aprende como preparar a cardápio ideal para seus filhos.

Ficha técnica de preparação – merenda escolar

images-2821095-4199879
Ficha retirada do PNAE

Vale lembrar nutricionista tem papel essencial na gestão do PNAE. Além do mais, o planejamento do cardápio é uma ação estratégica para galgar o objetivo do Programa.

É um trabalho impecável que consiste no processo de programar tecnicamente refeições que intuem assegurar a disponibilização de uma alimentação de qualidade e em quantidade suficiente.

Em casos de escolas privadas, pode ser que não seja assegurada essa alimentação. E, se você prepara a lancheira de seu filho, clique aqui para conhecer o curso oferecido pela Chef de Cozinha especializada em alimentação infantil Thaís Ventura.

Como preparar a merenda do seu filho

Infelizmente não é toda escola que adota hábitos saudáveis na prática. Por isso é importante preparar uma merenda saudável para manter a saúde de seu filho em dia.

brown-paperbags-309963_1280-2029432-2846162

Mas, você sabe como fazê-lo? Siga essas dicas.

  • Forneça uma alimentação balanceada – A merenda deve ter uma fonte de macronutrientes, os carboidratos (pães, biscoitos, bolo simples ou cereal), alimentos ricos em fibras e minerais (frutas ou sucos) e uma fonte de cálcio (leite, queijo ou iogurte).
  • Algumas coisas devem ser evitadas – alimentos e são ricos em gorduras trans, como bolacha recheada, precisam ser evitados ao máximo. Refrigerantes e doces também, pois são extremamente calóricos e contribuem para obesidade infantil.
  • Seja organizado – algumas lancheiras acessíveis possuem divisórias em bolsos, potes ou na própria estrutura, que armazenam a merenda de forma mais saudável, organizada e higienizada.
  • Controle – O valor calórico deve ser controlado, converse com uma nutricionista ou acesse As Delícias do Dudu e da Annie para saber a quantidade ideal.
  • Seja criativo – as crianças enjoam muito rápido, mas se atraem por cores e formatos diferentes, personalize os alimentos e faça seu filho querer sem mais. Aqui, você receberá várias sugestões já testadas.

Seja um pai ou mãe saudável e prepare a merenda do seu filho. Com seu exemplo, eles vão se alimentar de maneira mais saudável e educada.

Despedida!

Obrigada por ter lido!
Se gostou compartilhe essei post em suas redes sociais. E até a próxima.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Demonstre Atividades

Demonstre Atividades é um Portal Educacional focado em conteúdo e atividades para professores.