Série: A vovó inteligente nº 3 – Real, o dinheiro do Brasil

Vovó sabe mesmo de tudo! Quem pensa que ela não entende de economia, está muito enganado, pois conheceu a dinheirada toda que já passou no Brasil! Por isso, resolveu dar uma palhinha para a garotada!  Quem quiser acompanha-la vai saber, por que a casa da vovó não é mais coberta de cipó!

 A vovó inteligente nº 3 – Real, o dinheiro do Brasil

A geração que nasceu a partir dos anos 90, pouco sabem sobre nosso dinheiro atual. Já houve no Brasil uma confusão total, antes de nosso dinheiro ser chamado de real. Vamos acompanhar vovó e Dóris nessa viagem ao tempo?

VOVO COM 8797258 3759009

A vovó inteligente – Como tudo começou

Dóris estava com muita vontade de tomar aquele sorvete! Mas sua mesada havia acabado. O jeito era tentar conseguir da vovó aquele trocado! Mas como fazer isso sem ter que aprender a lição? Então vamos saber se Dóris conseguiu ?

-Vovó, eu queria muito, tomar um sorvete, sabe, aquele dia em que fomos até a loja do senhor Calil?

– Que menina culta essa minha neta! Então você quer saber como nosso dinheiro surgiu ?  Se nunca ouviu falar, a vovó vai te contar! Ela irá dizer certinho como foi.Aliás, será que nossa garotada sabe que o dinheiro do Brasil, já teve vários nomes?Ele já se chamou Cruzeiro, Cruzado, Cruzado novo e Real, que é nossa moeda atual.

vovo 289x300 6470147 4890652

-Bom vovó, se a senhora quiser, podemos ir na sorveteria do senhor Getúlio!

– Isso mesmo Dóris, o real existe desde 1° de julho! Exatamente do ano de 1995. Nos primeiros meses de seu lançamento,  funcionou tão perfeitamente que um pacote de arroz custava  R$ 0,64 centavos, a gasolina R$ 0,55. Embora, o salário mínimo também fosse muito baixo, apenas R$ 64,79, já pensou se fosse hoje? Então vamos viajar no tempo com a vovó e conhecer a história do real.

Vovó fala sobre o plano Collor

– Não é o que a senhora entendeu vovó, mas eu quero sorvetes aquele com mais sabor, cor…

– Sim, sim! O Collor tem muito haver com a mudança de nossa moeda! Tem sim!

Dóris abaixou a cabeça e sorriu! Afinal, para que teimar com a vovó? O melhor é escutar suas lições e guardá-las para o momento em que necessitar!

– Bem minha netinha, o Brasil vivia uma dificuldade muito grande naquela época, eu nem te conto! Para comer um queijinho ou uma comidinha melhor, só se fosse no Natal ou dia muito especial. Eu me lembro bem! Quando aquele bonitão do Collor cheio de charme se tornou presidente, até pensamos que iria dar certo, mas, de repente…

Criaram o tal do plano Collor, segurando o dinheiro do povo, aí foi um alvoroço que só! Acredita que teve pessoas que infartaram? Alguns até morreram quando souberam que o governo havia se apropriado de sua poupança, sem que eles houvessem permitido,  e só iria entregá-lo alguns meses depois

Vovó descreve melhor o ocorrido

– Isso é muito grave vovó! todas as pessoas ficaram sem suas  economias?

– Olha Dóris, foi mesmo uma enorme confusão! Fernando Collor junto com Zélia Cardoso, planejaram tudo na tentativa de combater a corrupção, mas, não levaram ao conhecimento do congresso. Então, a casa virou de perna para o ar! Veja quem ficou sem seu pé de meia, e quais  mudanças que o plano Collor provocou:

  • Pessoas que  tivessem na poupança, depósitos acima de 50.000 cruzeiros novos , que valeriam hoje  5000 a 8000 reais, ficaram sem suas economias.
  • os preços deveriam voltar aos valores de 12 de março; mas não voltaram
  •  Ocorreram mudança da moeda: de cruzados novos para cruzeiros, sem alterações de zeros;
  • Teve inicio a privatização estatal ( empresas do governo foram vendidas para particulares.
  • Alguns  ministérios acabaram, assim como algumas empresas públicas; e muitos funcionários públicos, foram mandados embora.
real nova nota 550 300x218 2616366 6975004
jjuu 300x194 5642248 8196920

A vovó inteligente fala – Real, o dinheiro do Brasil

No entanto minha netinha, o pior mesmo foi a decepção do povo, sem conseguir movimentar suas economias. Foi gente caindo pra todo lado, os hospitais ficaram lotados! Até que a moçada pintou a cara e foram para rua protestar, queriam que o Collor desocupasse seu lugar.

– Também, não é para menos vovó, não é vovó? Pense bem, a senhora trabalhar tanto tempo para juntar algum dinheiro e logo depois disso alguém coloca as mãos em sua economia para pagar uma conta que a senhora não autorizou? O sangue esquenta na veia!

-Isso mesmo Dóris! Economizar fazendo um pé de meia! Essa é a forma mais antiga e segura de juntar um dim-dim! Foi isso que o povo fez por um bom tempo, pois tinham medo de aplicar seu dinheiro no banco e novamente travá-lo. Mas,  minha netinha, há males que vem para o bem. Depois disso, o povo ficou com raiva , pediram o  “impeachment “, uma votação fora da época para retirar o presidente  Collor.

j66 4375832 5290260
tio 2319066 6079182

Na direção do Brasil, ficou o presidente Itamar franco, que era seu vice, sendo que o ministro da fazenda Fernando Henrique Cardoso, tornou-se o segundo , sendo eleito logo depois   como presidente do Brasil, porque ele desenvolveu o plano Real.

Para combater a inflação que estava muito alta, o dinheiro do Brasil precisava ser valorizado, não dava mais para continuar como cruzado. Ele passou  de cruzado novo para cruzeiro , depois para cruzeiro real , um caminho para chegar ao “Real”, moeda que já circula por mais de 24 anos em nosso país, e na época, foi um milagre que mudou a vida dos brasileiros.

O real hoje

-Com tudo isso vovó, aprendemos que a vida é feita de altos e baixos. As vezes um tropeço enorme, leva o nariz no chão, para mostrar que existe ouro, no lugar do tropeção!

– Isso mesmo Dóris, e bola pra frente que atrás vem gente!

– Obrigada vovó, por mais essa lição! Agora, você teria 10 reais para eu tomar sorvete?

– O quê ? Você quer usar cereais no banho ao invés de sabonete? Brincadeira!

Autoria: Elaine Costa

Exercite seu conhecimento com a vovó inteligente

  1. Separe a turma em grupos para realizarem uma pesquisa especial!
  2. Pesquise o nome que teve nosso primeiro dinheiro, e como ele surgiu
  3. Peça para responderem, por qual motivo o dinheiro no passado teve o nome de réis.
  4. Faça uma brincadeira na sala, após discutirem os dados sobre os nomes do dinheiro brasileiro. Reparta pedaços de papel, e peça que escrevam, se pudessem escolher, qual nome dariam a nosso dinheiro, e por qual motivo escolheram tal nome.
  5. Faça uma votação, e veja qual nome de dinheiro seria o vencedor
rff 300x300 4464552 6367602
vovo e netinha 256x300 8388857 3924476
real nova nota 550 300x218 2616366 6975004

Fim

Que tal a lição da vovó inteligente sobre o dinheiro do Brasil? Deu para ter uma noção do processo? Se quer aprender mais, temos outras lições com a vovó, é só entrar na página e rir para não chorar! Fique sempre conectado com a demonstre, e descubra um mundo de novidades para alegrar suas aulas.

Um grande abraço e até breve!

20 Curiosidades Incríveis

Neste post, você encontrará diversas curiosidades incríveis que com certeza irão divertir o seu dia.

20 Curiosidades Incríveis

Descobrir algo inusitado sempre é engraçado pois desperta nossa curiosidade e expande o nosso conhecimento para novas informações.

Hoje, você encontrará diversas curiosidades incríveis que o demonstre separou para alegrar seu dia. Ficou interessado? Continue lendo esse post para saber mais.

Curiosidades Incríveis – Por que o pai não ensinou?

20181221 214547 0001 2599608 8616882

É como muitos diz o famoso ditado popular, “casa de ferreiro, espeto de madeira”. Você sabia que um dos mais importantes autores da literatura tinha uma filha analfabeta?

William Shakespeare – Curiosidades Incríveis

A filha do escritor William Shakespeare, o dramaturgo mais influente do mundo, era uma mulher analfabeta. Isso pode ser explicado pelo contexto em que eles viviam. O período vivido por William Shakespeare (1564-1616) foi extremamente complicado para as mulheres, pois era um momento em que elas não tinham posicionamento, eram caladas, viviam para casar e servir a família, não frequentavam a escola e muito menos tinham acesso a livros.

https://youtube.com/watch?v=QflaXxw0lcY

Curiosidades Incríveis – Que tal perder uns quilinhos?

20181221 214908 0001 8521571 5653344

Muitas pessoas ficam extremamente felizes quando emagrecem uns quilos, mas sabia que existe uma forma um tanto quanto inusitada para perder algumas calorias?

Sem dor sem ganho – Curiosidades Incríveis

As pessoas que fazem diversas fotos na academia geralmente possuem um lema muito conhecido que você já deve ter ouvido falar, sem dor sem ganho.

Entretanto, você sabia que se você bater a sua cabeça contra a parede continuamente  você emagrece? Esse ato faz com que você gaste em média 150 calorias por hora.

Brincadeiras a parte, não reproduza isso na sua casa pois pode ser prejudicial para você.

Curiosidades Incríveis – Seria o apocalipse zumbi?

20181221 220126 0001 2145065 6141529

Você fazia ideia que existe um animal que consegue sobreviver alguns dias sem sua própria cabeça? Isso seria um sinal que o apocalipse zumbi está se aproximando?

Pequenos Zumbis – Curiosidades Incríveis

Uma barata pode sobreviver 9 dias sem sua cabeça até morrer de fome. Isso chega a ser um pouco assustador, você já se imaginou andar por ai sem a sua cabeça?

Curiosidades Incríveis – Energia Sonora

Você tinha em mente que é capaz aquecer a sua xícara de café com apenas a energia sonora liberada por você?

Aquecendo com energia sonora – Curiosidades Incríveis

É possível aquecer uma xícara de café se você ficar gritando por 8 anos, 7 meses e cinco dias, essa ação será o suficiente para você aquecer uma xícara de café. Haja folego para aquecer uma simples xícara não é mesmo? É melhor usar a boa e conhecida chaleira.

Curiosidades Incríveis – Bomba Atômica

Você faz ideia que existe uma bomba atômica sendo gerada dentro de você? E que você pode aciona-la com um grande planejamento?

Cuidado, explosivo! – Curiosidades Incríveis

Se você peidar constantemente durante 6 anos e 9 meses, terá produzido gás suficiente para criar a energia de uma bomba atômica. Você seria uma espécie de homem bomba?

Curiosidades Incríveis – Que potência

O coração é um órgão muscular presente nos humanos e em outros animais que bombeia o sangue através dos vasos sanguíneos do sistema circulatório. O sangue fornece ao corpo oxigênio e nutrientes e ajuda a eliminar resíduos metabólicos. Entretanto, você sabia da potência desse órgão?

Arremesso de Sangue – Curiosidades Incríveis

O coração humano produz pressão suficiente para jorrar o sangue para fora do corpo a uma distância de 10 metros. Imagina se isso fosse um esporte olímpico, com certeza seria titulado como arremesso de sangue.

Curiosidades Incríveis – Porcos

Os porcos são mamíferos muitos conhecidos no mundo inteiro, algumas espécies não crescem e podem ser até domesticados. Entretanto, a curiosidade é o tempo que o orgasmo desse animal  pode durar.

Grande Orgasmo – Curiosidades Incríveis

O orgasmo de um porco dura 30 minutos. O orgasmo é momento em que o prazer da excitação sexual atinge o máximo de intensidade.

https://youtube.com/watch?v=PL_GG4Gitus

Curiosidades Incríveis – Louva- a-Deus

Quando pensamos nos louva-a-deus, imaginamos um inseto totalmente pacifico, que neutraliza a energia dos ambientes, traz uma paz e só se alimenta de folhas. Entretanto, esses insetos possuem um lado obscuro que poucas pessoas conhecem.

Assassinas sexuais – Curiosidades Incríveis

O louva-deus macho não pode copular enquanto a sua cabeça estiver conectada ao corpo. A fêmea inicia o ato sexual arrancando-lhe a cabeça. Não existe uma resposta precisa para responder o porquê esse ato ocorre, entretanto, alguns cientistas acreditam que o ato é realizado como uma forma de sacrifício para que as futuras mamães possuam nutrientes para a gestação.

Curiosidades Incríveis – Será que você vai viver mais

Há uma pesquisa que diz que entre canhotos e destros, um desses grupos têm a média de vida mais alta. Qual grupo você faz parte?

Destros ou canhotos? – Curiosidades Incríveis

Será que você vai viver direitinho? Com esse trocadilho não tão vem elaborado, venho informar que pessoas destras vivem em média 9 anos mais do que as canhotas.

https://youtube.com/watch?v=4GctRxPaUps

Curiosidades Incríveis – Mamífero que não pula

Já dizia a música, “Pula boi, pula cavalo, pula cavalo e boi”. Todos os animais do grupo dos mamíferos conseguem fazer a simples habilidade de saltar, exceto um único animal.

Qual animal não consegue pular? – Curiosidades Incríveis

Os elefantes não conseguem saltar. Qualquer outro mamífero consegue. Uma possível resposta para isso é que os elefantes não possuem músculos e tendões muito fortes nas patas e seus tornozelos são pouco flexíveis.

https://youtube.com/watch?v=lOgT_ksEgPw

Curiosidades Incríveis – Avestruzes

Sem dúvida nenhuma a maior ave do mundo é o avestruz. Mas essa ave tão imponente não é só a maior ave do mundo, ela é também a ave mais alta, mais pesada, a mais veloz, a que possui os maiores olhos e é capaz de pôr os maiores ovos!

Tudo grande menos uma coisa – Curiosidades Incríveis

O olho de uma avestruz é maior do que o seu cérebro. Chega ser intrigante, pois tudo nessa ave é em abundancia.

https://youtube.com/watch?v=5qAkyoU-meQ

Curiosidades Incríveis – Homens Flexíveis

Ser flexível é aquilo que se dobra ou curva com facilidade; arqueável, flexo. É um ser que revela agilidade, é como um elástico, mostra total elegância.

Flexíveis até quanto? – Curiosidade Incrível

Só um homem a cada 400 é flexível o bastante para dar a si mesmo prazer oral. Você faz parte dessa pequena porcentagem?

Curiosidades Incríveis – Bombas no Microondas

Não é apenas o alumínio que não pode ser colocado no microondas, existe uma pequena fruta que ao colocada no microondas, explodem.

Pequenas Bombas – Curiosidade Incrível

As uvas explodem quando colocadas no microondas. O vídeo a seguir pode explicar um pouco melhor o porquê isso ocorre.

Curiosidades Incríveis – Mais forte que cafeína?

Muitas pessoas tomam café não apenas pelo prazer do sabor, e sim para se manter acordado. Mas você sabia que existe uma fruta que é mais eficaz do que a cafeína?

Fruta ou Café? – Curiosidade Incrível

Acredite se quiser, mas comer uma maçã é mais eficiente que tomar café para se manter acordado. Além de ser mais prático, é mais saudável e menos prejudicial para a saúde do que a cafeína?

Curiosidades Incríveis – Tem algo muito errado nisso

A brasileira que mais fez sucesso no mundo inteiro não nasceu no Brasil, e sim em Portugal, isso não é estranho? Chega a ser engraçado.

Brasileira falsa – Curiosidades Incríveis

A brasileira de maior sucesso mundial nasceu em Portugal, se chamava Maria do Carmo Miranda da Cunha e era conhecida como Carmem Miranda.

Curiosidades Incríveis – CD

Os CDs nasceram com um único propósito e com um tamanho exato para um único motivo. Ficou curioso? Veja a seguir.

Grande Espetáculo – Curiosidade Incrível

Os CDs foram feitos para comportar 74 minutos de música, pois essa é a duração da Nona Sinfonia de Beethoven.

Curiosidades Incríveis – Desastres Naturais

Os desastres naturais chocam e apavoram a humanidade, pois a cada dia que passa tragédias como furacões, tsunamis e terremotos acontecem. Entretanto, eles não são os fenômenos naturais que mais matam.

Se proteja dos relâmpagos – Curiosidade Incrível

Você fazia ideia que relâmpagos matam muito mais do que fenômenos como vulcões, furacões e terremotos? Além disso, eles são muito mais comuns e frequentes, então, tome cuidado em dias de tempestades.

Curiosidades Incríveis – Comedores de Guloseimas

Os habitantes dos Estados Unidos da América são conhecidos por terem o hábito de comerem muito em fast foods, entretanto, você faz ideia da proporção ingerida?

Big Hot Dog – Curiosidade Incrível

Se todos os cachorros quentes consumidos nos EUA durante 1 ano fossem enfileirados, poderia ser feita uma “ponte” que daria duas vezes a distância entre a Terra e a Lua.

Curiosidades Incríveis – Consumismo

Mulheres são seres mais precavidos e preparados, por isso, elas disparam na disputa contra os homens de quem é mais consumista.

Quem compra mais coisas de homem? – Curiosidade Incrível

Pode até parecer engraçado, entretanto, as mulheres compram mais roupas masculinas que os homens. As mulheres são as maiores compradoras de: cuecas e barbeadores elétricos.

Curiosidades Incríveis – Grande vendedora

Existe uma boneca que já vendeu muito mais carros que uma multinacional produtora de automóveis dos Estados Unidos da América

Anda, Barbie! – Curiosidades Incríveis

A Barbie já vendeu mais carros que a General Motors (GM). Ela é também a boneca mais bem sucedida da história dos brinquedos. Alguns colecionadores possuem até 7000 bonecas.

https://youtube.com/watch?v=r3CvqTNuQ3s

Até a próxima!

Espero que esse post tenha te descontraído e tenha te divertido, afinal, rir de coisas bobas faz parte da vida, nem tudo deve ser levado a sério.

20 Curiosidades sobre Indígenas

Neste post você saberá um pouco mais sobre a família tradicional brasileira. Isso mesmo, neste post você encontrará diversas curiosidades indígenas, o povo que tanto contribuiu para a formação do Brasil.

20 Curiosidades sobre Indígenas

São nomeados como povos aborígenes, nativos, autóctones, nativos, ou como abordaremos neste post, indígenas, aqueles que já viviam em uma determinada ária geográfica antes de sua colonização por outro povo e que após serem colonizados, não se identificaram com o mesmo.

Neste post, você encontrará diversas curiosidades sobres os indígenas nativos do Brasil, acompanhe!

Curiosidades Indígenas – Os Indígenas

A população brasileira é uma grande mistura de etnias, entretanto, a população indígena está acabando?

Tem muitos descendente indígenas – Curiosidades Indígenas

A população indígena no Brasil atual é de 897 mil habitantes (dados do Censo de 2010 – IBGE), correspondendo a 0,47% da população brasileira. São, aproximadamente, 305 etnias indígenas.

Curiosidades Indígenas – Línguas

E quem disse que o português é a única língua falada no Brasil se equivocou. Pode ser a oficial, mas não é a única falada, principalmente pelos indígenas.

Diferentes línguas – Curiosidades Indígenas

Atualmente existem 274 línguas indígenas no Brasil. Não foram contabilizadas as línguas faladas pelas tribos isoladas, pois não há contato entre elas e os homens brancos.

Curiosidades Indígenas – Mais línguas

Como foi citado anteriormente, atualmente foram detectadas 274 línguas indígenas no Brasil, entretanto, antes da chegada dos portugueses, o número era muito mais elevado.

Línguas extintas – Curiosidades Indígenas

Quando os portugueses chegaram ao Brasil em abril de 1500, existiam cerca de 1.300 línguas indígenas faladas por diversas nações e tribos.

Curiosidades Indígenas – Apropriação cultural?

Existem várias palavras que foram incorporadas pela Língua Portuguesa que são de origem indígena. 

Lista de palavras – Curiosidades Indígenas

  • Açaí;
  • Caipira;
  • Canoa;
  • Mandioca;
  • Uirapuru
  • Arapuca;
  • Caju;
  • Pipoca;
  • Tapioca;
  • Canga.

Curiosidades Indígenas – Nomes próprios dos Indígenas

Existem também vários nomes de bairros, cidades e rios que são de origem indígena.

Exemplos – Curiosidades Indígenas

  • Jundiaí;
  • Mooca;
  • Anhangabaú;
  • Ipanema;
  • Uberaba;
  • Mairiporã;
  • Bangu;
  • Grajaú;
  • Itapemirim;
  • Ibirapuera;
  • Tuiuti;
  • Guarujá;
  • Paraná.

Curiosidades Indígenas – Culinária

Existem diversos pratos típicos da culinária brasileira que são de origem indígena. O demonstre trouxe uma pequena lista para você conhecer um pouco mais.

Pratos Típicos – Curiosidades Indígenas

  • Tapioca;
  • Pirão;
  • Beiju;
  • Pipoca.

Curiosidades Indígenas – Banhos

E tem quem diga que o povo brasileiro é a nação mais limpa pela quantidade de banho que tomamos, e isso é herança da cultura dos povos indígenas.

Indígenas são limpos! – Curiosidades Indígenas

Quando entraram em contato pela primeira vez com os portugueses, em abril de 1500, os indígenas brasileiros estranharam muito o cheiro, provavelmente ruim, dos visitantes. Enquanto os índios se banhavam até mais do que uma vez por dia, os europeus estavam acostumados a ficar vários dias sem tomar banho.

Curiosidades Indígenas – Água ruim!

Os indígenas, neste primeiro contato, também não gostaram da água que os portugueses ofereceram a eles.

Tá podre, joga fora! – Curiosidades Indígenas

 Os indígenas estavam acostumados a tomar água sempre fresca das fontes. A água que os europeus levavam nas caravelas ficava muito tempo parada e, por isso, deveriam ter um gosto ruim.

Curiosidades Indígenas – Protegidos por lei

Já tiramos tantas coisas dos povos indígenas que foi necessário criar um órgão federal para protege-los.

Proteção – Curiosidades Indígenas

No Brasil, o órgão federal que cuida das políticas indigenistas é a Funai (Fundação Nacional do índio). Fundada em 1967, ela é ligada ao Ministério da Justiça.

Curiosidades Indígenas – Maior tribo

Existem diversas tribos indígenas com diversas etnias, entretanto uma se destaca e é predominante na quantidade.

Maior tribo – Curiosidade Indígenas

Na atualidade, a etnia indígena com maior quantidade de índios é a Ticuna (população estimada de 35 mil).

https://youtube.com/watch?v=NYNNawNi3vs

Curiosidades Indígenas – Indígena na política

Você sabia que existem pessoas indígenas que participam ou já participaram do governo do nosso país?

Primeiro Indígena na política – Curiosidade Indígenas

O primeiro deputado federal brasileiro de etnia indígena foi Mario Juruna. Nascido numa aldeia xavante do estado de Mato Grosso, Juruna foi deputado entre os anos de 1983 a 1987).

Curiosidades Indígenas – Só vivem em oca?

Quem acha que os indígenas só vivem em ocas sem roupas fazendo a dança da chuva possui um pensamento um tanto quanto preconceituoso (quer dizer, muito preconceituoso), porque existem indígenas que vivem em nos centros urbanos.

Indígenas urbanizados – Curiosidade Indígenas

De acordo com dados divulgados pelo IBGE em abril de 2013, 36% dos índios brasileiros vivem em cidades.

Curiosidades Indígenas – O que foi? O gato comeu sua língua?

O que a maioria das pessoas estão acostumadas a pensar é que os indígenas falam a língua do seu povo e o português, mas você sabia que existem diversos indígenas que não sabem a língua portuguesa?

Como assim não falam português? – Curiosidade Indígenas

De acordo com dados do IBGE, atualmente 17,5% dos índios brasileiros não falam a língua portuguesa.

Curiosidades Indígenas – Espalhados

Os indígenas se espalham por todo o território do Brasil, até mesmo na grande metrópole São Paulo. Você sabe qual o estado que mais concentra indígenas?

Estado Brasileiro – Curiosidade Indígenas

O estado brasileiro que concentra a maior quantidade de índios é o Amazonas. E a cidade que tem a maior quantidade de índios é São Gabriel da Cacheira (Amazonas) com 29 mil indígenas.

Curiosidades Indígenas – Linguistas

Existem várias famílias linguísticas indígenas no Brasil e iremos listar alguns exemplos.

Lista de linguistas – Curiosidade Indígenas

  • Jê;
  • Karib;
  • Tupi-Guarani;
  • Aikaná;
  • Tukano;
  • Aurak-maipure;
  • Pano;
  • Mondé;
  • Bororo;
  • Aweti;
  • Makú.

Curiosidades Indígenas – Fujam macaquinhos

Alguns pratos indígenas fazem muito sucesso na culinária brasileira, outros, nem tanto.

Culinária exótica – Curiosidade Indígenas

Em algumas tribos indígenas da atualidade a carne de macaco é muito apreciada. As índias preparam a carne cozida e até o cérebro do animal é degustado com prazer por toda tribo.

Curiosidades Indígenas – Canibais

Quando os portugueses chegaram ao Brasil no século XVI ficaram assustados com a existência de índios que comiam carne humana. 

Canibalismo – Curiosidade Indígenas

Alguns povos indígenas como, por exemplo, os tupinambás, aimorés e potiguares eram canibais. Eles comiam carne humana dos inimigos (mas só dos valentes), pois acreditavam que assim estariam adquirindo a força e valentia deles. Atualmente, não há mais nenhuma tribo que pratique o canibalismo.

Curiosidades Indígenas – Grande território

Os indígenas possuem muitas terras que eles são responsáveis e preservam. Você faz ideia de qual o tamanho da maior reserva?

Maior reserva – Curiosidade Indígenas

A maior reserva indígena do Brasil é a Raposa Terra do Sol com, aproximadamente, 1,66 milhões de hectares. Ela está situada na região noroeste do estado de Roraima.

Curiosidade Indígenas – De criança para adulto

Em muitas tribos indígenas, a passagem dos meninos da infância para a fase adulta é marcada por provas de coragem e resistência. 

Testes – Curiosidade Indígenas

Preparadas pelos adultos da tribo, os jovens índios devem passar por provas que consistem em ser picados por formigas, subir em grandes árvores, enfrentar animais selvagens, pegar colmeia de abelhas ou casa de marimbondos com as mãos, entre outras.

Curiosidade Indígenas – Doenças

Com a chegada dos portugueses ao Brasil vieram também os vírus tipicamente europeus (principalmente gripe, varíola e sarampo). 

E agora? – Curiosidade Indígenas

Os índios brasileiros não possuíam anticorpos contra estes vírus. O resultado foi a morte de milhares de índios que foram contaminados e desenvolveram estas doenças.

Até a próxima!

Espero que após esse post você tenha conhecido um pouco mais sobre a cultura dos indígenas.

Um povo que tem muito para oferecer e ensinar, entretanto, são desvalorizados e desrespeitados onde moramos.

20 Curiosidades Indígenas

Neste post você saberá um pouco mais sobre a família tradicional brasileira. Isso mesmo, neste post você encontrará diversas curiosidades indígenas, o povo que tanto contribuiu para a formação do Brasil.

20 Curiosidades Indígenas

São nomeados como povos aborígenes, nativos, autóctones, nativos, ou como abordaremos neste post, indígenas, aqueles que já viviam em uma determinada ária geográfica antes de sua colonização por outro povo e que após serem colonizados, não se identificaram com o mesmo.

Neste post, você encontrará diversas curiosidades sobres os indígenas nativos do Brasil, acompanhe!

Curiosidades Indígenas – Os Indígenas

A população brasileira é uma grande mistura de etnias, entretanto, a população indígena está acabando?

Tem muitos descendente indígenas – Curiosidades Indígenas

A população indígena no Brasil atual é de 897 mil habitantes (dados do Censo de 2010 – IBGE), correspondendo a 0,47% da população brasileira. São, aproximadamente, 305 etnias indígenas.

Curiosidades Indígenas – Línguas

E quem disse que o português é a única língua falada no Brasil se equivocou. Pode ser a oficial, mas não é a única falada, principalmente pelos indígenas.

Diferentes línguas – Curiosidades Indígenas

Atualmente existem 274 línguas indígenas no Brasil. Não foram contabilizadas as línguas faladas pelas tribos isoladas, pois não há contato entre elas e os homens brancos.

Curiosidades Indígenas – Mais línguas

Como foi citado anteriormente, atualmente foram detectadas 274 línguas indígenas no Brasil, entretanto, antes da chegada dos portugueses, o número era muito mais elevado.

Línguas extintas – Curiosidades Indígenas

Quando os portugueses chegaram ao Brasil em abril de 1500, existiam cerca de 1.300 línguas indígenas faladas por diversas nações e tribos.

Curiosidades Indígenas – Apropriação cultural?

Existem várias palavras que foram incorporadas pela Língua Portuguesa que são de origem indígena. 

Lista de palavras – Curiosidades Indígenas

  • Açaí;
  • Caipira;
  • Canoa;
  • Mandioca;
  • Uirapuru
  • Arapuca;
  • Caju;
  • Pipoca;
  • Tapioca;
  • Canga.

Curiosidades Indígenas – Nomes próprios dos Indígenas

Existem também vários nomes de bairros, cidades e rios que são de origem indígena.

Exemplos – Curiosidades Indígenas

  • Jundiaí;
  • Mooca;
  • Anhangabaú;
  • Ipanema;
  • Uberaba;
  • Mairiporã;
  • Bangu;
  • Grajaú;
  • Itapemirim;
  • Ibirapuera;
  • Tuiuti;
  • Guarujá;
  • Paraná.

Curiosidades Indígenas – Culinária

Existem diversos pratos típicos da culinária brasileira que são de origem indígena. O demonstre trouxe uma pequena lista para você conhecer um pouco mais.

Pratos Típicos – Curiosidades Indígenas

  • Tapioca;
  • Pirão;
  • Beiju;
  • Pipoca.

Curiosidades Indígenas – Banhos

E tem quem diga que o povo brasileiro é a nação mais limpa pela quantidade de banho que tomamos, e isso é herança da cultura dos povos indígenas.

Indígenas são limpos! – Curiosidades Indígenas

Quando entraram em contato pela primeira vez com os portugueses, em abril de 1500, os indígenas brasileiros estranharam muito o cheiro, provavelmente ruim, dos visitantes. Enquanto os índios se banhavam até mais do que uma vez por dia, os europeus estavam acostumados a ficar vários dias sem tomar banho.

Curiosidades Indígenas – Água ruim!

Os indígenas, neste primeiro contato, também não gostaram da água que os portugueses ofereceram a eles.

Tá podre, joga fora! – Curiosidades Indígenas

 Os indígenas estavam acostumados a tomar água sempre fresca das fontes. A água que os europeus levavam nas caravelas ficava muito tempo parada e, por isso, deveriam ter um gosto ruim.

Curiosidades Indígenas – Protegidos por lei

Já tiramos tantas coisas dos povos indígenas que foi necessário criar um órgão federal para protege-los.

Proteção – Curiosidades Indígenas

No Brasil, o órgão federal que cuida das políticas indigenistas é a Funai (Fundação Nacional do índio). Fundada em 1967, ela é ligada ao Ministério da Justiça.

Curiosidades Indígenas – Maior tribo

Existem diversas tribos indígenas com diversas etnias, entretanto uma se destaca e é predominante na quantidade.

Maior tribo – Curiosidade Indígenas

Na atualidade, a etnia indígena com maior quantidade de índios é a Ticuna (população estimada de 35 mil).

https://youtube.com/watch?v=NYNNawNi3vs

Curiosidades Indígenas – Indígena na política

Você sabia que existem pessoas indígenas que participam ou já participaram do governo do nosso país?

Primeiro Indígena na política – Curiosidade Indígenas

O primeiro deputado federal brasileiro de etnia indígena foi Mario Juruna. Nascido numa aldeia xavante do estado de Mato Grosso, Juruna foi deputado entre os anos de 1983 a 1987).

Curiosidades Indígenas – Só vivem em oca?

Quem acha que os indígenas só vivem em ocas sem roupas fazendo a dança da chuva possui um pensamento um tanto quanto preconceituoso (quer dizer, muito preconceituoso), porque existem indígenas que vivem em nos centros urbanos.

Indígenas urbanizados – Curiosidade Indígenas

De acordo com dados divulgados pelo IBGE em abril de 2013, 36% dos índios brasileiros vivem em cidades.

Curiosidades Indígenas – O que foi? O gato comeu sua língua?

O que a maioria das pessoas estão acostumadas a pensar é que os indígenas falam a língua do seu povo e o português, mas você sabia que existem diversos indígenas que não sabem a língua portuguesa?

Como assim não falam português? – Curiosidade Indígenas

De acordo com dados do IBGE, atualmente 17,5% dos índios brasileiros não falam a língua portuguesa.

Curiosidades Indígenas – Espalhados

Os indígenas se espalham por todo o território do Brasil, até mesmo na grande metrópole São Paulo. Você sabe qual o estado que mais concentra indígenas?

Estado Brasileiro – Curiosidade Indígenas

O estado brasileiro que concentra a maior quantidade de índios é o Amazonas. E a cidade que tem a maior quantidade de índios é São Gabriel da Cacheira (Amazonas) com 29 mil indígenas.

Curiosidades Indígenas – Linguistas

Existem várias famílias linguísticas indígenas no Brasil e iremos listar alguns exemplos.

Lista de linguistas – Curiosidade Indígenas

  • Jê;
  • Karib;
  • Tupi-Guarani;
  • Aikaná;
  • Tukano;
  • Aurak-maipure;
  • Pano;
  • Mondé;
  • Bororo;
  • Aweti;
  • Makú.

Curiosidades Indígenas – Fujam macaquinhos

Alguns pratos indígenas fazem muito sucesso na culinária brasileira, outros, nem tanto.

Culinária exótica – Curiosidade Indígenas

Em algumas tribos indígenas da atualidade a carne de macaco é muito apreciada. As índias preparam a carne cozida e até o cérebro do animal é degustado com prazer por toda tribo.

Curiosidades Indígenas – Canibais

Quando os portugueses chegaram ao Brasil no século XVI ficaram assustados com a existência de índios que comiam carne humana. 

Canibalismo – Curiosidade Indígenas

Alguns povos indígenas como, por exemplo, os tupinambás, aimorés e potiguares eram canibais. Eles comiam carne humana dos inimigos (mas só dos valentes), pois acreditavam que assim estariam adquirindo a força e valentia deles. Atualmente, não há mais nenhuma tribo que pratique o canibalismo.

Curiosidades Indígenas – Grande território

Os indígenas possuem muitas terras que eles são responsáveis e preservam. Você faz ideia de qual o tamanho da maior reserva?

Maior reserva – Curiosidade Indígenas

A maior reserva indígena do Brasil é a Raposa Terra do Sol com, aproximadamente, 1,66 milhões de hectares. Ela está situada na região noroeste do estado de Roraima.

Curiosidades Indígenas – De criança para adulto

Em muitas tribos indígenas, a passagem dos meninos da infância para a fase adulta é marcada por provas de coragem e resistência. 

Testes – Curiosidade Indígenas

Preparadas pelos adultos da tribo, os jovens índios devem passar por provas que consistem em ser picados por formigas, subir em grandes árvores, enfrentar animais selvagens, pegar colmeia de abelhas ou casa de marimbondos com as mãos, entre outras.

Curiosidades Indígenas – Doenças

Com a chegada dos portugueses ao Brasil vieram também os vírus tipicamente europeus (principalmente gripe, varíola e sarampo). 

E agora? – Curiosidade Indígenas

Os índios brasileiros não possuíam anticorpos contra estes vírus. O resultado foi a morte de milhares de índios que foram contaminados e desenvolveram estas doenças.

Até a próxima!

Espero que após esse post você tenha conhecido um pouco mais sobre a cultura dos indígenas.

Um povo que tem muito para oferecer e ensinar, entretanto, são desvalorizados e desrespeitados onde moramos.

20 Curiosidades sobre o Planeta Terra

Neste post você encontrará diversas curiosidades sobre o planeta Terra que com certeza irão te surpreender.

20 Curiosidades sobre o planeta Terra

A Terra é um planeta gigante com muita diversidade e diversas coisas para nos surpreender, não é mesmo?

Neste post você encontrará diversas curiosidades sobre este planeta que com certeza fará com que você se sinta surpreendido.

Curiosidades sobre a Terra – Estados

20190125 182745 0001 1391538 1890923

A temperatura da Terra é única, sendo assim, esta temperatura permite que a água seja encontrada em tês estados físicos.

Água em três estados – Curiosidades sobre a Terra

A Terra é o único planeta do Sistema Solar no qual a água pode ser encontrada em seus três estados físicos: sólido, líquido e gasoso.

Curiosidades sobre a Terra – Que sujeira!

20190125 182907 0001 9051542 2292642

Todos os dias, poeira cósmica invade a atmosfera da Terra, mas não é nada comparado a poeira que encontramos em nossas casas em dias de limpeza, são toneladas e toneladas.

Toneladas de poeira cósmica – Curiosidades sobre a Terra

Todos os dias, entre 100 e 300 toneladas de poeira cósmica penetram na atmosfera do nosso planeta.

Curiosidades sobre a Terra – Fim da Terra?

20190125 183818 0001 9569610 6712234

Estudos afirmam que possivelmente a Terra será afetada com a expansão do Sol que ocorrerá no futuro.

Vamos morrer? – Curiosidades sobre a Terra

Dentro de 5 bilhões de anos, mais ou menos, o Sol consumirá todo o seu combustível, passará à fase de gigante vermelha, sofrerá uma expansão e consumirá Mercúrio, Vênus e, possivelmente, a Terra durante esse processo.

Curiosidades sobre a Terra – Fenômenos

Fenômenos naturais que são conhecidos por causarem muita destruição são registrados todos os dias, na verdade, a cada dois minutos.

Terremotos – Curiosidades sobre a Terra

Um terremoto é registrado no nosso planeta a cada dois minutos. Entretanto, não são tão anunciados por serem de pequena escala e não causarem tanta destruição.

Curiosidades sobre a Terra – Poluição Cósmica

Os humanos lançam tantas coisas para fora da atmosfera para utilizar como instrumentos de pesquisa, que muitas vezes esses objetos se transformam em lixo.

Objetos na órbita – Curiosidades sobre a Terra

Existem cerca de 22 mil objetos feitos pelo homem em órbita ao redor do nosso planeta.

Curiosidades sobre a Terra – Dias mais longos

Cada vez que passa a rotação da Terra está mais lenta, e é possível que nossos dias se tornem mais longos.

Dias mais longos – Curiosidades sobre a Terra

A rotação da Terra está se tornando gradualmente mais lenta e a estimativa é de que dentro de 140 milhões de anos os dias tenham 25 horas em vez de 24.

https://youtube.com/watch?v=kYEfp-mpF78

Curiosidades sobre a Terra – Mitologia

Se observarmos o Sistema Solar, todos possuem o nome de um deus romano, exceto um planeta.

A Terra – Curiosidades sobre a Terra

A Terra é o único planeta do Sistema Solar que não recebeu o nome de uma divindade romana.

Curiosidades sobre a Terra – Tem mais solo ou mais água?

O planeta Terra possui mais solo ou mais água na sua opinião?

Mais água? – Curiosidades sobre a Terra

Os oceanos cobrem cerca de 70% da superfície do nosso planeta.

Curiosidades sobre a Terra – O Eclipse

O eclipse com certeza é um evento que marca a vida de quem vê, pois é um momento único e de muito esplendor.

Eclipse – Curiosidades sobre a Terra

Os eclipses solares totais acontecem aqui no nosso planeta por pura coincidência: como o Sol tem um diâmetro cerca de 400 vezes maior do que o da Lua e se encontra 400 vezes mais distante da Terra do que o nosso satélite, isso faz com que os dois astros tenham tamanhos angulares semelhantes e, portanto, pareçam ter o mesmo tamanho quando os vemos no céu.

Só pode ser visto da Terra – Curiosidades sobre a Terra

Por conta dessa incrível coincidência que os eclipses solares totais não acontecem em nenhum outro planeta do Sistema Solar além da Terra.

Curiosidades sobre a Terra – Ordem

No Sistema Solar existe uma ordem de planetas com proximidade do astro Sol, você sabe em que posição fica a Terra?

A Terra – Curiosidades sobre a Terra

A Terra é o terceiro planeta mais próximo do Sol.

Curiosidades sobre a Terra – A Terra

Ainda falando sobre a Terra, você sabia que além de exclusividade de ter eclipse, a Terra possui outras exclusividades?

Vida – Curiosidades sobre a Terra

A Terra é o único planeta do Sistema Solar em que há vida.

Curiosidades sobre a Terra – Movimentos

 A Terra faz 4 movimentos, os mais conhecidos são a Rotação e a Translação, você sabe quais são os outros dois?

Movimentos – Curiosidades sobre a Terra

O planeta Terra realiza quatro movimentos: rotação (movimento ao redor do eixo polar); translação (movimento orbital ao redor do Sol); precessão (movimento ao redor de um eixo perpendicular ao plano da órbita terrestre) e nutação (movimento levemente elíptico que o eixo de rotação faz ao redor de uma posição fixa em relação às estrelas).

Curiosidades sobre a Terra – Quantos anos tem a Terra?

A idade exata da Terra ninguém sabe, mas estudos científicos estipulam um ano de surgimento do planeta.

Vai Terra, é o seu aniversário! – Curiosidades sobre a Terra

De acordo com estudos científicos, o planeta Terra surgiu a cerca de 4,5 bilhões de anos.

Curiosidades sobre a Terra – Temperatura

A Terra é um planeta tropical com diferentes climas e biomas, e isso faz com que ela gere diferentes temperaturas, entretanto, existe uma temperatura média do planeta.

Temperatura Média – Curiosidades sobre a Terra

A temperatura média do planeta Terra é de 14,05°C.

Curiosidades sobre a Terra – Satélite Natural

A Terra possuí apenas um satélite natural, que é a lua, e não tem por finalidade apenas iluminar as noites.

A Lua – Curiosidades sobre a Terra

O papel da lua é controlar a formação das marés de acordo com o seu movimento. Sem o nosso satélite, não haveria movimento dos mares em nossa superfície.

Curiosidades sobre a Terra – Não era pra ser diferente?

A Terra está em órbita ao redor do Sol, entretanto, antigamente pensavam que a Terra estava imóvel e que os outros astros que a rodeavam.

Ao redor da Terra – Curiosidades sobre a Terra

A humanidade costumava acreditar que a Terra era o centro do universo. Como daqui nós conseguimos perceber o movimento do Sol e dos outros planetas, pensava-se que a Terra fosse um planeta estático, que guiava a órbita dos outros astros. Isso até Copérnico propor, em 1514, que o Sol seria o centro do universo.

Curiosidades sobre a Terra – Distância

Você faz ideia de qual a distância da Terra até o Sol? Se fosse possível fazer uma viagem, pode ter certeza

Boa Viagem – Curiosidades sobre a Terra

A distância da Terra ao Sol é de 149.600.000 km. É a distância ideal para que exista vida em nosso planeta, pois a temperatura da Terra possibilita a existência de água em estado líquido.

Curiosidades sobre a Terra – Que frio

Quase metade da Terra é coberta por Neve, apesar de que em muitos países não neva.

Neve – Curiosidades sobre a Terra

Cerca de 30% da superfície terrestre (parte de terra) do Planeta Terra é coberta por neve.

Curiosidades sobre a Terra – Água

Muito mais que a metade do planeta Terra é formado por oceanos e mares, não é estranho um planeta tão azul ter o nome de Terra?

Terra, Planeta água – Curiosidades sobre a Terra

Cerca de 73% da superfície terrestre é formada por oceanos e mares. Por isso, muitos chamam a Terra de “Planeta Azul”.

Curiosidades sobre a Terra – Circunferência

O planeta Terra é extremamente extenso, você faz ideia de quanto ele mede em diâmetro?

Grande Demais – Curiosidades sobre a Terra

O diâmetro do planeta Terra é de 12.742 km.

Até a próxima!

Espero que após esse post você descoberto um pouco mais do planeta em que habitamos, até a próxima!

Como fazer uma conclusão – dicas e orientações

Oi pessoal, o post de hoje vai dar continuidade sobre a escrita de textos, falando sobre Como fazer uma conclusão. Confira agora as dicas do Demonstre para você saber como fazer uma conclusão!

Como fazer uma conclusão

No texto anterior falamos em Como fazer uma introdução. Neste falaremos em Como fazer uma conclusão. Afinal, concluir é o ato de finalizar uma ideia, textos e trabalhos. A conclusão é uma parte fundamental numa redação. As conclusões devem ser coerentes e objetivas da mesma forma que as introduções.

Uma pessoa escrevendo com o lapís em uma folha pautada pensando em Como escrever uma conclusão

A conclusão é muito importante e deve ser pensada ao longo de todo o desenvolvimento do texto. Ela vem logo após finalizarmos o desenvolvimento, seja da redação ou de trabalhos em geral.

Ao contrário do que muitas pessoas acreditam, para conseguir fazer uma conclusão, não basta simplesmente repetir tudo que já foi dito anteriormente de uma forma reduzida. É na conclusão que faremos uma análise crítica ou advertências.

Como fazer uma conclusão boa na realidade?

A conclusão é a finalização de algum texto, é nela que o leitor decide se realmente se satisfez, se gostou do que leu. A conclusão faz com que pensemos em novas ideias, faz com que consigamos refletir sobre o assunto que foi tratado em todo o desenvolvimento do texto. Para isso é importante pensar bem antes de escrevê-la.

Não adianta se dedicar ao máximo para realizar um bom desenvolvimento e criar uma conclusão inferior. Fazendo uma boa organização antes de realizar a conclusão, você permite que o leitor se convença de que seu texto é verdadeiro, é bom.

Mas afinal, como fazer uma conclusão com qualidade?

  • Entenda o que foi dito no seu trabalho.

Para que sua conclusão seja considerada boa, você precisa entender sobre o que está falando, precisa ter um conhecimento, mesmo que mínimo, naquilo que fala. Quando você compreende algum assunto, tem uma facilidade muito maior de falar sobre ele.

  • Faça uma síntese do seu trabalho.

Para que consiga fazer uma boa síntese, é bom que faça isso de uma maneira profissional, abordando os temas do trabalho de uma forma diferenciada, sem esquecer de demostrar o quanto você sabe sobre o assunto.

  • Lembre-se de falar sobre tudo que foi citado no trabalho.

Quando você consegue abordar todos os temas trabalhados de modo objetivo e claro, a sua conclusão cria um ar mais inteligente. Mostrando assim o produto final e o diferencial do seu texto, sejam o seu ponto de vista, solução para uma problemática ou um fato novo sobre o tema pesquisado. Valorizando dessa maneira para o leitor o seu texto.

  • Proponha leituras.

Se em sua conclusão, você indicar livros sobre o tema, as pessoas verão como você a fundo na busca de informações sobre o assunto.

  • Seja breve, não enrole nos assuntos.

Geralmente, as conclusões são feitas em 5 linhas ou em parágrafo. O importante, como já foi dito, é ser objetivo.

  • Apresente soluções para os temas bordados no texto.

Apresentar melhorias para uma crítica feita no texto torna a sua conclusão melhor ainda, pois mostra como você não apenas buscou sobre o assunto, como também buscou melhorá-lo.

  • Sintetize o que você já disse.

Sem que você repita nada, é importantíssimo que você organize suas ideias para não fazer quaisquer tipos de confusão na hora da escrita de sua conclusão.

O que não devo fazer em uma conclusão?

Primeiramente, não use termos como “por fim” e “em resumo”. Usar essas expressões faz com que sua conclusão fique monótona e clichê, opte por palavras ou expressões mais objetivas como “portanto” e “em suma”.

Não seja prolixo. Caso você não saiba o significado dessa palavra, é bem simples. Prolixo é aquele que usa palavras em excesso, que não consegue encurtar um pensamento. E essa não é uma boa característica para trabalhos. Torna a leitura cansativa, entende?

Não repita o que você já disse. Esse é um problema que afeta a maioria dos estudantes quando vão fazer uma conclusão. Eles simplesmente fazem um resumo do desenvolvimento do trabalho em seis ou sete linhas e acham que isso basta como uma conclusão. Sintetize o que você falou com outras palavras.

Conseguimos assim, analisar que uma conclusão faz parte de um todo, ele deve ser objetiva e não deve ser longa. A conclusão é que mostra a finalidade do seu texto, dedique-se bastante para que ela seja boa e compreensível.

Fim do texto sobre Como fazer uma conclusão

Obrigada pela leitura do texto Como fazer uma boa conclusão. Espero que tenha sido útil para você!

Deixe aqui outras ideias e sugestões para o blog Demonstre!

Você também pode gostar de:

https://demonstre.com/como-fazer-uma-introducao/

Como fazer uma introdução – dicas e orientações

Oi pessoal, o post vai dar super dicas de Como fazer uma introdução. Neste post você vai encontrar noções de estrutura e dicas de como fazer uma boa introdução.

Como fazer uma introdução

Como fazer uma introdução é um processo. Quando se pensa em pesquisa científica é legal que seja feito no final da pesquisa, porque aí você tem noção dos temas que você precisar abordar para embasar seu artigo ou dissertação. É um texto pequeno proporcionalmente a totalidade do texto, independente do tipo de gênero. Que pode aparecer antes de trabalhos escolares, acadêmicos ou obras literárias, por exemplo.

Dicas e orientações de Como fazer uma introdução

Quando se trata de um trabalho escolar, o objetivo da introdução é apresentar ao leitor um resumo do que encontrará em seguida. Todo trabalho que faça a exigência da composição de textos, será obrigatório uma introdução, seja diretamente no texto, no primeiro parágrafo, ou em uma folha a parte.

Como fazer uma introdução 

Fazer uma introdução é uma etapa importantíssima para qualquer trabalho acadêmico, afinal o corretor consegue analisar se você terá ou não feito uma boa redação através da introdução. Portanto, é essencial que o texto seja bem escrito e convidativo.

Para conseguir elaborar uma boa introdução, ela precisa ser clara e objetiva. Você precisa fazer com que o assunto trabalhado em todo o texto seja “resumido” na introdução. Por esse motivo, algumas pessoas optam por deixar a introdução como última coisa a ser feita. Outras pessoas preferem reler a introdução sempre que escreverem um novo parágrafo, para garantir que não estejam fugindo do tema proposto.

O início de como fazer uma introdução 

A quantidade ideal de frases apresentada numa introdução, varia entre duas ou três e todo o texto apresentado em seguida deve explicar detalhadamente essas frases. Por exemplo, se você esta escrevendo uma redação que o tema seja “A política Brasileira” e você começa com “A politica no Brasil, vem passando por um momento crítico no qual devemos nos esforçar para mudar”.

No primeiro parágrafo do texto você deve explicar porque o momento é critico e porque devemos tentar mudar. Repare que a primeira frase é explicada no primeiro parágrafo, e a segunda deve ser explicada no segundo parágrafo e assim por diante.

Como fazer uma introdução – Menos é mais!

Você deve utilizar o menor número possível de palavras na introdução, ela nunca deve ficar grande demais. Se você está escrevendo um texto com 300 palavras e 100 são só da introdução, há uma coisa muito errada.

Adequação da linguagem em uma introdução

Entenda que o tom de seu texto começa na linguagem e é essa linguagem que dará ao texto a primeira impressão. Para evitar qualquer tipo de discordância já utilize na introdução a mesma linguagem que usará no texto completo. E também, não se deixe levar por outro tema, Não procure escrever muito, o importante é escrever com um conteúdo bom.

Lembre-se que o modo como escreve sua introdução depende do lugar onde irá aplicar seu texto. Por exemplo, se você está escrevendo uma introdução para um blog informal ou para uma redação do Enem, elas podem conter as mesmas informações, mas devem ser escritas de formas diferente, de acordo com o público que vai analisar.

Como fazer uma introdução – Leia sempre!

Uma ótima maneira de aprender a fazer uma boa introdução é vendo bons exemplos que você pode encontrar com facilidade na internet. Quando você lê coisas bem escritas, seu cérebro se adapta a uma boa escrita também. Para saber o que não escrever, procure também na internet casos de introduções incorretas.

Foco no tema – Como fazer uma introdução

Sabemos que todo bom texto tem como objetivo informar, contar alguma coisa, então devemos deixar muito explícito o assunto que iremos tratar ao longo do texto logo na introdução, se você não souber por onde caminhar, o seu texto será cansativo e confuso.

Considerações finais em como fazer uma introdução

É muito comum encontrarmos candidatos que foram mal em alguma redação de provas, eles se queixam de sua nota baixa que não entendem como tiraram. É importante entendermos que existem diversos critérios de avaliação, incluindo na introdução. Para que algum corretor já leia seu texto com ânimo, é bom causar uma primeira boa impressão e o melhor modo de se fazer isso é escrevendo uma introdução com perfeição. Afinal, como dizem por aí a primeira impressão é a que fica.

Agora que você já sabe Como fazer uma introdução e obter sucesso, provavelmente seus textos serão de bem melhor qualidade e obterão melhores resultados que lhe trarão uma enorme gratificação.

Fim do texto sobre Como fazer uma introdução

Obrigada por ter lido o post sobre Como fazer uma introdução. Espero que tenha gostado das dicas e orientações.

Você também pode gostar de:

https://demonstre.com/estudo-do-texto/

Tem outras sugestões de como escrever uma boa introdução? Escreva nos comentários!

20 Curiosidades do Vôlei

Neste post, você encontrará diversas curiosidades do vôlei, um esporte que faz sucesso em todo o mundo.

20 Curiosidades do Vôlei

Já abordamos o Futebol, o Basquete e até mesmo o Handebol. No post de hoje, falaremos sobre o Vôlei.

O voleibol, popularizado apenas como vôlei, é um esporte de origem americana que encantou o mundo todo e é um dos esportes mais queridos.

O vôlei é um esporte que alegra todo mundo, quem nunca jogou aquele vôlei de roda na rua ou até mesmo na beira da praia? Ele já foi adaptado e existem diversas brincadeiras que alegram até as crianças pequenas.

Nesse post, você irá encontrar diversas curiosidades do vôlei que com certeza irão te surpreender e farão com que você se interesse mais ainda pelo esporte.

Curiosidades do Vôlei – Quem criou?

Você faz ideia de como o vôlei foi criado e o porquê? Confira a seguir.

Criação do vôlei – Curiosidade do Vôlei

O Voleibol foi criado nos Estados Unidos pelo professor de Educação Física William George Morgan, em 9 de fevereiro de 1985.

20 Curiosidades do Vôlei

Morgan tinha como objetivo principal criar um esporte em que não houvesse contato físico.

Curiosidades do Vôlei – Primeiros campeonatos

O vôlei foi criado no ano de 1985, entretanto, os primeiros campeonatos só aconteceram depois de mais de meio século.

Campeonato – Curiosidade do Vôlei

Os primeiros campeonatos mundiais foram realizados em 1949 para homens e 1952 para mulheres.

Curiosidades do Vôlei – Jogos Olímpicos

Vamos para a curiosidade:

20190207_161554_0001-3357377-5931753
20 Curiosidades do Vôlei

O vôlei, assim como muitos esportes, demorou muito para estrear nos Jogos Olímpicos.

Agora é sério, tá valendo! – Curiosidade do Vôlei

Vamos para a curiosidade:

20 Curiosidades do Vôlei

O voleibol foi apresentado pela primeira vez como esporte olímpico em 1964.

Curiosidades do Vôlei – Pulos

Praticar vôlei não é para qualquer um, exige muito preparo físico pois você está correndo e pulando e fazendo força o jogo inteiro.

Pipoca pula – Curiosidade do Vôlei

Vamos para a curiosidade:

20 Curiosidades do Vôlei

A maioria dos jogadores de voleibol pula cerca de 300 vezes ou mais durante uma única partida.

Curiosidades do Vôlei – Mistura de esportes

O voleibol não é algo puro, ele possui características de dois outros esportes muito conhecidos.

Copia, só não faz igual, ok? – Curiosidade do Vôlei

O voleibol copiou algumas de suas características de outros esportes, como o tênis e o handebol.

Curiosidades do Vôlei – Vôlei de Praia

O vôlei de praia é algo que encanta todos os públicos, é uma das melhores atividades a se fazer naqueles dias de sol na praia.

Coloquem suas sungas – Curiosidade do Vôlei

Vamos para a curiosidade:

20 Curiosidades do Vôlei

O primeiro jogo de voleibol de praia foi com dois homens e foi jogado em 1930.

Curiosidades do Vôlei – Pseudônimos

O voleibol não se chamou assim logo no começo, o nome foi evoluindo ao longo dos anos.

Vôlei somente para os íntimos – Curiosidade do Vôlei

Vamos para a curiosidade:

20 Curiosidades do Vôlei

No inicio o voleibol foi chamado de Mintonette, mas depois foi mudado para voleibol (ou para os mais chegados apenas vôlei).

Curiosidades do Vôlei – A primeira bola

Vamos para a curiosidade:

20190207_162950_0001-3400828-6132596
20 Curiosidades do Vôlei

A primeira bola de vôlei demorou para ser criada, o esporte era improvisado com a câmara das bolas de basquete.

Criação da bola – Curiosidade do Vôlei

A primeira bola especial projetada para o esporte foi criada em 1900, 15 anos após a criação do vôlei.

Curiosidades do Vôlei – Jogo mais duradouro

O jogo de vôlei não tem um tempo previsto de duração assim como outros esportes. Dessa forma, o tempo é muito diversificado, as vezes acaba logo, outras vezes, pode durar uma eternidade.

Uma eternidade – Curiosidade do Vôlei

O jogo de voleibol mais longo da história foi em 1976, na final entre Polônia e União soviética.

20 Curiosidades do Vôlei

A partida durou 4 horas e 36 minutos e acabou com vitória da Polônia por 3 sets a 2.

Curiosidades do Vôlei – Instituição de Vôlei

Assim como o basquete tem a NBA, o futebol a FIFA, o voleibol possui a FIVB.

FIVB – Curiosidade do Vôlei

A Federação Internacional de Voleibol (FIVB) foi fundada em 1947.

Curiosidades do Vôlei – Brasil nas Olimpíadas

O Brasil é sucesso quando o assunto é voleibol nas olimpíadas e eu posso provar.

Conquistas – Curiosidade do Vôlei

A seleção brasileira masculina de voleibol já conquistou, em Jogos Olímpicos, cinco medalhas, sendo duas de ouro e três de prata.

20 Curiosidades do Vôlei

A seleção feminina também conquistou quatro medalhas olímpicas (duas de ouro e duas de bronze).

Curiosidades do Vôlei – Degustação

Vamos para a curiosidade:

20190207_163433_0001-5410086-2889271
20 Curiosidades do Vôlei

O voleibol já tinha participado dos jogos olímpicos muito antes do ano citado anteriormente.

Vai virar oficial ou não? – Curiosidade do Vôlei

O voleibol entrou nos Jogos Olímpicos de Paris (1924), porém como esporte demonstrativo. Foi apenas nas Olimpíadas de Tóquio (1964) que ele se tornou um esporte olímpico de competição.

Curiosidades do Vôlei – Maior vencedor 

O país que mais ganhou medalhas em toda a história olímpica do voleibol está extinto.

Maior vencedor extinto – Curiosidade do Vôlei

O país que mais ganhou medalhas no voleibol masculino em Jogos Olímpicos foi a extinta União Soviética.

20 Curiosidades do Vôlei

Foram seis medalhas conquistadas, sendo quatro de ouro e duas de pratas.

Curiosidades do Vôlei – Maior Audiência

A maior audiência de uma partida de voleibol envolveu o Brasil.

Brasil x União Soviética – Curiosidade do Vôlei

O jogo de voleibol com maior público da História foi entre as seleções masculinas de Brasil e União Soviética, realizado em 26 de julho de 1983. O Grande Desafio de Vôlei foi disputado numa quadra montada no gramado do estádio do Maracanã (Rio de Janeiro) e teve 95 mil espectadores. O Brasil venceu a partida por 3 sets a 1.

Curiosidades do Vôlei – Um dos maiores esportes

O voleibol é um dos esportes mais queridinhos em todo o mundo e possui uma grande popularidade.

Queridinho – Curiosidade do Vôlei

Vamos para a curiosidade:

20 Curiosidades do Vôlei

O voleibol é o segundo esporte mais popular do mundo hoje, superado apenas pelo futebol.

Curiosidades do Vôlei – Rede

A rede de voleibol é o que determina o limite entre cada time, e você sabia que ela possui tamanhos diferentes para cada sexo?

Machismo? – Curiosidade do Vôlei

A rede de vôlei tem 2,43 (masculino) e 2,24 metros (feminino) metros de altura. Isso se dá porque muitas vezes os jogadores homens são mais altos que as mulheres.

Curiosidades do Vôlei – Deve doer

Vamos para a curiosidade:

20190207_163325_0001-1446509-4730786
20 Curiosidades do Vôlei

Existem jogadores com jogadas tão fortes e violentas que se pegar no rosto, deve doer.

Alta velocidade – Curiosidade do Vôlei

Uma cortada do jogador Marcelo Negrão atinge uma velocidade de até 108 km/h. A velocidade de levantamento de bolas de Maurício é de 43,2 km/h.

Curiosidades do Vôlei – Inclusão

Vamos para a curiosidade:

20190207_163620_0001-5115773-6213949
20 Curiosidades do Vôlei

É preciso incluir todos nas atividades esportivas, afinal, o esporte é para todos.

Inclusão – Curiosidade do Vôlei

Vamos para a curiosidade:

20 Curiosidades do Vôlei

Fernanda Venturini nasceu com a perna esquerda um centímetro mais curta que a direita. Por isso, ela é obrigada a usar uma palmilha especial.

Curiosidades do Vôlei – Estrela

Sempre em um time tem aquele jogador que se destaca muito mais do que o restante da equipe, no começo do voleibol, esse estrelismo era gritante na seleção brasileira.

Time de 1 – Curiosidade do Vôlei

Antes do estouro do vôlei, durante os anos 80, a Seleção Brasileira se resumia num único grande jogador. A dinastia de Antônio Carlos Moreno durou 21 anos e 366 jogos.

Uma trajetória exemplar, iniciada aos 17 anos, em que ele disputou sete campeonatos sul-americanos e quatro Jogos Pan-americanos. Participou também de quatro Mundiais e quatro Olimpíadas.

Curiosidades do Vôlei – Brasileiros

Existe um brasileiro que brilha entre os grandes os jogadores e está presente no Hall da Fama do Vôlei.

Hall da fama – Curiosidade do Vôlei

Vamos para a curiosidade:

O jogador Bernard, criador do saque “jornada nas estrelas“, tornou-se o primeiro brasileiro a entrar no Hall da Fama do vôlei em julho de 2005.

Até a próxima!

Você já se divertiu com o vôlei? Nem que seja nas partidas de vôlei de roda, comente aqui! Te espero até o próximo post.

20 Curiosidades do Basquete

O basquete é um esporte que entretêm diversas pessoas. Neste post, você encontrará diversas curiosidades do basquete que com certeza irão te surpreender.

20 Curiosidades do Basquete

O basquetebol, popularmente conhecido apenas como basquete, é um esporte nativo dos Estados Unidos que se popularizou por todo o mundo.

20190206 155023 0001 7766747 5466785

Nesse post, você encontrará diversas curiosidades do Basquete que com certeza irão te surpreender sobre esporte tão querido.

Curiosidades do Basquete – Como surgiu o basquete?

O basquete, assim como diversos esportes, é nativo dos Estados Unidos, isso já era de se esperar, não é mesmo? É um esporte totalmente querido pelos americanos.

20190206 194528 0001 6949676 2591663

Quem criou? – Curiosidade do Basquete

O basquete foi criado em 1891 pelo norte-americano James Naismith, professor de Educação Física da Associação Cristã de Moços de Springfield.

Curiosidades do Basquete – Primeira disputa

20190206 195219 0001 8300028 8778112

A primeira disputa de basquetebol foi disputada na escola em que o criador lecionava.

Primeira partida – Curiosidade do Basquete

A primeira partida de basquete foi realizada pelos alunos de Naismith, o inventor do basquete, porém não se tem registro da data em que ocorreu. O que se sabe é que este jogo histórico foi disputado em dezembro de 1891.

Curiosidades do Basquete – Mulheres

20190206 194826 0001 2033486 2032561

Assim como a maioria dos esportes, a disputa entre times femininos começou tardiamente comparadas as disputas masculinas.

Primeira partida feminina – Curiosidade do Basquete

Já a primeira partida de basquete feminino foi realizada em 4 de abril de 1896. Neste jogo, as alunas da Universidade de Stanford saíram vencedoras contra as da Universidade da Califórnia.

Curiosidades do Basquete – Pioneiro

20190206 201019 0001 8498791 6196150

Diferente dos outros esportes, o Brasil foi pioneiro quando o assunto é disputar o basquetebol.

Primeiro de muitos – Curiosidade do Basquete

O Brasil foi o pioneiro entre os países latino-americanos na prática deste esporte. O basquete estreou por aqui no ano de 1896.

Curiosidades do Basquete – Gigantes?

20190206 203116 0001 4511622 1658143

Todos nós nos impressionamos com a altura de jogadores profissionais de basquetebol, afinal, são homens e mulheres absurdamente altos. Entretanto, no início do esporte, os atletas não eram tão altos assim.

Altura mediana – Curiosidade do Basquete

Nos primórdios do basquete profissional, os jogadores não eram tão altos quanto hoje. Eles ficavam, na média, entre 1,75m e 1,80m. Atualmente, a maioria dos jogadores mede entre 1,95m e 2,05m.

Curiosidades do Basquete –  Primeiro Jogo oficial

O primeiro jogo oficial só foi disputado após q ano da criação do esporte.

É hora do show! – Curiosidade do Basquete

Já o primeiro jogo oficial de basquete foi disputado em 11 de março de 1892. O jogo foi realizado no Springfield College, sendo que o time formado pelos alunos venceu o dos professores pelo placar de 5 a 1.

Curiosidades do Basquete – Bola de basquete

A bola de basquete não surgiu juntamente com o esporte, ela demorou alguns anos para aparecer, enquanto isso não acontecia, era preciso improvisar com a bola de outro esporte.

20190206 201236 0001 3596970 8139172

A primeira bola – Curiosidade do Basquete

A primeira bola de basquete foi produzida pela empresa Chicope Falls, de Massachusetts, em 1894. Antes, usava-se uma bola de futebol. Na NBA, a circunferência da redonda laranja é de 76 cm e o diâmetro é de 23 cm. Ela deve ser inflada entre 0,51 e 0,57 atm.

Curiosidades do Basquete – Primeira cesta

20190206 201639 0001 5407323 7076824

Quem nunca improvisou uma cesta com um simples balde que atire a primeira pedra. Entretanto, você faz ideia de como as cestas, aros e tabelas foram criados?

Criação das cestas – Curiosidade do Basquete

Já as cestinhas com rede, presas com aros de ferro, apareceram em 1896, mas elas eram fechadas no fundo. Afinal, o ponto só valia quando a bola ficava lá dentro. O problema era tirar a redonda de lá toda vez que um time marcava – o que era feito com a ajuda de uma escada ou de um bastão, que ficava de prontidão ao lado da cesta. Mais tarde, tiveram a ideia de criar um dispositivo de abrir a cesta puxando um barbantinho. O formato atual passou a ser usado em 1898. Já as tabelas apareceram em 1895; antes, as cestas ficavam simplesmente suspensas em pilastras.

Curiosidades do Basquete – Basquete nas Olimpíadas

O ano de 1936 foi um ano de muitas estreias para os jogos olímpicos, porque foi neste ano que estrearam o Basquete e o Handebol.

Olimpíadas – Curiosidade do Basquete

O basquete se tornou esporte olímpico nas Olimpíadas de Berlim (1936). Em homenagem, Naismith, o criador do basquete, lançou ao alto a bola no início da primeira partida olímpica. O curioso é que o basquete é mais prestigiado por jogadores negros, e sua estreia foi na capital de um período conturbador.

Curiosidades do Basquete – Cestinha certa

Sabia que o maior recordista mundia de pontuação no basquete é brasileiro? Pois é, esse recorde é nosso.

Recordista Mão Santa – Curiosidade do Basquete

O recordista mundial de pontuação no basquete é o ex-jogador brasileiro Oscar Schmidt. O “Mão Santa”, como ficou conhecido, marcou 49.703 pontos durante sua carreira.

Curiosidades do Basquete – Trindade Brasileira

Três grandes nomes do basquete brasileiro são considerados de grande relevância no basquete mundial.

Hall da Fama – Curiosidade do Basquete

Três jogadores de basquete brasileiros fazem parte do Hall da Fama Naismith Memorial, em Springfield (Estados Unidos). São eles: Hortência, Ubiratan e Oscar Schmidt.

Curiosidades do Basquete – NBA

NBA é a sigla de National Basketball Association (Associação Nacional de Basquetebol), uma liga profissional de basquetebol dos Estados Unidos e Canadá.

NBA – Curiosidade do Basquete

O jogador que mais pontuou na NBA (National Basketball Association) é o norte-americano Kareem Abdul-Jabaar com 38.387 pontos em 1560 jogos.

Curiosidades do Basquete – Pontuador

Quem marca muitos pontos sempre vira destaque e fica muito mais reconhecido, você faz ideia de quem é o maior pontuador da história do basquetebol?

Grande Pontuador – Curiosidade do Basquete

O jogador que marcou o maior número de pontos em uma única partida oficial é Wilt Chamberlain. Foram 100 pontos num jogo da NBA realizado em 2 março de 1962. Ele é considerado o melhor jogador de basquete do mundo nos Estados Unidos.

Curiosidades do Basquete – Quase um acidente

20190206 201524 0001 4037387 9979788

Antigamente os suportes de das cestas de basquete não eram tão firmes e resistentes como hoje em dia, tanto que já quase aconteceram diversos acidentes.

Livramento – Curiosidade do Basquete

Em um jogo contra o Suns, em 1993, ao enterrar a bola, Saquille O’Neal, jogando pelo Orlando Magic, se pendurou no aro por meio segundo. Foi o suficiente para que o aro e a tabela fossem com ele. A barra que segurava a tabela também não aguentou e se curvou lentamente até o chão. A história de repetiu quando o Magic estava jogando contra o New Jersey Nets. Depois de fazer a cesta, Shaquille viu toda a estrutura da tabela indo para cima dele. O relógio de 24 segundos, que estava preso sobre a tabela, também caiu e o jogador quase foi atingido.

Curiosidades do Basquete – Carioca?

Milton Setrini carioca? Não é bem isso o que o seu registro afirma. Embora seja conhecido carinhosamente como Carioquinha, ele não nasceu no Rio de Janeiro.

Falso carioca – Curiosidade do Basquete

O ala Milton Setrini era conhecido como Carioquinha. No entanto, ele nasceu em São Paulo.

Curiosidades do Basquete – Outra atividade

Antes de se tornar um dos maiores jogadores da história da NBA, Charles Barkley era craque em outro esporte: comer pizza. 

Levantamento de garfo – Curiosidade do Basquete

O pessoal da pizzaria já estava tão acostumado que, toda noite, Barkley ligava para dizer apenas : “Aqui é o Charles”. Bastava para que, em seguida, ele recebesse suas duas pizzas. Não é à toa que alguns dos apelidos do jogador eram “Toneladas de Divertimento”, “Mundo da Comida”, “Balão da Goodyear”, “Caminhão de Pão”, “Torre de Pizza” e “Redondo do Rebote”.

Curiosidades do Basquete – Profissionais excluídos dos Jogos Olímpicos?

Até 1992, o regulamento do basquete nos Jogos Olímpicos excluía a participação de times profissionais, o que deixava os jogadores da NBA fora da competição. Assim, o time dos Estados Unidos era formado por atletas de equipes universitárias. A partir daquele ano, no entanto, tudo mudou. 

Tá tudo liberado! – Curiosidade do Basquete

O time que representaria a terra do Tio Sam nos Jogos de Barcelona tinha tantas estrelas que ganhou o apelido de Dream Team, ou seja, Time dos Sonhos. Os salários de seus doze integrantes também estava muito longe de um pesadelo: juntos, eles ganhavam 73 milhões de dólares ao ano. A primeira cesta do time foi feita por Larry Bird, na vitória de 136 x 57 contra Cuba.

Curiosidades do Basquete – Armador

O armador é responsável por organizar as jogadas ofensivas, criando oportunidades para seus colegas de equipe pontuarem, e dar o primeiro combate na defesa. Você sabia que um brasileiro já foi eleito o melhor pela NBA?

Brasileiros destaques – Curiosidade do Basquete

O armador brasileiro Leandrinho, do Phoenix Suns, foi eleito o melhor reserva da temporada 2006-2007 da NBA.

Curiosidades do Basquete – Hall da Fama

Uma das maiores honras que um jogador, técnico, árbitro ou qualquer pessoa relacionada ao basquete pode receber é fazer parte do Naismith Memorial Basketball Hall of Fame, mais conhecido só como Hall of Fame – ou “Rol da Fama”. 

Hall da fama – Curiosidade do Basquete

De 1959 até 2008, 285 pessoas e seis times já tinham sido premiados. Os primeiros atletas a receberem a honra de figurar no Hall of Fame, em 1959, foram os jogadores do chamado “Primeiro Time”, ou seja, os 18 rapazes que participaram daquela aula de educação física do Professor Naismith, em 1891. Até 2008, só mais cinco equipes tinham sido premiadas: os Original Celtics, também em 1959, os Buffalo Germans, em 1961, os New York Rens, em 1963, os Harlem Globetrotters, em 2002, e o Texas Western, em 2007.

Curiosidades do Basquete – Jogadores Milionários

20190206 201756 0001 1594752 4523078

Os jogadores de grande sucesso no basquetebol são pessoas extremamente ricas, você faz ideia de qual o jogador que mais faturou nos últimos anos?

Jogador que mais faturou – Curiosidade do Basquete

LeBron James, também conhecido carinhosamente como King James, foi três vezes campeão da NBA, o ala-pivô do Cleveland Cavaliers é o jogador de basquete que mais lucrou em 2017 e 2018. LeBron faturou 85.3 milhões de dólares, sendo eles 33,3 milhões de dólares do salário e os outros 52 milhões de dólares ganhos através de patrocínios.

Até a próxima!

Espero que após esse post, você tenha se interessado e se surpreendido um pouco mais por esse esporte maravilhoso que é o Basquete.

20 Curiosidades do Handebol

Neste post você encontrará diversas curiosidades do handebol, um esporte que a cada vez vem ganhando mais visibilidade e se tornando um dos favoritos a serem praticados.

20 Curiosidades do Handebol

O handebol, apelidado carinhosamente como “é tipo futebol, só que com as mãos, saca?” é um esporte que é muito querido em todo mundo, principalmente na Europa.

20190205_152812_0001-7722088-2693492
20 Curiosidades do Handebol

Neste post, você conhecerá diversas curiosidades do handebol, um esporte que está crescendo cada vez mais e ganhando mais visibilidade.

Curiosidades do Handebol – Resultado vergonhoso

Você vai adorar conhecer estas curiosidades.

20190205_153014_0001-3689491-2562708
20 Curiosidades do Handebol

Se você acha o resultado 7×1 do Brasil contra a Alemanha na copa de 2014 vergonho, é porque você ainda não tinha ouvido falar da maior goleada na história do handebol.

Goleada – Curiosidade do Handebol

Com um resultado de querer enterrar a cabeça no chão (para a equipa perdedora), em 1981, a seleção da União Soviética venceu a seleção Afegã por 86 x 2.

Curiosidades do Handebol – Quase não é lá

Chegar em uma final e não ser vencedor é algo de ficar chateado, pois seria uma honra triunfar em primeiro, mas não é algo para sentir vergonha, o segundo lugar não é tão ruim assim, é uma grande vitória.

Prata consecutiva – Curiosidade do Handebol

A Suécia é a única seleção até ao momento a conseguir estar 3 vezes consecutivas na final dos Jogos Olímpicos de Handebol. Apesar desse feito, também são a única equipa a conseguir 3 medalhas de prata consecutivas.

20 Curiosidades do Handebol

Sem duvidas é um grande esporte.

Curiosidades do Handebol – Esporte de mulherzinha

Na verdade não existe essa de esporte para homens ou para mulheres, são apenas esportes que infelizmente foram impostos e designados apenas para um determinado gênero.

20190205_153219_0001-6274424-5115623
20 Curiosidades do Handebol

O handebol, diferente dos outros esportes que por sua maioria tem o público alvo os homens, quando criado, era um esporte não tão bem visto por eles.

Esporte dedicado para elas – Curiosidade do Handebol

Não é comum no mundo dos esportes pelo menos, mas o handebol originalmente era um esporte apenas jogado por mulheres.

20 Curiosidades do Handebol

As meninas são realmente talentosas, não é mesmo?

Curiosidades do Handebol – Os pés também podem?

Essa é uma grande duvida.

20190205_154102_0001-3306246-8760667
20 Curiosidades do Handebol

Geralmente quando um esporte é realizado com os membros inferiores ou superiores, quando utilizamos o oposto é motivo para falta. Entretanto, a mesma regra vale para o handebol?

Tudo menos os pés – Curiosidade do Handebol

Outra curiosidade de handebol que deve ser única num esporte que é jogado com as mãos, é que na maioria ou só podem jogar com as partes do corpo que estão da cintura para cima, ou podem com o corpo todo.

Aqui podem jogar com tudo menos os pés (sim, as pernas e joelhos não contam como “pés”).

20 Curiosidades do Handebol

As regras são realmente simples, não é mesmo?

Curiosidades do Handebol – A criação

Vamos aprender sobre a criação deste grande esporte.

20190205_153805_0001-2105420-4923599
20 Curiosidades do Handebol

Na verdade o handebol é um esporte da Grécia Antiga que foi adaptado para os dias atuais e assim, recebeu esse nome.

Criação do handebol – Curiosidade do Handebol

O Handebol moderno foi criado pelo professor alemão Karl Schelenz, no ano de 1919. Porém, jogos com bolas e uso das mãos pelos jogadores foram praticados na Grécia Antiga, Roma Antiga e Idade Média.

20 Curiosidades do Handebol

Algumas curiosidades são realmente incríveis e difíceis de acreditar.

Curiosidades do Handebol – Olimpíadas

Embora tenha sido criado no ano de 1919, o handebol apareceu  tardiamente nos Jogos Olímpicos.

Olimpíadas – Curiosidade do Handebol

O Handebol estreou como esporte olímpico somente em 1936, durante as Olimpíadas de Berlim (Alemanha). A medalha de ouro ficou com a seleção alemã.

Curiosidades do Handebol – Brasil atrasado

O primeiro jogo internacional de handebol aconteceu muito antes do handebol chegar ao Brasil, o Brasil um tanto quanto atrasado, não é mesmo?

Primeiro jogo internacional – Curiosidade do Handebol

O primeiro jogo internacional de Handebol ocorreu entre Alemanha e Áustria, no ano de 1925. A Áustria saiu vencedora pelo placar de 6 a 3.

Curiosidades do Handebol – Handebol no Brasil

Vamos aprender mais sobre a historia do Handebol no Brasil.

20190205_153531_0001-3453775-2390712
20 Curiosidades do Handebol

O handebol chegou tarde no Brasil, e você faz ideia de qual cidade teve a honra de recepcionar esse esporte?

São Paulo pioneira – Curiosidade do Handebol

O handebol chegou ao Brasil na década de 1930. Colonos alemães introduziram o esporte, que primeiramente foi praticado na cidade de São Paulo.

20 Curiosidades do Handebol

São Paulo se tornou pioneira nesse esporte.

Curiosidades do Handebol – Brasil já foi campeão olímpico?

O Brasil sempre é grande destaque nas Olimpíadas e ganhador de muitas disputas, entretanto, será que já ganhou alguma partida de handebol?

Puxa, não foi dessa vez – Curiosidade do Handebol

O Brasil nunca ganhou uma medalha olímpica no Handebol.

20 Curiosidades do Handebol

O Brasil realmente chegou bem perto.

Curiosidades do Handebol – O Brasil

Como o esporte existe no Brasil.

20190205_153958_0001-5748712-1778446
20 Curiosidades do Handebol

O handebol brasileiro demorou tardiamente para entrar nos Jogos Olímpicos comparado as outras seleções.

O Handebol brasileiro estreou nas Olimpíadas somente em 1992, durante os Jogos Olímpicos de Barcelona (Espanha).

Curiosidades do Handebol – A quadra de handebol

Entenda a quadra deste esporte.

20190205_153315_0001-8409443-8974763
20 Curiosidades do Handebol

Você faz ideia de como é uma quadra de handebol? Veja a seguir as medidas.

A Quadra – Curiosidade do Handebol

O tamanho oficial de uma quadra de Handebol é de 80 m², sendo 40 metros de comprimento por 20 metros de largura.

Tudo muito técnico e organizado.

Curiosidades do Handebol – Destaque

Sempre existe aquele país que se destaca em algum esporte, no handebol não é diferente.

Destaque – Curiosidade do Handebol

A França é o principal destaque no Handebol masculino, pois ganhou medalhas de ouro nas Olimpíadas de 2008 (Pequim) e 2012 (Londres), e de prata nos Jogos Olímpicos do Rio 2016. Já no Handebol feminino, os grandes destaques da atualidade são a seleção dinamarquesa, que ganhou medalhas de ouro nas Olimpíadas de 2008 e 2012, além da seleção russa que conquistou o ouro nos Jogos Olímpicos do Rio 2016.

Curiosidades do Handebol – Jogador duas camisas

Sabia que existe um jogador, e também único, que conseguiu conquistar medalhas nos Jogos Olímpicos disputando por dois países?

Bandeirinha? – Curiosidade do Handebol

Talant Duyshebaev é o único jogador de Handebol a conquistar medalhas olímpicas por dois países. Nascido no Quirguistão, Talant ganhou medalha de ouro nas Olimpíadas de 1992, jogando pela equipe da CEI (Comunidade dos Estados Independentes). Após assumir a nacionalidade espanhola, conquistou medalhas de bronze nos Jogos Olímpicos de 1996 e 2000, jogando pela Espanha.

Curiosidades do Handebol – Gol

Existe um jogador que fez mais de 20 gols em uma única partida, isso é algo de muito prestigio, você não concorda?!

Goleador – Curiosidade do Handebol

O jogador que mais marcou gols numa partida de Handebol foi Zoran Mikulic. O croata marcou 21 gols numa partida disputada em Guadalajara (México).

20 Curiosidades do Handebol

Uma historia de sucesso do goleador.

Curiosidades do Handebol – Técnicas

No Handebol, existem diversas técnicas que fazem com que o jogo fique a favor do time, técnicas que muitas vezes entram em contradição com as do futebol.

Técnicas – Curiosidade do Handebol

No handebol, ao contrário do futebol, um jogador destro prefere jogar pela esquerda, e um jogador canhoto prefere atuar pela direita.

É porque assim seu braço de arremesso ficará pelo lado de dentro da quadra, e por isso com maior ângulo para o tiro ao gol.

Curiosidades do Handebol – Ué, não era um esporte flopado?

Flopado vem do verbo flopar (utilizado apenas na internet, não vamos trazer esse linguajar para conversas cultas) que representa o termo fracassar.

O handebol é um esporte considerado flopado fora do continente europeu, entretanto, não é isso o que as pesquisas apontam.

Esporte bem praticado – Curiosidade do Handebol

O esporte é praticado por cerca de 33 milhões de atletas em 185 países.

Curiosidades do Handebol – Sujeira

Para quem acompanha jogos de handebol já deve ter reparado que sempre as bolas estão sujas, mas você sabe o por quê?

Bola suja – Curiosidade do Handebol

Os atletas utilizam uma cola especial nas mãos para ter um contato mais firme com a bola. É por isso que as bolas de handebol sempre parecem sujas.

Essas dicas são mesmo profissionais.

Curiosidades do Handebol – Primeiro campeonato

Embora tenha sido um esporte adaptado para as mulheres, o primeiro campeonato de handebol foi disputado por times masculino.

Primeiro campeonato – Curiosidade do Handebol

O primeiro campeonato mundial de Handebol masculino ocorreu em 1972. Já o primeiro feminino foi disputado em 1976.

Curiosidades do Handebol – Sem disputas

Quando comparado a um outro esporte bem conhecido, o handebol não tem vez e cai no esquecimento de muitos.

Contra o futebol ninguém pode – Curiosidade do Handebol

O handebol teve um período de decadência,pois como era jogado em campos o inverno atrapalhava e ele disputava o espaço com o futebol e é obvio que as pessoas escolheriam o futebol.

Curiosidades do Handebol – Europeus são invictos?

Os europeus são os melhores quando o assunto é disputa de handebol, afinal, é um esporte nativo. Esse esporte sempre é ganhado por times europeus, entretanto, será que eles são invictos?

Fatality – Curiosidade do Handebol

Tanto no masculino como no feminino, houve sempre domínio da Europa, berço do esporte. A primeira vez em que um país não-europeu levou o ouro foi em Seul-1988, quando a Coréia do Sul venceu no feminino, feito que repetiria em Barcelona-1992. Entre os homens, esse tabu ainda não caiu.

Até a próxima!

Espero que após esse post você tenha se interessado um pouco mais sobre esse esporte que é o handebol, aproveite a oportunidade para ler mais de nossos artigos.

Já jogou alguma vez? Se não, recomendo que experimente, é um esporte incrível que precisa ser mais praticado.

20 Curiosidades do Futebol

Neste post, você encontrará diversas curiosidades do futebol, um esporte tão querido em todo o mundo.

20 Curiosidades do Futebol

O Futebol é de fato um dos esportes mais conhecidos e praticados em todo o mundo, e alegra a vida de muitas pessoas e faz muitas das vezes com que as pessoas fiquem unidas, principalmente na Copa do Mundo.

20190130 173747 0001 7163088 6874585

Neste post, você encontrará diversas curiosidades sobre esse esporte fascinante que com certeza irão te surpreender.

Curiosidades do Futebol – Futebol tem dia?

Bater aquela bolinha com os amigos não tem dia nem hora certa não é mesmo. Entretanto, existe um dia especifico que comemora-se o futebol, você sabe que dia seria este?

Dia do Futebol – Curiosidades do Futebol

No dia 19 de julho comemora-se o dia do futebol, é uma data não tão divulgada, mas deveria ter maior visibilidade, afinal, somos o país do futebol.

Curiosidades do Futebol – Goleada

A goleada que mais marcou a vida dos brasileiros foi o 7×1 da Alemanha na Copa do Mundo de 2014, entretanto, já foi registrado uma goleada muito maior que isso.

Que vergonha! – Curiosidades do Futebol

A maior goleada que se tem registro foi entre Botafogo e Mangueira, em 1909, com o placar de 24 a 0, os gols foram marcados por Gilbert (9), Flávio (7), Monk (2), Lulu (2), Raul (1), Dinorah (1), Henrique (1) e Emanuel (1).

Curiosidade do Futebol – Inclusão

20190130 175558 0001 3273152 8498601

O estereótipo de jogadores de futebol são homens em completa forma física e muita disposição, entretanto, você sabia que já existiu um jogador obeso?

Jogador obeso – Curiosidade do Futebol

O goleiro mais gordo da história foi Foulke, jogador do Bradford City, clube Inglês. Media 1,90m, pesava 141kg e, no final da carreira, chegou a jogar com 165kg.

Curiosidades do Futebol – O maior estádio do mundo

20190130 174323 0001 4376625 4132761

O maior estádio do mundo é brasileiro e aposto que você já faz ideia de qual campo é.

Grande pra caramba – Curiosidades do Futebol

O maior estádio do mundo está localizado no Brasil, especificamente no Rio de Janeiro, é o Maracanã, que ocupa uma área de 146 452 metros quadrados.

Curiosidades do Futebol – Vanguarda

Você faz ideia de quais são os times que fazem parte da vanguarda do futebol? Os pioneiros a serem formados? Confira a seguir.

Primeiro time do mundo – Curiosidades do Futebol

O time de futebol mais antigo do mundo é o Sheffield Football Club, da Inglaterra, fundado em 24 de outubro de 1857.

Primeiro time do Brasil – Curiosidades do Futebol

O clube de futebol brasileiro mais antigo é o Sport Club Rio Grande, fundado em 19 de julho de 1900 na cidade de Rio Grande (RS).

Curiosidade do Futebol – Primeira partida de futebol do Brasil

20190130 173927 0001 4065034 1441331

A primeira partida de futebol no Brasil foi um pouco quanto engraçada, um time de uma empresa contra a outra, sem muita formalidade.

Primeira partida – Curiosidade do Futebol

A primeira partida de futebol no Brasil ocorreu em 15 de abril de 1895, na Várzea do Carmo (cidade de São Paulo), entre os funcionários de duas empresas que atuavam na cidade. O placar do jogo foi Companhia de Gás 2 x 4 Cia. Ferroviária São Paulo Railway.

Curiosidades do Futebol – O inicio da Copa do Mundo?

Você sabe quando foi a primeira partida de seleção contra seleção?

Primeira disputa – Curiosidades do Futebol

O primeiro jogo de futebol, entre seleções, realizado no mundo ocorreu em Glasgow, capital da Escócia. Realizado em 30 de novembro de 1872, a Escócia empatou com a  Inglaterra pelo placar de 0 a 0.

Curiosidades do Futebol – No Brasil

20190130 174117 0001 8114502 8691408

O futebol, com regras, bola e afins chegou no Brasil por intermédio de um brasileiro filho de ingleses.

Futebol no Brasil – Curiosidades do Futebol

O futebol (regras, bola e informações) foi trazido ao Brasil em 1894 por Charles Miller, brasileiro filho de ingleses, ao retornar da Inglaterra onde viveu alguns anos e jogou no time do Southampton.

Curiosidades do Futebol – A copa do Mundo

20190130 180151 0001 1761991 1682571

A primeira copa do mundo foi disputada na América do Sul no ano de 1930.

Primeira Copa do Mundo – Curiosidades do Futebol

A primeira Copa do Mundo de Futebol foi realizada no Uruguai em 1930. O Uruguai foi campeão após vencer a Argentina pelo placar de 4 a 2.

Curiosidades do Futebol – Camisetas Numeradas

20190130 175021 0000 1078669 4526977

As numerações na camiseta dos jogadores começou tardiamente, não logo assim que o futebol explodiu.

Camisetas numeradas – Curiosidades do Futebol

Foi somente a partir da Copa do Mundo de 1950 que os jogadores começaram a usar números nas camisas.

Curiosidades do Futebol – Primeiro campeonato brasileiro

Você faz ideia de qual o primeiro campeonato de futebol brasileiro? Pois se você não sabe, foi o Paulista.

Paulista – Curiosidades do Futebol

 O primeiro campeonato de futebol, realizado no Brasil, foi o Paulista que ocorreu em 1902. O título ficou com o São Paulo Athletic Club.

Curiosidades do Futebol – Sinalizações

O futebol passou a se adequar e se aprimorar ao longo dos anos, desde o seu inicio, ele evoluiu muito.

Cartões – Curiosidades do Futebol

Foi somente na Copa do Mundo de 1970 que os árbitros de futebol começaram a usar os cartões vermelho e amarelo.

https://youtube.com/watch?v=PzAwbUbx4M4

Curiosidade do Futebol – Rei Pelé

Pelé é um dos maiores nomes do futebol, e que com certeza será lembrado por muitas gerações.

Camisa 10 – Curiosidade do Futebol

Pelé (Edson Arantes do Nascimento), o maior jogador de futebol de todos os tempos, celebrizou a camisa número 10 da seleção brasileira e do Santos Futebol Clube.

Curiosidade do Futebol – Sem sedentarismo

20190130 175910 0001 4616186 9995002

Para ser um jogador profissional é preciso estar em forma e ter muita disposição, pois esses profissionais andam e correm muito no decorrer das partidas.

Corredores – Curiosidade do Futebol

Numa partida de futebol profissional, um jogador de linha anda e corre entre 10 e 14 quilômetros.

Curiosidade do Futebol – Origem do Futebol

Não se sabe ao certo como o futebol surgiu, mas existe uma boa explicação de sua evolução até os dias de hoje.

Tsu Chu – Curiosidades do Futebol

Embora não se tenha muita certeza sobre os primórdios do futebol, historiadores descobriram vestígios dos jogos de bola em várias culturas antigas. Na China Antiga, por volta de 3000 a.C, os militares chineses formavam equipes para chutar a cabeça dos soldados inimigos, um jogo chamado de Tsu Chu.

Curiosidades do Futebol – Recorde Brasileiro

20190130 175327 0001 9185151 7055777

O Brasil além de ter o maior estádio do mundo, possui um jogo com maior sucesso de bilheteria.

Casa Cheia – Curiosidades do Futebol

O maior público pagante numa partida de futebol no Brasil foi no jogo entre Brasil e Paraguai, pelas Eliminatórias da Copa do Mundo de 1970. O jogo, realizado no estádio do Maracanã em 31 de agosto de 1969, foi visto por 183.341 pagantes. O Brasil venceu a partida pelo placar de 1 a 0.

Curiosidades do Futebol – Fifa

Em 1904, foi criada a FIFA, Fédération Internationale de Football Association, que traduzida do francês para o português significa Federação Internacional de Futebol

Pra que serve – Curiosidades do Futebol

 A FIFA que organiza até hoje o futebol em todo mundo e organiza a Copa do Mundo, de quatro em quatro anos. A FIFA também organiza a Copa Libertadores da América, a Copa da UEFA, a Liga dos Campeões da Europa, entre outras.

https://youtube.com/watch?v=EjHzOQsKd5M

Curiosidades do Futebol – Rivalidade

O maior rival da seleção brasileira é a Argentina, a primeira disputa não teve tão bom desfecho assim.

Brasil ganhou? – Curiosidades do Futebol

O primeiro jogo oficial (amistoso) do Brasil foi contra a Argentina. Realizado em Buenos Aires em 20 de setembro de 1914, os argentinos levaram a melhor e ganharam por 3 a 0.

Curiosidades do Futebol – Reconhecimento

E não é só de atacante que é formado um time de futebol, existem outras importantes funções que precisam ser valorizadas.

Datas Comemorativas – Curiosidades do Futebol

No Brasil, é comemorado em 14 de janeiro o Dia do Treinador de Futebol. No dia 25 de abril, é comemorado o Dia do Goleiro.

Curiosidades do Futebol – Expulsões

Em uma partida no Brasil, praticamente todo o time de futebol foi expulso durante o jogo.

Todos expulsos – Curiosidades do Futebol

A partida de futebol no Brasil onde ocorreu maior número de expulsões foi entre Portuguesa-SP e Botafogo-RJ. Realizada no torneio Rio-São Paulo de 1954, ocorreram 22 expulsões de jogadores, após uma briga entre os jogadores das duas equipes. O time paulista venceu o jogo pelo placar de 3 a 1.

Até a próxima!

Espero que após esse post você se divirta muito jogando este jogo que é uma grande alegria, o futebol, não precisa ser levado tão a sério como o profissional, o que importa é a diversão.

20 Curiosidades sobre o Sistema Solar

O sistema solar é gigantesco e tem muitas coisas para surpreender não é mesmo? Neste post você encontrará 20 curiosidades sobre o sistema solar que com certeza irão te deixar instigado.

20 Curiosidades sobre o Sistema Solar

O Sistema Solar compreende o conjunto constituído pelo Sol e todos os corpos celestes que estão sob seu domínio gravitacional. A estrela central, no caso, o Sol, a maior componente do sistema.

20190124 160622 0001 8118981 5373220

O sistema solar é gigantesco e tem muitas coisas para surpreender não é mesmo? Neste post você encontrará 20 curiosidades do sistema solar que com certeza irão te deixar instigado.

Curiosidades sobre o Sistema Solar – Satélite

Os satélites não surgem com um objetivo definido de servir a algo, isto é uma consequência, mas a função varia de acordo com cada astro.

A lua – Curiosidades sobre o Sistema Solar

O planeta Terra possui apenas um satélite natural: a Lua. Que tem como papel controlar marés, ondas, ventos, refletir a luz estelar.

Curiosidades sobre o Sistema Solar – Maior Satélite

É obrigação do satélite ser menor do que o astro que ele orbita. Entretanto, existem satélites extramente gigantes.

Grande pra caramba – Curiosidades sobre o Sistema Solar

O maior satélite natural do Sistema Solar é Ganimedes, lua do planeta Júpiter.

Curiosidades sobre o Sistema Solar – Estrelas

As estrelas são conhecidas por serem pequenos pontos de luz que deixam qualquer noite mais atraente. Entretanto, esses pequenos pontos de luz são grandes astros que orbitam a anos-luz de nós.

Onde elas habitam? – Curiosidades sobre o Sistema Solar

A estrela mais próxima do Sistema Solar é Centauri, distante cerca de 4,22 anos-luz. Ela está localizada no sistema Alpha Centauri.

Curiosidades sobre o Sistema Solar – Única estrela

Apenas uma estrela faz parte da composição do nosso sistema solar. Você sabe qual ela é?

O Sol – Curiosidades sobre o Sistema Solar

Não sei se é do seu conhecimento, entretanto, o Sol é uma estrela! O Sol é a única estrela presente no Sistema Solar.

https://youtube.com/watch?v=E5ZX11Dc3t4

Curiosidades sobre o Sistema Solar – Massa e Diâmetro

De acordo com a massa e diâmetro, existe um planeta maior de todos no sistema solar.

Júpiter – Curiosidades sobre o Sistema Solar

Com relação à massa e diâmetro, Júpiter é o maior planeta do Sistema Solar.

Curiosidades sobre o Sistema Solar – Maior montanha

Todos nós sabemos que a maior montanha do mundo é o Monte Everest, entretanto, comparado com a maior montanha do sistema solar, o Monte Everest é uma pequena lombada.

Maior Montanha – Curiosidades sobre o Sistema Solar

A maior montanha do Sistema Solar fica no planeta Marte. Ela se chama Monte Olimpo e possui cerca de 20 km de altura.

Curiosidades sobre o Sistema Solar – Que Eternidade!

Uma volta completa da Terra ao redor do Sol dura 365 dias, entretanto, em outros planetas 365 dias é como se fosse algumas horas.

Netuno – Curiosidades sobre o Sistema Solar

Netuno demora 164,8 anos para dar uma volta completa ao redor do Sol.

Curiosidades sobre o Sistema Solar – O Sol

O Sol é um astro gigante que ocupa praticamente toda a massa do Sistema Solar.

99% – Curiosidades sobre o Sistema Solar

O Sol representa cerca de 99% da massa de todo Sistema Solar.

Curiosidades sobre o Sistema Solar – Acumulador

A Terra só possui um satélite natural. Entretanto, existe outro planeta que possuí muitos satélites naturais.

 – Curiosidades sobre o Sistema Solar

O planeta que apresenta maior quantidade de satélites é Júpiter (63 satélites naturais).

Curiosidades sobre o Sistema Solar – Sem Lua

Enquanto alguns planetas possuem muitas luas, alguns não possuem nenhuma, especificamente, dois planetas.

Zero Luas – Curiosidades sobre o Sistema Solar

Os únicos planetas do sistema solar que não possuem luas (satélites naturais) são Mercúrio e Vênus.

Curiosidades sobre o Sistema Solar – Quantos anos possui o Sistema Sotar?

Quantos anos determinadamente possui o Sistema Solar é uma resposta que não temos, entretanto, existem estudos que dão um número aproximado.

Aniversário do Sistema Solar – Curiosidade sobre o Sistema Solar

Segundo estudos de astrofísicos, o Sistema Solar nasceu a, aproximadamente, 4,6 bilhões de anos.

Curiosidade sobre o Sistema Solar – Amigos Próximos

Você sabe qual o planeta que fica mais próximo da Terra e muitas vezes conseguimos ver a olho nu?

Proximidade – Curiosidades sobre o Sistema Solar

Marte é o planeta mais próximo da Terra.

Curiosidade sobre o Sistema Solar – Asteroides

Asteroides passam com frequência perto de nossa órbita. Corremos algum risco de sermos atingidos?

Corremos risco? – Curiosidade sobre o Sistema Solar

Muitos asteroides passam próximo à órbita do nosso planeta, porém o risco de choque com a Terra é muito pequeno.

Curiosidade sobre o Sistema Solar – Olho nu

Existem diversos planetas que podem ser vistos a olho nu daqui da Terra, que com certeza você já deve ter visto.

Cinco Planeta – Curiosidades sobre o Sistema Solar

Cinco planetas do Sistema Solar podem ser visualizados a olho nu (sem ajuda de equipamentos). São eles: Vênus, Mercúrio, Júpiter, Marte e Saturno. O nome destes planetas são referências aos deuses da mitologia greco-romana.

Curiosidade sobre o Sistema Solar – Planeta mais quente

O planeta do Sistema Solar que está mais próximo do Sol é Mercúrio. Mercúrio é também o menor planeta do sistema solar, além de ser o segundo mais quente (o mais quente é Vênus). A temperatura na superfície de Mercúrio pode atingir 420ºC, enquanto em Vênus ela pode chegar a 460ºC (também na superfície).

Ué, por quê?- Curiosidades sobre o Sistema Solar

O planeta mais quente do nosso sistema solar é Venus. A maioria das pessoas geralmente pensa que seria Mercúrio, pois é o planeta mais próximo do sol. Isso ocorre porque Venus tem muitos gases na atmosfera, o que causa o “efeito estufa”.

Curiosidades sobre o Sistema Solar – O Sol

O Sol é extremamente grande, e como foi citado anteriormente, ele ocupa 99% da massa do Sistema Solar. Entretanto, você sabe quando

Muitas vezes – Curiosidades sobre o Sistema Solar

O Sol é mais de 300.000 vezes maior que a Terra.

Curiosidades sobre o Sistema Solar – Pegadas no caminho

Na lua as pegadas que os astronautas nunca são apegas por um motivo simples.

Pegadas na lua – Curiosidade sobre o Sistema Solar

Pegadas e trilhas de pneus deixados pelos astronautas na lua permanecerão lá para sempre, pois não há vento para apagá-los.

Curiosidade sobre o Sistema Solar – Quilos a menos

Em Marte, sabia que é possível perder mais que a metade dos seus quilos devido a gravidade?

Gravidade – Curiosidade sobre o Sistema Solar

Por causa da menor gravidade, uma pessoa que pesa 100kg na terra pesaria apenas 38kg na superfície de Marte.

Curiosidade sobre o Sistema Solar – Vida em outro planeta?

Recentemente, foram descobertas evidências de água em um satélite, não necessariamente em outro planeta.

Água na Lua – Curiosidade sobre o Sistema Solar

O satélite de observação e detecção de crateras da NASA (LCROSS) declarou ter encontrado evidências de quantidades significativas de água na Lua da Terra.

Curiosidade sobre o Sistema Solar – Gases

Existem alguns planetas que possuem uma grande quantidade de gases encontrados em sua atmosfera.

Gasosos – Curiosidade sobre o Sistema Solar

 Os quatro planetas do nosso sistema solar que são conhecidos como gigantes do gás são Júpiter, Neptuno, Saturno e Urano.

O que é capitalismo?

Olá pessoal, vamos discutir neste post sobre O que é capitalismo. Vamos trabalhar conceitos, característicos e outras perspectivas sobre esse tema. Vamos lá?

O que é capitalismo?

O capitalismo é o sistema sócio econômico baseado no reconhecimento dos direitos individuais. Portanto, toda propriedade é privada e o governo existe para banir a iniciação de violência humana.

o que é capitalismo

Em uma sociedade capitalista, o governo tem três órgãos: a polícia, o exército e as cortes de lei.

Surgiu no século XV, na passagem da Idade Média para a Idade Moderna, a partir da decadência do sistema feudal e do nascimento de uma nova classe social, a burguesia.

O capitalismo é um sistema econômico e social, que tem o principal objetivo de lucro e acumulação de riquezas. Esse objetivo é alcançado por meio de acumulação de riquezas e esse é o sistema mais adotado no mundo.

Apesar de ser considerado um sistema econômico, o capitalismo se estende para os campos políticos. No sistema capitalista, os meios de produção e de distribuição são de propriedade privada e o maior esforço deste processo está nas mãos dos trabalhadores.

História do Capitalismo

O sistema capitalista surgiu na Europa Ocidental graças as mudanças ocorridas no sistema feudal. Por causa da centralização do poder nas mãos de um rei e da ascensão da burguesia, a sociedade experimentou uma enorme transformação.

Com o capitalismo, começaram a surgir diversas modificações no modo de produção. Das quais podemos citar o aumento da urbanização, melhorias da comunicação e dos meios de transporte, entre outras…

O capitalismo já passou por diversas transformações, mas sempre teve como maior objetivo o lucro obtido.

Podemos dizer que, historicamente o capitalismo está dividido em três fases, sendo elas:

  • Capitalismo Comercial:

O período entre os séculos XVI e XVII é comumente descrito como “Mercantilismo”. Associa-se este período à exploração geográfica da Era dos Descobrimentos; à colonização europeia nas Américas e ao rápido crescimento do comércio exterior.

  • Capitalismo Industrial:

O Capitalismo Industrial ou Industrialismo surgiu com a Revolução Industrial no século XVIII, a partir da transformação do sistema de produção.

Um novo grupo de teóricos econômicos desafiou as doutrinas mercantilistas fundamentais. Por exemplo, como a crença de que o montante da riqueza mundial permaneceu constante. Além de que um Estado só pode aumentar a sua riqueza em detrimento de outro Estado.

  • Capitalismo Financeiro:

O capitalismo financeiro está fundamentado nas leis dos bancos, das empresas e das grandes corporações. Isso ocorre por meio  do monopólio industrial e financeiro, teve inicio no século XX e está em vigor até hoje.

A escola e o capitalismo:

A escola, bem como qualquer instituição social, não pode ser estudada isoladamente, independente do modo de produção ao qual faz parte.

Como a sociedade atual é marcada fortemente pelo sistema capitalista. Em consequência disso, ao longo dos tempos a educação foi se desenvolvendo e adquirindo características do sistema capitalista, desenvolvendo formas e conteúdos diversos.

O capitalismo considera muito importante a educação escolar. Para ele na educação escolar é que os indivíduos passam a conviver diretamente com regras, normas, objetivos e anseios. Nas escolas de hoje vivemos em um período de globalização da Educação, que também foca no capitalismo.

Devemos destacar o fato de que principalmente nos países subdesenvolvidos, as condições estruturais não possibilitam a todos o acesso às novas tecnologias de informações e comunicação.

Como por exemplo recursos para ampliar o universo de informações, e para criar ambientes de aprendizado que enfatizem a construção do conhecimento. As instituições escolares defrontam-se com vários desafios, diante a essas mudanças e exigências da sociedade.

Ao mesmo tempo em que a educação é a responsável por uma série de problemas de ordem social, moral e econômica. Ela é também considerada como elemento fundamental para a reestruturação econômica e para a solução de problemas sociais e culturais que existem.

Os sistemas escolares se encontram em um momento repleto de opiniões contrárias e dilemas. Visto que, ao mesmo tempo em que são depositadas tantas expectativas em relação à educação, as políticas que a ela se aplicam encontram-se mais preocupadas com interesses reduzidos e tangencialmente educativos.

As escolas acabam, de uma forma ou de outra, sempre conseguindo formar cidadão para os ensinos superiores e para o mercado de trabalho, portanto, para o sistema capitalista.

Fim do post sobre O que é capitalismo

Gostou do post? Espero que tenha satisfeito as suas expectativa com o post O que é capitalismo e que tenha sido útil para seus objetivos de pesquisa. Você pode acompanhar mais posts como esse no Demonstre na categoria O que é.

Deixe seu comentário e sugestões para a melhoria do blog. Suas contribuições para o blog Demonstre.

Você também pode gostar de:

https://demonstre.com/teoria-liberal/

O que é substantivo

Olá pessoal, o post de hoje vai trabalhar O que é substantivo. Vamos abordar a definção suas regras e categorias. Espero que gostem e compartilhem!

O que é substantivo

 Substantivo é um termo originado do latim substantivu que significa substancial. Na gramatica substantivo é toda palavra que dá nome a alguém, algum lugar, alguma coisa, a sentimentos, a tudo que você pode ver, sentir oi imaginar.

o que é substantivo

O substantivo é uma classe da gramática e, portanto, um estudo da morfologia. Toda classe gramatical é dividida em variável ou invariável e os substantivos fazem parte das variáveis, aquelas que podem se flexionar, mudar de acordo com as situações, se trata-se do masculino ou do feminino, da quantidade e do grau.

É muito importante entendermos essas variações, porque se sairmos da morfologia e acabarmos indo para a sintaxe, é fundamental que essa informação seja aplicada, porque assim, a compreensão da nova matéria será muito mais fácil.

Como acontece essa variação das palavras?

É muito simples entendermos isso, basta compreender se a palavra está no singular ou no plural, no aumentativo ou diminutivo, ou se está no masculino e feminino.

Exemplos:

Menina / Menininha / Meninona / Meninas.

Carro / Carrinho/ Carrão.

Gato/ Gata/ Gatos/ Gatas/ Gatinho/ Gatinha/ Gatões/ Gatonas.

Quais são os tipos de substantivos?

  • Substantivos Primitivos: São aqueles que não tem origem de outras palavras. Ex: Gato, casa, mulher, livro…
  • Substantivos Derivados: São formados a partir de substantivos primitivos. Ex: Aviador, Jornalistas, floral, livraria…

– Entre os substantivos derivados existem divisões, sendo elas: derivação parassintética, derivação sufixal, derivação prefixal, derivação impropria e derivação regressiva.

  • Substantivos simples: É aquele formado por apenas um radical, ou seja, uma palavra. Ex: Alegria, tristeza, telefone…
  • Substantivos compostos: Esse tipo de substantivo é composto por duas palavras. Ex: Guarda-sol…
  • Substantivos Concreto: São palavras que se referem a seres ou objetos com existência própria, que não precisam de outros seres, objetos, lugares… Ex: Noite, tulipa, garfo…
  • Substantivos Abstratos: São aqueles que para existirem dependem de algo ou de alguém. Ex: Felicidade, ódio, raiva
  • Substantivos Coletivos: São aqueles que indicam alguma coleção ou conjuntos de seres da mesma espécie. Ex: Constelação, boiada, enxame…
  • Substantivos Comuns: São aquelas que generalizam algo e não especifica. Ex: Mulheres, meninos…
  • Substantivos Próprios: São aqueles que particularizam algo, dão nomes as pessoas, aos lugares. Ex: Ana, Heitor, Apucarana…

Morfossintaxe do substantivo

Para entendermos a morfossintaxe de um substantivo, primeiro precisamos saber o que é a morfossintaxe. Ela nada mais é que uma parte da gramática que estudo e analisa as palavras e suas morfologias (estudo das formas) e a síntese (regras para reger a formação de alguma frase).

Nas frases escritas em português, o substantivo na maior parte das vezes tem suas funções relacionadas diretamente com o verbo. Ele atua como núcleo do sujeito, dos complementos verbais e dos agentes da passiva (complemento da frase que pratica a ação sofrida ou recebida pelo sujeito).

Como saber se a palavra é um substantivo?

Podemos transformar qualquer palavra em um substantivo desde que coloquemos um artigo para preceder, por exemplo: “O olhar dela me encanta.”

Então, você pode identificar um artigo com muita facilidade, basta ver se ele foi ou não precedido por um artigo (o/ a/ os/ as/ um/ uma/ uns/ umas).

Muitas são as classificações, mas o que realmente define um substantivo é sua capacidade de dar nome, é fácil, você pensa em uma palavra, se ela servir para dar nome a qualquer coisa ela é um substantivo.

Fim do post sobre O que é substantivo

Obrigada por ter acompanhado mais esse post. Espero que tenha sido útil para você.

Deixe seu comentário e suas ideias para o Demonstre!

Você também pode gostar de:

https://demonstre.com/o-que-e-adjetivo/

O que é pronome?

 Oi pessoal, o post de hoje vai trabalhar O que é pronome. Traremos o conceito, as categorias e a aplicação dos mesmos.

O que é pronome?

 Pronome é a palavra usada para substituir o nome, é uma classe de palavra que tem como finalidade indicar a pessoa do discurso ou situar no tempo e espaço sem usar o nome, podendo ainda indicar a posse de um objeto ou sua localização.

O QUE É PRONOME

O pronome é uma classe de palavras variável, ou seja, se flexiona em número (plural e singular), gênero (masculino e feminino) e grau.  Quando são usados para substituir o substantivo são chamados de pronomes substantivos e quando são utilizados como acompanhamento são chamados de pronome adjetivo.

Os pronomes têm diversas classificações, sendo estas: pronomes pessoais, pronomes possessivos, pronomes demonstrativos, pronomes interrogativos, pronomes indefinidos e pronomes relativos.

As classificações dos pronomes

  • Pronomes pessoais

Tanto na fala quanto na escrita estão envolvidas três pessoas do discurso:

– A 1ª pessoa: aquele que fala (eu, nós), o locutor;

– A 2ª pessoa: aquele com quem se fala (tu, vós);

– A 3ª pessoa: aquele de quem se fala (ele, ela, eles, elas), o assunto ou referente.

Também são pronomes pessoais as formas que servem de complementos (me, mim, comigo, nos, conosco; te, ti, contigo, vos, convosco; o, a, lhe, se, si, consigo, os, as, lhes).

Os pronomes pessoais ainda são divididos em: pronomes pessoais retos (quando exercem a função de sujeito); e pronomes pessoais oblíquos (quando substituem o substantivo e complementam os verbos).

  • Pronomes de Tratamento

Apresentam as formas pelas quais nos referimos as pessoas, dependendo de seus cargos. Por exemplo:

-Vossa Majestade

-Vossa Senhoria

-Vossa Santidade

-Vossa Excelência

  • Pronome possessivo

Os pronomes possessivos estabelecem a ideia de posse entre o objeto e as três pessoas do discurso. Exemplos:

Primeira pessoa do singular = meu, minha, meus, minhas

Segunda pessoa do singular = teu, tua, teus, tuas

Terceira pessoa do singular = seu, sua, seus, suas

Primeira pessoa do plural = nosso, nossa, nossos, nossas

Segunda pessoa do plural = vosso, vossa, vossos, vossas

Terceira pessoa do plural = seu, sua, seus, suas

  • Pronome demonstrativo

É flexionável em gênero e número, indica a localização dos seres em relação ao espaço e ao tempo e também se flexiona as três pessoas do discurso, determinando a distancia entre elas e o objeto.

Primeira pessoa → este, esta, estes, estas, isto (Os seres ou objetos estão próximos da pessoa que fala).

Segunda pessoa → esse, essa, esses, essas, isso (Os seres ou objetos estão próximos da pessoa com quem se fala).

Terceira pessoa → aquele, aquela, aqueles, aquelas, aquilo (Os seres estão longe tanto do emissor (quem fala) quanto do receptor (com quem se fala).

  • Pronome indefinido

Esse tipo de pronome sempre se refere a terceira pessoa do discurso, pois são usados para demonstrar a imprecisão ou indeterminação.

Exemplos: Algum, ninguém, bastante, outrem…

  • Pronomes relativos

Os pronomes relativos recebem esse nome porque se relacionam ao termo anterior e têm a função de os substituir. Eles são usados para evitar a repetição desnecessária dos termos.

Exemplos: Cujo, quanto, quem…

Ensinando os pronomes

Um do melhor modo para ensinar os pronomes é usando um jogo de memória, que tem como principais objetivos reconhecer a função dos pronomes para a construção de sentidos nas diferentes situações comunicativas e classificar os pronomes.

Antes de iniciar a aplicação dos jogos, é preciso organizar os conteúdos e depois separar a turma em diversos grupos para que possam jogar. O jogo funciona como qualquer outro jogo da memória, mas fazendo perguntas.

Por exemplo. Em uma combinação diz “PRONOME DE TRATAMENTO” e no outro diz “VOSSA MAJESTADE”  e essa é a combinação que devem fazer.

Fim do post sobre O que é pronome

Espero que você tenha gostado do conteúdo sobre O que é pronome.

Deixe que seu comentário e suas ideias para o Demonstre. Estamos aberto a contribuições!

Você pode gostar de:

https://demonstre.com/o-que-e-adjetivo/

O que é verbo

Olá pessoal, o post de hoje vai falar sobre O que é verbo. A definição, as categorias e as regrinhas básicas que todos nós precisamos saber.

O que é verbo

Verbo é uma palavra derivada do latim verbum que significa a palavra. Na língua portuguesa esse tipo de palavra indica alguma ação, situação ou mudança de estado. O verbo é o responsável por exprimir fenômenos em relação a determinados tempos. Ressaltando a ideia de que verbos podem expressar outros fatos que não os citados anteriormente.

o que é verbo

O que caracteriza o verbo são suas flexões e não necessariamente os seus significados. O verbo pode ser flexionado em pessoa, número, tempo, modo e voz. Por exemplo, veremos a seguir a conjugação do verbo amar, no presente, pretérito perfeito e futuro do presente, mas devemos lembrar que na língua portuguesa existem tantas outras conjugações.

PessoasPresentePretérito perfeitoFuturo do presente
EuAmoAmeiAmarei
TuAmasAmastesAmarás
EleAmaAmouAmará
NósAmamosAmamosAmaremos
VósAmaisAmastesAmareis
ElesAmamAmaramAmarão

Os verbos na língua portuguesa são classificados quanto as conjugações, sendo elas as do primeiro grupo com os verbos terminados em ar, por exemplo amar, beijar, olhar… Os de segundo grupo que são aqueles terminados em er, como lamber, comer, beber, ver… E aqueles do terceiro grupo que são terminados em ir, como, vir, colorir… São também classificados quanto a semântica (transitivo, intransitivo, impessoais e verbos de ligação) e também são classificados quanto a sua morfologia, isto é se são regulares ou irregulares.

Estrutura dos verbos

  • Radical

Radical do verbo é aquela parte invariável que expressa o principal significado. Por exemplo:

Comi – comeu – comemos

 Olho – olha – olhei.

  • Tema

É a parte que indica a conjugação do verbo, é o radical seguido da vogal temática.

  • Desinência modo-temporal.

É o elemento responsável por designar o tempo e o modo dos verbos.

  • Desinência número-pessoal.

É o elemento que designa as pessoas as pessoas do discurso e o número.

Verbos transitivos diretos e indiretos

Verbo transitivo ´aquele que vem acompanhado por complementos: quem sene, sente algo, quem vê, vê alguma coisa. O sentido desse verbo segue sempre adiante, e se integra aos complementos para que, assim, adquira o sentido completo.

O verbo Transitivo Direto acontece quando o verbo é ligado diretamente ao complemento, sem preposição.

Exemplo: Nós assistimos nossa série preferida.

Já o verbo transitivo indireto refere-se a quando o complemento vem ligado ao verbo através de uma preposição obrigatória.

Exemplo: Maria gosta de Felipe.

Ainda existem os verbos transitivos diretos e indiretos que são aqueles que necessitam de dois complementos, um com preposição e o outro sem preposição.

Exemplo: A menina ofereceu ajuda à sua mãe.

Os tempos Verbais

  • Presente: Indica o momento atual e situações permanentes.
  • Pretérito perfeito: Indica fatos que foram concluídos antes do momento em que se fala.
  • Pretérito imperfeito: Refere-se a passados que ocorreram de forma contínua, ou fatos que não foram concluídos no momento em que se fala.
  • Pretérito mais que perfeito: Um fato que foi concluído antes que outro fato também fosse concluído. Costumamos substituir essa conjugação por uma composta. Por exemplo: fechara – tinha fechado.
  • Futuro: São utilizados para indicar coisas que vão acontecer ou que podem acontecer após o momento em que foi dito.
  • Futuro do Presente: Traz fatos que vão ocorrer logo após o momento da fala.
  • Futuro do Pretérito: Ele indica um fato futuro em relação a um fato passado.

 Entendemos que os verbos são partes fundamentais em qualquer idioma, sem eles não conseguiríamos indicar nossas ações ou sentimentos. Precisamos dos verbos para conseguirmos nos expressar.

Fim do post sobre O que é verbo

O brigada por ter lidomais esse post do Demonstre. Espero que tenha correspondido as suas expectativas.

Deixe seu comentário e sugestão para o nosso blog melhorar a cada post!

Você também pode gostar de:

https://demonstre.com/o-que-e-adjetivo/

O que é adjetivo?

Olá pessoal, o post de hoje vai ser sobre O que é adjetivo. Vamos abordar os diferentes tipos de adjetivos e suas respectivas regras.

O que é adjetivo?

 Adjetivo é toda palavra utilizada para dar características a um substantivo, ele indica qualidade, defeitos, estados ou condições. O adjetivo pode aparecer antes ou depois do substantivo sem interferir no sentido da frase.

o que é adjetivo

O adjetivo é uma classe de palavra variável que pode se flexionar em relação ao gênero, número e grau. O adjetivo pode ser simples, composto, primitivo ou derivado.

Classificação dos adjetivos

  • Adjetivos primitivos

Esse tipo de adjetivo é aquele que é constituído por um radical que não possui acréscimo de afixos (sufixo e/ou prefixo). Exemplo: amarelo, fraco e errado.

  • Adjetivos derivados

São aqueles construídos a partir de outros radicais, tendo acréscimos de afixos derivacionais. Exemplo: avermelhado, reprovado e desconfortável.

  • Adjetivos pátrios

São aqueles referentes a continentes regiões, países, cidades, etc… Eles podem ser:

– Primitivos, exemplos: carioca, capixaba e potiguar…

– Derivados, exemplos: italiano, espanhol, acreano…

  • Adjetivos simples

São aqueles feitos de apenas um único radical, exemplos: triste, preguiçoso, grande, escuro, feliz…

  • Adjetivos composto

São aqueles formados por mais de um radical, exemplos: rosa-chiclete, verde-piscina, azul-celeste…

Classificações dos adjetivos quanto ao gênero, a semântica, a formação…

  • Quanto ao gênero

Nessa classificação são separadas em uniformes e biformes, sendo que, uniformes possuem a mesma forma nos dois gêneros. Exemplo: triste, pessimista, otimista, pobre, inútil, carioca… Podemos dizer então, que os adjetivos uniformes são aqueles terminados em a, e, l, m, r, s ou z.

Quanto aos biformes possuem formas distintas, isto é, um para o feminino e outro para o masculino, por exemplo: brasileiro/brasileira, interessado/interessada, cozido/cozida…

  • Quanto à semântica

A classificação semântica pode ou não variar de acordo com as características que exprime exemplo cor: (rosa, amarelo, branco…) Forma (triangulo, quadrado, prisma…), temperatura (fervente, frio, calor, quente…), intensidade, qualidade, defeito…

  • Flexão de número

Em um adjetivo composto por duas palavras, apenas o e segundo é invariável. Exemplo: Caixas vermelho-sangue.

Locução Adjetiva

A locução adjetiva é uma expressão formada por duas ou mais palavras e possuem um valor adjetivo.

Exemplos de locuções adjetivas:

Do abdômen= Abdominal

De abelha= Apícola

De anjo= angelical

De ano= Anual

De boca= Bucal ou oral

De leão= Leonino

De monge= Monacal

De ouro= Áureo

De lago= Lacustre

A maioria das locuções adjetivas é formada por preposições mais um substantivo, podem também ser formadas por preposição e advérbio. Existem ainda as locuções adjetivas que correspondem a adjetivos eruditos.

As locuções adjetivas, possuem a função de enriquecer o discurso, fazendo com que o texto fique mais dinâmico, mais poético e mais objetivo.

As locuções adjetivas não podem ser formadas por verbos, pois então acabariam se tornando orações.

Fim do Post sobre O que é adjetivo

Obrigada por ter acompanhado o post até aqui. Esse é o primeiro de uma nova leva de posts sobre conteúdo gramaticais. Espero que gostem.

Não deixe de comentar e dar sua opinião sobre os nossos posts.

Você também pode gostar de:

https://demonstre.com/10-atividades-sobre-adjetivos/

10 perguntas para os amigos

Como diria Shakespeare, os amigos são a família que a vida nos permite escolher. Não há nada mais bacana que uma amizade sincera, com cumplicidade e verdade, não é mesmo?

Por isso, quase sempre é com os amigos que vamos buscar aquele conselho mirabolante ou aquela opinião sincera. Perguntar não custa nada, mas um bom conselho vale ouro!

10 perguntas para os amigos

Então vamos juntos fazer algumas perguntas para os amigos que vão ser divertidas e intrigantes.

10 perguntas para os amigos

Bateu aquela dúvida ou aquela curiosidade? Pergunte ao seu irmão camarada! Os amigos são suportes muito legais nas nossas vidas, eles podem nos ajudar naquilo que não conseguimos enxergar.

Por isso, perguntar é preciso. Vou listar algumas perguntinhas básicas para os seus amigos. Quem sabe alguma dúvida que você tem pode ser respondida por eles?

1-4922246-3305640
10 perguntas para os amigos

Prontos ou não, aqui vamos nós.

Pergunta para os amigos: o que você acha de mim?

Essa é uma perguntinha que tem tudo a ver com a autoestima e sua visão sobre si mesmo. Algumas pessoas passam pela vida sem conhecerem a si mesmas. Triste, não?

Pois é…os amigos são nossos espelhos. É através deles que podemos enxergar a nós mesmos. Eles podem nos dizer coisas que nem nós mesmos sabíamos!

Mas não tenha medo das críticas. Dificilmente um amigo de verdade irá fazer uma crítica destrutiva. Amigos de verdade fazem críticas para nosso bem, aceite-as com carinho. E pense a respeito do que falarem com você. Será que eles estão com a razão? Será que posso melhorar nesse aspecto?

Use isso ao seu favor. Afinal, a vida é um constante aprendizado!

2-1886790-5135211
10 perguntas para os amigos

É importante aceitar a resposta de forma clara e com sinceridade.

Pergunta para os amigos: se você você, o que faria?

Essa é de longe a pergunta mais comum que fazemos para nossos amigos. E se fosse você no meu lugar, o que faria?

Perguntas assim tem muito a ver com o que chamamos de empatia. Pessoas empatas são aquelas que possuem a capacidade de se colocarem no lugar dos outros. Elas se imaginam sentindo as mesmas coisas, tomando as atitudes e até mesmo vivendo as mesmas situações.

Um amigo empata vale por dez. Mas nunca sabemos como ou quem são. Amigos a gente não escolhe, a gente faz. Por isso, se um amigo lhe der a possibilidade da empatia, vá em frente.

Lembre-se: duas cabeças pensando é sempre melhor que apenas uma!

3-5617898-3403781
10 perguntas para os amigos

Você vai poder descobrir grandes sonhos desta forma.

Perguntas para os amigos: que lugar você gostaria de conhecer?

Todos nós temos sonhos e objetivos. Viagens fazem parte desse pacote. Sempre tivemos algum desejo de conhecer um lugar aqui ou ali.

Por isso, pergunte ao seu amigo qual lugar ele gostaria de conhecer. Pergunte também os motivos, como ele fará para chegar até lá e se pode ir alguém junto (no caso, você!).

Amigos são presentes preciosos nas nossas vidas. Quem tem a oportunidade de conhecer um lugar bacana junto com o seu melhor amigo, certamente terá muita história para contar!

4-3698541-9794517
10 perguntas para os amigos

O futuro pode ser um grande desafio para todos.

Perguntas para amigos: o que você pensa sobre o futuro?

Um amigo pode saber de muitas coisas. Ele também pode nos levar a refletir sobre muitas coisas da nossa vida. Escolhas, decisões e até mesmo posicionamentos podem ser esclarecidos com a ajuda de um bom amigo e dos próprios planos dele.

Outra coisa importante para ser falada: imagine vocês dois, daqui a dez anos, revisando esses planos? O que deu certo? O que aconteceu? O que não aconteceu e porque? É muito bacana quando construímos o futuro lado a lado com quem amamos.

5-1838938-9444119

Perguntas para amigos: qual a sua opinião sobre…?

Você já deve ter ficado em dúvida sobre alguma coisa na vida. É tão bom quando se tem alguém em quem se apoiar para decidir, não é?

Ter um amigo é uma dádiva. Podemos contar com ele para nossas dúvidas. Quer escolher uma roupa? Mande uma mensagem com uma foto para a amiga, se ela não estiver por perto. Quer saber se o crush poderá se tornar um potencial namorado(a)? Converse com seu amigo.

Repito: duas cabeças pensam melhor que uma. Quando contamos com a ajuda de alguém que nos conhece a fundo e que possui uma visão da vida, do futuro e do que estamos fazendo, tudo fica bem mais fácil!

6-3505166-4990425

Você pode conhecer mais sobre a opinião dos seus amigos em assuntos que você nunca pensou em conversar antes.

Perguntas para amigos: o que você mudaria se pudesse voltar no tempo?

Trata-se uma pergunta muito importante: o que você mudaria se pudesse voltar no tempo? Eu, por exemplo, mudaria muitas coisas! Aposto que você também!

Quando podemos perguntar isso para uma pessoa de quem gostamos muito e que conhecemos a vida dela como a palma da nossa mão, entender como a vida funciona fica muito mais fácil.

Passamos a compreender melhor nossos erros e acertos quando podemos conversar sobre o que poderia ser mudado. Percebemos que ninguém tem uma vida perfeita, que escolhas nem sempre são coisas boas.

7-4756028-7508673

Todo mundo tem aquele item que não pode faltar nunca.

Perguntas para amigo: o que você sempre leva para onde quer que vá?

Todo mundo tem o seu objeto de sorte ou de amor. Com certeza, você tem um objeto assim. Pode ser o celular, o molho de chaves, uma fotografia dentro da carteira…

Isso diz muito sobre a vida de cada um. Pessoas que amam suas famílias costumam carregar fotografias dos pais e dos filhos. Pessoas hiper ligadas no mundo digital sempre estão com o celular na mão.

Por isso, pergunte ao seu amigo o que ele sempre leva para todo lugar. Vai que um dia ele esquece esse objeto tão amado e você percebe que ele esqueceu, não é mesmo? Você acaba virando o anjo de guarda dele!

8-8972244-1507164

Hoje em dia quase todos gostamos, mas é uma ótima forma de começar uma conversa.

Perguntas para os amigos: você gosta de jogos de computador?

Conheci um jogo de computador bem bacana, onde os jogadores montavam times virtuais e se comunicavam por um aplicativo em tempo real. Eles faziam combinações, estratégias, vibravam juntos. Tinha até um campeonato mundial! Detalhe: eram amigos de partes opostas do planeta.

Os jogos de computador acabam aproximando muitas pessoas, que se divertem e aprendem juntos. Pergunte ao seu amigo se ele ou ela gosta de jogos de computador. Se você gostar também, combinem uma partida! Vocês podem juntos fazer novos amigos, propor desafios, conhecer várias partes do mundo pela tela do computador.

Garanto que as gargalhadas e a diversão serão ilimitadas! 😉

9-3358654-6513704

As respostas vão te pegar de surpresa.

Perguntas para amigo: quais as melhores coisas que sabe sobre mim?

É fato: amigos são nossa memória virtual externa. Como assim?Simples…eles sabem de coisas que vivemos, viveram junto também. Além disso, eles podem ter memórias que não temos.

Experimente juntar algumas fotos antigas e mostre-as ao seu amigo. Ele contará uma versão parecida com a sua sobre o que aconteceu, mas vai haver detalhes diferentes. São esses detalhes que fazem as coisas ficarem bacanas!

Por isso, sempre pergunte ao seu amigo quais são as melhores coisas que ele sabe sobre você. Tenho certeza de que as respostas serão bem bacanas e você verá o quanto é uma pessoa interessante!

10-4146408-2387680

A felicidade compartilhada é sempre mais cheia de sorrisos.

Perguntas para o amigo: quais as coisas que te deixam realmente feliz?

Felicidade é uma questão de atitude, o ditado popular já diz isso. Mas tem coisas na vida que nos deixam pra lá de simplesmente de bom humor.

Pergunte ao seu amigo quais as coisas o deixam realmente feliz. Quem sabe ele diz que ama tomar um sorvete ou passear de carro? Tá ai uma boa dica sobre o que convidá-lo para fazer!

A amizade verdadeira é um dos sentimentos mais preciosos do mundo. Quando descobrimos o que nossos amigos amam fazer, é fundamental pensarmos em participar ou então proporcionar de vez em quando uma pequena felicidade a eles.

Despedida

Ter um amigo é como ter uma joia rara. É lindo, mas precisa ser cuidado todos os dias. A amizade não depende de distância ou condição. Ela simplesmente acontece.

Ouça a música ” Canção da América”. Guarde essa mensagem, compartilhe com seus amigos. Afinal, amigo é coisa pra se guardar…

Depois de todas estas perguntas, você e seus amigos vão estar muito mais próximos.

Perguntas para os amigos e muito mais!

Se você gostou de nossas perguntas para os amigos e quer continuar aprendendo mais e mais assuntos divertidos e interessantes, aproveite para ler mais de nossos artigos.

Autismo – o que é e quais as suas características

Atualmente no Brasil estima-se que existam mais de 2 milhões de pessoas com Transtorno de Espectro do Autismo (TEA) – Denominado pelo DMS-5 Manual de Diagnóstico e Estatística dos Transtornos Mentais – e mais de 70 milhões no mundo.

Pois bem, há muitas dúvidas quanto ao autismo, como por exemplo: Do que se trata? Como identificar? Como ajudar, lidar e conviver? Podemos sanar essas dúvidas em uma pesquisa na internet, mas obviamente será muito mais esclarecedor um curso sobre o autismo.

Curso sobre Autismo

Embora muitas pessoas se apresentem entendedoras no assunto, é preciso salientar que nenhum autista é igual ao outro, porque cada um tem sua personalidade e suas características. Contudo, o estudo pode auxiliar muito na convivência, no estímulo e no desenvolvimento do autista.

Esse curso convém tanto para quem só deseja saber mais sobre o autismo, quanto para pais que visam aprender para ajudar seus filhos e também para profissionais da educação que querem ensinar seus alunos de modo que todos absorvam o conteúdo.

Inclusive os com autismo, além de desenvolver o raciocínio lógico e intelectual e o senso crítico.

child-children-girl-happy-9031813-4612686

Vamos entender mais sobre o autismo? Leia ate o final para saber o que é autismo, suas características e os tipos.

E se você deseja conhecer mais sobre a história do autismo, como diagnosticar, como lidar, ensinar e desenvolver o autista, conheça o Curso Autismo e Educação – Abordagens e Desafios.

O que é Autismo?

Se você pesquisar no dicionário vai encontrar uma explicação rasa e sem especificar o que é autismo de verdade, a definição de autismo segundo o dicionário é: “polarização privilegiada do mundo dos pensamentos das representações e sentimento, com perda, em maior ou menor grau, da relação com os dados e as exigências do mundo circundante”.

science-2953886_1280-250x300-1196298-3504817

Então, o que entendeu? Basicamente nada não é mesmo? Um curso te ajudará a se aprofundar, mas vamos ao que interessa. O autismo ou Transtorno de Espectro do Autismo é uma condição geral para um grupo de desordens complexas no desenvolvimento do cérebro, ou seja, são transtornos neurológicos que causam problemas no desenvolvimento da linguagem, na interação social, no comportamento e nos processos e andamentos da comunicação.

O autismo compromete as habilidades de comunicação verbal e não-verbal, por consequência a interação social. O autismo costuma ser identificado entre 1 e 3 anos, porém os sinais iniciais em alguns casos podem aparecer nos primeiros meses de vida.

Vale ressaltar que, o autismo apresenta desenvolvimento físico normal, o que implica em evidências que não se pode diagnosticar pela aparência. É comum os pais ouvirem frases como: “Ele não parece autista” e “olhando ele não tem nada”, mas isso se deve a falta de informação e conhecimento.

Os autistas têm grande dificuldade de estabelecer relações sociais e afetivas, de forma que dão sinais de viver em um mundo isolado, digamos que em um mundo só deles.

Ainda falando sobre o que é autismo, devemos mencionar que pode ser associado a deficiência intelectual, dificuldade de coordenação motora e de atenção. Contudo, essa deficiência intelectual deve-se a dificuldade de aprender da mesma forma que as outras pessoas, porque a maioria das pessoas com autismo possuem facilidade em aprender visualmente.

Esta é apenas uma introdução sobre o que é autismo, caso queira e tenha a necessidade de conhecer mais sobre o assunto, clique aqui.

Tipos de Autismo

O autismo é considerado um espectro e, por isso abrange uma ampla gama de níveis de funcionamento e transtornos, que vão desde o autismo não-verbal até o altamente verbal.

Logo, depreender todos os tipos de autismo pode ajudar os professores e os pais à trabalhar na evolução e no desenvolvimento do autista.

De acordo com o Centro de Controle de Prevenção de Doenças (CDC), existem 3 tipos de Autismo, são eles:

autism-3285108_1280-9108076-6912140Autismo Clássico – tipos de autismo

O Transtorno Autista ou Autista Clássico é um tipo de autismo em que o funcionamento da capacidade social, cognitiva e linguística é muito afetada e vale mencionar que há também comportamentos repetitivos.

O Autismo Clássico é geralmente diagnosticado antes dos três anos de idade, a doença provoca atrasos consideráveis no desenvolvimento e assim os pais e responsáveis pelas crianças tem o dever de notar o que está acontecendo com elas.

Os sinais de alerta incluem: atraso na linguagem, ecolalia, falta de contato nos olhos, falta de apontador ou gesticulando e auto-estimulação (comportamento como: balançar ou bater as mãos e andar na ponta dos pés).

Essa foi mais uma introdução ao assunto, porque há muito á acrescentar e neste curso de autismo, você vai adquirir muito mais conhecimento sobre o autismo e ajudará aquele que precisa de você.

Síndrome de Asperger – tipos de autismo

Este tiposperger de autismo de alto funcionamento tem características bem distintas e incluem habilidades verbais excepcionais, problemas sociais, problemas com simbologia, desafios ou desenvolvimento de mobilidade fina ou grossa, intensa e obsessiva em interesses especiais.

A diferença entre o Autismo Clássico e a Síndrome de Asperger, é que nesta não há nenhum tipo de atraso na linguagem, porém o uso da linguagem pode ser difícil.

A Síndrome de Asperger é um transtorno neurobiológico incluso na categoria de Transtornos Globais do Desenvolvimento, foi considerada por muito tempo como uma condição distinta, todavia observou-se próxima, muito similar e correlacionada ao autismo. Após ser inserida no termo médico TEA, esta síndrome passou a ser vista como uma forma mais branda de autismo.

Transtorno Invasivo de Desenvolvimento – tipos de autismo

O Transtorno Invasivo do Desenvolvimento é um tipo de Autismo que sua gravidade está entre a Síndrome de Asperger e o Autismo Clássico.

O Transtorno Invasivo do Desenvolvimento é conhecido como um autismo atípico, significa que demonstra algumas características clássicas do autismo, mas nem todas. Em resumo, as pessoas diagnosticadas com esse tipo de autismo podem ter problemas com a linguagem, com as habilidades sociais ou com comportamentos repetitivos, mas de forma alguma terá desafio em todas as três áreas.

Os sintomas mais comuns são: interação social prejudicada, pouco comportamento repetitivo, competência linguística inferior a Síndrome de Asperger e superior ao Transtorno Autista.

E no Manual de Diagnósticos e Estatística de Doenças Mentais foram incorporados mais 2 tipos de autismo, sendo eles:

 Síndrome de Rett – tipos de autismo

A Síndrome de Rett é considerada um transtorno do espectro do autismo, no entanto há uma diferença gritante: a Síndrome de Rett é causada por uma mutação genética. Embora as crianças com esse problema possuam comportamentos muito parecidos com o dos autistas, essa síndrome não está relacionada ao Espectro Autista.

Os sintomas incluem perda de comunicação e de habilidades sociais, o que se assimila bastante ao Autismo Clássico.

A síndrome passa por muitas fases e uma delas é a deterioração de habilidades motoras e postural, um ponto importante é que a mutação é aleatória e não é herdada, afeta geralmente crianças do sexo feminino.

Sintomas da Síndrome de Rett: torce demais as mãos, perde competências linguísticas, não responde socialmente e o crescimento da cabeça reduz consideravelmente. Estes sintomas surgem após os primeiros seis meses até mais ou menos um ano e meio de idade.

Caso queira saber mais, conheça o curso que pode te ensinar como entender os diferentes tipos de autismo.

Transtorno Desintegrativo da Infância – tipos de autismo

O Transtorno Desintegrativo da Infância é o mais grave de todos no TEA, contudo é o menos comum, a proporção é de 2 para 100 mil crianças.

Até os 2 anos de idade as crianças têm um desenvolvimento normal e, infelizmente entre dois e quatro anos de idade perdem bruscamente as habilidades sociais, linguísticas e intelectuais, portanto essas funções não são mais recuperadas.

Esse é um autismo regressivo e doloroso, se deseja saber como ajudar seu filho, aluno, parente ou ente querido, busque saber mais sobre autismo.

Características do Autismo meltdown-1312488_1280-4185748-4131587

Existem vários tipos de autismo, vai de casos mais leves aos mais graves. As características mais comuns que são independentes do grau do autismo e aparecem com muita frequência nos pacientes são:

  • Estereotipia: é uma ação repetitiva, ou seja, é quando a criança demonstra mania de enfileirar seus brinquedos ou contar milimetricamente todos os pisos ou azulejos.
  • Apego à rotina: Tudo deve ser feito da mesma maneira, seguindo a rotina à risca. Digamos que se o autista faz algo hoje, amanhã fará a mesma coisa. O autista gosta de fazer tudo exatamente como está acostumado, respeitando rigorosamente a ordem das coisas e os horários de forma categórica.
  • Atraso na fala: No autismo é comum a criança desenvolver tardiamente a fala, porém pode não desenvolver tal habilidade, por isso é importante procurar um fonoaudiólogo.
  • Interesses restritos: a criança desperta predileção por apenas um objeto ou assunto, ou seja, ela pode passar a maior parte de seu tempo se dedicando a um tipo de assunto, deixando de lado os outros assuntos.
  • Ecolalia: Mania de repetir trechos dos desenhos preferidos e de repetir a última frase ou última palavra durante um diálogo.
  • Hipersensibilidade: Os autistas são muito sensíveis, possuem irritabilidade com sons altos, cheiros e algumas texturas, sensação de aperto ou algo pegajoso, paladar extremamente apurado e visão pouco resistente a alguns tons de cores.
  • Comorbidades: O autismo pode estar acompanhado de: TDAH, Transtorno Bipolar, Transtorno Opositor Desafiador, etc.
  • Riso inapropriado: É comum não darem risadas para coisas engraçadas e as vezes começarem a rir no escuro no meio da noite.
  • Insensibilidade a dor: Alguns autistas caem, batem a cabeça e outras partes do corpo e não sentem dor, e em alguns casos até repetem o movimento.
  • Sem contato visual: As pessoas com autismo não olham nos olhos ao estabelecer diálogo. O olhar é como algo invasivo para eles.

Você pode ler mais sobre essas características e outras no curso de autismo, e saber como lidar e amenizar as que são possíveis.

Autismo tem cura?

O autismo é um transtorno global do desenvolvimento, é considerado uma doença crônica, ou seja, não há cura até o momento. Tomando os cuidados necessários, o indivíduo se torna cada vez mais adaptado e incluso à sociedade.

smilies-bank-sit-rest-160739-9361371-6868931

Existe tratamento e este tem o objetivo de melhorar o aprendizado, a capacidade de solucionar problemas, estimular o desenvolvimento social e a educação, ajudar as famílias a lidarem com o autismo e diminuir comportamento que interfira no aprendizado e vida social.

Em 2010, falou-se em cura do autismo pela primeira vez, quando uma pesquisa científica feita na Universidade da Califórnia conseguiu curar um neurônio autista em laboratório, no entanto é só uma esperança para os familiares, ainda não há aplicação clínica e para chegar a cura serão necessárias muitas pesquisas.

O tratamento consiste em acompanhamento com pediatra, psiquiatra, psicólogo, fonoaudiólogo, pedagogo, terapeuta ocupacional e o papel da família para a evolução do autista.

Para saber mais sobre o tratamento do autismo e sobre a possibilidade de cura confira aqui.

Autismo na Sala de Aula

Ensinar um autista não é impossível, pelo contrário, eles aprendem bem e são muito inteligentes, porém a maneira como o conhecimento deve ser transmitido é diferente. Seja qual for o aluno se você não sabe falar a língua dele não saberá ensiná-lo, tampouco estabelecer uma relação de ensino-aprendizagem. Por isso use a mesma linguagem que ele, a linguagem visual.

pexels-photo-256468-1742070-1327203

Primeiro saiba que cada caso é um caso, e que para entendê-los é fundamental ter uma boa conversa com os familiares, pedir um relatório que denota as coisas que ele gosta, os interesses e preferências e o que desagrada.

Aposte em menos palavras e mais figuras, fotos e ilustrações, portanto mantenha um ambiente estruturado.

Falar sobre autismo na sala de aula requer mais tempo para aprofundar no assunto confira o curso Autismo e Educação.

Autismo em casa

Ter um autista em casa não é sinal de problema, posso dizer por conta própria que dá um ânimo a mais, ver o sorriso no rosto deles e cada evolução é motivo de festa, é uma grande conquista.

O autista nasce saudável ou aparentemente saudável. É possível ver nos olhos deles e no gestual e no desenvolvimento que tudo ocorrerá dentro esperado. Contudo, você começa a perceber alguns comportamentos repetitivos, alguns atrasos na linguagem e no desenvolvimento da motricidade fina, assim os meses passam e o desenvolvimento é tardio.

Portanto, é fundamental procurar ajuda especializada de forma que o autismo seja diagnosticado logo no início.

A priori o que devemos sempre lembrar, é que o autista não precisa nascer em uma família rica para ter todos os atendimentos específicos, há escolas como o APAE, que auxiliam bastante. No entanto, o mais importante para eles é o amor, por isso trate-os com amor, esteja aberto a se adaptar e se desenvolver junto ao seu filho.

Quer saber mais sobre o autismo? Clique aqui.

“Pessoas com autismo não mentem, não julgam, não fazem jogos mentais. Talvez possamos aprender alguma coisa com elas.” Cafe Press 

Como se faz Vidro

Garrafas 300x194 7799108 4202076

      Cerca de 980 mil toneladas de embalagens de vidro são produzidas no Brasil, de acordo com os dados da CEMPRE (Compromisso Empresarial para Reciclagem). Estas são usadas para embalar refrigerantes, remédios, na fabricação de para-brisas, lâmpadas, etc. Mas a nossa relação com o vidro não é atual!

      O vidro foi descoberto ao acaso em 7.000 a.C., por navegadores fenícios, sírios e babilônios que, ao fazerem uma fogueira na praia, perceberam que a areia e o calcário (das conchas do mar) se misturavam em altas temperaturas. Hoje, a produção do vidro é mais sofisticada, graças aos avanços tecnológicos e a um domínio maior sobre as propriedades dos elementos químicos.

      Sabendo disso, o Demonstre vai matar sua curiosidade e vai te explicar como são fabricados os vidros.

Para entender, a fabricação do vidro vamos imaginar a fabricação de um bolo: pegamos os ingredientes e os misturamos. Para compor um vidro precisaremos misturar:

  1. Sílica (Dióxido de Silício): É uma mistura de Silício e Oxigênio que é extraída da areia;
  2. Barrilha (Carbonato de Sódio): De onde é extraído o Sódio, que é responsável por baixar o ponto de fusão do silício e deixá-lo maleável a temperaturas mais baixas;
  3. Calcário: De onde é extraído o Óxido de Cálcio, que faz o vidro ficar resistente a água.

    Esses ingredientes são levados ao forno industrial, são derretidos e misturados a uma temperatura de 1500 °C. Essa mistura fica tempo suficiente no forno para todos os ingredientes se fundirem e virarem uma mistura líquida e viscosa.

     Em seguida, essa mistura segue para dois moldes, onde o primeiro dará um contorno e o segundo terá a injeção de ar, moldando, assim, o vidro em forma de garrafa. Ao final dessas etapas, o vidro  fica em recozimento, onde sua temperatura diminui.

   Para visualizar melhor e aprender um pouco mais sobre os processos químicos e mecânicos envolvidos na fabricação do vidro segue um vídeo do Manual do Mundo:

________________________________________________________________________

Exercício de fixação sobre como se faz Vidro

1 – Como se deu a descoberta do Vidro?

(a) No século passado, quando europeus tiveram contato com os materiais necessários à fabricação do vidro

(b) Há 7.000 a.C., quando fenícios, sírios e babilônios observaram a mistura da areia ao calcário em altas temperaturas

(c) Há 6.000 a.C., quando apenas sírios e babilônios presenciaram a mistura da areia ao calcário em altas temperaturas

2 – Quais os três ingredientes essenciais para a fabricação do Vidro?

(a) Nitrogênio, Oxigênio e Prata

(b) Dióxido de Sílicio, Carbonato de Sódio e Calcário

(c) Sílica e Calcário

3 – Qual a temperatura adequada para a fusão dos ingredientes de fabricação do Vidro?

(a) 1600°C

(b) 1500°C

(c) 1400°C

4 – Qual o nome do procedimento que dá forma ao Vidro?

(a) Injeção de ar

(b) Modelagem do Vidro

(c) Injeção de gás

Respostas

1 – b, 2 – b, 3 – b, 4 – a.

________________________________________________________________________

Fonte

 Revista Mundo Estranho, link: https://super.abril.com.br/ciencia/como-e-feito-o-vidro/

O que é Amor ?

Você sabe o que é Amor? Começamos uma nova série com uma responsabilidade fora do comum, que é a apresentar e conceituar dúvidas constantes no dia a dia escolar e cotidiano do aluno e professor.

O que é Amor?

amor 9476338 6642216

Quando ouvimos a palavra “amor”, imaginamos logo o que vemos nos filmes: um par romântico bastante apaixonado, destinados a ficarem juntos e serem felizes para sempre… Mas, afinal, o que é o amor? Sabemos dizer como nos sentimos quando sentimos “amor” dentro de nós, provavelmente todas as pessoas já sentiram em algum ponto de suas vidas, mas dificilmente paramos para avaliar o que é o conceito de amor.

Pegando diversos estudos nas ciências sociais, temos o “amor” como uma construção social baseada na experiência individual e coletiva daquilo que é ideal. Amamos aquilo que faz bem, que traz felicidade e uma infinidade de outras sensações de acordo com o que nós entendemos assim. Biologicamente falando, o amor é uma reação química do cérebro onde são liberadas endorfinas que fazem com que tenhamos a sensação de bem estar, felicidade e segurança em algo ou alguém. Com isso, já podemos perceber que o “amor” não é um conceito único, mas sim, diversas coisas que denominamos culturalmente e socialmente dessa maneira.

Amor Verdadeiro?

amor2 4605092 9516761

Ouvimos bastante a palavra “amor verdadeiro”, não é? Seguindo essa linha de raciocínio, existiria algum tipo de amor que não fosse verdadeiro? Esse questionamento é muito amplamente discutido, pois se o que definimos por “amor” é uma sensação de bem estar e afeto que algo ou alguém nos propicia, o sentido da palavra, no caso, se dá por uma construção que nós fazemos acerca do outro. Nunca, de fato, temos a certeza de que recebemos um “amor verdadeiro”, só podemos afirmar a veracidade de um sentimento que vem de nós. Mas é certo que o “amor” é um conjunto de sentimentos belos e que devem ser cultivados, pois torna laços afetivos mais sólidos e as pessoas mais felizes! Tendo em vista isso, importa saber se é verdadeiro ou melhor vivê-lo enquanto existe?

O que é Amor e sua Relação com o ambiente escolar

gestao escolar participativa os alunos como parte das decisoes 1840287 2587288

Tendo em vista que os jovens têm um contato muito intenso com essa temática, vale a pena trazer outras perspectivas sobre o assunto para a sala de aula, de modo que os estudantes possam debater suas concepções sobre o conceito e juntos, construir um senso crítico acerca do que é e como se constrói o “amor”. É interessante também para desromantizar certos ideais socialmente construídos sobre “amor” que acabam por mascarar formas de abuso e violências de gênero.

O que é Amor: Pontos Positivos x Pontos Negativos

feedback negativo e positivo 1 9312248 7069463

Pontos Positivos sobre falar de Amor:

  • Tentar estabelecer uma discussão sobre o que é o amor
  • Debate sobre uma temática que já é de conhecimento dos estudantes
  • Possibilidade de desconstrução de conceitos que distorcem a visão saudável de “amor”

Pontos Negativos sobre falar de Amor:

  • O educador provavelmente irá se deparar com vários pontos de vista sobre a temática, inclusive muitas voltadas para uma visão tóxica e totalmente distorcida do “amor”, culmimando muitas vezes em violências, abusos, machismos, etc. Primeiramente, é necessário que este compreenda que a maneira como o aluno lida com o tema tem uma influência muito forte com o seu ambiente social e cultural, então, muito do que ele pensa e faz é apenas um espelho daquilo que faz parte do seu cotidiano. Em seguida, é possível mostrar uma forma diferente de concepção do assunto, para que o aluno busque refletir sobre isso.

Proposta de aula para trabalhar Amor em sala de aula:

Tema:

Amor

Objetivos sobre a aula de Amor:

Objetivos Gerais sobre a aula de Amor:

Estabelecer uma discussão acerca de como o “amor” se apresenta e como se dá sua construção social e cultural.

Objetivos Específicos sobre a aula de Amor:

Buscar um debate saudável entre alunos, como forma de enriquecimento no campo do saber, e também como uma ferramenta para a desconstrução de estereótipos negativos acerca do conceito de “amor”.

Conteúdo sobre a aula de Amor:

Vídeo 1: https://youtube.com/watch?v=SEAS-k1YDD0

Vídeo 2: https://youtube.com/watch?v=BvglVobcsU4

Texto: https://hypeness.com.br/2014/06/o-que-e-o-amor-segundo-criancas-de-4-a-8-anos/

Metodologia sobre a aula de Amor:

No caso dessa temática, é interessante estabelecer um debate em sala de aula, para que cada aluno dê seu ponto de vista sobre o que ele pensa ser o “amor”. Nesse caso, é válido também trazer atividades educativas para que cada um possa pensar onde encontramos amor, o que ele nos faz sentir, quais os tipos de amor, o que é amor verdadeiro, etc. Para isso, é possível separar a turma em equipes e, ao final do trabalho, cada grupo apresentar o resultado da atividade.

Referências

Filmes sobre Amor

Cidade dos Anjos, 1998.

ca 3220441 8955624

O filme conta a história de Seth, um anjo que vaga por Los Angeles invisível aos humanos. Quando o fim de um indivíduo se aproxima, ele se torna visível e age como seu companheiro de viagem para o além. A descoberta do sofrimento da cirurgiã Maggie o inspira a abrir mão de sua imortalidade e viver na Terra com a jovem.

500 dias com ela, 2009.

500 7715532 5739887

Um romântico escritor se surpreende quando sua namorada Summer termina o namoro repentinamente. Com isso, ele relembra vários momentos dos 500 dias que passaram juntos para tentar descobrir onde seu caso de amor se perdeu e vai redescobrindo suas verdadeiras paixões.

Livros sobre Amor

Romeu e Julieta

Autor: William Shakespeare

rj 2908712 9800767

Romeu e Julieta é uma tragédia escrita entre 1591 e 1595, nos primórdios da carreira literária de William Shakespeare, sobre dois adolescentes cuja morte acaba unindo suas famílias, outrora em pé de guerra.

Amor Líquido: sobre a fragilidade dos laços humanos.

Autor: Zygmunt Bauman

al 6848256 5960437

Neste livro, o autor investiga de que forma as relações parecem tornar-se cada vez mais ‘flexíveis’, gerando níveis de insegurança maiores. Segundo Bauman, a prioridade a relacionamentos em ‘redes’, as quais podem ser tecidas ou desmanchadas com igual facilidade – e frequentemente sem que isso envolva nenhum contato além do virtual -, faz com que as pessoas não saibam mais manter laços a longo prazo. Esta obra procura alertar que não apenas as relações amorosas e os vínculos familiares são afetados, mas também a capacidade de tratar um estranho com humanidade é prejudicada.

Eis aqui algumas questões para serem realizadas em sala de aula, durante o debate sobre o que é o amor:

  • O que é o amor?
  • O que é amar?
  • O que é o amor verdadeiro?
  • Qual a importância do amor e do afeto?
  • Existe relação entre Amor e Ódio?

Fontes

Obvious Magazine, link:

Psicologia Explica, link: https://psicologiaexplica.com.br/o-que-e-o-amor/

O que é Ética?

Você sabe o que é Ética? Começamos uma nova série com uma responsabilidade fora do comum, que é a apresentar e conceituar dúvidas constantes no dia a dia escolar e cotidiano do aluno e professor.

O que é Ética?

a importancia da etica empresarial 2296365 2505067

E aqui trouxemos mais um conceito de difícil definição, mas que pretendemos abordar de maneira mais didática, pois é essencial a discussão no ambiente escolar! Então, como definir a Ética? Nem os filósofos mais antigos foram capazes de estabelecer um conceito fixo para a ética, pois ela se trata de uma virtude que varia muito de acordo com o indivíduo/grupo em questão. Está presente em todo o comportamento humano, isso é certo. Mas não significa que se apresenta da mesma maneira para todos. Entretanto, a ética é essencial para a construção da vida social e leva o Homem a questionar constantemente suas ações e comportamentos.

Diferença entre ética e moral

Etica  na moral 3689618 1112279

Por mais que ambos os conceitos sejam denominados de maneira diferente, possuem a mesma finalidade: construir as bases que guiarão a conduta do ser humano diante do agir em sociedade. Vamos lá tentar uma explicação mais fácil:

Ética = como ciência, tem a função de explicar as regras e comportamentos morais do ser humano racional e científicamente através da lei.

Moral = relaciona-se com o conjunto de regras que não são embasadas pela lei, mas que são construídas pelo próprio cotidiano em convivência com os demais seres humanos, e possui tanto peso quanto a ética, pois julga aquilo que é certo e o que é errado.

Não há como existir ética sem que essa seja influenciada pela moral, pois ambas caminham juntas e estão sempre presentes nas práticas sociais do ser humano.

O que é Ética e sua Relação com o ambiente escolar

gestao escolar participativa os alunos como parte das decisoes 5651236 9850006

É uma discussão muito rica no campo da filosofia, por dar margem à diversos pontos de vista acerca do que é ética, de como ela se relaciona com a moral e qual a relação que devemos estabelecer com a questão do bem-estar social e da boa convivência. Os alunos provavelmente apresentarão diferentes pontos de vista sobre o assunto, e isso torna a discussão cada vez mais rica. Isso sem mencionar a importância do debate em sala de aula, já que é um elemento presente no cotidiano que muitas vezes ninguém vê.

O que é Ética: Pontos Positivos x Pontos Negativos

feedback negativo e positivo 1 4016121 8977039

Pontos Positivos sobre falar de Ética

  • Apresentar o aluno ao conceito de ética e estabelecer uma discussão enriquecedora em sala de aula
  • Fazer com que os alunos interajam entre si e mostrem suas concepções filosóficas acerca de moral e ética

Pontos Negativos sobre falar de Ética

  • Por ser um assunto de forte perspectiva pessoal (e de construção social), é possível que haja um debate caloroso entre os estudantes, devido a diversidade de pensamentos acerca de uma mesma questão. Contanto que o debate seja rico e saudável por parte de todos, não há problema algum. Entretanto, se o educador perceber que a discussão está muito voltada para o lado pessoal, pode ser um mediador no assunto, de modo que a aula seja bem aproveitada.

Proposta de aula para trabalhar Ética em sala de aula:

Tema:

Ética

Objetivos sobre a aula de Ética

Objetivos Gerais sobre a aula de Ética:

Discutir o que é ética, como ela está presente na nossa sociedade e qual a relação entre ética e moral.

Objetivos Específicos sobre a aula de Ética:

Estabelecer um debate saudável em sala de aula acerca da relação entre ética e moral e a relação dos conceitos com o que temos por bom comportamento social.

Conteúdo sobre a aula de Ética:

Vídeo 1: https://youtube.com/watch?v=S48AlTBDSVU

Vídeo 2: https://youtube.com/watch?v=yQ0HgXYmaqs

Texto: https://significados.com.br/exemplos-de-etica-e-moral/

Metodologia sobre a aula de Ética:

É interessante que nessa aula o professor busque situações do cotidiano que envolvam o uso da ética e da moral, e através dessa atividade, instigar os alunos a debaterem o assunto, procurando formular seus próprios entendimentos acerca do que é ética. Em se tratando de uma temática filosófica, é muito complicado uma definição do conceito de maneira fechada, mas é possível estabelecer uma discussão saudável e enriquecedora, que faça com que os estudantes construam seus sensos críticos sobre o tema.

Referências

Filmes sobre Ética:

Laranja Mecânica, 1971.

lm 2100582 8828386

O jovem Alex passa as noites com uma gangue de amigos briguentos. Depois que é preso, se submete a uma técnica de modificação de comportamento para poder ganhar sua liberdade.

Efeito Borboleta, 2004.

or 7540038 2410957

O estudante universitário Evan Treborn está aflito com dores de cabeça tão fortes que frequentemente desmaia. Enquanto está inconsciente, Evan pode viajar de volta no tempo para momentos de dificuldades na infância. Ele também pode alterar o passado para os amigos, como Kayleigh, que foi molestada pelo pai. Porém ao mudar o passado, ele pode alterar o presente, o que leva Evan a se encontrar em um pesadelo de realidades alternativas, incluindo uma onde ele está preso.

Livros sobre Ética:

Ética e Cidadania: Caminhos para a Filosofia

Autor: Silvio Gallo

ec 5945553 9196969

A filosofia não tem uma “fórmula mágica” para resolver os problemas da vida de ninguém, mas pode ser um instrumento interessante para entender melhor situações de nosso cotidiano, possibilitando que façamos escolhas melhores, mais conscientes. Pensando nisso, alguns professores do Grupo de Estudos sobre Ensino de Filosofia (Gesef) dedicaram-se à tarefa de organizar uma viagem pela filosofia, tendo por bússola a temática Ética e Cidadania. Essa obra, que recebeu o prêmio Jabuti em 1998, pretende despertar a curiosidade, provocar o questionamento, diante de fatos e informações que passam despercebidos no dia a dia. Trata-se de um caminho proposto, de um roteiro de viagem. O professor tem a liberdade de alterar a rota e programar a viagem como preferir. Sendo assim, esse livro foi pensado como um ponto de partida que viabilize um exercício de reflexão para professores e alunos, uma produção coletiva de saber, como é a própria filosofia.

Pensar bem, nos faz bem!: Filosofia, Religião, Ciência e Educação.

Autor: Mario Sergio Cortella

mo 2032978 3066300

Religião, educação, família, carreira e ética, são temas bastante discutidos e relevantes na sociedade atual, e pode não parecer, mas eles têm ligação entre si. Tendo como inspiração esses temas, o autor Mario Sergio Cortella elaborou ‘Pensar bem nos faz bem!’. Os livros são baseados nas falas diárias do autor na rádio CBN e trazem o olhar da Filosofia sobre temas do quotidiano.

Questionário

1 – “As normas morais variam a depender da cultura e do período histórico. Também podem ser questionadas e destituídas”. Isso significa que:

a) Nós não podemos pensar sobre as normas morais que são impostas;

b) Nós temos que concordar com as normas morais porque são as normas da nossa cultura;

c) A moral é um conjunto de valores pelos quais as pessoas guiam seus comportamentos e, por isso, está sujeita a mudanças a depender do país e do momento histórico em que as pessoas estão inseridas.

d) Não agimos de forma “moral” se obedecermos às regras que a sociedade estabelece.

2 – Como podemos diferenciar “moral” e “ética”?

a) Não podemos diferenciar, são palavras sinônimas.

b) Moral é um conjunto de valores, e Ética é a reflexão sobre esses valores.

c) Moral é a prática da Ética no nosso dia a dia.

d) Moral é sinônimo de “ética aplicada”.

3 – Leia o fragmento abaixo:

“Os homens não são maus, mas submissos aos seus interesses… Portanto, não é da maldade dos homens que é preciso se queixar, mas da ignorância dos legisladores que sempre colocam o interesse particular em oposição ao geral. […] Até hoje, as mais belas máximas morais não conseguem traduzir nenhuma mudança nos costumes das nações. Qual é a causa? É que os vícios de um povo estão, se ouso falar, escondidos no fundo de sua legislação.” Helvetius

Quais são as ideias principais contidas no fragmento acima?

a) Não há nenhuma relação entre as leis e os costumes, pois sãos os homens que fazem as leis que os beneficiam.

b) Para limitar os interesses humanos particulares, é preciso haver leis que prefiram os interesses gerais.

c) Os homens buscam seus interesses e isso não significa que eles sejam maus;

d) Há uma relação entre as leis e os costumes, pois as leis permitem ou impedem que os homens cometam erros.

Respostas

1 – c, 2 – b, 3 – b, c e d.

Fontes

Exercício Mundo Educação, link: https://exercicios.mundoeducacao.bol.uol.com.br/exercicios-filosofia/exercicios-sobre-Etica.htm#resposta-2269

Cabine Cultural, link:

O que é Xenofobia?

Você sabe o que é Xenofobia? Começamos uma nova série com uma responsabilidade fora do comum, que é a apresentar e conceituar dúvidas constantes no dia a dia escolar e cotidiano do aluno e professor.

O que é Xenofobia?

xenofobia 1287902 1951401

Existem duas classificações para o termo “Xenofobia”: a primeira envolve um transtorno psiquiátrico, e a segunda uma forma de preconceito e racismo. Nessa matéria procuraremos discutir o tema através da segunda perspectiva, que é a de uma discriminação contra pessoas de cultura/origem diferentes.

O que está por trás da Xenofobia?

xeno 5727038 7572473

Além de uma forma de intolerância e discriminação, podemos destacar outro conjunto de fatores que faz com que um indivíduo ou grupo sejam xenófobos, entre eles:

  • Sentimento de superioridade

  • Falta de informação intercultural

  • Medo de perder espaço na sua classe social, através do discurso de que imigrantes tomariam vagas de trabalho

Com isso, já podemos ter uma ideia dos equívocos que um Xenófobo comete através desses pensamentos, visto que normalmente se trata de uma discriminação velada por esses discursos sempre visando “um bem maior”. Agora, fica o questionamento: bem maior pra quem?

Xenofobia no Brasil

xenofo 7930554 4147765

As vítimas mais constantes de xenofobia, no Brasil, são os Nordestinos. Através da construção de um imaginário bastante negativizado do nordeste, indivíduos e grupos das demais regiões do país constroem um nordestino que não corresponde a realidade. Tudo isso visando a difamação e a inferiorização destes, haja vista o fenômeno da migração. Quando os nordestinos saem da sua região rumo ao sudeste, sul, centro-oeste, etc., muitas vezes se deparam com situações de discriminação que podem culminar em atos de violência extrema. A intolerância deve ser fortemente combatida através de uma base educacional inclusiva, que promova a desconstrução desses imaginários depreciativos de populações que muito tem a agregar socialmente e culturalmente.

O que é Xenofobia e sua Relação com o ambiente escolar

gestao escolar participativa os alunos como parte das decisoes 2642923 1584624

É um tema válido para se pensar a questão da intolerância dentro do país, propiciando a desconstrução de estereótipos e de concepções discriminatórias que porventura os estudantes possam ter.

O que é Xenofobia: Pontos Positivos x Pontos Negativos

feedback negativo e positivo 1 4020577 6854682

Pontos Positivos sobre falar sobre Xenofobia

  • Abordar a temática com a possibilidade de mostrar o lado bom da diversidade, fazendo-o perceber a questão da diferença como algo benéfico e agregador.

  • Pensar as razões que levam um indivíduo ou grupo a ser xenófobo, no quadro de relações sociais e culturais brasileiro

  • Desconstruir possíveis pensamentos negativizados de caráter xenófobo

Proposta de aula para trabalhar sobre Xenofobia em sala de aula:

Tema:

Xenofobia

Objetivos sobre falar sobre Xenofobia

Objetivos Gerais sobre a aula de Xenofobia

Compreender o que é Xenofobia e seu caráter negativo para as relações sociais e culturais.

Objetivos Específicos sobre a aula de Xenofobia:

Desconstruir concepções discriminatórias de caráter xenófobo, atentando para um olhar mais positivo e inclusivo acerca das diferenças.

Conteúdo sobre a aula de Xenofobia:

Video 1: https://youtube.com/watch?v=bU9MOxpOzhs

Vídeo 2: https://youtube.com/watch?v=a93gRuIwW80

Texto 1: https://politize.com.br/xenofobia-o-que-e/

Metodologia sobre a aula de Xenofobia

Tomando como base o conteúdo aqui oferecido, é possível estabelecer um diálogo com os vídeos 1 e 2. Tendo em vista que a xenofobia caracteriza-se principalmente pela intolerância, é essencial voltar a discussão para um olhar mais positivo acerca das diferenças, onde estas sejam vistas como possibilidades de laços sociais e culturais.

Referências

Filmes sobre Xenofobia

Incêndios, 2010.

incidious 2256848 9843117

Canadá. Jeanne (Mélissa Désormeaux-Poulin) e Simon (Marwan Maxim) são irmãos gêmeos e acabaram de perder a mãe, Nawal Marwan (Lubna Azabal). Eles vão ao escritório do notário Jean Lebel (Rémy Girard) para saber do testamento deixado por ela. No documento, Nawal pede que seja enterrada sem caixão, nua e de costas, sem que haja qualquer lápide em seu túmulo. Ela deixa também dois envelopes, um a ser entregue ao pai dos gêmeos e outro para o irmão deles. Apenas após a entrega de ambos é que Jeanne e Simon receberão um envelope endereçado a eles e será possível colocar uma lápide. Só que Jeanne e Simon nada sabem sobre a existência de um irmão e acreditavam que seu pai estava morto. É o início de uma jornada em busca do passado da mãe, que os leva até a Palestina.

Dançando no Escuro, 2000.

dançando

O filme de Lars Von Trier é um olhar corajoso e doloroso na vida de um imigrante tcheco, que trabalha em uma fábrica na Washington dos anos 1960. Selma (Björk) é uma mãe solteira e incrivelmente ingênua que mantém um otimismo e uma obsessão por musicais americanos. É um filme comovente sobre a situação de uma imigrante presa em território norte-americano.

Livros sobre Xenofobia

Xenofobia: medo e rejeição ao estrangeiro.

Autor: Durval Muniz de Albuquerque.

O mundo contemporâneo, mesmo naquelas sociedades que se julgam as mais civilizadas e avançadas, tem que conviver com o desrespeito ás diferenças, com o racismo e com a violência em relação aos estrangeiros. É visando colaborar para que tenhamos uma sociedade mais inclusiva, mais respeitadora dos direitos humanos, das diferenças, e mais tolerante em relação ao outro, que este livro foi escrito.

Questionário

1 – Assinale a alternativa que indica corretamente o processo que ocorre em áreas de perseguições religiosas, políticas ou ideológicas, guerras, conflitos políticos, falta de oportunidade de trabalho no local de origem, concentração fundiária.

a) Atração populacional.

b) Aumento das taxas de natalidade.

c) Crescimento vegetativo.

d) Migrações populacionais.

e) Diminuição das taxas de mortalidade

2 – “Palavras de ordem, símbolos, propaganda, atos públicos, vandalismo e violência são, atualmente, manifestações de hostilidade frequentes contra estrangeiros na Europa. Os países onde mais intensamente têm ocorrido conflitos são Alemanha, França, Inglaterra, Bélgica e Suíça.”

(MOREIRA, Igor e AURICCHIO, Elizabeth. Construindo o espaço mundial. 3.ª ed. São Paulo: Ática, 2007, p. 37. Adaptado.)

Sobre o fenômeno social enfocado pelo texto, é válido afirmar que se trata de conflitos:

a) civis e militares, relacionados às formas históricas de exploração dos países do chamado Terceiro Mundo.

b) ligados ao nacionalismo, ao racismo e à xenofobia, no contexto globalizado das grandes migrações internacionais.

c) entre imigrantes das diversas nacionalidades que invadem a Europa, atualmente, na disputa por empregos e por melhores condições de vida.

d) culturais, principalmente causados pelo conflito armado entre países católicos e protestantes, mas também, sobretudo, conflitos contra países islâmicos.

e) étnicos e sociais decorrentes das dificuldades de desenvolvimento de países europeus em continuar a sua industrialização nos setores tecnológicos de ponta.

Respostas

1 – d, 2 – b.

Fontes

Exercícios Brasil Escola, link: https://exercicios.brasilescola.uol.com.br/exercicios-geografia/exercicios-sobre-conflitos-Etnicos.htm

Politize!, link: https://politize.com.br/xenofobia-o-que-e/

O que é Democracia?

Você sabe o que é Democracia? Começamos uma nova série com uma responsabilidade fora do comum, que é a apresentar e conceituar dúvidas constantes no dia a dia escolar e cotidiano do aluno e professor.

O que é Democracia?

demmocacia 32 9476945 4554568

Embora seja um conceito que a maioria das pessoas – provavelmente – saberia definir, a democracia é muito mais complexa por se tratar de algo que varia dependendo do contexto político e do grau de desenvolvimento social. Algumas pessoas dizem que é o direito a escolher seus representantes, outros dizem que é a decisão da maioria, etc., entretanto, podemos pensá-la como um modelo de sociedade onde as pessoas têm o poder de decidir o que e como será a sociedade e são, de fato, representadas/ouvidas/atendidas.

Por exemplo, temos uma sala de aula onde o professor pretende lançar um trabalho feito individualmente, porém, abre a possibilidade de votação para que os alunos decidam entre uma tarefa individual ou coletiva. Dessa maneira, a maioria vota por um trabalho coletivo e, por isso, o professor deve acatar a decisão, visto que grande parte decidiu assim. Isso é um exemplo muito básico e muito menos complexo do que uma Democracia de fato é, mas nos ajuda a compreender como ela se daria em um contexto político e social.

Quais as Características da Democracia?

democracia 9879783 7378783

Fizemos uma busca para saber quais os principais elementos que constituem uma Democracia e elencamos alguns aspectos importantes que lhe caracterizam, são eles:

  • Liberdade de expressão

  • Liberdade em formar organizações

  • Direito ao voto

  • Elegibilidade para cargos públicos

  • Garantia de acesso a informação

O que é Democracia e sua Relação com o ambiente escolar

273escolhaescolagettyimages 182164832 5464 6814054 2972336

Não é preciso aprofundar demais o assunto para ver a importância de se falar de Democracia em sala de aula; vivemos em um contexto onde a tendência – infelizmente – é a repressão, é a omissão de direitos. É necessário que os alunos vejam porque a Democracia é um caminho melhor e mais justo para uma sociedade,visto que se trata de um regime que coloca nas mãos da sociedade a opção de escolher os melhores caminhos para a educação, a saúde, etc. Abordá-lo em sala de aula é a garantia de que as futuras gerações tenham acesso as mesmas oportunidades que nós tivemos.

O que é Democracia: Pontos Positivos x Pontos Negativos

feedback negativo e positivo 1 4020577 6854682

Pontos Positivos sobre falar de Democracia

  • Os alunos compreenderão a amplitude do conceito de Democracia e quais suas principais características políticamente e socialmente

  • A abordagem do assunto irá garantir que os estudantes tenham consciência da importância de uma sociedade democrática

Pontos Negativos sobre falar de Democracia

  • É possível que os alunos tenham dificuldade em compreender a relevância da discussão acerca da Democracia, visto que nos meios de comunicação muito se leva a pensar em medidas políticas que fogem totalmente de uma proposta democrática, mas cabe ao professor estabelecer didáticamente um entendimento geral da turma acerca do que é a Democracia e porque ela foi e é importante socialmente e políticamente

Proposta de aula para trabalhar sobre Democracia em sala de aula:

Tema:

Democracia

Objetivos sobre a aula de Democracia:

Objetivos Gerais sobre a aula de Democracia:

Estabelecer uma compreensão geral acerca do que conceito de Democracia e das razões de ser um regime melhor para o povo.

Objetivos Específicos sobre a aula de Democracia:

Trabalhar o senso crítico da turma, estabelecendo um panorama histórico-sociológico de momentos políticos vivenciados pelo Brasil e de como a Democracia obteve um êxito maior nesse contexto, se comparado ao passado.

Conteúdo sobre a aula de Democracia:

Vídeo 1: https://youtube.com/watch?v=MLQkIDxyCcQ

Vídeo 2: https://youtube.com/watch?v=MW5p4RqQhl0

Texto: https://politize.com.br/democracia-o-que-e/

Metodologia sobre a aula de Democracia:

Uma atividade muito interessante para despertar a consciência da turma acerca do que é Democracia é iniciar a aula com um questionamento aberto para votação. Pode ser algo muito simples como “Quem prefere fazer um trabalho ao invés de uma avaliação?” e pedir que os que votassem a favor, levantassem a mão, de modo que os demais permanecessem quietos. Se a maioria da turma votar sim, já é possível iniciar a discussão acerca de Democracia com esse exemplo de decisão da maioria. Em seguida, utilizar os vídeos sugeridos nessa matéria para expor e ilustrar melhor o que vai ser abordado em sala de aula.

Referências

Filmes sobre Democracia

A Onda

9bf65 poster a onda 4857860 3572848

Rainer é um professor a quem foi designada a tarefa de instruir seus estudantes de Ensino Médio sobre o Estado Autocrático durante uma sessão às lições longas. Um professor favorito entre as crianças, Rainer decide deixar seus alunos desenvolver o assunto e pede a eles que construam sua própria autocracia. No entanto, quando as crianças formam um Estado-nação similar com o da Alemanha nazista, os professores não sabem o que fazer.

Livros sobre Democracia

1984

Autor: George Owell

1984 6103750 6738030

Em seu último romance, o autor criou um personagem chamado Winston, que vive aprisionado em uma sociedade completamente dominada pelo Estado. Essa submissão ao poder, é relatada, inclusive, na rotina desse personagem, que trabalha com a falsificação de registos históricos, a fim de satisfazer os interesses presentes. Winston, contudo, não aceita bem essa realidade, que se disfarça de democracia, e vive questionando a opressão que o Partido e o Grande Irmão exercem sob a sociedade. A inspiração do livro vem dos regimes totalitários das décadas de 30 e 40 e, é assim, sob a ótica da ficção, que o autor faz com que seus leitores reflitam sobre o sistema de controle, que depois de tanto tempo ainda é muito questionado.

Admirável Mundo Novo

Autor: Aldous Huxley

Uma sociedade inteiramente organizada segundo princípios científicos, na qual a mera menção das antiquadas palavras “pai” e “mãe” produzem repugnância. Um mundo de pessoas programadas em laboratório, e adestradas para cumprir seu papel numa sociedade de castas biologicamente definidas já no nascimento. Um mundo no qual a literatura, a música e o cinema só têm a função de solidificar o espírito de conformismo.

Um universo que louva o avanço da técnica, a linha de montagem, a produção em série, a uniformidade, e que idolatra Henry Ford. Essa é a visão desenvolvida no clarividente romance distópico de Aldous Huxley, que ao lado de 1984, de George Orwell, constituem os exemplos mais marcantes, na esfera literária, da tematização de estados autoritários.

Se o livro de Orwell criticava acidamente os governos totalitários de esquerda e de direita, o terror do stalinismo e a barbárie do nazifascismo, em Huxley o objeto é a sociedade capitalista, industrial e tecnológica, em que a racionalidade se tornou a nova religião, em que a ciência é o novo ídolo, um mundo no qual a experiência do sujeito não parece mais fazer nenhum sentido, e no qual a obra de Shakespeare adquire tons revolucionários. Entretanto, o moderno clássico de Huxley não é um mero exercício de futurismo ou de ficção científica. Trata-se, o que é mais grave, de um olhar agudo acerca das potencialidades autoritárias do próprio mundo em que vivemos.

Questionário

1 – A alternativa que não está ligado à características de regimes democráticos contemporâneos é:

a) Criação de direitos reais.

b) Ampliação de direitos existentes.

c) Criação de novos direitos.

d) Legitimação de conflitos ideológicos.

e) Valor absoluto e vitalício das leis.

2 – O ato de um grupo de pessoas serem eleitos, por meio de um regime de votação onde os cidadãos escolhe a melhor pessoa de acordo com as suas necessidades para governar alguma instância política é denominado de:

a) Democracia Direta.

b) Democracia Governamental.

c) Democracia Popular.

d) Democracia Representativa.

e) Oligarquia.

3 – O voto livre a todos os cidadãos é denominado de:

a) Voto Universal.

b) Voto Livre.

c)Voto Censitário.

d) Voto Exclusivista.

e) Voto das Elites.

Respostas

1 – b, 2 – d, 3 – a.

Fontes

Politize!, link: www.politize.com.br/democracia-o-que-e/

Exercícios sobre Democracia, link: https://wallacemelobarbosa.blogspot.com.br/2013/04/exercicio-de-sociologia-democracia.html

Dicas de Livros que abordam Democracia como tema, link: https://pt.slideshare.net/DemocracyBrasil/7-livros-e-filmes-obrigatorios-sobre-democracia

O que é Literatura?

Você sabe o que é Literatura? Começamos uma nova série com uma responsabilidade fora do comum, que é a apresentar e conceituar dúvidas constantes no dia a dia escolar e cotidiano do aluno e professor.

A Literatura é uma das disciplinas que nos acompanha durante todo percurso escolar e acadêmico. Dessa forma, a Literatura se constitui uma das disciplinas mais importante para a formação do indivíduo, e instiga o desenvolvimento da leitura. Entretanto, pouco se sabe sobre o que é e para que serve essa manifestação artística, visto que, de acordo com a pesquisa Retratos da Leitura no Brasil, 44% da população brasileira não possui o hábito da leitura.

O que é Literatura?

literatura 6268597 2711172

De acordo com o filosofo grego Aristóteles, a Literatura é a arte de imitar a realidade através das palavras. Dessa forma, essa pode reinventar ou criar uma realidade sempre dialogando e informando ao leitor sobre a cultura, a política, a sociedade e a economia de sua época de produção.

Assim, além de proporcionar o hábito da leitura, o enriquecimento vocabular e o desenvolvimento cerebral, a Literatura nos faz viajar pelo tempo e conhecer realidades longínquas das nossas, enxergar semelhanças e diferenças  entre o passado e o presente, respeito as diferenças, torna o indivíduo um ser crítico, etc.

O que é Literatura e sua Relação com o ambiente escolar

273escolhaescolagettyimages 182164832 5464 1951896 4633807

O estímulo a leitura é uma atividade escassa no ensino básico brasileira. Esse fato, tem sua influencia na forma com a Literatura é ensinada: de uma forma padronizada, onde as obras literárias são apresentadas em tópicos ( e não com sua leitura completa) , além da apresentação das escolas literárias, também em tópicos.

literatura2 5299316 7942972

Dessa forma, torna-se a Literatura uma disciplina “decorativa”, e, por consequência, o incentivo a leitura fica defasado devido essa prática. Para melhorar essa situação os professores de Literatura poderiam modificar a forma de ensino dessa disciplina, tornando-a mais atrativa.

O que é Literatura: Pontos Positivos x Pontos Negativos

feedback negativo e positivo 1 6006612 2416144

Pontos Positivos sobre Literatura

  • Desenvolvimento da Leitura;
  • Desenvolvimento do senso crítico;
  • Desenvolvimento da criatividade;
  • Melhora na interpretação textual.

Pontos Negativos sobre Literatura

  • Inicialmente o aluno poderá ter uma resistência com a leitura de clássicos, por considerar uma linguagem inacessível, ou simplesmente não gostar de ler. Nesses casos, o docente poderá utilizar atividades para despertar o hábito da leitura.

Proposta de aula para trabalhar sobre Política em sala de aula:

Tema:

Literatura

Objetivo sobre a aula de Literatura

Objetivos Gerais sobre a aula de Literatura:

  • Despertar o interesse pela literatura.

Objetivos Específicos sobre a aula de Literatura:

  • Conceituar Literatura
  • Melhorar a leitura e escrita
  • Desenvolver senso crítico

Conteúdo sobre a aula de Literatura:

Metodologia sobre a aula de Literatura:

Pode-se começar a introduzindo o tema com o vídeo 05, onde poderemos incluir o debate sobre o que é literatura e exemplos de literatura. Em seguida, mostrar o vídeo 01 para discutir o papel da literatura no contexto escolar e fora dele, e demonstrando com a literatura é multidisciplinar, exemplificando com obras que utilizam de variadas áreas do conhecimento, como Os sertões de Euclides da Cunha, que mistura conhecimentos de  literatura, geografia e biologia. Por último, mostrar os vídeo 04 e 05, onde poderemos ver o uso da Literatura para ensinar Português de uma forma mais interessante.

Avaliação sobre aula de Literatura:

Pedir que os alunos escolham seu livro preferido e façam um resumo onde conte o porquê de ser seu favorito, resumir a história e criar um final alternativo .

Referências:

Filmes sobre Literatura

Hora da Estrela,1985

hora 1591387 1772884

Macabéa é uma imigrante nordestina que vive em São Paulo. Ela trabalha como datilógrafa em uma pequena firma e vive em uma pensão miserável, onde divide o quarto com outras três mulheres. Macabéa não tem ambições, apesar de sentir desejo e querer ter um namorado. Um dia ela conhece Olímpico, um operário metalúrgico com quem inicia namoro. Só que Glória, colega de trabalho de Macabéa, tem outros planos após se consultar com uma cartomante.

Lisbela e o Prisioneiro,2003

Lisbela 2009448 2480455

Lisbela é uma moça que adora ir ao cinema e vive sonhando com os galãs de Hollywood dos filmes que assiste. Leléu é um malandro conquistador, que em meio a uma de suas muitas aventuras chega à cidade de Lisbela. Após se conhecerem eles logo se apaixonam, mas há um problema: Lisbela está noiva. Em meio às dúvidas e aos problemas familiares que a nova paixão desperta, há ainda a presença de um matador que está atrás de Leléu, devido a ele ter se envolvido com sua esposa.

Livros sobre Literatura

A volta ao mundo em 80 dias.

Autor: Júlio Verne

vola 3163533 9408593

Um inglês metódico, Phileas Fogg, diz aos seus colegas de clube que é capaz de completar a volta ao mundo em apenas 80 dias. Nessa época (1872), estimava-se que ninguém poderia realizar a proeza em menos de três meses, e mesmo assim se nenhum imprevisto acontecesse. Como todos duvidam, Fogg propõe uma aposta e parte para a viagem, acompanhado de seu empregado Jean Passepartout. O livro narra as inúmeras aventuras dessa viagem.

O Extraordinário.

Autor:R. J. Palacio

download 5934613 1022944

August Pullman, o Auggie, nasceu com uma síndrome genética cuja sequela é uma severa deformidade facial, que lhe impôs diversas cirurgias e complicações médicas. Por isso, ele nunca havia frequentado uma escola de verdade – até agora. Todo mundo sabe que é difícil ser um aluno novo, mais ainda quando se tem um rosto tão diferente. Prestes a começar o quinto ano em um colégio particular de Nova York, Auggie tem uma missão nada fácil pela frente – convencer os colegas de que, apesar da aparência incomum, ele é um menino igual a todos os outros.

Saga Harry Potter

Autora: J.K. Rowling

harry 3041875 6714470

A vida do menino Harry Potter não tem um pingo de magia. Ele vive com os tios e o primo, que não gostam nem um pouco dele. O quarto de Harry é, na verdade, um armário sob a escada, e ele nunca comemorou um aniversário sequer em onze anos. Até que, um dia, Harry recebe uma carta misteriosa, entregue por uma coruja: um convite para estudar num lugar incrível chamado Escola de Magia e Bruxaria Hogwarts. Lá ele vai encontrar não só amigos, esportes praticados em vassouras voadoras e magia para todo lado, como também seu destino: ser um aprendiz de feiticeiro até o dia em que terá que enfrentar a pior força do mal, o bruxo que assassinou seus pais. Mas, para isso, Harry precisará passar por uma série de desafios e enfrentar inúmeros perigos.

Fontes:

Nova escola, link: https://brasilescola.uol.com.br/literatura/

Brasil escola, link: https://brasilescola.uol.com.br/literatura/

Como se faz gelo seco

gelo seco 7409084 8560451

    Você certamente já viu filmes em que havia uma cena típica de incêndio ou qualquer presença de fogo e, consequentemente, fumaça. Sabia que, em alguns casos, essa fumaça cinematográfica é feita com gelo seco? O que usualmente chamamos de “gelo seco” não se trata de gelo, propriamente, mas sim, de CO2 no seu estado sólido. Diz-se “seco” pois este passa do estado sólido direto para o gasoso. Vamos aprender como fazê-lo?

Ingredientes

  • Extintor de Incêndio
  • Fronha de travesseiro

Como fazer

    Pelos ingredientes citados, parece impossível obter gelo seco, não é? Atente para o passo a passo abaixo e veja como é fácil conseguir fabricar gelo seco!

  1. Um extintor de incêndio tem CO2 líquido dentro. Quando pressionamos a alavanca e expelimos o líquido para fora, este rapidamente converte-se em fumaça. Ou seja, é muito simples obter gelo seco através deste equipamento, e é exatamente ele que você irá utilizar. Apenas tenha cuidado e use luvas durante o procedimento, pois a temperatura do gelo seco é de -78°C e pode causar sérias queimaduras.
  1. Coloque a fronha na frente do extintor e ejete o CO2 líquido por, pelo menos, 10 segundos. Você irá notar a formação de alguns pequenos pedaços de gelo seco. Pronto, você fez seu primeiro experimento com gelo seco! Uma dica para fazer com que o gelo seco vire “fumaça”, é colocá-lo em um recipiente com água.

    Simples, não é? Curioso por mais informações sobre isso? Trouxemos um vídeo logo abaixo com outra forma muito legal de se obter gelo seco:

______________________________________________

Exercício de fixação sobre como se faz Gelo Seco

1 – De que composto químico é feito o “Gelo Seco”?

(a) H2O

(b) CO2

(c) C2H6O

2 – Qual o processo físico pelo qual o Gelo Seco passa, que é a razão a qual este é comumente chamado de “seco”?

(a) Condensação

(b) Solidificação

(c) Sublimação

3 – Qual a temperatura do “Gelo Seco”?

(a) 78°C

(b) -78°C

(c) -68°C

Respostas

1 – b, 2 – c, 3 – b.

________________________________________________________________________

Fonte

 HypeScience, link: https://hypescience.com/como-fazer-gelo-seco-em-casa/

O que é Cultura? 10 Segredos sobre o tema!

Olá pessoal, o post vai discutir sobre O que é cultura. Vamos discutir sua definição, suas características e suas categorias. Vamos lá?

Você sabe o que é Cultura? Começamos uma nova série com uma responsabilidade fora do comum, que é a apresentar e conceituar dúvidas constantes no dia a dia escolar e cotidiano do aluno e professor.

O que é Cultura?

cultura-1-4060473-8940752

Não existe termo mais complicado de se definir no campo das Ciências Sociais, do que “cultura”.

Temos uma infinidade de respostas para a pergunta “O que é Cultura?”, entretanto, buscando facilitar o entendimento nesse debate, vamos nos ater ao conceito de cultura inspirado nos estudos de um teórico chamado “Roque de Barros Laraia”.

Segundo o livro “Cultura: Um conceito antropológico”, esta seria um fenômeno presente em todos os grupos e em tudo. Ela seria responsável pela dinâmica em que as sociedades operam em várias instâncias: cosmogonicamente, economicamente, socialmente, etc. Até nossas relações interpessoais estão diretamente ligadas a uma cultura

Mas, o que é cultura?

O que é cultura. Vamos começar definindo? Cultura é tudo aquilo que é feito pelo homem, significa um complexo que inclui o conhecimento, as crenças, as artes, a moral, a lei, os costumes, as aptidões, os hábitos e tudo aquilo que é adquirido pelo ser humano.

o que é cultura

Cada país tem sua própria cultura, que é diferente pois são influenciadas por diversos fatores. No Brasil a cultura marcada pela disposição de alegria, que se reflete também na música, no caso o samba, o carnaval que faz parte muito marcante na cultura brasileira.

Podemos entender que a cultura é um conjunto de manifestações artísticas, sociais, linguísticas e comportamentais. Uma das maiores capacidades de diferenciar o homem do animal é o modo como o homem pode produzir cultura.

De uma forma diferente do que a maioria da sociedade compreende, não existem pessoas com mais ou menos cultura, ou com culturas inferiores ou superiores. Todo ser possui cultura, afinal tudo aquilo que faz se torna cultura. Toda a sociedade possui um conjunto único de valores que foi construído por sua história e que deve ser compreendido e respeitado.

  • Pintura
madame-monet-and-child-5065675-4584568
  • Música
música
  • Religião
re-7199320-7394793
  • Culinária
culinaria-nordestina-10-6848306-8750240

É importante compreender que as sociedades produzem culturas diferentes, ou seja, não há uma hierarquização nesse sentido.

Características da cultura

Percebeu que esse campo é enorme e bastante amplo, não é? Para facilitar a compreensão, fizemos uma listinha de 3 elementos que são culturais mas que, devido a familiaridade que temos com eles, acabamos por não enxergá-los dessa maneira:

Mecanismo adaptativo:

Isso indica que as pessoas têm capacidade para mudar seus hábitos se adaptando ao meio de onde vivem

Mecanismo cumulativo:

É a chamada cultura passada de pai para filho. As gerações mais antigas transmitem o conhecimento, mesmo que estes sejam um pouco perdido entre o tempo.

Transformação permanente:

A cultura não é estática, pois ela é sempre influenciada por novos hábitos e maneiras de pensa que surgem conforme o ser humano evolui.

Os elementos da cultura

Enquanto vive a cultura o ser humano produz manifestações. A comida de um determinado grupo social, suas obras de arte, suas moradas típicas e tantas outras coisas são exemplos dessa produção. Elas podem ser divididas em dois grupos:

Cultura material:

É aquela que envolve produções culturais que tem resultado à objetos fixos.

Cultura imaterial:

São as chamadas tradições, as festas populares, os saberes e os valores partilhados por um grupo social.

Cultura na antropologia

Na antropologia a cultura é entendida como os padrões que o ser humano aprende e desenvolve a partir de sua interação uns com os outros, a antropologia também destaca que a cultura de um individuo não pode ser isolada de outros fatores, isto é, ela é representada de acordo com o tempo em que as pessoas estão inseridas, sua organização e seus esforços para manter e defender relações humanas ali estabelecida.

Cultura na sociologia

A sociologia entende que os padrões de interação e comportamentos do homem são feitos de acordo com sua necessidade, são elas então as responsáveis por determinar uma certa estrutura e organização social.

Cultura na filosofia

A filosofia considera cultura o conjunto de manifestações humanas moldadas a partir de uma combinação das necessidades pessoais da nossa realidade e de exigências globais, além disso na filosofia o individuo busca informação para justificar a posição adotada e justifica-la para si mesmo.

Cultura escolar

Se fizermos um estudo a cerda da cultura escolar, é importante que nos lembremos das especificidades da cultura na sociedade.

Na escola é necessário que a cultura tenha um espaço organizado, e que além da característica comum de uma instituição de ensino ela deve transmitir conhecimentos sistematizados, ela precisa por si só ter um modo próprio de ser e de manifestar seu hábitos e valores.

A cultura escolar esta muito ligada a filosofia da escola, a sua missão e é ela que dirá como a escola vê os discentes no processo educativo e na sua projeção para a vida social e intelectual.

Com todos os fatos mencionados podemos dizer que a missão da escola é responsável por contribuir na criação dos valores e das políticas de um indivíduo, sempre pensando nos objetivos diante das especificidades e necessidades sociais.

E o que é Cultura e sua Relação com o meio escolar

gestao-escolar-participativa-os-alunos-como-parte-das-decisoes-2585221-6227925

É uma temática essencial para o ambiente escolar, visto que é necessário uma compreensão da cultura no seu sentido amplo, além de ser possível uma discussão envolvendo o respeito à diversidade cultural e a tolerância diante das diferenças.

Pontos positivos e pontos negativos de se falar sobre cultura

Vamos refletir um pouco sobre esses pontos, para saber como lidar com eles? Pois deixar de tratar cultura em sala de aula não é uma opção!

feedback-negativo-e-positivo-1-5705297-7312329

Pontos Positivos sobre falar de Cultura

  • Compreender a cultura no seu sentido amplo
  • Ensinar o respeito à diversidade e a tolerância diante das diferenças, vendo-as como algo positivo

Pontos Negativos sobre falar de Cultura

  • Tendo em vista que não são todos os espaços na sociedade que discutem a diversidade cultural de uma maneira positiva, é possível que haja alunos com uma visão bastante negativa acerca da integração, então cabe ao docente estabelecer um diálogo legal para que esse estudante desconstrua seus pré-conceitos.

Proposta de aula para trabalhar sobre Cultura em sala de aula:

Preparei uma aula sobre cultura para trabalhar com os alunos

Tema:

Cultura

Objetivos Gerais sobre a aula de Cultura:

Compreender o conceito de cultura no seu sentido amplo, enxergando a variedade cultural existente no país e vendo-a como algo positivo.

Objetivos Específicos sobre a aula de Cultura:

Apresentar os espaços onde a cultura se manifesta, para que dessa maneira o aluno possa sentir o quão abrangente é o campo cultural, e ensinar o respeito e tolerância mediante as diferenças culturais.

Conteúdo sobre a aula de Cultura:

Vídeo 1: https://youtube.com/watch?v=GgmlGTFrD3g

Vídeo 2: https://youtube.com/watch?v=JqdgeWNfJUM

Texto 1:

Texto 2: https://mundoeducacao.bol.uol.com.br/sociologia/conceito-cultura.htm

Metodologia sobre a aula de Cultura

Para que a aula seja bastante interessante, pode-se utilizar, para além dos conteúdos sugeridos nessa matéria e dos livros didáticos, que os alunos apresentem em uma determinada data qualquer tipo de trabalho que considerem ser de cunho cultural: uma música, uma pintura, uma comida, etc., para ao final estabelecer uma reflexão acerca da amplitude do conceito de Cultura, e de como se trata de um fenômeno presente em todas as esferas sociais.

Filmes sobre Cultura

A umbanda é Mogibá, 2010.

Documentário que tem por objetivo registrar aspectos da Umbanda em Sorocaba, ritual e composição cultural a partir das matrizes étnicas africana, indígena e européia.

Esta obra procura incluir aspectos relevantes da história e da cultura euro-afro-ameríndia na construção de uma religião que traz em si a alma da cultura brasileira.

O Documentário conta com entrevistas de líderes e participantes dos primeiros grupos umbandistas em atuação ainda hoje, na cidade de Sorocaba, além de pesquisadores do assunto.

Até aqui você pode ir, 2012.

Chiapas, México. Cidades artificiais são construídas por todo o estado em nome do combate à pobreza. A imagem de centenas de casinhas enfileiradas uma ao lado da outra contrasta com as paisagens rurais onde se estabelecem. “Cidades Rurais Sustentáveis” é um programa estatal que busca oferecer à população chapaneca todos os serviços.

Moradia digna, pleno emprego, saúde e educação. O progresso e a modernidade como bandeiras de um modelo único que nega e anula o ser indígena e campesino.

Livros sobre Cultura

Cultura: um conceito antropológico

Autor: Roque de Barros Laraia

download-1-1454871-5209523

Uma introdução ao conceito antropológico de cultura, realizada de forma didática, clara e simples.

A primeira parte do livro refere-se ao conceito de cultura a partir das manifestações iluministas até os autores modernos, enquanto a segunda procura demonstrar como a cultura influencia o comportamento social e diversifica enormemente a humanidade, apesar de sua comprovada unidade biológica.

O autor procura utilizar, sempre que possível, exemplos referentes à nossa sociedade e às sociedades tribais que compartilham nosso território, o que não impede a utilização de exemplos de autores que trabalham em outras partes do mundo.

Ensaios sobre o conceito de cultura

Autor: Zygmunt Bauman

cultura-9845364-5891081

A cultura – ensina Bauman – é um inimigo natural da alienação, um audacioso movimento humano para se libertar da necessidade e conquistar a liberdade de criação. Nesse livro, o sociólogo faz uma revisão crítica do conceito de cultura nas ciências sociais, percorrendo um longo caminho, que vai dos gregos antigos até o pós-estruturalismo.

Em cada um dos três ensaios, examina as principais correntes de pensamento que estudaram o significado da cultura na sociedade.

Assim, desfaz muito da confusão produzida pela tentativa de integrar o processo cultural no interior do discurso científico e apresenta uma proposta inovadora: alinhar os fenômenos e manifestações culturais no campo da práxis – a atividade livre, universal, criativa e autocriativa pela qual os homens transformam o mundo em que vivem. Um livro que reflete Bauman no que ele tem de melhor em termos de profundidade, sutileza e perspicácia.

Questões do ENEM sobre cultura

1 – (Enem 2014) No Brasil, a origem do funk e do hip-hop remonta aos anos 1970, quando da proliferação dos chamados “bailes black” nas periferias dos grandes centros urbanos. Embalados pela black music americana, milhares de jovens encontravam nos bailes de final de semana uma alternativa de lazer antes inexistente. Em cidades como o Rio de Janeiro ou São Paulo, formavam-se equipes de som que promoviam bailes onde foi se disseminando um estilo que buscava a valorização da cultura negra, tanto na música como nas roupas e nos penteados. No Rio de Janeiro ficou conhecido como “Black Rio”. A indústria fonográfica descobriu o filão e, lançando discos de “equipe” com as músicas de sucesso nos bailes, difundia a moda pelo restante do país.

(DAYRELL, J. A música entra em cena: o rap e o funk na socialização da juventude. Belo Horizonte: UFMG, 2005).

A presença da cultura hip-hop no Brasil caracteriza-se como uma forma de

a) lazer gerada pela diversidade de práticas artísticas nas periferias urbanas.

b) entretenimento inventada pela indústria fonográfica nacional.

c) subversão de sua proposta original já nos primeiros bailes.

d) afirmação de identidade dos jovens que a praticam.

e) reprodução da cultura musical norte-americana.

2 – (Enem 2013) A recuperação da herança cultural africana deve levar em conta o que é próprio do processo cultural: seu movimento, pluralidade e complexidade. Não se trata, portanto, do resgate ingênuo do passado nem do seu cultivo nostálgico, mas de procurar perceber o próprio rosto cultural brasileiro. O que se quer é captar seu movimento para melhor compreendê-lo historicamente.

(MINAS GERAIS. Cadernos do Arquivo 1: Escravidão em Minas Gerais. Belo Horizonte: Arquivo Público Mineiro, 1988.)

Com base no texto, a análise de manifestações culturais de origem africana, como a capoeira ou o candomblé, deve considerar que elas

a) permanecem como reprodução dos valores e costumes africanos.

b) perderam a relação com o seu passado histórico.

c) derivam da interação entre valores africanos e a experiência histórica brasileira.

d) contribuem para o distanciamento cultural entre negros e brancos no Brasil atual.

e) demonstram a maior complexidade cultural dos africanos em relação aos europeus.

Fontes do texto sobre cultura

Exercícios Descomplica, link: https://descomplica.com.br/blog/sociologia/exercicios-cultura-2/

Mundo Educação , link: https://mundoeducacao.bol.uol.com.br/sociologia/conceito-cultura.htm

Fim do post sobre o que é Cultura

Obrigada por ter acompanhado o post sobre O que é Cultura. Espero que tenha sido satisfatório para seu objetivo com a língua inglesa, seja para estudo seja para programar suas aulas.

Deixe seu comentário e sugestões para a melhoria do Blog Demonstre!

O que é Política?

Você sabe o que é Política? Começamos uma nova série com uma responsabilidade fora do comum, que é a apresentar e conceituar dúvidas constantes no dia a dia escolar e cotidiano do aluno e professor.

O que é Política?

politico 3707570 7875787

Podemos definir política como o ato de governar, administrar e cuidar do Estado. O povo investe boa parte do seu dinheiro pagando impostos para que possam ser empregados em melhorias sociais, e os responsáveis por assegurar esse repasse – teoricamente – são os políticos. A sociedade é obrigada a obedecer ao Estado, mas para que essa obediência seja justa, as pessoas precisam ter o direito de escolher aqueles que elas julgam ser mais preparados para governar e para fazer boas leis. A ferramenta que possibilita isso é o “voto”. Daí a importância da participação de todos nas eleições, pois somente o coletivo é capaz de fazer verdadeiras modificações sociais.

O que é Política e sua Relação com o ambiente escolar

gestao escolar participativa os alunos como parte das decisoes 3515450 9299370

É de importante abordagem por se tratar de um assunto que está presente tanto na esfera da teoria quanto na prática. Vivenciamos a política diariamente através das leis, dos votos, das decisões que os políticos tomam com relação a educação, saúde, segurança, etc. Estabelecer nos alunos uma consciência política torna-os cidadãos mais aptos a decidirem de maneira sábia os futuros governantes de suas cidades e de seu país.

O que é Política: Pontos Positivos e Pontos Negativos

feedback negativo e positivo 1 7124914 8781316

Pontos Positivos sobre Política

  • Os alunos irão compreender as estruturas que definem o campo político na sociedade, estando mais bem informados sobre o assunto e aptos a realizarem boas decisões diante da tarefa do voto eleitoral

  • Torná-los cidadãos com consciência política

  • Instigar os alunos a observarem a influência da política nos mais variados segmentos da sociedade

Pontos Negativos sobre Política

  • Para os jovens, o assunto pode acabar se tornando difícil de despertar algum interesse, mas nada que o educador não possa contornar através de atividades lúdicas e de envolvimento coletivo em sala de aula

Proposta de aula para trabalhar sobre Política em sala de aula:

Tema:

Política

Objetivos sobre a aula de Política:

Objetivos Gerais sobre a aula de Política:

Estimular a uma compreensão razoavelmente densa do que é política e de como ela se apresenta nos diferentes segmentos sociais.

Objetivos específicos sobre a aula de Política:

Formar alunos com certa consciência política, para que possam coletivamente assegurar um futuro promissor para o país através de sua participação política, seja por meio do voto, seja cobrando seus direitos aos responsáveis por assegurá-los: os políticos.

Conteúdo sobre aula de Política

Vídeo 1: https://youtube.com/watch?v=cV6KJGonUy4

Vídeo 2: https://youtube.com/watch?v=BN39aYGgbGk

Texto 1:

Texto 2: https://ebc.com.br/infantil/voce-sabia/2016/04/o-que-e-politica

Metodologia sobre a aula sobre Política

Os conteúdos audiovisuais inseridos nessa matéria são bastante elucidativos, então o educador pode escolher se irá repassá-los no início ou no meio do debate sobre o tema. Entretanto, é essencial que os estudantes dêem suas impressões acerca do que é política e de como eles pensam que funciona o sistema político brasileiro, para que dessa maneira o professor possa agregar conteúdo à discussão e tirar dúvidas.

Referências

Filmes sobre Política

O Grande Ditador, 1940.

1221007404 6598139 4168361

Um barbeiro judeu passa anos em um hospital do exército se recuperando de suas feridas após ter servido na guerra, sem saber do crescimento de poder do ditador fascista Adenóide Hynkel e suas políticas antissemitas. Quando o barbeiro retorna ao seu bairro tranquilo, ele fica atordoado com as mudanças brutais e, de forma imprudente, se une a uma menina bonita e seus vizinhos para se rebelar.

Getúlio, 2014.

getulio 2219390 5630646

Getúlio Vargas passa seus 16 últimos dias pressionado por uma crise política em decorrência das acusações de que teria ordenado o atentado contra Carlos Lacerda. O presidente avalia os riscos existentes até tomar a decisão de se suicidar.

Livros sobre Política

O Livro da Política

Autor: Rafael Longo

A publicação mostra os conceitos que moldam a arte da política, compreendida aqui não só como o jogo disputado nos gabinetes do poder representativo, mas sobretudo como atividade inerentemente humana.

O Príncipe

Autor: Maquiavel

o principe maquiavel 7055354 9232044

A grandeza e originalidade de ‘O Príncipe’ consiste em ter alargado o campo da ciência na política, distinguindo os interesses políticos primários das classes, mas confundindo-os, ao mesmo tempo, em uma monstruosa razão de Estado pela qual o povo é apenas matéria plástica nas mãos do Príncipe.

Questionário

1. (2013)  Nasce daqui uma questão: se vale mais ser amado que temido ou temido que amado. Responde-se que ambas as coisas seriam de desejar; mas porque é difícil juntá-las, é muito mais seguro ser temido que amado, quando haja de faltar uma das duas. Porque dos homens se pode dizer, duma maneira geral, que são ingratos, volúveis, simuladores, covardes e ávidos de lucro, e enquanto lhes fazes bem são inteiramente teus, oferecem-te o sangue, os bens, a vida e os filhos, quando, como acima disse, o perigo está longe; mas quando ele chega, revoltam-se. 
MAQUIAVEL, N. O príncipe. Rio de Janeiro: Bertrand, 1991.

A partir da análise histórica do comportamento humano em suas relações sociais e políticas, Maquiavel define o homem como um ser

a) munido de virtude, com disposição nata a praticar o bem a si e aos outros.   

b) possuidor de fortuna, valendo-se de riquezas para alcançar êxito na política.   

c) guiado por interesses, de modo que suas ações são imprevisíveis e inconstantes.   

d) naturalmente racional, vivendo em um estado pré-social e portando seus direitos naturais.   

e) sociável por natureza, mantendo relações pacíficas com seus pares.

2. (2013)  Para que não haja abuso, é preciso organizar as coisas de maneira que o poder seja contido pelo poder. Tudo estaria perdido se o mesmo homem ou o mesmo corpo dos principais, ou dos nobres, ou do povo, exercesse esses três poderes: o de fazer leis, o de executar as resoluções públicas e o de julgar os crimes ou as divergências dos indivíduos. Assim, criam-se os poderes Legislativo, Executivo e Judiciário, atuando de forma independente para a efetivação da liberdade, sendo que esta não existe se uma pessoa ou grupo exercer os referidos poderes concomitantemente.

                    MONTESQUIEU, B. Do espírito das leis. São Paulo: Abril Cultural, 1979 (adaptado).

A divisão e a independência entre os poderes são condições necessárias para que possa haver liberdade em um Estado. Isso pode ocorrer apenas sob um modelo político em que haja

a) exercício de tutela sobre atividades jurídicas e políticas.   

b) consagração do poder político pela autoridade religiosa.   

c) concentração do poder nas mãos de elites técnico-científicas.   

d) estabelecimento de limites aos atores públicos e às instituições do governo.   

e) reunião das funções de legislar, julgar e executar nas mãos de um governante eleito. 

3. (2013)  O edifício é circular. Os apartamentos dos prisioneiros ocupam a circunferência. Você pode chamá-los, se quiser, de celas. O apartamento do inspetor ocupa o centro; você pode chamá-lo, se quiser, de alojamento do inspetor. A moral reformada; a saúde preservada; a indústria revigorada; a instrução difundida; os encargos públicos aliviados; a economia assentada, como deve ser, sobre uma rocha; o nó górdio da Lei sobre os Pobres não cortado, mas desfeito — tudo por uma simples ideia de arquitetura!

                                                          BENTHAM, J. O panóptico. Belo Horizonte: Autêntica, 2008.

Essa é a proposta de um sistema conhecido como panóptico, um modelo que mostra o poder da disciplina nas sociedades contemporâneas, exercido preferencialmente por mecanismos

a) religiosos, que se constituem como um olho divino controlador que tudo vê.   

b) ideológicos, que estabelecem limites pela alienação, impedindo a visão da dominação sofrida.   

c) repressivos, que perpetuam as relações de dominação entre os homens por meio da tortura física.   

d) sutis, que adestram os corpos no espaço-tempo por meio do olhar como instrumento de controle.   

e) consensuais, que pactuam acordos com base na compreensão dos benefícios gerais de se ter as próprias ações controladas.

Respostas

1 – c, 2 – d, 3 – d.

Fontes

Turminha do MPF, link: https://ebc.com.br/infantil/voce-sabia/2016/04/o-que-e-politica

Exercícios de Ética e Filosofia Política, link: https://estudantesdefilosofia.blogspot.com.br/2014/03/10-questoes-de-etica-e-filosofia.html

Atividades sobre o que é sustentabilidade

Oi pessoal, o texto de hoje é sobre Atividades sobre o que é sustentabilidade. Espero que curtam nosso post! Vamos conferí-lo?

Atividades sobre o que é sustentabilidade

Se você for abordado de repente, e alguém te perguntar: O que é Sustentabilidade? O que você responderia?  Bem, esse assunto não é tão complicado o quanto parece, mas também não é fácil. É mais uma questão de aprender na prática, o que se ouve em teoria.

O que é sustentabilidade?

Sustentabilidade é o dever de amparar, manter o equilíbrio, cuidar de nosso planeta. Zelar pela casa, para que gerações no futuro tenham onde morar!

suste-8652070-2727417

Atividades sobre o que é sustentabilidade – Como falar sobre sustentabilidade com as crianças em sala de aula.

O professor tem nas mãos, uma responsabilidade imensa. A de construir o alicerce dos futuros administradores do mundo. Se nossas crianças não aprenderem, a cuidar do planeta hoje, ele não suportará até amanhã.

Cuidamos do planeta, quando cuidamos de nossas casas, das ruas, das pessoas, animais e da natureza. Quando economizamos, reutilizamos algo reaproveitável, e preservamos nosso habitat. Fazendo isso, estamos no caminho da sustentabilidade.

lincoln_road-1024x497-3689323-8929025

Implantar certas verdades, em cabecinhas que, se encontram em formação, é como manusear massa fresca: dá tempo de modelar antes que endureça. Caso não colocarmos lá dentro, princípios e valores, que os tornem responsáveis pela vida, amanhã poderá ser impossível de se corrigir. Mas, o tempo é agora, então vamos colocar “a mão na massa”.

Atividades sobre o que é sustentabilidade – Mas o que é Sustentabilidade?

Basta olhar o radical da palavra e encontraremos: “sustentar”. Sim, a ideia é essa. Sustentabilidade significa, amparar. É isso que devemos fazer com nosso planeta, o mundo em que vivemos, para que não venha a desabar, e a futura geração fique sem casa.

Imaginem que estejamos preparando um bolo de aniversário, no entanto erramos na massa, ela ficou esfarelando. O erro foi o excesso de fermento. O bolo não ficou preparado o suficiente para receber o recheio, pois não houve equilíbrio na massa, concorda?

Suponha-se que esse bolo represente a terra, onde o desequilíbrio provocado pela poluição, esteja alterando toda sua estrutura, fazendo-a se desmanchar.Com isso concluímos, que, sustentabilidade é o único ingrediente quer poderá salvar o planeta. Só por meio dela a terra terá chances para se equilibrar.

Atividades sobre o que é sustentabilidade – Ensinando o que é Sustentabilidade

Crianças, guardam tudo, se lhes for dito em forma de histórias e ilustrações. Se você conseguir convence-las, do que acontece, quando uma simples garrafa é jogada no chão, terá conquistado um amigo do planeta.

images-3-6309656-4271145

Atividades sobre o que é sustentabilidade – Paisagem e sustentabilidade

Mostre a ela,s como existem lugares deslumbrantes em nosso planeta. Se as pessoas não tiverem cuidado hoje, estes lugares maravilhosos deixarão de existir.

20120410145823-2310279-6676907

A natureza precisa ser protegida, e são eles que ajudarão, resguardar esses lugares maravilhosos. Se as pessoas continuarem, destruindo e acumulando lixos, essas belezas desaparecerão!

Para que os pequenos, compreendam melhor o que é a sustentabilidade, poderemos personifica-la. Vamos apresenta-la como a senhorita sustentabilidade, que veio trazer um remédio, para sarar o meio ambiente ferido.

Para ajudar a recupera-lo, ela começa a educar as pessoas, para que sobrevivam com o que realmente necessitam, usem de preferência recursos renováveis, cultivem hortas, plantem árvores e não permitam a destruição de florestas.

professora-feliz-com-os-alunos-fundo_1098-2917-8879279-3329244

Ela quer que adultos e crianças não joguem lixo na rua, reaproveitem tudo o que puderem, preservem as prantas e os animais…Para que daqui alguns anos o meio ambiente fique sarado.

Atividades sobre o que é sustentabilidade – Economia doméstica e sustentabilidade

A senhorita sustentabilidade foi parar dentro das casas, para saber como as crianças estavam se comportando com relação ao desperdício.

Desperdicio de agua 4845642 4075753

Ela viu Gustavo que estava lavando o pátio da casa com mangueira,  e a água escorrendo pela calçada. Viu a Júlia que ligou todos os aparelhos eletrônicos da casa, sem necessidade alguma, e saiu para conversar na rua com sua amiga.

Viu a Lili jogando no lixo, papel, comida vidro, tudo misturado… Bom, terei que parar por aqui, pois a senhorita sustentabilidade já estava sentindo tontura ao ver como as pessoas não estavam se preocupando com o futuro do planeta.

Então, ela resolveu fazer uma lista, e levou aos professores, pedindo que eles a socorressem e mostrassem as crianças, o que poderiam fazer para ajudar na economia doméstica, dessa forma, estariam sendo sustentáveis.

Não somente os pais ficaram felizes, mas toda natureza, ou melhor, o meio ambiente que já estava doente, ficou  agradecido à senhorita  sustentabilidade.

ferias-escolares-7715997-9234637

A propósito, a lista da senhorita Sustentabilidade estará disponível no final deste artigo, e poderá ser compartilhado com a garotada.

Atividades sobre o que é sustentabilidade – A sustentabilidade e sua Interação com o homem

Já que seu papel seria, conquistar parcerias para socorrer a terra, ela precisou da ajuda também de autoridades. Eles se reuniram para criarem programas de divulgação, sobre a necessidade de economizar.

Ela motivou também às associações para que se movimentassem e fizessem propagandas contra o desperdício de recursos naturais não renováveis, os quais, se forem gastos sem noção podem acabar totalmente.

Atividades sobre o que é sustentabilidade – Meio ambiente e Sustentabilidade

Para aqueles que ainda não conseguiram entender, o que o meio ambiente tem a ver com a sustentabilidade, pode-se dizer que, a sustentabilidade é a enfermeira que faz os curativos no meio ambiente ferido.

thumbnail-2495696-8026206

Sim, o meio ambiente é composto por tudo o que é vivo e não vivo. Desta forma, fazem parte dele os homens, os animais, as árvores plantas e também os seres inanimados como as pedras, a terra, etc.

Quando se joga lixo na rua, o meio ambiente padece. Os bueiros entopem e causam enchentes. Além de trazerem doenças para os homens, acabam com as plantações, misturam lixo nocivo na água que vai para o rio, o rio poluído envenena os peixes, que morrem e contaminam a água… Pequenos gestos mal feitos, que geram um mundo de problemas.

Será muito bom, se o professor puder desenhar no quadro, ou conseguir figuras que mostrem uma criança jogando a latinha ou garrafinha de refrigerante na rua. Logo após, mostre a chuva levando a latinha para o bueiro…

alagamentos-itajai-18-1-1484296-6355940

Conte para eles que a senhorita sustentabilidade começou a ensinar as crianças como aproveitar muita coisa que é jogado no lixo, e iria fazer mal para as plantas, o ar, a água, causar enchentes.

Mas, por serem crianças inteligentes e amigos do planeta, isso não vai mais acontecer, pois se dispuseram a reaproveitar tudo, e desta forma protegerão o meio ambiente.

reciclando-7142824-6388402

Se as nossas crianças aprenderem desde cedo, o que deve ser feito para conservar o planeta, daqui vinte anos o efeito será sentido.

5 Atividades sobre o que é sustentabilidade

Nada melhor, para internalizar o conhecimento, do que as atividades práticas. Por este motivo preparamos 5 atividades, para serem desenvolvidas com os alunos, esperamos que sejam úteis no aprendizado.

5 Atividades sobre o que é sustentabilidade – Paisagem e Sustentabilidade

Essa atividade trás como proposta, um passeio  pelo bairro, onde a escola está situada.
1-4204867-4542362

Passo a passo da atividade – Paisagem e sustentabilidade

  1. Para o passeio no bairro, convide-os a levarem um bloco para registrarem tudo o que é prejudicial a paisagem local: Entulhos, lixos depositados fora do lugar de recolhimento, obras abandonadas, pessoas dormindo na calçada…
  2. Ao retornarem à escola, comentem sobre o que viram e o que poderia ser feito para melhorar algumas dessas situações como:
  • Escrever cartinhas e entregar na prefeitura, pedindo que o lixo da rua tal, seja recolhido;
  • Sugerir que transformem um imóvel da prefeitura, em abrigo para os que dormem nas ruas.
  • Gravarem áudio e espalharem pela cidade, a ideia de preservação da paisagem local, sugerindo que os moradores, recolham os entulhos de frente das casas, etc.

Sustentabilidade é cuidar do ambiente onde se vive, lugar limpo, organizado e belo, permite as pessoas viverem mais felizes.Por certo, esta atividade sustentável será benéfica a toda comunidade, e contribuirá para construir um mundo melhor.

5 Atividades sobre o que é sustentabilidade – Economia doméstica e Sustentabilidade

A atividade aqui proposta, visa ensinar os alunos, a prática da sustentabilidade dentro de casa. É importante que desde cedo, eles aprendam a ler as contas de água e luz, comparando-as e  desenvolvendo meios de economia.

4pjsf7cikft8riizly1tmuojo-2441658-5486543

Passo a passo da atividade – Economia doméstica e sustentabilidade

  1. Peça aos alunos que levem para a escola contas de água e luz. Pergunte-os o que sabem  sobre a procedência, da água e luz usadas nas residências.
  2. Ensine-os  como procede o Consumo em Watts.
  3. Peça que anotem o valor das contas do mês, em seguida faça um desafio para que no mês seguinte, apresentem as novas contas, com valores reduzidos.
  4. Ofereça um brinde à criança que apresentar, a maior economia feita durante o mês.

Deixe claro para eles que sustentabilidade é aproveitar melhor os recursos oferecidos pela natureza, preservando-os, sempre que possível.

5 Atividades sobre o que é sustentabilidade – Sustentabilidade  e a Interação com o Homem

Nesta atividade, propomos à turma, organizar um mutirão, para ajudar uma comunidade carente,  promovendo aos moradores, um dia sustentável.

horta-5927865-1990750

Passo a passo da atividade – Interação com o Homem e sustentabilidade

  1. Converse com a turma e explique que, o respeito ao próximo, ajudar aos necessitados, também faz parte de um mundo sustentável. Promova uma campanha onde eles recolham alimentos e agasalhos.
  2. Marque um dia em que irão visitar uma comunidade carente. No entanto, a visita, não será apenas para doar os alimentos.
  3. As crianças deverão levar consigo sementes e convencerem os moradores a fazerem hortas em suas casas, caso não tenham.
  4. Irão ainda orientá-los sobre reaproveitarem as águas da lavagem de roupas para lavarem os quintais, dizer-lhes o quanto eles são importantes para o planeta, e o planeta para eles.

Sustentabilidade promove a melhoria social, pessoas vivendo bem e produzindo um mundo melhor!

5 Atividades sobre o que é sustentabilidade – Meio ambiente e Sustentabilidade

O Brasil é um país de belezas exuberantes, em todos os lugares é possível ver traços da natureza a que revelam a riqueza da vegetação, flora, fauna, o mar e tantas maravilhas expostas à humanidade.  Nossa atividade é fazer com que os alunos, levem as pessoas refletirem, como poderão preservar melhor, o meio ambiente.

curiozzzo-com-post-5-paraisos-feriado-7-setembro-apartamento-702-cachoeira-roncador-5570877-4490127

Passo a passo da atividade – Meio ambiente e sustentabilidade

  1. Desta vez convoque os alunos, para que montem um roteiro, e visitem os lugares em sua cidade, com maior concentração de espécies diferenciadas, tanto da fauna quanto da flora.
  2. Leve com vocês câmeras fotográficas, ou celulares, para que possam registrar todas as maravilhas que encontrarão.
  3. Prepare um dia especial na escola, em que a comunidade ,possa estar presente.
  4. Prepare convites e dê aos alunos para distribuírem.
  5. No dia marcado, faça exposição das fotos que foram tiradas, e prepare alguns alunos para discursarem sobre o passeio, e a necessidade de proteger as espécies nativas.
  6. Fale com a comunidade que o planeta precisa de cada um deles, economizando, cuidando e protegendo as riquezas naturais.

Cuidar do meio ambiente, é uma das formas inteligentes de dar lugar a sustentabilidade.

5 Atividades sobre o que é sustentabilidade -Sustentabilidade, viva o verde

Ainda dá tempo de protegermos nosso paraíso! Agindo de forma sustentável , teremos mais ar, mais vida e mais verde!lindas-paisagens-7970897-5505991

Passo a passo da atividade – Sustentabilidade, viva o verde

  1. Para concluir esse capitulo, vamos pedir que cada aluno desenvolva uma redação, dizendo tudo o que aprendeu sobre a Sustentabilidade.
  2. Peça que descrevam o que pretendem fazer, para ajudar na preservação de nosso planeta.
  3. Incentive-os a lerem o que construíram e trocarem com os colegas de folha para que uns leiam o texto do outro.
  4. Agora é só fazer um lindo desenho e colocar junto à redação no mural.

Se cada um de nós fizermos realmente nossa parte, o mundo se tornará um lugar melhor de se viver. Salvar o verde hoje, significa respirar o ar puro no amanhã. E como não poderíamos esquecer, aí vai a lista da senhorita Sustentabilidade, para acriançada economizar!

Bônus – Lista da senhorita sustentabilidade

lista-9501124-1564616

Fim

Chegamos ao final desta primeira parte da sustentabilidade, mas fique conectado conosco, pois temos muito mais para realizar em parceria com vocês.  Vamos levar nossas crianças pelo caminho sustentável, pois é disso que nosso planeta necessita para sobreviver!

Fale conosco e deixe sua opinião sobre o assunto. Estaremos prontos a responder-lhe com muito carinho!

Você também pode gostar de:

https://demonstre.com/o-que-e-sustentabilidade-na-escola/

O que é Preconceito?

Você sabe o que é Preconceito? Começamos uma nova série com uma responsabilidade fora do comum, que é a apresentar e conceituar dúvidas constantes no dia a dia escolar e cotidiano do aluno e professor.

O que é Preconceito?

preconceito mm 2 2736280 9321635

Podemos definir de maneira bem resumida como uma forma de intolerância criminosa, onde um sujeito estabelece um juízo de valor sem qualquer análise crítica, ofendendo diversos grupos e contribuindo para a marginalização destes. Um exemplo de preconceito é o racismo, caracterizado por ser um preconceito relacionado à cor. No Brasil, vemos bastante preconceito racial com pessoas negras, ainda que nossa legislação conceba o racismo como um crime.

O preconceito também é uma arma abstrata de forte poder para a manutenção de discursos que impedem melhorias para populações que vivem em condições sociais de exclusão, impedindo que estas possam ascender socialmente e terem uma qualidade de vida melhor. É importante compreender de que forma o preconceito está presente na nossa sociedade para que possamos torná-la um espaço melhor e mais inclusivo, abominando qualquer tipo de pensamento discriminatório.

Confira nosso vídeo de atividades para combater o preconceito na escola:

Formas de Preconceito

images cms image 000561203 9530280 8589039
  • Racismo: Forma de discriminação racial. No Brasil, é sofrida em grande maioria pela população negra. Falta de oportunidades no universo acadêmico e no mercado de trabalho, grande contingente carcerário e exclusão social são alguns dos problemas enfrentados pela população negra por conta do racismo. Infelizmente é uma realidade que se faz presente no Brasil desde o período colonial, há mais ou menos três séculos, e até hoje podemos perceber como o discurso colonialista mantém as populações negras subalternizadas e excluídas da sociedade.

  • Homofobia/Lesbofobia/Bifobia: São discriminações de caráter sexual, onde o indivíduo preconceituoso não consegue conceber as diferentes formas de relações interpessoais que não sigam um modelo heterossexual, acabando por discriminar e excluir gays, lésbicas, bissexuais, etc.

  • Transfobia: discriminação de gênero, em que o indivíduo exclui e formula discursos de ódio para pessoas que não se identificam com o gênero a que lhes foi atribuído no nascimento, passando assim por um processo de redesignação de sua identidade.

  • Gordofobia: é um dos tipos de discriminação mais abafados pela sociedade, muitas vezes disfarçado de “preocupação com a saúde do outro”, mas que oprime e exclui pessoas que não se encaixam no padrão de beleza, onde um corpo para ser bonito e “aceito” deve ser “magro”. 

  • Machismo: discriminação em que o principal alvo é a população feminina, onde estas acabam sendo excluídas e inferiorizadas apenas por serem mulheres. São vistas como menos capazes, menos inteligentes fazendo com que sua inserção nos espaços sociais seja mais difícil. Para além disso, são objetificadas desde muito cedo, dando margem para a violência sexual, tal como o estupro, o assédio sexual e a pedofilia.

  • Preconceito Linguístico: é a discriminação que envolve ridicularização e deboche da maneira como um determinado grupo ou individuo se expressa verbalmente. Esse tipo de preconceito é muito praticado por pessoas intelectuais e letradas que não possuem uma formação humanizada, e acabam por discriminar aqueles que falam de maneira diferente. 

O que é Preconceito e sua Relação com o ambiente escolar

gestao escolar participativa os alunos como parte das decisoes 2948199 7388441

Falar de preconceito em sala de aula é essencial. Sabemos que o ser humano desenvolve suas ideias a partir do contato familiar, escolar e social. Isso faz com que nem sempre o aluno chegue em sala de aula desconstruído com relação a certos assuntos, então, é papel da escola estimular o aluno a abraçar as diferenças ao invés de estereotipá-las e caracterizá-las como negativas. É necessário também que o docente leve temáticas que comumente são alvo de discriminação, de modo que este não acabe reproduzindo discursos preconceituosos na esfera étnica, sexual, linguística, etc.

O que é Preconceito: Pontos Positivos e Pontos Negativos

feedback negativo e positivo 1 7138176 5661317

Pontos Positivos de falar sobre Preconceito

  • Estabelecer uma familiarização dos estudantes com as diferenças, de modo que estes reconheçam a existência da diversidade e saiam de um padrão hegemônico de sociedade

  • Compreender que o preconceito é uma violência muitas vezes silenciosa e que está presente em pequenos gestos e palavras do cotidiano, fazendo com que o aluno atente para essas questões e evite a reprodução de um comportamento discriminatório

  • Entender que o Brasil é um dos países mais discriminatórios e instigar os alunos a serem a diferença, indo contra essa estatística através de pequenas atitudes inclusivas e um pensamento mais desconstruído com relação a todas essas questões

Pontos Negativos de falar sobre Preconceito

  • Não encontramos nenhum ponto negativo sobre abordar o tema Preconceito em sala de aula.

Proposta de aula para trabalhar sobre Preconceito em sala de aula:

 

Tema:

Preconceito

Objetivos

Objetivos gerais sobre a aula de Preconceito:

Estabelecer uma compreensão sobre o assunto, atentando para a atualidade, de modo que o aluno possa enxergar as diferentes formas de preconceito existentes na sociedade brasileira (e em diversas partes do mundo)

Objetivos específicos sobre a aula de Preconceito:

Instigar os alunos a buscarem caminhos que desviem de um olhar preconceituoso para as diferenças, tornando-os indivíduos mais inclusivos e menos carregados de estereótipos que são empecilhos para o crescimento e inclusão social de diversos grupos

Conteúdo sobre a aula de Preconceito

Vídeo 1: https://youtube.com/watch?v=mdz2XPqm0FQ

Vídeo 2: https://youtube.com/watch?v=ufbZkexu7E0

Vídeo 3: https://youtube.com/watch?v=G3HHf4ZXlak

Texto 1: https://superela.com/2015/03/19/8-tipos-de-preconceito-que-ja-deveriam-ter-sido-exterminados-ha-muito-tempo/

Texto 2: https://geledes.org.br/o-preconceito-racial-e-suas-repercussoes-na-instituicao-escola/

Metodologia sobre a aula sobre Preconceito

Os vídeos aqui apresentados são uma espécie de provocação, para que o espectador reflita sobre seus próprio pré-conceitos. Então, é interessante utilizá-los em sala de aula, antes de abordar o conteúdo, para que os alunos possam já formular seus discursos acerca do assunto, participando do debate. Estimulá-los a perceber as diferenças entre os próprios colegas e em como isso não é um empecilho para a socialização com estes também é interessante, para eliminar a ideia de que uma diferença pode ser um obstáculo para a inclusão.

Referências

Filmes sobre Preconceito

Histórias Cruzadas, 2011.

20004038.jpg c 300 300 x f jpg q x xxyxx 8210139 6682023

Nos anos 60, no Mississippi, Skeeter é uma garota da sociedade que retorna determinada a se tornar escritora. Ela começa a entrevistar as mulheres negras da cidade, que deixaram suas vidas para trabalhar na criação dos filhos da elite branca, da qual a própria Skeeter faz parte. Aibileen Clark, a emprega da melhor amiga de Skeeter, é a primeira a conceder uma entrevista. Apesar das críticas, Skeeter e Aibileen continuam trabalhando juntas e, aos poucos, conseguem novas adesões.

Meninos não choram, 1999.

850 poster 4375787 1575783

A história da vida de Brandon Teena, uma mulher que escolhe se passar por homem. Ela começa um caso de amor com uma mãe solteira da zona rural de Nebraska e sofre trágicas consequências como resultado da descoberta de sua transexualidade.

Livros sobre Preconceito

A cor púrpura, 1982.

Autora: Alice Walker

20339839 6141377 4323781

A Cor Púrpura é um romance epistolar da premiada escritora estadunidense Alice Walker, lançado originalmente em 1982. No ano seguinte, foi agraciado com o Prêmio Pulitzer. Entre outros temas, trata de questões de discriminação racial e sexual.

A menina que roubava livros, 2005.

Autor: Markus Zusak

1859015 9869407 5188006

A trajetória de Liesel Meminger é contada por uma narradora mórbida, porém surpreendentemente simpática. Ao perceber que a pequena ladra de livros lhe escapa, a Morte afeiçoa-se à menina e rastreia suas pegadas de 1939 a 1943. Traços de uma sobrevivente: a mãe comunista, perseguida pelo nazismo, envia Liesel e o irmão para o subúrbio pobre de uma cidade alemã, onde um casal se dispõe a adotá-los em troca de dinheiro. O garoto morre no trajeto e é enterrado por um coveiro que deixa cair um livro na neve. É o primeiro de uma série que a menina vai surrupiar ao longo dos anos. Essa obra, que ela ainda não sabe ler, é seu único vínculo com a família.
Assombrada por pesadelos, ela compensa o medo e a solidão das noites com a cumplicidade do pai adotivo, um pintor de parede bonachão que a ensina a ler. Em tempos de livros incendiados, o gosto de roubá-los deu à menina uma alcunha e uma ocupação; a sede de conhecimento deu-lhe um propósito.
A vida na rua Himmel é a pseudorrealidade criada em torno do culto a Hitler na Segunda Guerra. Ela assiste à eufórica celebração do aniversário do Führer pela vizinhança. Teme a dona da loja da esquina, colaboradora do Terceiro Reich. Faz amizade com um garoto obrigado a integrar a Juventude Hitlerista. E ajuda o pai a esconder no porão um jovem judeu que escreve livros artesanais para contar a sua parte naquela história. A Morte, perplexa diante da violência humana, dá um tom leve e divertido à narrativa desse duro confronto entre a infância perdida e a crueldade do mundo adulto, um sucesso absoluto — e raro — de crítica e público.

Questionário

 

1 – Não fala com pobre, não dá mão a preto, não carrega embrulho.

Pra que tanta pose doutor?

Por que esse orgulho?

A bruxa, que é cega, esbarra na gente e a vida estanca.

O enfarte te pega, doutor, e acaba essa banca

(…)

(Billy Blanco. A Banca do Distinto. In Renato da Silva Queiroz.

Não vi e não gostei – O fenômeno do preconceito.)

Canções conhecidas da Música Popular Brasileira ajudam a desmascarar – através da ironia – atitudes que desumanizam e coisificam o outro, o diferente. Mas, a leveza musical pode criar a ilusão de que é fácil lutar contra esse câncer social – o preconceito, base de estigmas, estereótipos, discriminação, segregação e genocídio. A respeito dessa luta, é possível afirmar que

a) os preconceitos estão profundamente arraigados na cultura, o que nos impede de lutar contra eles, principalmente dentro da escola.

b) os preconceitos não podem ser entendidos no plano humanizado da cultura, e sim no da dominação-opressão e, portanto, devem ser destruídos, em nome da dignidade de toda pessoa humana.

c) os preconceitos derivam da dificuldade do ser humano em lidar com as diferenças e nada pode ser feito para mudar esse fato, o que inviabiliza nossa luta para destruí-los.

d) os preconceitos tendem a desaparecer no processo de globalização, graças à intensificação das migrações e, portanto, não devemos nos preocupar em lutar contra eles.

e) em nosso país não existem preconceitos, sejam de cor, classe ou etnia, graças à expansão da educação escolar, abrangente em relação a todas as crianças e adolescentes.

2 – (UENP) Do ponto de vista sociológico, o Brasil se constituiu sobre o mito da democracia racial principalmente depois da publicação de Casa grande e senzala de Gilberto Freyre (2003). De acordo com Florestan Fernandes (1965) o ideal de miscigenação fora difundido como mecanismo de absorção do mestiço não para a ascensão social do negro, mas para a hegemonia da classe dominante. O mito da democracia racial assentou-se sobre dois fundamentos: 1) o mito do bom senhor; 2) o mito do escravo submisso. Analise as afirmações:

I. A crença no bom senhor exalta a vulgaridade das elites modernas, como diria Contardo Calligaris, e juntamente com uma espécie de pseudocordialidade seriam responsáveis pela manutenção e o aprofundamento das diferenças sociais.

II. O mito do escravo submisso fez com que a sociedade de um modo geral não encarasse de frente a violência da escravidão, fez com que os ouvidos se ensurdecessem aos clamores do movimento negro, por direitos e por justiça.

III. As proposições legislativas sobre a inclusão de negros vão desde o Projeto de Lei que reserva aos negros um percentual fixo de cargos da administração pública, aos que instituem cotas para negros nas universidades públicas e nos meios de comunicação.

Assinale a alternativa correta:

a) todas as afirmações são verdadeiras.

b) apenas a afirmação II é verdadeira.

c) as afirmações I e III são verdadeiras.

d) as afirmações I e II são falsas.

e) todas as afirmações são falsas.

Respostas

1 – b, 2 – a.

Fontes

Superela, link: https://superela.com/2015/03/19/8-tipos-de-preconceito-que-ja-deveriam-ter-sido-exterminados-ha-muito-tempo/

Exercícios Mundo Escola, link: https://exercicios.brasilescola.uol.com.br/exercicios-historia/exercicios-sobre-democracia-racial.htm#questao-1

Como se faz um Espelho

    Aposto que antes de continuar a leitura desse post sobre Como se faz um Espelho, você deve achar que o espelho é uma invenção recente e fruto do universo tecnológico de que atualmente dispomos.

O Demonstre, hoje, veio para desconstruir isso e afirmar: podemos datar o uso de espelhos há mais de 5 mil anos, na antiga Suméria, onde estes consistiam em superfícies de bronze polidas com areia!

Claro que, com o passar dos séculos, o ser humano pode se aprimorar em diversas técnicas. Com isso, foi possível construir espelhos utilizando diversas substâncias químicas. Aqui, iremos ensinar você a fazer espelhos a partir de vidro.

     Ingredientes

  • Nitrato de Prata
  • Hidróxido de Sódio
  • Amônia
  • Água
  • Açúcar
  • Ácido Clorídrico
  • 1 pedaço de vidro com dimensões suficientes para ser usado como espelho.

AVISO: Os materiais utilizados nesse tutorial são tóxicos e perigosos se em contato com alguma parte do corpo. Ao tentar o experimento em casa, use luvas e avental. Faça a experiência em um local ventilado, pois a Amônia é um composto de cheiro sufocante. Ao término desta, descarte os produtos na privada e dê descarga. Não esqueça de lavar os recipientes utilizados com muita água.

Como fazer

Como se faz um Espelho

  1. Você irá precisar de 1g Nitrato de Prata e 1g de hidróxido de Sódio. Coloque ambos em recipientes separados e acrescente água, apenas o suficiente para dissolvê-los.
  2. Em seguida, misture ambos até notar a formação de uma massa escura. Essa massa, no caso, trata-se de um composto chamado Óxido de Prata, que é o resultado da junção das duas substâncias citadas no passo 1.
  3. Misture Amônia à solução de Óxido de Prata até notar que este dissolveu-se novamente. Em seguida, acrescente açúcar e mexa até dissolver
  4. Derrame a solução em um recipiente que contenha o vidro a ser transformado em espelho. É importante tomar cuidado nesse momento, pois se a solução respingar em alguma parte do corpo, pode vir a queimar. Atente também para a duração do experimento, que não deve ultrapassar duas horas, visto que após isso há o risco da solução tornar-se extremamente explosiva!
  5. Aqueça o recipiente com o vidro e a solução, mas não deixe a temperatura muito alta, pois isso pode descascar a solução do vidro. Nessa etapa, você poderá perceber que a solução despejada no recipiente estará mais cremosa. Retire o vidro do recipiente e elimine a prata de onde você não deseja.
  6. Pronto! Você acaba de produzir Vidro Espelhado! Sabia que, provavelmente, o espelho que você tem em casa passou por esse mesmo procedimento? Para que nada atrapalhe a eficiência da sua experiência, certifique-se de limpar o vidro, pois a sujeira tem grandes chances de atrapalhar a aderência da prata.

    Quer ver outra técnica de produção de espelhos? Abaixo temos um vídeo que explica passo a passo e com muitas curiosidades!

https://youtube.com/watch?v=Xdhw4-sXZRw&t=31s

______________________________________________

Exercício de fixação sobre Como se faz um Espelho

1 – De que eram constituídos os espelhos há mais de 5.000 a.C.?

(a) Prata

(b) Ferro

(c) Bronze

2 – Qual a alternativa que contém ingredientes utilizados na fabricação de espelhos?

(a) Açúcar, Ferro e CO2

(b) Açúcar, Água e Ácido Sulfúrico

(c) Amônia, Ácido Clorídrico e Água

3 – Qual a duração recomendada para a fabricação de espelhos a partir de vidros transparentes, de modo que a solução não acabe se transformando em um composto altamente inflamável?

(a) 2 horas e 30 minutos

(b) 2 horas

(c) 1 hora

4 – O que ocorre, caso a temperatura do recipiente onde está o vidro mergulhado na solução seja muito alta?

(a) Irá descascar a Prata

(b) O vidro irá se partir

(c) Não ocorre nada

Respostas

1 – c, 2 – c, 3 – b, 4 – a.

________________________________________________________________________

Fim do post sobre  Como se faz um Espelho

Siga-nos instagram.com/felipobellinipro/

https://facebook.com/demonstrar

Fonte

Revista Mundo Estranho, link: https://super.abril.com.br/ciencia/como-e-feito-o-espelho/

Wikihow: Como fazer espelhos usando vidro, link: https://pt.wikihow.com/Fazer-Espelhos-Usando-Vidro

O que é Globalização?

Você sabe o que é Globalização? Começamos uma nova série com uma responsabilidade fora do comum, que é a apresentar e conceituar dúvidas constantes no dia a dia escolar e cotidiano do aluno e professor.

O que é Globalização?

ef8147092a27f131244be52342d9c3cc 5106430 8902613

Podemos compreender a globalização como um fenômeno político, econômico e cultural do século XX-XXI, mas que tem suas origens no período das grandes navegações, em algum ponto do século XVI. Isso porque a globalização é caracterizada por um modelo onde a cultura e a informação são espalhados a nível mundial com rapidez, então durante as grandes navegações, quando houve um contato relativamente frequente de culturas diferentes, a informação e os símbolos que constituíam essas culturas rapidamente foram incorporados no sistema local.

A diferença é que a globalização na atualidade não é uma troca cultural – é o reforço de um modelo hegemônico cultural, econômico e social europeu e norte-americano. Ou seja, a globalização pode ser compreendida como mais do que um fenômeno de rápida disseminação da informação, mas sim, uma forma de poder onde são asseguradas as influências globais de grupos culturais hegemônicos.

O que é Globalização e sua Relação com o ambiente escolar

gestao escolar participativa os alunos como parte das decisoes 8286465 1800207

O tema “Globalização” traz a proposta de reflexão acerca de como a informação e as culturas são repassadas atualmente, e mais importante que “como” elas são repassadas, é saber que tipos de informações e culturas são essas e qual o intuito em estabelecer essas influências a nível global. Visto que a temática da globalização é uma discussão bastante contemporânea, instiga o aluno a ver os tempos atuais com um olhar mais crítico, de modo a formular suas próprias concepções sobre o assunto.

O que é Globalização: Pontos Positivos e Pontos Negativos

feedback negativo e positivo 1 8268878 9989234

Pontos Positivos sobre Globalização

  • O aluno irá compreender minimamente todo o processo de influência cultural, econômica e política em níveis globais e como isso se aplica em um contexto atual.

  • Entender do que se trata a globalização e qual a diferença da globalização do início das grandes navegações para o processo de globalização atual.

Pontos Negativos sobre Globalização

  • Pode ser complicado para o aluno, pois a discussão sobre globalização envolve questões como economia, mercado, blocos econômicos, por isso, é necessário estabelecer antes uma aula para explicar todos esses conceitos.

Proposta de aula para trabalhar sobre Globalização em sala de aula:

Tema:

Globalização

Objetivos sobre a aula de Globalização:

Objetivos gerais da aula sobre Globalização:

Entender o que é globalização, qual a diferença entre o processo globalizatório atual e o mesmo processo durante as grandes navegações e qual a importância do tema no contexto da atualidade.

Objetivos específicos da aula sobre Globalização:

Estabelece uma compreensão acerca do processo de influência cultural, econômica e política a nível global e qual o papel da tecnologia nesse contexto.

Conteúdo sobre a aula de Globalização:

Vídeo 1: https://youtube.com/watch?v=h5WjNMGztvE

Vídeo 2: https://youtube.com/watch?v=Ig6xpf7HPeQ

Texto 1: https://politize.com.br/globalizacao-o-que-e/

Texto 2: https://brasilescola.uol.com.br/geografia/globalizacao.htm

Metodologia sobre a aula sobre Globalização

Utilizar os materiais audiovisuais estabelecidos na matéria para introduzir o assunto de maneira didática, em seguida, questionar os alunos acerca do que eles pensam ser a globalização e como o assunto pode ser contextualizado com a atualidade. Também é interessante elaborar atividades em grupo para que cada equipe disserte sobre sua ideia de globalização e seus efeitos em diferentes partes do mundo.

Referências

Filmes sobre Globalização

Globalização: Violência ou Diálogo?, 2002.

Após os violentos eventos de Seattle e Gênova, por ocasião das cúpulas do G8, vêm o 11 de setembro e suas repercussões mundiais. A ideologia do Bem contra o Mal, a de uma guerra entre diferentes culturas e o confronto entre religiões também se enquadram no âmbito da globalização. Uma reflexão sobre o início do nosso século se revela indispensável, pois embora, por enquanto, as oposições entre partidários e contestadores da globalização sejam apenas verbais, não deixa de ser verdade que as visões antagonistas entre “a sociedade civil” e “os poderes instituídos” são tão generalizadas que o nosso mundo pode vir a cair na armadilha de forças que o paralisarão.

Ilha das flores, 1989.

c93dd030fd0170b700158b13d1c5afb9 6295427 2672995

Sinopse: “Ilha das Flores” começa como uma aula de economia para crianças: o que é um tomate, o que é um homem, o que é dinheiro? A cada palavra nova, Jorge Furtado dá uma definição através de animações humorísticas. Assim, acompanhamos o percurso de um tomate ordinário, cultivado, acondicionado e jogado fora, até a sua chegada ao depósito de Ilha das Flores. A seguir, a farsa vira denúncia. Entre documentário e ensaio poético-político, o realizador decompõe simplesmente os mecanismos da globalização. Um ácido e divertido retrato da mecânica da sociedade de consumo. É um filme indispensável, engraçado e corrosivo.

Livros sobre Globalização

Globalização: as consequenciais humanas.

Autor: Zygmunt Bauman

C0560 7360181 7852776

Sem intencionar oferecer todas as respostas sobre o tema, o sociólogo polonês mostra nesta detalhada história da globalização as raízes e as consequências deste processo, tentando dispersar um pouco da névoa e da banalização que cercam o termo ‘globalização’.

Numa análise instigante, Bauman convida os leitores a uma reflexão sobre os efeitos da globalização – premissa supostamente inquestionável a respeito do nosso modo de vida – na política, na economia, nas estruturas sociais e até em nossas percepções de tempo e espaço.

O mundo globalizado

Autor: Alexandre de Freitas Barbosa

3064979 5917417 5199949

Será globalização uma “palavra mágica”, na qual qualquer conceito cabe e com a qual tudo se explica? O Mundo Globalizado foi escrito para esclarecer distorções e mostrar que a globalização não é puramente econômica, encontrando seus ecos na política e na cultura. Analisa desde os processos históricos do surgimento da globalização às suas consequências para as sociedades contemporâneas – ricas e pobres, na ponta ou no rabo do foguete. Dá forma e historicidade a ideias e concepções apresentados , geralmente, de forma desencontrada pela mídia. Explica também como e em quais esferas a globalização avança de maneira mais rápida e aquelas em que se mostra mais restrita. Aponta as várias – e, às vezes, até opostas – interpretações sobre esse processo histórico, bem como os desafios e as potencialidades que traz consigo.

Questionário

1 – “A globalização constitui o estágio máximo da internacionalização, a amplificação em sistema-mundo de todos os lugares e de todos os indivíduos, logicamente em graus diferentes”.

                                                                   (Disponível em: Mundo educação/ Globalização)

Os “graus diferentes” citados no texto referem-se:

a) às diferenças entre os níveis de ajustamento da política internacional a uma ordem de homogeneização cultural;

b) à resistência dos movimentos antiglobalização frente aos avanços do sistema capitalista em escala mundial.

c) à forma desigual de difusão e alcance do processo de mundialização econômica e política.

d) à impossibilidade da globalização atingir todo o planeta

e) à incerteza de alguns países em adotar a globalização como forma de desenvolvimento.

2 – Assinale um dos eventos abaixo enumerados que não possui relação direta com o processo de globalização:

a) A difusão dos comércios localizados em oposição às corporações internacionais.

b) A formação de blocos econômicos regionais.

c) A propagação do inglês como idioma universal.

d) O “encolhimento” do mundo graças à redução das dificuldades de comunicação e transporte entre as diferentes regiões do planeta.

Respostas

1 – c, 2 – a.

Fontes

Brasil Escola, link: https://brasilescola.uol.com.br/geografia/globalizacao.htm

Exercícios Mundo Educação, link: https://exercicios.mundoeducacao.bol.uol.com.br/exercicios-geografia/exercicios-sobre-globalizacao.htm#resposta-45

O que é Filosofia? Entenda em 10 passos!

Oi pessoal, este post vai trabalhar O que é filosofia. Vamos debater o conceito de filosofia, sua função, seus períodos filosóficos e alguns dos principais filósofos. Vamos lá?

Você sabe o que é Filosofia? Começamos uma nova série com uma responsabilidade fora do comum, que é a apresentar e conceituar dúvidas constantes no dia a dia escolar e cotidiano do aluno e professor.

O que é Filosofia?

Afinal, o que é filosofia? Filosofia é um campo do conhecimento que tem como objetivo estudar a existência humana. Ela procura o saber por meio da análise racional a palavra vem da junção das palavras gregas filo que significa amor sofia que significa conhecimento.

A filosofia tenta entender as questões gerais da natureza da existência humana, incluindo a moral, conhecimento, a estica e o universo em geral.

O QUE É FILOSOFIA

A filosofia teve início na Grécia antiga por volta do século VI a.C, na época em que a Grécia era um importante centro cultural que recebia influência de várias partes do mundo.

Desta forma, o pensamento critico começou a florescer e muitas pessoas começam a procurar respostas fora das estórias, da mitologia grega. Esta reflexão que buscava o conhecimento deu início a filosofia.

Ao estudar essas questões os filósofos (filósofo é um indivíduo que busca o conhecimento de si mesmo sendo movido pela curiosidade e pela fundamentação da realidade) tentam buscar uma maior compreensão da realidade, e mais como o ser humano se relaciona com o mundo.

Ao contrário da religião e da mitologia a filosofia é trabalha com argumentações racionais, mas não é considerada ciência, já que não usa procedimento empíricos em seus estudos.

A filosofia pode ser definida como uma analise racional do significado com base na compreensão dos seres, a filosofia pode ser dividida em vários ramos por exemplo filosofia do ser e a filosofia do conhecimento.

filosofia 4872409 7966961

A filosofia então é um campo da ciência encarregado do estudo das ideias, da racionalidade e de como isso está ligado a existência humana. Seu início pode ser localizado na Grécia antiga, com os filósofos de séculos a.C., preocupados com a busca por respostas acerca da inteligência humana, dos deuses, da vivência em sociedade, etc. Um filósofo é considerado sábio, pois reflete sobre inúmeras questões de maneira profunda, não necessariamente obtendo respostas definitivas, mas certamente, estabelecendo novos caminhos para diversos debates.

ndice 2

A filosofia é importante por se tratar de uma ciência que promove a construção do pensamento crítico, visto que é a ciência do saber. Ou seja, a atitude filosófica constitui basicamente no questionamento da realidade, da existência e do mundo.

Períodos da Filosofia e Principais Filósofos

Para entender o que é filosofia e o que significa tudo isso, é importante entender os períodos da filosofia e seus principais filósofos:

periodos da filosofia 4118087 5344277

Filosofia Antiga

A filosofia como já dito surgiu na Grécia por volta do século VI a.C. e está dividida em três períodos, sendo estes:

Pré-Socrático (séculos VII a V a.C.):

Recebe esse nome por anteceder a existência de Sócrates, sendo os filósofos pré-socráticos pensadores preocupados em buscar respostas sobre a origem do ser humano e do mundo. Os principais filósofos desse período são: Tales de Mileto, Anaximandro de Mileto, Anaxímenes de Mileto, Heráclito de Éfeso, Pitágoras de Samos, etc.

Período Socrático (século V a IV a.C.):

Também chamado de período “clássico” da filosofia, é chamado dessa maneira por conta de um filósofo muito importante chamado Sócrates. Este contribuiu com diversos reflexões no campo da política e da natureza humana, entretanto, não escreveu nenhum manuscrito, sendo todo o conhecimento que temos sobre o filósofo baseado no manuscrito de seus discípulos e/ou conhecidos.Período

Pós-Socrático (século IV a VI d.C.):

Corresponde ao período em que as ideias cristãs começaram a se espalhar pela Grécia. Curiosamente, também foi um período de muitas dúvidas e questionamentos dos filósofos, sendo o ceticismo uma característica marcante dessa época.

Filosofia Medieval

A filosofia medieval teve inicio na Europa entre os séculos I e XVI e foi dividida em quatro períodos.

– Filosofia dos padres apostólicos (século I e II)

– Filosofia dos padres apologistas (séculos III e IV)

– Filosofia patrística (século IV ao VIII)

– Filosofia escolástica (séculos IX ao XVI)

Filosofia moderna

A filosofia moderna foi desenvolvida entres os séculos XV e XVIII, as suas principais correntes filosóficas foram o humanismo, cientificismo, racionalismo, empirismo e iluminismo. Rene Descartes é considerado o fundador dessa filosofia com a criação do método cartesiano

Alguns dos grandes filósofos

Alguns dos mais proeminentes filósofos que discutem a filosofia e seu papel” são listados aqui, é importante que além de ler estes pequenos resumos, você também pesquise e se aprofunde em suas leituras e derivados destas para realmente entender o que é filosofia.

Quem foi Platão?

Nascido na Grécia no ano de 427 a.C, foi um discipulo de Sócrates, um outro filosofo. Platão influenciou muito o mundo ocidental.

Platão foi o criador da ideia de amor platônico, que é um amor mais espiritual, menos focado na sexualidade. Ele fundou uma das primeiras universidades da história, chamada de “a Academia”

Quem foi Aristóteles?

Foi muito conhecido na sua época (384 e 322 a.C) por ter sido professor de Alexandre, o grande, um dos maiores imperadores da história. Aristóteles estudou principalmente o mundo físico, foi um dos primeiros cientistas já que fazia grandes observações sobre biologia e medicina.

Também ficou muito conhecido pelo desenvolvimento da logica aristotélica que ajudou a distinguir os bons e maus argumentos

Quem foi Emanuel Kant

Foi um filósofo alemão do século XVIII que questionou muito os limites do conhecimento humano e estudou o funcionamento da mente ele também sugeriu que uma ação não é boa se o motivo não for bom. Kant teve muita atenção na filosofia ocidental o que vem sendo usado até hoje pois ele acreditava que a filosofia é muito mais usada na experiencia humana e como isso afeta nossa percepção de realidade.

Quem foi René Descartes

Descartes era um filósofo francês que viveu entre 1596 e 1650 e foi mais longe que muitos dos outros filósofos duvidando de tudo até mesmo de sua própria existência. Ele procurava uma base solida para tudo que acreditava, foi assim que criou a frase que o fez chegar a conclusão de que “Penso, logo existo”.

A filosofia de Descartes de questionar tudo e procurar certeza fez mudar a forma de como os filósofos encaravam o conhecimento, ao invés de aceitar algumas verdades os filósofos passaram a fazer mais perguntas.

Quem foi Montesquieu

Foi um advogado francês muito interessado na politica que viveu entre 1689 e 1755. Ele estudou sistemas políticos e procurou entender como os mesmos se formavam. Um dos outros grandes interesses de Montesquieu era o interesse pelo modo de como uma sociedade se organizava.

A maior contribuição de Montesquieu para o mundo foi a ideia de separar poderes, pois acreditava que ninguém devia ter todo o poder em mãos, portanto criou os poderes legislativo, executivo e judiciário

Filosofia contemporânea

A filosofia contemporânea desenvolveu-se entre os séculos XVII e XX e foi nesse período que mais foram criadas correntes filosóficas, sendo estas marxismo, positivismo, racionalismo, utilitarismo, pragmatismo, fenomenologia, niilismo, etc…

O que é Filosofia e sua Relação com o ambiente escolar

gestao escolar participativa os alunos como parte das decisoes 8715350 1148171

Visto que a filosofia foi o primeiro passo dado pela humanidade no pensamento científico, é importante estudá-la, visto que com a ausência dessa provavelmente não haveria tanto desenvolvimento no campo do conhecimento e tanto incentivo à educação e ao senso crítico.

Para isso é importante ultrapassar o conceito de o que é filosofia e vivenciar as obras, conceitos e reflexões de seus autores.

Pontos positivos e negativos de discutir o que é filosofia em sala de aula

Pontos para refletir, pois deixar de discutir o que é filosofia não é uma opção!

feedback negativo e positivo 1 8532309 7401783

Pontos Positivos da Filosofia

Instiga a formulação do pensamento crítico acerca das questões que envolvem a existência e o mundo

Compreender como se estabeleceu as bases para a formação de um pensamento crítico e científico

Pontos Negativos da Filosofia

Por ser uma ciência pouco estimulada no ambiente escolar, pode ser que o educador encontre certa resistência dos alunos no que se refere ao interesse pelo conteúdo, entretanto, o desenvolvimento de atividades didáticas e lúdicas nessa situação contribui para a inserção destes no debate, sendo positivo para o aprendizado.

Proposta de aula para trabalhar Filosofia em sala de aula:

Tema: Filosofia

Objetivos gerais da aula sobre Filosofia:

Compreender onde, quando e em que contexto a Filosofia surgiu e quais os períodos mais importantes para o estabelecimento da filosofia como uma ciência.

Objetivos específicos da aula sobre Filosofia:

Tornar o pensamento crítico e a busca pelo saber palpável para os alunos, estimulando-os a ter sede de conhecimento através do debate em sala de aula.

Conteúdo sobre a aula de Filosofia

Vídeo 1: https://youtube.com/watch?v=Vr97ea-TRgA

Vídeo 2: https://youtube.com/watch?v=LAu-nAVl9H4

Texto 1: https://todamateria.com.br/o-que-e-filosofia/

Texto 2: https://estudopratico.com.br/periodos-da-filosofia/

Metodologia sobre a aula sobre Filosofia

O material audiovisual 1 e 2 nessa matéria são uma introdução acerca do que é a Filosofia e de quem foi Sócrates e qual sua importância para o estabelecimento de uma ciência filosófica. É interessante expor aos alunos ambos os materiais para que estes se familiarizem com o assunto através de imagens e exemplos do cotidiano. Em seguida, fazê-los questionar coisas do cotidiano como os hábitos, a vida, o saber, algo que é feito na Filosofia, de modo a mostrar como todos possuem em si um pouco de filosofia, aproximando-os do assunto.

Filmes sobre Filosofia

Quem somos nós?, 2004.

19962165 6461899 4530109

Amanda é uma fotógrafa surda, em busca de respostas para a vida e a existência. O espectador acompanha a jornada de Amanda através de conceitos científicos e espirituais, passando pela física quântica e teologia, com a colaboração de especialistas.

Alexandria, 2009.

alexandria 4787076 1784911

A história da grega polímata a frente de seu tempo: a matemática, filósofa e astrônoma, Hipátia de Alexandria, que ousou lecionar na Academia Neoplatônica, em uma época que mulheres não podiam ter acesso ao conhecimento.

Livros sobre Filosofia

O livro da Filosofia

Autor: Douglas Burnham e Will Buckingham

O livro da filosofia traz uma coleção de ideias fundamentais para um mergulho no pensamento filosófico. Engana-se quem pensa que por se tratar de uma compilação a abordagem é simplista e somente voltada a leigos: o livro é completo, instigante e oferece a leitores com diferentes perfis informação de qualidade em apresentação gráfica inovadora. Um verdadeiro convite ao exercício do pensar — o verdadeiro objetivo da filosofia. 

Questões do ENEM sobre o que é Filosofia

1 – Há diferentes formas de se periodizar a Filosofia Grega. Há autores que consideram que ela pode ser dividida em três períodos, outros que ela pode ser dividida em até seis períodos. Compreendendo a Filosofia Grega a partir da divisão em quatro períodos, escolha a alternativa que corresponde a eles.

a) Período Pré-Socrático, Socrático, Escolástico e Patrístico;

b) Período Sofista, Pré-Socrático, Socrático e Pós-Socrático;

c) Período Pré-Socrático, Socrático, Platônico e Aristotélico;

d) Período Pré-Socrático, Socrático, Pós-Socrático e Greco-Romano (ou helenístico).

2 – A Filosofia, como conhecemos hoje, ou seja, no sentido de um conhecimento racional e sistemático, foi uma atividade que, segundo se defende na história da filosofia, iniciou na Grécia Antiga. Defende-se isso a partir do entendimento de que a sociedade grega reunia características favoráveis a essa forma de expressão pautada por uma investigação racional. Essas características eram:

a) poesia grega, religião grega e condições sociopolíticas.

b) poesia grega, tragédia grega e mitologia grega.

c) poesia grega, matemática grega e condições sociopolíticas.

d) poesia grega, matemática grega e cristianismo.

3 – Quais as características da religião grega que contribuíram para o pensamento filosófico?

a) A existência de um livro sagrado que servia de base para que os filósofos sustentassem seus argumentos.

b) A concepção da existência humana a partir da oposição entre corpo e alma.

c) A ideia de juízo final pelo qual os atos praticados pelos homens durante a vida serão examinados pelos deuses;

d) A inexistência de um livro sagrado e de uma interpretação dogmática das crenças. Isso permitiu que os filósofos não enfrentassem resistência aos seus pensamentos.

Respostas

1 – d, 2 – a, 3 – b e d.

Fontes

Toda Matéria, link: https://todamateria.com.br/o-que-e-filosofia/

Exercícios Mundo Educação, link: https://exercicios.mundoeducacao.bol.uol.com.br/exercicios-filosofia/exercicios-sobre-filosofia-grega.htm#resposta-1894

Fim do post sobre O que é filosofia

Obrigada por ter acompanhando esse post sobre O que é filosofia. Espero que tenha sido mais útil para seus objetivos, seja de estudo ou de trabalho.

Deixe seu comentário e suas sugestões no Blog Demonstre. Adoremos quando recebemos seus feedbacks.

O que é Fascismo?

Você sabe o que é Fascismo? Começamos uma nova série com uma responsabilidade fora do comum, que é a apresentar e conceituar dúvidas constantes no dia a dia escolar e cotidiano do aluno e professor.

O que é Fascismo?

161118 fascism trump farage 8435980 4762660

Podemos definir o fascismo como um movimento político totalitário que surgiu na Europa durante a Primeira Guerra Mundial, em países que enfrentavam grandes crises econômicas, como por exemplo, a Alemanha. Um regime totalitário caracteriza-se pela concentração de poder em torno de uma única figura, que nesse caso é o Ditador.

Principais características do Fascismo

Em síntese, o fascismo é um regime autoritário onde o poder está totalmente concentrado no Ditador, impedindo a participação política dos demais cidadãos. Essa concentração total do poder faz com que o líder possa tomar decisões não tão benéficas para a população, visto que estas não são consultadas antes de qualquer atitude. Para além disso, o fascismo promove um etnocentrismo, pois exalta a coletividade nacional como melhor em comparação às culturas de outros países.

O que é Fascismo e sua Relação com o ambiente escolar

gestao escolar participativa os alunos como parte das decisoes 5843549 9004768

É importante que os estudantes saibam distinguir os diferentes modelos de regimes políticos para que possam compreender as mudanças ocorridas ao longo da história nesse aspecto, de modo que não repitam erros já vivenciados historicamente em um passado não muito distante. O fascismo não pode ser uma realidade histórica atual, daí a importância do conhecimento e da consciência política nas escolas acerca do assunto.

O que é Fascismo: Pontos Positivos e Pontos Negativos

feedback negativo e positivo 1 6893737 6868649

Pontos Positivos sobre o Fascismo

  • Conhecer como um regime autoritário (fascismo) opera na esfera política e social

  • Comparar com outros modelos de sistemas políticos e compreender os malefícios da centralização do poder

  • Conscientizar os alunos acerca da importância de um conhecimento político e social para que certos regimes não ascendam novamente ao poder

Proposta de aula para trabalhar sobre Ideologia em sala de aula:

Tema:

Fascismo

Objetivos da aula sobre Fascismo:

Objetivos gerais da aula sobre Fascismo:

Compreender o que é o Fascismo e em quais momentos da história mundial determinados países vivenciaram esse regime autoritário.

Objetivos específicos da aula sobre Fascismo:

Orientar os estudantes a saber reconhecer os malefícios da centralização do poder e da importância que uma consciência política na efetivação de mudanças sociais.

Conteúdo da aula sobre Fascismo:

Vídeo 1: https://youtube.com/watch?v=I4wJ8iTqgVY

Vídeo 2: https://youtube.com/watch?v=XV9fNmJsyjY

Texto 1: https://politize.com.br/fascismo-entenda-o-conceito/

Texto 2: https://brasilescola.uol.com.br/o-que-e/historia/o-que-e-fascismo.htm

Metodologia da aula sobre Fascismo

Materiais audiovisuais são importantes para a compreensão do conteúdo, visto que aproximam o estudante do que está sendo ensinado, por isso, é interessante utilizar os vídeos disponibilizados aqui na matéria. Entretanto, mais importante ainda é fazer com que os alunos relacionem o conteúdo ao seu cotidiano, por isso, estabeleça um debate atrelado a questões atuais e de fácil compreensão para o aluno. Faça com que eles verbalizem o que em suas próprias concepções significa Fascismo e o que sabem sobre o teor histórico da palavra. A partir daí, repasse o conceito de Fascismo, sua relação com a política e por que se trata de um regime político perigoso para a nação.

Referências

Filmes sobre Fascismo

A Lista de Schindler, 1993.

20103846 6574825 9720180

O alemão Oskar Schindler viu na mão de obra judia uma solução barata e viável para lucrar com negócios durante a guerra. Com sua forte influência dentro do partido nazista, foi fácil conseguir as autorizações e abrir uma fábrica. O que poderia parecer uma atitude de um homem não muito bondoso, transformou-se em um dos maiores casos de amor à vida da História, pois este alemão abdicou de toda sua fortuna para salvar a vida de mais de mil judeus em plena luta contra o extermínio alemão.

A vida é bela, 1997.

ndice 1

Ambientado na dura realidade da Segunda Guerra Mundial, assista à comovente fábula chapliniana de amor e fantasia que conta a história de um homem que usa sua imaginação e seu infatigável espírito para salvar aqueles que mais ama.

Livros sobre Fascismo

 

O menino do pijama listrado

Autor: John Boyne

images.livrariasaraiva.com .br  7161794 7573627

Sinopse: Durante a Segunda Guerra Mundial, Bruno, um garoto de oito anos, e sua família saem de Berlim para residir próximo a um campo de concentração, onde seu pai acaba de se tornar comandante. Infeliz e solitário, ele vagueia fora de sua casa e certo dia encontra Shmuel, um menino judeu de sua idade. Embora a cerca de arame farpado do campo os separem, os meninos começam uma amizade proibida.

Questionário

1 – (Pucmg 2010) Ao contrário do historiador contemporâneo ao fascismo – como Franz Neumann, Theodor Adorno ou Ângelo Tasca –, nós sabemos, através de Auschwitz, o que é o fascismo ou, ao menos, sabemos qual é a sua prática, ao contrário, ainda, dos historiadores que escreveram no imediato pós-guerra, como Trevor-Hopper, G. Barraclough ou Eric Hobsbawm (até algum tempo), não podemos tratar o fascismo como um movimento morto, pertencente à história e sem qualquer papel político contemporâneo. Encontramo-nos, desta forma, numa situação insólita: sabemos qual a prática e as consequências do fascismo e sabemos, ainda, que não é um fenômeno puramente histórico, aprisionado no passado. Assim, torna-se impossível escrever sobre o fascismo histórico – o que é apenas uma distinção didática – sem ter em mente o neofascismo e suas possibilidades.

(Daniel Aarão Reis Filho, O Século XX, p. 111-112.)

Assinale a opção que sintetiza CORRETAMENTE a ideia contida no trecho acima.

a) O Fascismo é um fenômeno definido conceitualmente, cuja prática é identificada pelos historiadores que coexistiram com ele historicamente.

b) O Fascismo não é um fenômeno histórico ligado ao passado, ele se insere na política contemporânea atual sob outras formas de atuação.

c) O Fascismo não pode ser tratado sem qualquer relação com a política contemporânea, já que hoje sabemos sua prática e suas consequências.

d) O Fascismo, conforme os historiadores, é um fenômeno que não pode ser escrito, já que se circunscreve na história contemporânea como passado e presente.

2 – A ideologia fascista serviu de modelo político para vários países latino-americanos. O Brasil não foi exceção. Além do governo do “Estado Novo”, instituído por Getúlio Vargas (1937-1945), que seguia os moldes fascistas (como governo centralizador e autoritário), houve também um movimento político-ideológico que se aproximava ainda mais de características fascistas, como o uso de símbolos, de rituais de cumprimento e de uniformes. Esse movimento ficou conhecido como:

a) Tropicalismo

b) Integralismo

c) Verde-amarelismo

d) Grupo Anta

e) Animalismo

Respostas

1 – b, 2 – b.

Fontes

Brasil Escola, link: https://brasilescola.uol.com.br/o-que-e/historia/o-que-e-fascismo.htm

Exercícios Mundo Educação, link: https://brasilescola.uol.com.br/o-que-e/historia/o-que-e-fascismo.htm

O que é Socialismo?

Você sabe o que é Socialismo? Começamos uma nova série com uma responsabilidade fora do comum, que é a apresentar e conceituar dúvidas constantes no dia a dia escolar e cotidiano do aluno e professor.

O que é Socialismo?

podcast 379 i 8639550 4963491

O socialismo pode ser definido, de maneira reduzida, como uma corrente política que defende a igualdade, tendo como base o sistema capitalista vigente desde a primeira revolução industrial. Claro que, parte do material que dispomos para discutir socialismo, tem um forte teor marxista, mas Karl Marx não foi o único teórico importante a discutir o socialismo.

Socialismo x Capitalismo

capitalismo x socialismo eterna batalha economia 554be37a6578d 3506230 8438701

O capitalismo consiste em um sistema de modo de produção que busca a obtenção do lucro, em grande parte através da exploração da classe de trabalhadores. Esse sistema incentiva o consumo exacerbado, influenciando os indivíduos a comprarem coisas que não usam e que não precisam, sob a perspectiva de que o que estão adquirindo é sempre melhor, mais inovador e útil.

Dessa maneira, quanto maior for a quantidade de produtos consumidos, maior será o lucro. Se procurarmos enxergar o aspecto geral, o capitalismo é um sistema sustentado pela desigualdade social, onde os detentores dos meios de produção ficam com a maior parte do lucro e, por isso, enriquecem cada vez mais, e os trabalhadores bem como os consumidores, permanecem estagnados em sua condição, sem a possibilidade de concentração de riqueza.

Essa “condição” é chamada de “classe social”, que é justamente um termo utilizado para designar as distâncias sociais, indicando que na sociedade em que vivemos, grupos e/ou indivíduos ocupam lugares diferentes e são caracterizados principalmente pela sua capacidade de concentração de riqueza. A crítica que o socialismo faz ao sistema capitalista consiste na concentração da riqueza de maneira desigual:  o socialismo defenderia a ideia de uma distribuição igualitária da riqueza produzida com o trabalho nas indústrias, de maneira que reduzisse o caráter exploratório dos serviços e tornasse o trabalho mais humanizado.

Como surgiu o Socialismo?

revolucao industrial 1 4485233 7433895

O socialismo surgiu durante a Primeira Revolução Industrial, quando o crescimento de indústrias modificou a dinâmica urbana, afetando a vida de todos aqueles que residiam nas cidades e no interior. Com isso, um número maior de pessoas migraram da zona rural para a zona urbana, visando os empregos nas fábricas. O que elas não imaginavam, era que a situação não seria tão boa assim. Jornadas longas de trabalho (mais de 12 horas diárias), condições precárias de serviço – muitas vezes pondo em risco a vida do trabalhador – e um salário inferior ao que era produzido, faziam parte da realidade do proletariado. Paralelo a isso, os donos das indústrias e as pessoas encarregadas de administrar as empresas (os burgueses) continuavam enriquecendo às custas do trabalho exploratório.

Tudo isso serviu de base para que diversos teóricos começassem a pensar de maneira crítica essa realidade. Podemos citar, além de Karl Marx, alguns pensadores que tomaram o socialismo como tema de suas pesquisas, tais como: Saint Simon, Friederich Engels, Charles Fourier, etc.

Socialismo Utópico x Socialismo Científico

  • Socialismo utópico

ndice

Sendo uma das primeiras correntes socialistas a surgir, teve como ponto de partida a Primeira Revolução Industrial. O primeiro teórico que aprofundou seus estudos nessa vertente do pensamento socialista foi o filósofo e economista conhecido como Conde de Saint-Simon. De acordo com esse pensador, não fazia sentido enriquecer os ricos e permitir que os pobres permanecessem dessa maneira, pois em uma sociedade todos necessitam trabalhar coletivamente. Ou seja, para esse teórico, era obrigação do Estado interferir nessas questões e fornecer condições melhores para que as camadas mais baixas pudessem ter melhor acesso à educação, saúde, etc. Embora todas essas questões, Saint-Simon defendia apenas a intervenção do Estado, e não pensava na revolução e no fim da propriedade privada como ferramentas de melhoria social.

Outro teórico que se aprofundou no que chamamos de socialismo utópico foi Charles Fourier. Este possuía um modelo de sociedade onde todos integrariam grupos isolados, estando à mercê do capital privado e não idealizariam uma igualdade entre si. Nesse modelo de sociedade, o crescimento industrial seria motivado como forma de manutenção dos grupos.

É chamado de “socialismo utópico” pois todos os teóricos dessa corrente tomavam o desenvolvimento industrial e o sistema capitalista como fonte de melhoria de condições de vida. O que é contraditório, se observarmos que a fonte da desigualdade social e dos problemas que esta acarreta estão todos atrelados ao surgimento de uma sociedade capitalista industrial. Ou seja, o socialismo utópico consiste basicamente de modelos idealizados de sociedade.

  • Socialismo científico

Karl Marx Friedrich Engels 4699578 8335487

Emergiu no século XIX com os teóricos Friederich Engels e Karl Marx. Esta corrente socialista é uma crítica ao capitalismo e ao socialismo utópico, pois tomava como base o conceito de luta de classes, onde a sociedade estaria marcada pelo embate entre a classe trabalhadora (proletariado e classe oprimida) e a burguesia (classe opressora). Nesse sentido, a burguesia seria a classe detentora dos meios de produção e o proletariado teria apenas a força de trabalho, sendo caracterizado como assalariados sem posses.

Para os teóricos dessa corrente científica, o único meio de melhorar a sociedade e extinguir a desigualdade, seria a destruição do capitalismo. Este seria possível quando o proletariado chegasse ao poder através de uma revolução. Através dessa revolução, seriam eliminadas as classes sociais, as desigualdades, surgindo uma sociedade igualitária. Nesse ponto, a sociedade deixaria de ser socialista e passaria a ser comunista. O ponto chave que podemos observar como diferenciador da corrente socialista utópica para a científica é que esta última não vê o capitalismo e uma sociedade industrial como ferramentas de melhoria social. Muito pelo contrário, a mudança se daria unicamente através de uma tomada de consciência da classe trabalhadora explorada e oprimida.

O que é Socialismo e sua Relação com o ambiente escolar

O socialismo é interessante de ser abordado em sala de aula por adentrar em alguns conceitos que ainda são presentes na nossa sociedade, como o capitalismo, a noção de classes sociais, distribuição de renda, a luta por melhores condições de vida, etc. Inclusive, o movimento socialista foi o maior responsável pela instituição de direitos trabalhistas e condições melhores para o exercício de atividades. Compreender minimamente como estes itens se relacionam e funcionam entre si é essencial para estabelecer um olhar crítico acerca da realidade, visto que os pensadores que iniciaram as pesquisas nessa temática se embasaram justamente na realidade que enxergavam além das nuances.

O que é Socialismo: Pontos Positivos e Pontos e Negativos

feedback negativo e positivo 1 8159985 4887608

Pontos Negativos sobre Socialismo:

Sabemos que o professor não tem controle total sobre a maneira que os alunos apreendem o conteúdo que lhes é repassado, entretanto, tendo em vista o atual contexto político de retrocesso, é necessário atentar para a maneira que o conteúdo é repassado em sala de aula, pois infelizmente cada vez mais escolas estão mantendo controle sobre determinados temas, a fim de evitar uma suposta “doutrinação”. Um dos temas que vem sendo observado é justamente a discussão sobre Socialismo, por se tratar de uma temática do campo social e político e sempre ser associada a determinados partidos. Cabe ao professor conversar com a escola para saber a melhor maneira de abordar isso em sala de aula, mas toda discussão é válida desde que sirva para o crescimento pessoal e intelectual dos alunos.

Pontos Positivos sobre Socialismo:

Explicar alguns conceitos principais como classe social, revolução, lutas de classes, burguesia, proletariado e estabelecer uma compreensão mínima acerca de como o sistema capitalista e a revolução industrial está relacionado a todos estes, situando o aluno nessa discussão de maneira didática.

Proposta de aula para trabalhar sobre Socialismo em sala de aula:

Tema:

Socialismo

Objetivos da aula sobre Socialismo

Objetivos gerais da aula sobre Socialismo:

Saber identificar as principais características do Socialismo

Objetivos específicos da aula sobre Socialismo:

Desenvolver o senso crítico com os conhecimentos adquiridos sobre o tema, trazendo para a realidade atual, de modo que o aluno possa melhor identificar e compreender a discussão, construindo seu próprio pensamento acerca do tema.

Conteúdo da aula sobre Socialismo

Vídeo 1: https://youtube.com/watch?v=UBYfW4gkIoY&feature=youtu.be

Texto 1: https://queconceito.com.br/socialismo

Metodologia da aula sobre Socialismo

Começar a aula mostrando o Vídeo 1, com o objetivo de iniciar a discussão acerca dos conceitos básicos de Socialismo, dando espaço para o aluno levantar questionamentos sobre o tema. Dessa maneira, levar o aluno a compreender o que são classes sociais, o que é a desigualdade social, como funciona o capitalismo, qual a diferença entre socialismo utópico e socialismo científico, quem foram os teóricos mais importantes em ambas as vertentes, contextualizando de modo a trazer para o presente. Em seguida, elaborar atividade de pesquisa baseada no texto 1 e/ou no livro didático utilizado pela escola.

Avaliação da aula sobre Socialismo

Atividade de fixação: questionários ou produções textuais voltadas para o tema.

Seminário dividindo a sala em equipes de acordo com os conceitos que englobam a discussão sobre Socialismo, tais como: desigualdade social, capitalismo, classes sociais, etc.

Referências

Filme sobre Socialismo

Adeus, Lênin.

colorbox 4493 6367390 8094438

Em 1989, pouco antes da queda do muro de Berlim, a Sra. Kerner (Katrin Sab) passa mal, entra em coma e fica desacordada durante os dias que marcaram o triunfo do regime capitalista. Quando ela desperta, em meados de 1990, sua cidade, Berlim Oriental, está sensivelmente modificada. Seu filho Alexander (Daniel Brühl), temendo que a excitação causada pelas drásticas mudanças possa lhe prejudicar a saúde, decide esconder-lhe os acontecimentos. Enquanto a Sra. Kerner permanece acamada, Alex não tem muitos problemas, mas quando ela deseja assistir à televisão ele precisa contar com a ajuda de um amigo diretor de vídeos.

Texto sobre Socialismo

Origem e Princípio do Socialismo:

Questionário:

1 – Como podemos diferenciar o socialismo utópico do socialismo científico?

  1. O socialismo utópico defendida a transformação social através do proletariado, já o socialismo científico defendia a transformação social através da revolução científica.
  2. No socialismo utópico, há uma grande vontade de igualdade social e acredita-se que somente através do sistema capitalista e do desenvolvimento industrial pode-se chegar a esta. Já no socialismo científico, a vontade de igualdade social permanece, mas esta só seria possível através de uma revolução do proletariado.
  3. Não há diferença entre o socialismo utópico e o socialismo científico, pois ambos defendem a mesma causa: o fim das classes sociais.

2 – Quais os teóricos mais conhecidos da vertente socialista científica?

  1. Karl Marx e Friederich Engels
  2. Conde de Saint-Simon e Charles Fourier
  3. Karl Marx e Charles Fourier

3 – O que é capitalismo e qual relação podemos estabelecer com o conceito de consumismo?

  1. O capitalismo é um modo de produção que visa a acumulação de riqueza para os menos favorecidos
  2. A relação entre capitalismo e consumismo não existe pois ambos são coisas diferentes e não estão interligados
  3. O capitalismo pode ser entendido como um sistema de obtenção de lucro através da exploração da força de trabalho, onde há sempre o incentivo ao consumo de tal maneira que movimente a produção de cada vez mais mercadorias, gerando assim, mais lucro para as empresas/indústrias

4 – Por que o socialismo utópico foi criticado pelos teóricos da vertente científica?

  1. Porque os teóricos de ambas as vertentes eram rivais
  2. O socialismo utópico foi criticado pelos teóricos defensores do socialismo científico por se tratar de uma corrente teórica que defendia a mudança social através do capitalismo e da industrialização
  3. Não haviam críticas do socialismo científico para o socialismo utópico pois ambos são a mesma coisa.

Respostas:

1 – b, 2 – a, 3 – c, 4 – b.

Fonte:

Brasil Escola, Link: https://exercicios.brasilescola.uol.com.br/exercicios-historia/exercicios-sobre-socialismo.htm

Sociologia Hoje: volúme único: ensino médio / Igor José de Renó Machado… [et al.] – 1. Ed. – São Paulo, Ática, 2013.

Como se faz Porcentagem

Você sabem como se faz porcentagem? Se você já passeou pelo site do Demonstre e viu nossas dicas sobre regra de três, sabe que a gente já conversou sobre a existência de regras básicas das áreas das exatas que mesmo depois da época de escola continuam sendo essenciais no nosso dia a dia.

Como se faz Porcentagem?

Seguindo, ainda, essa onda, hoje o Demonstre vai te apresentar a segunda regra da área de matemática que é fundamental no cotidiano, principalmente na época da Black Friday: A Porcentagem! Então, se você ainda tem dúvida na hora de saber se vale a pena comprar algo que estava com desconto, você está no lugar certo.

Mas o que é a Porcentagem(% )?

57c07b631afca fracoes 2679393 7545647

O nome tem origem no latim e significa uma razão na base 100. Por razão podemos entender como uma fração em quem o denominador( a parte de baixo) sempre é 100, e a parte de cima, o numerador, sempre pode variar.

É válido ressaltar que a fração também pode ser representada como número décimal. Portando, para obter o número décimal da nossa imagem, por exemplo, basta dividir o 1 por 2 resultando em 0,5.

Para que serve?

Além de ser um dos assuntos que mais caem nos vestibulares, a Porcentagem tem um uso cotidiano que nos permite calcular acréscimo e decréscimos nos preços.

Como se faz Porcentagem: E como calcular?

    os processos matemáticos multiplicação e a divisão. Sabendo disso, vamos a um exemplo para melhor visualizarmos o cálculo.

  • Calcule 20% de 500:

Como comentamos a cima porcentagem é uma fração, então podemos representar como tal. Portanto, 20% é o mesmo que 20/100, já que o  símbolo % representa uma divisão por 100. O “de” significa multiplicação. E nesse caso o 20/100 irá se multiplicar por 500.

Então, ficaria assim:

20/100 . 500=  500.20/100

= 100

Logo, 20% de 500 é 100.

______________________________________________

Como se faz porcentagem: aplicação da porcentagem na hora de acrescentar um desconto

  • Acrescentar: Na porcentagem tudo se refere ao 100. Portanto se eu for acrescentar a um valor 20%, representariamos como 120%. Mas é preciso tomar cuidado pois quando falamos em acrescentar algo a um valor temos que saber que esse valor sozinho representa 100%. Se eu acrescentar mais 20% a esse valor teria que “somar” aos 100% esses 20% , e não simplesmente somar ao valor o 20%.

Pode parecer confuso, mas com um exemplo melhora:

Vamos supor que uma blusa tenha o preço de 50 reais no mês de dezembro de 2017. Entretanto, a loja avisou que em Janeiro de 2018 a blusa terá um acréscimo de 20% no seu valor. Ou seja, 50 reais já representa o todo, que na porcentagem significa 100%. Então vamos somar esse 20% ao 100%, que ficaria 120%(120/100), ou seja 120% de 50. Mas matematicamente falando, ficaria 1,20 porque dividindo o 120 por 100 daria o número decimal 1,2. E agora é só fazer a conta: 1,20 . 50= 60

Logo, com o acréscimo de 20% a R$ 50,00 o novo valor da blusa é R$ 60,00.

Como se faz porcentagem: aplicação da porcentagem na hora de reduzir um desconto

  • Para decréscimo(desconto) o processo é oposto. Ao invés de somar ao 100% a outra porcentagem a gente subtraem. Portanto, se a mesma blusa com o mesmo preço de 50 sofresse um desconto de 20%, nós retirariamos os 20% do total e o restante seria relativo ao desconto.

Logo, 100-20= 80%. Então, 80% é a porcentagem sem o 20% que é o desconto. Em seguida é só fazer a conta que já sabemos: 80% de 50: 80% é o mesmo que 80/100= 0,8.

Portanto, 0,8x 50=40. R$ 40,00 seria, então, o valor da blusa com 20% de desconto.

Vídeo sobre como se faz porcentagem

Ainda com dúvidas? Veja esse vídeo:

______________________________________________

Exercício de fixação sobre como fazer porcentagem

Exercício 1: (PUC-RIO 2010)

    Em uma turma de Ciências da Computação formada de 40 rapazes e 40 moças, tem-se a seguinte estatística:20% dos rapazes são fumantes;30% das moças são fumantes.Logo, a porcentagem dos que não fumam na turma é de:

25%
50%
60%
65%
75%

Exercício 2: (PUC-RIO 2009)

João recebeu um aumento de 10% e com isso seu salário chegou a R$1.320,00. O salário de João antes do aumento era igual a?

R$1.188,00
R$1.200,00
R$1.220,00
R$1.310,00
R$1.452,00

Respostas

01:E, 02:B

________________________________________________________________________

Fonte

Infoescola, link: https://infoescola.com/matematica/porcentagem/exercicios/

O que é Ideologia?

Você sabe o que é Ideologia? Começamos uma nova série com uma responsabilidade fora do comum, que é a apresentar e conceituar dúvidas constantes no dia a dia escolar e cotidiano do aluno e professor.

O que é Ideologia?

tumblr mm4zaynv3e1rutz55o1 500 3949414 4976287

Definimos ideologia como um conjunto de ideias individuais ou coletivas que pode estar ligada ao campo político, econômico e social. Entretanto, conceituar o termo Ideologia é uma tarefa bastante complicada, visto que as discussões envolvendo essa temática nas Ciências Sociais ainda é muito permeado por contradições, paradoxos e ambiguidades.

A palavra “ideologia” foi inicialmente utilizada por um estudioso francês chamado Desturt de Tracy, com o sentido de “estudo científico das ideias”, sendo estas o resultado de uma interação entre o homem e a natureza. Nesse sentido, o propósito de Desturt era explicar os fenômenos que interferiam na formação das ideias, como por exemplo, a vontade, a razão, a percepção e a memória. Alguns anos mais tarde, Karl Marx retomaria o estudo desse conceito de acordo com o sentido atribuído por Napoleão Bonaporte: a ideologia seria uma “ilusão” ou “falsa consciência” que se desconectava da realidade.

Podemos pensar a ideologia como um conjunto de ideias e representações que servem com o propósito de reproduzir e manter a sociedade em determinados padrões. Entretanto, é válido pensar também na existência de outras “ideologias” que não se encaixam em um padrão social pré-estabelecido, sendo estas possívelmente caracterizadas como ideologias que vão contra as ideologias.

O que é Ideologia e sua Relação com o ambiente escolar

gestao escolar participativa os alunos como parte das decisoes 5575500 7165626

A importância do estudo de ideologia na escola gira em torno da compreensão de diferentes linhas de pensamento, havendo a possibilidade do uso destas para a construção de uma forma de pensar individual e/ou coletiva. É necessário compreender as estruturas dominantes em uma sociedade, e o estudo da ideologia a partir de uma perspectiva mais atual, pode ser uma ferramenta importante nesse processo.

O que é Ideologia: Pontos Positivos e Pontos Negativos

feedback negativo e positivo 1 8463578 6251798

Pontos Positivos sobre Ideologia:

  • Estimular o aluno a compreender o que é ideologia e a densidade do conceito

  • Provocar questionamentos acerca da realidade social que podem não ser fácilmente apercebidos através de uma reflexão individual

  • Conceder ao aluno a habilidade de compreensão de diferentes maneiras de pensar a realidade, para que posteriormente possa desenvolver sua própria consciência social

Pontos Negativos sobre Ideologia:

  • Diante do difícil quadro político brasileiro, é cada vez mais comum vermos e ouvirmos falar sobre ideologia relacionando-a a temáticas que pouco ou não se caracterizam como uma ideologia, tal como a discussão envolvendo a abordagem de “Ideologia de Gênero” nas escolas. Sabemos que a discussão de gênero é importante e não se trata de uma ideologia, e sim de educação, visto que em ambiente escolar temos crianças e adolescentes que muitas vezes não se encaixam na lógica dicotômica do “masculino” ou “feminino”, seja esse aluno cisgênero ou não, heterossexual ou não. Contudo, trazer essa perspectiva para o ambiente escolar de maneira didática pode ser uma ferramenta interessante na desmistificação de um pensamento colonial e liberalista.

Proposta de aula para trabalhar sobre Ideologia em sala de aula:

Tema:

Ideologia

Objetivos da aula sobre Ideologia:

Objetivos gerais da aula sobre Ideologia:

Entender as diferentes linhas de pensamento e usa-las para a construção de um pensamento próprio acerca da realidade.

Objetivos específicos da aula sobre Ideologia:

Levar o assunto de maneira didática para a sala de aula, visando uma compreensão atual do tema, atrelando a discussões recentes acerca de diferentes perspectivas sobre o termo “ideologia”.

Conteúdo da aula sobre Ideologia:

Vídeo 1: https://youtube.com/watch?v=VraQwmvpBGo

Vídeo 2: https://youtube.com/watch?v=fc-MZMn0eQw

Vídeo 3: https://youtube.com/watch?v=UioudOtAsCQ

Texto 1: https://geledes.org.br/nao-e-ideologia-de-genero-e-educacao-e-deve-ser-discutido-nas-escolas-diz-pesquisadora/

Metodologia da aula sobre Ideologia

Utilizar o vídeo 3 “Cazuza- Ideologia” como forma de material didático relacionado ao assunto é interessante, visto que se trata de um conteúdo de fácil acesso aos alunos, havendo a possibilidade de muitos já terem um contato prévio com o vídeo, facilitando a compreensão do assunto. Pode-se também fazer uso de atividades em grupos, em que cada um converse sobre o tema a partir de seu próprio entendimento, e possa elaborar a tarefa transformando uma perspectiva individual em coletiva.

Avaliação da aula sobre Ideologia:

Atividades coletivas e individuais que visem uma abordagem do assunto de maneira didática, para que os estudantes possam compreender as diferentes significações do conceito de Ideologia e o que ele representa atualmente. Pode-se utilizar seminários em que os estudantes façam apresentações de diferentes momentos históricos em que uma determinada Ideologia foi dominante, além de questionários e redações que estimulem os alunos a adentrar no assunto.

Referências :

Filmes sobre Ideologia

A Onda 

9bf65 poster a onda 2931785 3678476

Filme alemão de 2008, do cineasta Dennis Gansel. Mostra a história de um professor do ensino médio que, ao lecionar um curso sobre política, decide realizar uma experiência prática, na qual os seus estudantes entrarão em contato com os mecanismos que propiciaram a chegada de regimes autoritários ao poder ao longo da história. Para isso, ele cria todo um cenário possível para isso. Basicamente a proposta do filme é questionar como um regime autoritário pode se fortalecer em uma democracia? Dá para estabelecer reflexões sobre ideologia, sobre o nascimento de um estado fascista e sobre governos ditatoriais.

V de Vingança 

lçlçl

Filme de 2006, ambientado em uma Inglaterra do futuro, onde são abordados temas como poder, política, ideologia e estado democrático. O filme volta-se para a ideia do Big Brother: a ideia de um estado, ou uma ideologia, que busque vigiar toda uma sociedade, e assim, prolongar o poder utilizando táticas de censura, de repressão e de restrição de liberdade individuais.

Livros sobre Ideologia

O que é Ideologia

Autora: Marilena Chauí

livro 5473225 4349415

Ideologia: um mascaramento da realidade social que permite a legitimação da exploração e da dominação. Por intermédio dela, tomamos o falso por verdadeiro, o injusto por justo. Como ocorre essa ilusão, essa fabricação de uma história imaginária? Qual a sua origem? Quais os seus mecanismos, seus fins e efeitos sociais, econômicos e políticos? A proposta do livro de Marilena Chauí é tocar nesses assuntos de maneira didática e bastante explicativa.

Questionário

1. (Ueg 2013) A categoria “ideologia” é central para as ciências humanas. Nesse sentido, ela significa:

a) uma inversão da realidade produzida pelos ideólogos, tal como na concepção de Marx, e que consiste numa necessidade do proletariado.

b) uma visão de mundo que os seres humanos necessitam para se adaptarem a um mundo em que as utopias perderam sua força mobilizadora.

c) um elemento que contribui para maior coesão social na medida em que explicita as contradições da sociedade de classes.

d) um fato social sem importância para a construção da subjetividade na sociedade atual e na qual todos são reduzidos à condição de consumidores.

  1. (Uem 2012) “A ideologia afirma que somos todos cidadãos e, portanto, temos todos os mesmos direitos sociais, econômicos, políticos e culturais. No entanto, sabemos que isso não acontece de fato: as crianças de rua não têm direitos; os idosos não têm direitos; os direitos culturais das crianças nas escolas públicas são inferiores aos das crianças que estão em escolas particulares, pois o ensino não é de mesma qualidade em ambas; os negros e índios são discriminados como inferiores; homossexuais são perseguidos como pervertidos, etc.”

           (CHAUI, Marilena. Convite à filosofia. São Paulo: Editora Ática, 2011. p.218.).

Sobre as formas da ideologia, assinale o que for correto.

01) Direitos das minorias, como movimento dos sem-terra, associações de moradores etc., são direitos individuais e, por isso, não devem ser contemplados pelas políticas públicas.

02) A função principal da ideologia é ocultar e dissimular as divisões sociais e políticas, dando-lhes a aparência de diferenças naturais entre os seres humanos.

04) A diferença entre ideologia e senso comum é que a primeira representa uma prática das elites sociais, intelectuais e econômicas, e o segundo representa as classes mais pobres e desfavorecidas.

08) Pelo seu estatuto de neutralidade e acuidade científica, a filosofia não é ideológica, apenas analítica, sem tomar partido de classes sociais e de classes políticas.

16) Podem-se associar religião, alienação e ideologia, já que são práticas que podem funcionar como modelos de ação acríticos.

3. (Uema 2011) A palavra ideologia, criada por Destutt de Tracy (1754-1836), significa estudo da gênese e do desenvolvimento das ideias. Com Karl Marx, o termo ideologia adquiriu um significado crítico e negativo. Identifique, nas opções abaixo, a única que contém informação correta sobre a concepção de Marx sobre ideologia.

a) Conjunto de ideias que apresenta a sociedade dividida em duas classes, dominantes e dominados, visando à conscientização dos indivíduos.

b) Conjunto de ideias que mostra a totalidade da realidade, levando os indivíduos a compreenderem-na em si mesma.

c) Conjunto de ideias que dissimula e oculta a realidade, mostrando-a de maneira parcial e distorcida em relação ao que de fato é.

d) Conjunto de ideias que esclarece de forma contundente a realidade, mostrando que apenas pessoas da classe dominante podem governar.

e) Conjunto de ideias que estimula a classe dominada a alcançar o poder.

Respostas

1 – b, 2 – 16+2= 18, 3 – c.

Fontes

Exercícios de Filosofia: Ideologia, link: https://fabiomesquita.wordpress.com/2015/05/01/exercicio-de-filosofia-multiplas-escolhas-ideologia/

Geledés, link: https://geledes.org.br/nao-e-ideologia-de-genero-e-educacao-e-deve-ser-discutido-nas-escolas-diz-pesquisadora/

Sua pesquisa, link: https://suapesquisa.com/o_que_e/ideologia.htm

O que é Comunismo?

Você sabe o que é Comunismo? Começamos uma nova série com uma responsabilidade fora do comum, que é a apresentar e conceituar dúvidas constantes no dia a dia escolar e cotidiano do aluno e professor.

O que é Comunismo?

18217118 1350409081712655 1001402220 n 8858952 9326815

Muitas pessoas acabam confundindo Comunismo com Socialismo, por se tratarem de ideologias com fundamentos parecidos. Entretanto, o contexto de surgimento do Comunismo é muito diferente, o que acaba alterando algumas coisas em sua estrutura.

Mas afinal, o que é Comunismo? De acordo com o site “Politize!”, o Comunismo é uma ideologia política e socioeconômica que visa uma sociedade igual para todos, extinguindo a propriedade privada e as classes sociais, estabelecendo mudanças também para o Estado. Quem lê isso, pode até pensar “essa ideologia já era discutida muito antes”, entretanto, os principais teóricos relacionados ao Comunismo se tratam de Engels e Karl Marx, dois sociólogos/filósofos do socialismo científico, uma corrente de pensamento que via no Estado o maior causador de desigualdades sociais, sendo a revolução na classe de trabalhadores o único meio de subverter essa condição.

Ou seja, a diferença que podemos estabelecer entre Socialismo e Comunismo é que o primeiro é apenas uma etapa para se chegar ao Comunismo. Nesse sistema, o Estado permaneceria no poder mas seria orientado pela classe de trabalhadores – ou proletariado, como classificado por Marx – sendo a distribuição de bens dada de maneira igualitária e cooperativa, diminuindo assim, as desigualdades sociais.

O que é Comunismo e sua Relação com o meio escolar

gestao escolar participativa os alunos como parte das decisoes 6504856 6545054

É importante abordar essa ideologia política em sala de aula, pois o Comunismo traz um ideal de igualdade e cooperatividade, para além da noção de Estado e Poder, essenciais para que um cidadão compreenda seu papel como indivíduo político e responsável pelo seu destino e o de seu país.

O que é Comunismo: Pontos Positivos e Negativos

feedback negativo e positivo 1 6344752 3334496

Pontos Positivos do Comunismo

  • Estabelece uma consciência entre os estudantes de cooperatividade, através da noção de Revolução estabelecida por Karl Marx, visto que esse difundia a união da classe de trabalhadores contra o Estado e o sistema capitalista como única maneira de subverter o quadro de exploração e pobreza.
  • Tema essencial para que os alunos compreendam seu papel na política, formando indivíduos que não vêem no Estado uma ferramenta inteiramente responsável por guiar o país.
  • Saber diferenciar a ideologia socialista da ideologia comunista.

Pontos Negativos do Comunismo

  • Em tempos de repressão política, é provável que algumas escolas evitem a abordagem de determinados assuntos. Infelizmente a única saída para os docentes é buscar um acordo com a escola de modo que compreendam a importância do assunto em sala de aula, principalmente para a formação do senso crítico dos estudantes, algo que vai além de qualquer opinião política pessoal.

Proposta de aula para trabalhar sobre Comunismo em sala de aula:

Tema:

Comunismo

Objetivos  da aula sobre Comunismo:

Objetivos gerais da aula sobre Comunismo:

Saber diferenciar o que é Socialismo e o que é Comunismo e compreender as nuances presentes nessa ideologia, de modo que o aluno possa formular seu próprio senso crítico acerca do assunto e se enxergue na discussão como indivíduo politicamente ativo e participante.

Objetivos específicos da aula sobre Comunismo:

Levar o assunto de maneira didática para a sala de aula, visando uma compreensão atual do que é Estado e porque é um assunto tão presente em discussões sobre Socialismo e Comunismo, atrelando a debates recentes acerca de diferentes perspectivas sobre o assunto.

Conteúdo da aula sobre Comunismo:

Vídeo 1: https://youtube.com/watch?v=44nvPRGn1Z8

Vídeo 2: https://youtube.com/watch?v=pgXgjD3Mr-E

Texto 1: https://politize.com.br/comunismo-o-que-e/

Texto 2: https://brasilescola.uol.com.br/historiag/comunismo.htm

Metodologia da aula sobre Comunismo:

Valer-se dos vídeos explicativos sobre o assunto é uma maneira de aproximar o estudante do debate, de modo que este não acabe sentindo um estranhamento. Em seguida, procurar instigar os alunos a pensar sobre o Comunismo atrelando a assuntos da atualidade, como a questão da desigualdade social (pobreza, exclusão, falta de oportunidades) e a maneira como isso pode ser mudado com base naquilo que a ideologia comunista defende. O livro didático certamente tem atividades sobre o assunto, mas é interessante que o professor se esforce em realizar atividades lúdicas em sala de aula, para que o aluno se sinta estimulado a compreender o conteúdo e aplicá-lo em sua vida, tanto no ambiente escolar como nas relações interpessoais.

Referências:

Filmes sobre Comunismo

Frida, 2002.

b3b1be236e52 8109623 4135263

Esse filme de 2002, dirigido por Julie Taymor e estrelado por Salma Hayek e Antonio Banderas narra a trajetória da artista plástica mexicana Frida Kahlo, que manteve relacionamento aberto com o também pintor mexicano Diego Rivera. O auge da trama, porém, se dá quando o casal recebe por uns tempos um exilado da União Soviética, ninguém menos do que Leon Trotsky, com quem Frida terá um tórrido romance.

O encouraçado Potenkin, 1925.

O Encouraçado Potemkin Poster

Lançado pelo regime soviético em 1925, esse filme de propaganda representa uma obra magistral do cinema mudo, independente de ideologia. Falando apenas da arte. E a arte está presente em cada cena, cada atuação, cada tomada. O filme tem como base um fato real, o levante de um grupo de marinheiros em 1905, que se recusou a comer carne podre. E deste fato, o filme parte para se tornar uma obra arrebatadora sobre a força das massas diante das injustiças. Uma verdadeira obra-prima que deve ser assistida, independente da sua ideologia política.

Livros sobre Comunismo:

A história do Comunismo contada aos doentes mentais

Autor: Matéi Visniec

zoom hist com 2d 3 9390666 3222191

O livro narra a trajetória do premiado escritor Iuri Petrovski por um hospício, semanas antes da morte de Stalin, em 1953. O ambiente mistura pacientes reais e opositores políticos internados pelo regime, enquanto o culto à imagem do ditador permeia o enredo. Iuri é convidado a escrever de forma poética e sensível sobre a história do comunismo e a Revolução de Outubro na Rússia.

Manifesto do Partido Comunista

Autor: Karl Marx

ndice

Sinopse: Conheça mais sobre a publicação de um dos tratados políticos de maior influência no mundo. O manifesto comunista idealizado por Karl Max e Friedrich Engels, foi publicado pela primeira vez em 1848. Foi escrito com base em reuniões de comunistas de diversos locais, e traduzido e publicado em vários idiomas.

Questionário:

1 – “Homem livre e escravo, patrício e plebeu, senhor e servo, mestre de corporação e companheiro, numa palavra, o opressor e o oprimido permaneceram em constante oposição um ao outro, levada a efeito numa guerra ininterrupta, ora disfarçada, ora aberta, que terminou, cada vez, ou pela reconstituição revolucionária de toda a sociedade ou pela destruição das classes em conflito. Desde as épocas mais remotas da história, encontramos, em praticamente toda parte, uma complexa divisão da sociedade em classes diferentes, uma gradação múltipla das condições sociais. Na Roma Antiga, temos os patrícios, os guerreiros, os plebeus, os escravos; na Idade Média, os senhores, os vassalos, os mestres, os companheiros, os aprendizes, os servos; e, em quase todas essas classes, outras camadas subordinadas.” (Manifesto Comunista)

De acordo com o que foi defendido no Manifesto Comunista de 1848, Marx e Engels propunham que o motor da História da humanidade era:

a) a predestinação divina.

b) a evolução material da sociedade.

c) as ideias desenvolvidas pelos homens.

d) a luta de classes.

e) o desenvolvimento das forças produtivas.

2 – (PUC-Minas) O chamado socialismo científico, formulado por Marx e Engels no século XIX, propunha:

a) a superação do capitalismo pela ação revolucionária dos trabalhadores, aglutinados em torno de uma organização de pessoas livremente associadas.

b) a redução do papel do Estado na economia para efetivar o controle direto pelo proletariado sobre os meios de produção.

c) a supressão de toda legislação trabalhista e social, tida como mecanismo de alienação e cooptação do proletariado.

d) a realização de sucessivas reformas na estrutura capitalista, possibilitando a gradativa implantação do comunismo avançado.

3 – Leia o trecho abaixo do Manifesto do Partido Comunista, escrito em 1848, por Karl Marx e Fredrich Engels.

Onde quer que tenha assumido o poder, a burguesia pôs fim a todas as relações feudais, patriarcais e idílicas. Destruiu impiedosamente os vários laços feudais que ligavam o homem e seus “superiores naturais”, deixando como única forma de relação de homem a homem o laço do frio interesse, o insensível “pagamento à vista”. Afogou os êxtases sagrados do fervor religioso, do entusiasmo cavalheiresco, do sentimentalismo pequeno-burguês nas águas gélidas do cálculo egoísta. Fez da dignidade pessoal um simples valor de troca e em nome das numerosas liberdades conquistadas estabeleceu a implacável liberdade de comércio. Em suma, substitui a exploração, encoberta pelas ilusões religiosas e políticas, pela exploração aberta, única, direta e brutal.”

Sobre o trecho acima, é possível afirmar que:

a) somente com a burguesia que as relações de exploração se tornaram reais.

b) antes da ação da burguesia, as relações de exploração eram encobertas pela religião e pela política.

c) a burguesia é imoral por acabar com a dignidade pessoal dos seres humanos.

d) a burguesia, ao retirar o véu político e religioso da exploração, atuou de forma reacionária.

Respostas :

1 – d, 2 – a, 3 – b.

Fontes:

Politize!, link: https://politize.com.br/comunismo-o-que-e/

Exercícios Mundo Educação, link: https://exercicios.mundoeducacao.bol.uol.com.br/exercicios-historia/exercicios-sobre-manifesto-comunista-marx-engels.htm#resposta-592

Música e Cinema, link: https://musicaecinema.com/filmes-sobre-comunismo/

O que é Arte?

Você sabe o que é Arte? Começamos uma nova série com uma responsabilidade fora do comum, que é a apresentar e conceituar dúvidas constantes no dia a dia escolar e cotidiano do aluno e professor.

O que é Arte?

René Magritte – O Filho do Homem 1946

Costumamos associar a palavra “arte” a algumas formas de expressão bem conhecidas, como a pintura, as esculturas, etc. Entretanto, a arte é um campo muito mais vasto, onde o artista tem a possibilidade de se expressar de diversas maneiras. Sendo uma das melhores maneiras do ser humano expressar seus sentimentos e emoções, a arte pode estar representada de diversas maneiras, entre elas: a pintura plástica, a escultura, o cinema, o teatro, a dança, a música, a arquitetura, etc. Podemos definir a arte como um reflexo da cultura e da história, através dos valores estéticos da beleza, do equilíbrio e da harmonia.

Podemos datar o início da arte a partir do período em que o ser humano começou a representar seu habitat nas paredes da cavernas através de pinturas rupestres.

serra da capivara piaui 0317 1400c800 2584620 7705399

A partir de então, a arte criou várias formas, sendo adequada de acordo com os costumes de cada comunidade

[image]

Tipos de Arte

São diversos os segmentos da Arte, entre eles: artes plásticas, artes visuais, artes cênicas, etc. Vejamos a seguir o que cada uma dessas áreas caracteriza.

Artes Plásticas/Artes Visuais

barroco no brasil 15 2491074 4248997

Chamadas também de “belas-artes”, são formas de expressão que utilizam a manipulação de materiais para a construção de formas e imagens.

Artes Cênicas

foto chico egidio e1477687868340 550x300 9737011 3006552

É o campo das artes que envolve a representação. Tem diversas formas, sendo uma das mais antigas o Teatro. Podemos considerar a Dança e a Música também como categorias que integram as Artes Cênicas.

O que é arte e Relação com o ambiente escolas

gestao escolar participativa os alunos como parte das decisoes 6484492 9542977

É importante abordar Arte em sala de aula, pois coloca os estudantes em contato com seu lado emocional e expressivo, algo que não é frequentemente estimulado nas escolas, tornando-os aptos a desenvolver habilidades, expressar sensações e a colocar em prática o lado racional.

O que é Arte: Pontos Positivos e Negativos

feedback negativo e positivo 1 2444096 7168382

Pontos Positivos da Arte

  • O aluno entrará em contato com o seu lado emocional e afetivo, estimulando-o a trabalhar suas habilidades e a expressar seus sentimentos de maneira artística
  • É uma forma de quebrar o estereótipo de que algumas pessoas nascem com determinadas habilidades e outras não, visto que é possível para qualquer pessoa criar uma pintura, tocar algum instrumento e dançar!
  • Colabora com a integração dos alunos em sala de aula, tornando o processo de ambientação escolar mais divertido para os discentes

Pontos Negativos da Arte

  • Ainda é difícil reconhecer a Arte como uma disciplina a ser dada em sala de aula, devido a origem jesuíta da educação escolar no Brasil. Desde sempre colonizados de maneira a pensar como essencial ao aprendizado apenas aquilo diretamente ligado a uma lógica cartesiana
  • É necessário um docente preparado para instigar os educandos a gostar da disciplina, o que pode ser um desafio na educação básica, já que os profissionais da educação costumam se voltar com mais frequência para disciplinas corriqueiramente vistas como mais “científicas”.

Proposta de aula para trabalhar a Arte em sala de aula:

Tema: Arte

Objetivos sobre a aula de Arte:

Objetivos gerais da aula sobre Arte:

Propor o ensino de Arte no ambiente escolar, de modo que os discentes sintam-se interessados pelo tema.

Objetivos específicos da aula sobre Arte:

Estimular o campo da expressão emocional e racional através de atividades lúdicas, de modo a quebrar estereótipos e a integrar melhor os estudantes com o ambiente escolar.

Objetivos sobre a aula de Arte:

Vídeo 1: https://youtube.com/watch?v=rUqxPOI7J8Y

Vídeo 2: https://youtube.com/watch?v=4vmCKXojoeI

Texto 1: https://epoca.globo.com/ideias/noticia/2016/05/importancia-do-ensino-das-artes-na-escola.html

Texto 2: https://brasilescola.uol.com.br/artes/arte.htm

Metodologia sobre a aula de Arte:

É possível desenvolver atividades lúdicas para que os estudantes produzam conteúdos artísticos, como pinturas, peças teatrais, ao mesmo tempo em que possam contextualizar com os conhecimentos teóricos repassados em sala de aula, compreendendo melhor o surgimento e as modificações ocorridos ao longo do tempo no campo artístico.

Avaliação:

Pode-se estabelecer como método de avaliação atividades artísticas e exercícios que estejam relacionados com as temáticas abordadas teoricamente.

Referências:

Filmes sobre Arte

Crescendo, The Power of Music

bernsteindoc web 3220525 9946644

Trabalhando com a ideia de que a música pode ser um instrumento de promoção social, este documentário americano acompanha duas crianças da Filadélfia e uma em Nova York que têm suas vidas transformadas após integrarem um programa de Educação musical gratuito intitulado “El Sistema”. Com origem na Venezuela, o programa também foi implementado nos Estados Unidos.

Orgulho e Preconceito

20028635.jpg c 215 290 x f jpg q x xxyxx 3134697 7581900

O clássico da escritora britânica Jane Austen (1775-1817) foi publicado pela primeira vez em 1813 e adaptado para as telonas pelo diretor Joe Wright. Em um contexto bucólico, o filme retrata os anseios e aventuras da protagonista Elizabeth Bennet, cuja mãe têm entre seus maiores desejos garantir um bom casamento para suas cinco filhas. No entanto, o espírito aventureiro de Elizabeth não aceita qualquer proposta de casamento. Por meio de suas personagens criados há mais de 200 anos, Austen transmite sutilmente alguns dos principais ideais feministas, como a noção de igualdade e a conscientização sobre a ideia de inferioridade sobre as mulheres na sociedade.

Questionário

1 – Alguns historiadores afirmam que a História iniciou quando a humanidade inventou a escrita. Nessa perspectiva, o período anterior à criação da escrita é denominado Pré-História. Sobre esse assunto assinale a alternativa correta.

a) A história e a Pré-História só podem se diferenciar pelo critério da escrita. Logo, aqueles historiadores que não concordam com esse critério estão presos a uma visão teológica da História.

b) Esta afirmação não encontra qualquer contestação dos verdadeiros historiadores, pois ela é uma prova irrefutável de que todas as culturas evoluem para a escrita.

c) Os historiadores que defendem a escrita como único critério que diferencia a História da Pré-História reafirmam a tradição positivista da História.

d) A escrita não pode ser vista como critério para distinguir a História da Pré-História, pois o aspecto econômico é considerado um critério muito mais importante.

e) Os únicos historiadores que defendem a escrita como critério são os franceses, em razão da influência da filosofia iluminista.

2 – A arte rupestre possui a característica de expressar elementos da cultura do homem pré-histórico. Dentre esses elementos, destacam-se, nas pinturas rupestres:

a) o retrato das famílias, feito de forma realista, com o uso de carvão.

b) a descrição de cenas relacionadas com a vida política da pólis.

c) a descrição das trocas comercias intercontinentais.

d) a descrição de cenas de caça, rituais e símbolos cosmológicos.

e) o retrato das personalidades da tribo.

Respostas

1 – c, 2 – d.

Fontes

Exercícios InfoEscola, link: https://exercicios.brasilescola.uol.com.br/exercicios-historia/exercicios-sobre-arte-rupestre.htm#questao-1

O que é Tumblr?

Você sabe o que é Tumblr? Começamos uma nova série com uma responsabilidade fora do comum, que é a apresentar e conceituar dúvidas constantes no dia a dia escolar e cotidiano do aluno e professor.

Atualmente, experienciamos diversos fenômenos recorrentes da Globalização, um deles é a popularização do uso da Internet. Com isso, diversos usuários foram desenvolvendo plataformas de comunicação das mais variadas, com o intuito de interagir com pessoas do mundo todo, através de imagens, textos, músicas, etc. E, hoje, uma das mais utilizadas pelos jovens – para além do Instagram, do Facebook e do Whatsapp – é o Tumblr!

O que é Tumblr?

tumblr 2172747 960 720 8441686 2608002

Fundado em 2007, o Tumblr se trata de uma espécie de blog, onde é possível interagir com diversos usuários através de posts. A novidade é que você pode dar likes, comentar e reblogar aquilo que você mais gosta. Para além disso, o site possui ferramentas de personalização em que é possível adicionar música, templates e outros “widgets” interessantes a sua página. O interessante do Tumblr – e a razão pela qual os jovens gostam tanto – é que existe uma certa liberdade entre os usuários, que podem se expressar livremente, compartilhando todos os anseios, as conquistas e as experiências que cerceiam a fase da adolescência. Isso tudo sem ser obrigatório algum tipo de identificação. Sim, o usuário não precisa se identificar, e isso pode ser interessante e chamativo para muitas pessoas, visto que por diversas vezes pensamos várias vezes antes de nos expressarmos, por medo de sermos vistos como “estranhos” ou “deslocados”.

O que significa ser “tumblr”?

maxresdefault 1 2 6464207 8617034

Não é incomum escutarmos um elogio do tipo “Nossa, você ficou muito ‘tumblr’ nessa foto!” ou “Essa jaqueta está bem ‘tumblr’!”. Inicialmente, para quem não tem uma conta no Tumblr ou não domina bem a discussão, pode parecer estranho e sem o menor sentido. Isso porque, dentro dessa plataforma, existe todo um padrão de comportamento atrelado ao consumo de itens culturalmente associados a países norte-americanos e europeus. Então, os jovens inseridos nesse ambiente virtual, se sentem mais instigados a adotarem um modelo cultural diferente do que comumente observamos no Brasil, sendo até caracterizados por “hipsters” ou “it girls”.

O que é Tumblr e Relação com o meio escolar

gestao escolar participativa os alunos como parte das decisoes 4626220 4202569

A abordagem do tema é interessante por se tratar de algo chamativo para os jovens, o que com certeza resultaria em uma maior participação dos alunos na discussão, possivelmente agregando conhecimento também ao professor. É válido também para que haja uma abordagem do tema com relação à ética no ambiente virtual, visto que o anonimato pode ser um incentivo ao cyberbullying.

O que é Tumblr: Pontos Positivos e Negativos

feedback negativo e positivo 1 3318720 7280767

Pontos Positivos do Tumblr

  • Trazer para sala de aula discussões em que os alunos se vejam, reconhecendo no ambiente escolar um espaço livre para o debate saudável e para o aprendizado
  • Explicar como se dá a interação de usuários no Tumblr, incentivando o uso da internet para crescimento e participação social

Pontos Negativos do Tumblr

  • Muitos estudantes podem sentir que a internet é um espaço livre para exercer qualquer tipo de pensamento através do anonimato, então é válido para o educador abordar questões que permeiam o ambiente virtual, tais como o cyberbullying, violência virtual comum atualmente.

Proposta de aula para trabalhar o Tumblr em sala de aula:

Tema: 

Tumblr

Objetivos da aula sobre Tumblr:

Objetivos gerais da aula sobre Tumblr:

Trazer para sala de aula a possibilidade de um tema atual, onde os jovens possam se interessar, com abertura para discussão de questões atreladas ao ambiente virtual e de importante conscientização, tais como o cyberbullying.

Objetivos específicos da aula sobre Tumblr:

 Apresentar a possibilidade de integração desse aluno ao espaço virtual de maneira saudável. Além de desenvolver o seu senso crítico com os conhecimentos adquiridos sobre a temática.

Conteúdo da aula sobre Tumblr:

Vídeo 1: https://youtube.com/watch?v=4oLYV0qEoqA

Vídeo 2: https://youtube.com/watch?v=tvqlUNQVY58

Texto 1: https://extra.globo.com/noticias/seis-que-sabem/o-que-tumblr-5509575.html

Texto 2: https://techtudo.com.br/dicas-e-tutoriais/noticia/2016/06/o-que-e-tumblr.html

Metodologia da aula sobre Tumblr

Seria interessante para o tema que os alunos tivessem a oportunidade de ir até o laboratório de informática da escola para acessar o Tumblr, a fim de que tivessem uma experiência mais empírica, para além da discussão em sala de aula. Em um primeiro momento, apresentava-se o vídeo 1, onde é explicado de maneira didática e em uma linguagem mais informal o que é tumblr e quais as características que compõem o “ser” tumblr. Seguido ao vídeo, estabelecer um debate em sala com os alunos, perguntando se já utilizaram a plataforma, como e por quê a utilizam, quais os pontos positivos e negativos, etc. Dessa maneira, os alunos podem, inclusive, sentir mais confiança no momento de expor alguma ideia no espaço escolar. É importante não esquecer de buscar estabelecer um diálogo também sobre os diferentes tipos de violência virtual, conscientizando-os ao uso saudável da Internet.

Avaliação da aula sobre Tumblr:

Atividades envolvendo a divisão de equipes para a criação de um Tumblr voltado para a abordagem de discussões feitas em sala de aula nas demais disciplinas, a fim de que o aluno possa conectar-se melhor com os conteúdos repassados pelo educador de maneira diferente e mais divertida.

Dicas

fica a dica 6141959 5530151
  • Preparar slides para apresentação em sala de aula, com imagens que ilustrem o debate acerca do Tumblr e das questões que lhe acompanham. Exemplos de imagens:
original 6651698 5079740
(cyberbullying)
virtual handshake internet business concept 10445141 6544485 5324103

(ética no ambiente virtual)

  • Trazer também para o debate de maneira mais didática a existência de um padrão de beleza no “ser tumblr” e como isso pode ser negativo para meninas e meninos que não se encaixam nesse dito padrão.

Fontes

Nova Escola, link: https://novaescola.org.br/conteudo/1530/cyberbullying-a-violencia-virtual

O que é Autismo? Aula incrível sobre autismo!

Olá pessoal, o post vai falar sobre O que é autismo. Vamos abordar a doença de diferentes aspectos, seus sintomas e tratamentos. Vamos lá?

Você sabe o que é Autismo? Começamos uma nova série com uma responsabilidade fora do comum, que é a apresentar e conceituar dúvidas constantes no dia a dia escolar e cotidiano do aluno e professor.

O que é Autismo?

O transtorno de espectro autista (TEA) é um transtorno de desenvolvimento. Ela aparece que geralmente aprece nos três primeiros anos de vida. O autismo afeta a comunicação e a capacidade de aprendizado e adaptação da criança, mas não modifica em nada o aspecto físico do portador.

o que é autismo

Atualmente o autismo é classificado de acordo com seu grau e não mais dividido em categorias como era antigamente. Vale lembrar que o jeito de lidar com cada um varia.

O sistema de classificação desse transtorno mostra, dentro de um amplo espectro, que diferentes características podem ocorrer de em diferentes intensidades em um dado indivíduo.

Além disso, o transtorno trás junto de si outras manifestações especificas, tais como: fobias, insônia, perturbação na alimentação, crises de birra, agressividade…

Em alguns casos, o paciente tem dificuldade em se comunicar e repetem comportamentos. Já em outros, esses mesmos prejuízos são mais leves, e os portadores conseguem estudar, trabalhar e constituir uma família com menos empecilhos.

Algumas Características do TEA – Transtorno do espectro autista

Baseado no Manual de Saúde Mental(DSM-5), o autismo era um transtorno no desenvolvimento subdividido em 4 categorias: Transtorno Autista, Transtorno Desintegrativo da Infrância, Transtorno Generalizado do Desenvolvimento Não-Especificado e Síndrome de Asperger.

Entretanto, atualmente, essas ramificações são entendidas apenas com uma categoria, compreendendo todas as categorias anteriores: Transtorno do Espectro Autista(TEA).

Esse transtorno pode surgir em qualquer estágio da vida (apesar da maioria dos casos ser na infância), caracterizados pela dificuldade na comunicação social e comportamentos repetitivos. Porém, existem graus diferentes do autismo fazendo com que alguns tenham maior dificuldade de comunicação, e outros não.

Os sintomas de um transtorno do espectro autista podem aparecer nos primeiros dois anos de vida, mas em formas mais leves. Os sintomas podem não ser detectados até à idade escolar, quando começam as aparecer maiores sinais, como:

  • Brincar ou usar os brinquedos de forma incomum.
  • Maior sensibilidade a alguns sons.
  • Hiperatividade ou muita passividade.
  • Apego a objetos.
  • Dificuldade em se relacionar com crianças da mesma idade.
  • Ausência da fala ou pouca fala.
  • Dificuldade em lidar com a alteração de rotina.
  • Choro ou risada inapropriada.

O que é Autismo e a Relação com o meio escolar

Trabalho com questoes politicas na sala de aula 6260503 8113962

Contudo, o autismo por ser considerado de maneira equivocada como uma doença mental, continua muito desconhecido tanto no meio familiar quanto no meio escolar. Portanto, falar sobre esse transtorno faz-se necessário para ajudar a desestigmatizá-lo.

Outro ponto positivo de falar sobre esse transtorno é que pode auxiliar na sua identificação. Por se tratar de um transtorno silencioso e por acontecer na infância, o conhecimento das características básicas do autismo por terceiros faz-se extremamente  necessária.

Além disso, no ambiente escolar é importante que se desconstrua os estereótipos relacionados ao autismo de modo a integrá-los no sistema de ensino. Para isso, faz-se necessário uma preparação dos educadores para o lido com as diferenças.

Incluindo o autista na Escola

A escola deve oferecer um espaço convidativo, onde os alunos se sintam acolhidas. De forma à incluir os alunos com autismo, porque a inclusão começa logo na época da matrícula e não acaba por aí.

O cenário educacional brasileiro atual tem com o principal objetivo de disponibilizar acesso, permanência e sucesso de toda criança na escola regular e isso não é diferente para com os alunos autistas.

A inclusão necessária é um grande desafio para a equipe pedagógica, é importante proporcionar condições de desenvolvimento por caminhos alternativos. Seria importante propor estratégias de ensino aprendizagem que visam não só os autistas como também a todos os outros alunos.

É importante lembrar que a presença do autista na escola já é um amplo progresso, mas não é garantia de aprendizagem. Mesmo que haja um acompanhamento de um profissional especializado a disposição, por isso é necessário o esforço e a compreensão de todos aqueles que participarão do processo ensino-aprendizagem.

Quando os autistas podem usufruir de boas condições educacionais, apresentam um desenvolvimento muito bom, por desenvolverem um grande potencial com a ajuda necessária.

Pontos do autismo na atualidade

feedback negativo e positivo 9707128 9161865

Positivos

  • Desconstrução sobre o tema;
  • Melhor preparação dos profissionais do ensino básico para lidar com as diferenças;
  • Inclusão;

Negativos

  • Falta de preparação dos profissionais da educação. Esse fato, pode acarretar no acirramento das diferenças em sala de aula e excluir os alunos autistas do sistema educacional. Dessa forma, faz-se necessário tanto o professor quanto os demais alunos entenderem um pouco sobre o transtorno e trabalharem juntos para uma melhor inclusão do aluno autista.

Como ajudar seu aluno autista

Procure usar bastante da linguagem visual, fazendo a explicação de um modo que possa ilustrar os conteúdos, usando figuras, quadros fotos e objetos reais.

Sempre divida as atividades em partes, deixando o mais difícil para o final e incentivando que o aluno resolva as atividades aos poucos.

Sempre forneça instruções claras sobre o que é para ser feito, evite perguntas com enunciados muito longos e procure ser bem objetivo.

É importante sempre manter contato com a família do aluno, com aqueles que tenham contato com ele e assim sempre saiba quando houver uma mudança na rotina.

Acredite no potencial do seu aluno e não tenha medo de errar, e também não tenha medo que ele erre.

Proposta de aula para trabalhar o tema Autismo em sala de aula:

Vamos a aula sobre o tema?

Tema da aula:

Autismo

Objetivos da aula sobre Autismo:

Geral:

  • Desconstrução sobre o tema;

Específico:

  • Saber identificar;
  • Conviver melhor com as diferenças;
  • Inclusão.

Conteúdo para a aula sobre Autismo:

Vídeo 1: https://youtube.com/watch?v=-TaTkas0wxI&feature=youtu.be

Vídeo 2: https://youtube.com/watch?v=9l3jNTZ_qgU

Vídeo 3: https://youtube.com/watch?v=ySoNhvSXhNI

Metodologia sugerida para a aula sobre Autismo:

Pode-se começa a aula com o vídeo 1, para retratar como é a relação entre alunos com espectro autista e alunos típicos. Dessa forma, os alunos podem apreender  um modelo de viver com as diferenças. Além disso, o vídeo mostra uma imagem sobre o autismo muito diferente do popularmente difundido social.

Após esse momento, a professora poderia iniciar um debate sobre o tema propondo questões como: Para vocês, o que é autismo? O que significar ser autista? Como vocês acham uma pessoa com autismo ver o mundo?

Em seguida, o professor pode mostrar o vídeo 2 que fala sobre como as emoções se manifestam em autistas e como a ajuda externa pode contribuir para uma melhor inclusão desse aluno no meio social. Dessa forma, ela pode propor brincadeiras inclusivas para que todos possam participar sem  nenhum impecilho. Por último o professor poderá passar um último vídeo.

Filme sobre conviver com as diferenças: O extraordinário(EUA, 2017)

Auggie Pullman (Jacob Tremblay) é um garoto que nasceu com uma deformação facial, o que fez com que passasse por 27 cirurgias plásticas.

wonder 4838846 3141364

Aos 10 anos, ele pela primeira vez frequentará uma escola regular, como qualquer outra criança. Lá, precisa lidar com a sensação constante de ser sempre observado e avaliado por todos à sua volta.

Filme sore Autismo: Rain Man(EUA, 1989)

Charlie (Tom Cruise), um jovem yuppie, fica sabendo que seu pai faleceu. Eles nunca se deram bem e não se viam há vários anos, mas ele vai ao enterro e ao cuidar do testamento descobre que herdou um Buick 1949 e algumas roseiras premiadas, enquanto um “beneficiário” tinha herdado três milhões de dólares.

rain main 4362871 4863825

Curioso em saber quem herdou a fortuna, ele descobre que foi seu irmão Raymond (Dustin Hoffman), cuja existência ele desconhecia. Autista, Raymond é capaz de calcular problemas matemáticos com grande velocidade e precisão. Charlie sequestra o irmão da instituição onde ele está internado para levá-lo para Los Angeles e exigir metade do dinheiro, nem que para isto tenha que ir aos tribunais. É durante uma viagem cheia de pequenos imprevistos que os dois entenderão o significado de serem irmãos.

Avaliação para a aula sobre Autismo:

Elaborar uma redação sobre o tema : A realidade da escola inclusiva no Brasil, que foi proposta nesse link: https://guiadoestudante.abril.com.br/blog/redacao-para-o-enem-e-vestibular/nova-proposta-de-redacao-educacao-inclusiva/

Fontes:

Para este artigo foram utilizados diferentes referências científicas, vale acessar os seguintes artigos:

Fim do post sobre o que é autismo

Obrigada por ter acompanhado mais esse post sobre o que é autismo. Espero que tenham gostado do post e que tenha sido útil para a sua pesquisa.

Deixe sua opinião em nossos comentários e nos ajude a melhorar o nosso Blog!

O que é Introdução?

Você sabe o que é Introdução? Começamos uma nova série com uma responsabilidade fora do comum, que é a apresentar e conceituar dúvidas constantes no dia a dia escolar e cotidiano do aluno e professor.

Seja em uma redação estilo ENEM, ou no TCC, é preciso fazer uma introdução antes de começar a aprofundar o raciocínio sobre um assunto.

O que é Introdução?

O que é Introdução?

Podemos definir Introdução como uma introdução geral sobre um assunto. Normalmente, a introdução constitui o primeiro parágrafo de uma redação, ou o primeiro capítulo de uma dissertação. É a partir da introdução que todo o texto girará em torno.

O que é Introdução? – Como fazer uma Introdução?

facebook advertising 8324275 1371754

A introdução de uma redação estilo ENEM, por exemplo, necessita ser simples e com uma linguagem fácil. Para isso é recomendado que ela seja composta de 2 a 3 frases. Na primeira frase, você deverá contextualizar o tema através de exemplos relacionados ao tema, seja com flash cards, com exemplos de notícia, com um fato histórico. Em seguida, você deverá falar sobre a relevância desse tema falando sobre o porquê dele ser discutido e quais os problemas em torno do tema. Por último, é necessário dar uma simplificada sugestão de solução para os problemas e uma “deixa” para a continuação do texto.

Para uma introdução exemplar, além da estrutura, é válido apostar no conteúdo. Introduzir variados conhecimentos sobre múltiplas áreas e linkar todas essas informações, e, assim mostrar a relevância do tema e sua atualidade.

Dessa maneira, podemos citar como exemplo uma introdução de redação com o tema do ENEM de 2017 com o tema Desafios para a formação educacional de surdos no Brasil:

“O Brasil é um país bilíngue, mas poucas pessoas sabem que LIBRAS tem status de língua oficial. Isso se deve ao descaso e à marginalização de pessoas surdas, enquadradas numa minoria social.  Aliado a isso, nota-se que grande parte da população não tem informação e discernimento para lidar com pessoas com necessidades especiais, que sofrem por não terem direitos básicos garantidos, como, por exemplo, a educação.  Nesse sentido, por mais que a causa esteja ganhando visibilidade aos poucos, muito há que se fazer para que se faça valer o direito à instrução, assegurado pelo artigo 6º da Carta Magna de 88.

Fonte: https://descomplica.com.br/gabarito-enem/questoes/2017/primeiro-dia/redacao-exemplar-2017-modelo-3/?cor=azul

O que é Introdução e sua Relação com o ambiente escolar

gestao escolar participativa os alunos como parte das decisoes 7528038 5160552

Os conhecimentos sobre a introdução podem auxiliar o aluno na hora da produção de redações. Entretanto, para além disso, o aluno estará apto a linkar informações de várias áreas de conhecimento para conseguir contextualizar um tema. Dessa maneira, o aluno aprender a realizar conexões tanto na produção de textos, quanto na hora de estudar e compreender o mundo nas esferas sociais, políticas e econômicas.

O que é Introdução? – Pontos Positivos x Pontos Negativos

feedback negativo e positivo 1 3076248 3225551

Pontos Positivos sobre ensinar ativamente a produzir uma Introdução:

  • Melhorar a escrita
  • Linkar conhecimentos de áreas diversas

O que é Introdução? – Proposta de aula para trabalhar introdução em sala de aula:

Tema:

Introdução

Objetivos sobre a aula de introdução textual:

Objetivos Gerais sobre introdução:

Conhecer como fazer uma Introdução.

Objetivos Específicos de uma aula sobre introdução:

  • Compreender o conceito de Introdução
  • Saber quais as funções de uma Introdução
  • Compreender como fazer uma Introdução

Conteúdo sobre a aula de introdução:

Texto: https://descomplica.com.br/blog/redacao/redacao-introducao/

Vídeo 01:https://youtube.com/watch?v=JtkZCq-uhBs

Vídeo 02: https://youtube.com/watch?v=PYGzF4b0Kbk

Metodologia sobre a aula que ensina a fazer uma introdução:

A aula poderá começa com a leitura do texto onde o professor poderá debater com os alunos as funções de uma Introdução, o conceito de Introdução e exemplos. Em seguida, o professor poderá mostrar o vídeo 01 e poder verificar com os alunos as variadas forma de como fazer uma introdução. Por último, trabalhar o vídeo 02, onde mostra os outros passos de uma redação, e, assim, já encaminhar o próximo tema de uma futura aula.

Fim do post O que é Introdução

Deixe seu comentário abaixo dizendo como foi sua semana do meio ambiente na escola ou como gostaria que fosse.

Muito obrigado pela leitura e até a próxima lista no blog do Demonstre.

Referências

Estratégias argumentativas para redação do ENEM: https://youtube.com/watch?v=ahqhxiIRkhA

50 citações filosóficas para colocar na redação do ENEM: https://youtube.com/watch?v=rVoxXeyOHj4

Fontes

Info escola, link: https://infoescola.com/redacao/introducao-desenvolvimento-e-conclusao/

Descomplica, link: https://descomplica.com.br/blog/redacao/redacao-introducao/

O que é Cidadania? Aula para se tornar cidadão nota 1000

Olá pessoal, o post vai falar sobre O que é cidadania. Assim, iremos discutir sobre sua definição, características e tipos. Confira o post agora?

Você sabe o que é Cidadania? Começamos uma nova série com uma responsabilidade fora do comum, que é a apresentar e conceituar dúvidas constantes no dia a dia escolar e cotidiano do aluno e professor.

O que é Cidadania?
cidadania 2779720 7286799

 A Cidadania pode ser entendida como um compilado de direitos e deveres executados pelos indivíduos que vivem em sociedade. Dessa forma, a sociedade pode transforma, e intervir nos espaços.

Mas o que realmente é cidadania?

Cidadania é o exercício dos direitos dos deveres civis, políticos e sociais estabelecidos na Constituição de um país, por parte de seus cidadãos. A expressão vem do latim civitas, que quer dizer cidade. Antigamente cidadão era aquele que fazia parte da cidade, tendo direitos e deveres por nela habitar, atualmente esse conceito se expande para todos os limites urbanos e espaços rurais.

o que é cidadania

A expressão cidadania geralmente está associada com o campo do direito, em que existe uma série de legislação voltadas para os direitos e deveres que um cidadão possui. Entre esses deveres destaca-se o voto, o zelo pelo espaço e o cumprimento das leis. Dentre os direitos, destaca-se principalmente os direitos de ir e vir, direito a saúde, moradia, alimentação e educação.

Na Constituição a cidadania é definida como um fundamento da República Federativa do Brasil e tem o objetivo de garantir que a sociedade.

Uma boa cidadania diz que os direitos e deveres estão interligados, o respeito e o cumprimento de ambos contribuem para uma sociedade mais justa e equilibrada.

Como surgiu a Cidadania?

cidadania 3 3965647 8785276

O conceito de Cidadania é atualizado constantemente devido as transformações políticas, sociais e econômicas. Esse fato é possível porque o conceito de Cidadania está ligada as ideologias da época. Dessa forma, o conceito da antiguidade de cidadania difere do nosso conceito atual.

Para entendermos o conceito atual de Cidadania é preciso ter consciência que essa teve suas bases na filosofia iluminista, com os pensamento de John Locke, Voltaire e Jean-Jacques Rousseau, sempre pensando na relação entre o Estado e o indivíduo(este tido como o um ser de razão, com direitos, como direito a vida, a liberdade e a propriedade; e deveres).

Portanto, graças a essas ideias podemos estabelecer a segunda base para nossa atual concepção de Cidadania: O entendimento sobre o Direito. Dessa forma podemos pensar que nossa Cidadania é garantida pelos 3 Direitos instituídos: os direitos civis, políticos, sociais e humanos.

Quando se deu de fato origem da cidadania?

A concepção de cidadania surgiu na Grécia Antiga, mas de um modo menos igualitário como o de hoje. Naquela época, só eram considerados cidadãos, os homens livres que nasciam e viviam na cidade, com mais de 25 anos.

A partir do século XVIII, com a influencia do Iluminismo e do liberalismo econômico e político, o modo como a cidadania passa a ser interpretada e começa a se assemelhar ao modo contemporâneo.

O que é ser Cidadão?

606x455 9818245 6215210

A Cidadania anteriormente era muito relacionada ao direito ao voto e a ser votado. Atualmente, além disso, ela está relacionada com a luta pela melhoria da educação, saúde, informação, igualdade de oportunidade, etc. Dessa forma, visto que o homem é um ser essencialmente social, e para se afirmar como ser humano precisa do reconhecimento do próximo, o cidadão poderá participar da sociedade de forma integra e igualitária.

Cidadania formal e cidadania substantiva

A cidadania formal é referente a nacionalidade de um indivíduo, ou seja, ao lugar no qual ele nasceu. Já a cidadania substantiva é relacionada aos exercícios dos direitos civis, sociais e políticos.

Mas qual a diferença entre esses direitos?

  • direitos civis: são aqueles das liberdades individuais como o direito à vida, à igualdade, a liberdade de expressão e pensamento e à propriedade privada;
  • direitos sociais: são os que buscam o bem-estar de todos, como educação, saúde, alimentação, moradia, cultura e direitos trabalhistas;
  • direitos políticos: aqueles que garantem o poder de se envolver nas escolhas sociais, de votar e ser votado para cargos eletivos e de fazer manifestações políticas.

Participação social de acordo com a cidadania

A participação social é muito importante para ajudar a fortalecer a cidadania e concretizar a democracia, ela é a responsável pelo fato de podermos votar, uma forma de participar dessas escolhas e fazendo parte da formulação de politicas publicas de um país, estado ou cidade.

Cidadania nas Escolas

Aprender a conviver e a agir são os principais motivos da educação para cidadania. Você que é professor, pode fazer isso oferecendo atividades que tenham como objetivo principal a formação da consciência ética e solidaria, foca nos valores humanos.

Você pode analisar o desenvolvimento que seus alunos estão tendo observando seus comportamentos, aprendendo a reconhecer suas atitudes. Mas sempre ensine aos alunos o exercício de escolhas e aprendizagens sobre as emoções que permite assim que eles reconheçam a si mesmo perante eles próprios e a sociedade.

Quando os alunos já estiverem no Ensino Fundamental II procure motivar o amadurecimento à partir de reflexões sobre eles mesmos e a pratica de valores, tentando promover uma convivência mais harmônica.

Quando os alunos chegam ao Ensino Médio é quando a cidadania passa a ser trabalhada mais intensamente, por meio de discussões criticas e de desenvolvimento genuíno nos interesses dos estudantes.

Grupos de debates e análises de políticas são ótimos exemplos de como desenvolver a cidadania de cada individuo no ambiente escolar, além de, é claro, o envolvimento dos pais com seus filhos, porque a escola não pode ser a responsável por formar todo o caráter de alguém.

O que é Cidadania e sua Relação com o ambiente escolar

gestao escolar participativa os alunos como parte das decisoes 3710732 3899018

O principal papel da escola é formação de indivíduos pensantes e cidadãos. Dessa maneira, a escola ajudará os alunos a desvendar meios para se preparar para a vida, de conhecer seus direitos e deveres, e entender que ser cidadão também está ligado a promover mudanças em seu meio. Para isso, o aluno tem contato com conhecimentos históricos e filosóficos para entender como chegou ao que ele conhecer hoje como sociedade, entendendo os avanços e retrocessos.

Vídeo no youtube explicando o que é cidadania?

Eu publiquei o vídeo: O que é cidadania? no meu canal do youtube e gostaria muito que você me desse seu feedback!

O que é cidadania?

Cidadania é o exercício dos direitos dos deveres civis, políticos e sociais estabelecidos na Constituição de um país, por parte de seus cidadãos. A expressão vem do latim civitas, que quer dizer cidade. Antigamente cidadão era aquele que fazia parte da cidade, tendo direitos e deveres por nela habitar, atualmente esse conceito se expande para todos os limites urbanos e espaços rurais.

A expressão cidadania geralmente está associada com o campo do direito, em que existe uma série de legislação voltadas para os direitos e deveres que um cidadão possui. Entre esses deveres destaca-se o voto, o zelo pelo espaço e o cumprimento das leis. Dentre os direitos, destaca-se principalmente os direitos de ir e vir, direito a saúde, moradia, alimentação e educação.

Na Constituição a cidadania é definida como um fundamento da República Federativa do Brasil e tem o objetivo de garantir que a sociedade.

No meu canal do youtube eu publico vídeos diários sobre educação:

Os assuntos que tratei neste vídeo são:

Sobre o canal, uma curiosidade antes de voltar ao tema:

Criei o meu canal em 2011, mas somente em 2018 passei a publicar com determinada seriedade. Posto vídeos diários, centrados principalmente na vivência educacional e na relação professor-aluno, pois acredito que este tipo de diálogo é o que faz a diferença no a dia a dia do educador, da família, da escola e do desenvolvimento cognitivo e afetivo dos alunos, sejam eles adultos ou crianças.

Pontos Positivos de se trabalhar a cidadania na escola:

feedback negativo e positivo 1 2489223 1671462

  • Liberdade de Expressão
  • Autonomia
  • Conhecimento Democracia
  • Conhecimento sobre o s Direitos e Deveres dos cidadãos
  • Se sentir agente de mudança da realidade

Proposta de aula para trabalhar Cidadania em sala de aula:

Tema da aula: Cidadania

Objetivos Gerais sobre Cidadania:

Entender o que é Cidadania.

Objetivos Específicos sobre Cidadania:

  • Conceituar Cidadania
  • Entender Direitos e Deveres dos Cidadãos
  • Entender que o Cidadão é um agente de mudanças

Conteúdo sobre a aula de Cidadania:

Vídeo 01 : https://youtube.com/watch?v=tfkb5HBP6oQ

Imagem:

Charge Abusos 6123859 7552267

Metodologia sobre a aula de Cidadania:

O professor pode introduzir a aula com o vídeo 01 analisando a letra da música presente no vídeo, e debater com o aluno o que eles entender por :

  1. O que é Cidadania?
  2. Quais os Direitos e Deveres do Cidadão?

Logo após ele poderia conceituar o que é cidadania e qual o papel do cidadão na sociedade. Em seguida, ele poderá mostrar a charge e questionar quais os direitos que não estão sendo garantidos, segundo a imagem. Depois, explanar quais os 3 tipos de direitos que garantem a cidadania e o processo para chegarmos ao entendimento que temos hoje do que é cidadania.

Uma Brincadeira sobre cidadania: o que é cidadania

Público alvo, recursos e objetivos da brincadeira:

  • Público alvo: Pode ser realizada com crianças maiores, por exigir aos pequenos uma reflexão mais complexa sobre direitos e os deveres.
  • Idade: Crianças a partir de 10 anos de idade e até os mais velhos, que geralmente estão cursando a primeira parte do ensino fundamental.
  • Recursos: A professora pode criar uma aula dinâmica, escrevendo na lousa a palavra cidadania bem grande. Distribua fichas com números para cada aluno, que poderá ser criada com papelão e dentro de um saco plástico coloque a mesma quantidade de números distribuídos para poder fazer um sorteio, escolhendo o aluno através do número.
  • Objetivo: O objetivo da brincadeira o que é cidadania é ensinar os significados por trás da cidadania, fazendo com que cada aluno possa participar da aula. A ideia dos números e sorteios é fazer com que os alunos não deixem de participar, por isso indague que não é preciso saberem o que cidadania significado, mas que precisam dizer algo.

Passo a passo da brincadeira sobre o que é cidadania?:

  1. Comece distribuindo os números para os alunos e depois de escrever a palavra cidadania na lousa, deverá sortear um número e pedir ao aluno sorteado dizer o que ele acha que significa cidadania e em qual seria a palavra que ele poderia relacionar à cidadania.
  2. Escreva na lousa e repita até acabar os números.
  3. No final do sorteio deverá olhar a lousa e verificar as palavras escritas e então explicar de maneira divertida e usando aquelas que estiverem coerentes o que de fato é a cidadania para que entendam.

A importância de brincadeiras para aprender sobre cidadania

Aos educadores ou professores é possível afirmar que a cidadania pode ser um assunto bem complexo para passar aos pequenos, mas não impossível. A ideia é permitir criar brincadeiras que estimulem o aprendizado e façam entender o que representa a cidadania nos dias atuais e o porque a mesma é importante. Além de ser divertido, brincar também pode ser uma boa tática de ensinamento. Confira as brincadeiras para aprender sobre cidadania.

Filmes sobre Cidadania:

21044995 20130928212519193 7111046 7695882

O Menino e o Mundo, 2013.

Essa animação brasileira é um encanto, apesar da flagrante simplicidade. Conta a estória de Cuca, um menino que sai de casa à procura de seu pai, que saíra para uma temporada de trabalho. No caminho, e em direção à cidade grande, Cuca se defronta com aspectos da dura realidade da vida – a opressão dos poderosos sobre os pobres, a substituição da mão-de-obra pelas máquinas, o cotidiano agitado da cidade. Contrariamente a esse mundo, o menino tem o seu próprio – recheado de sonhos e de música. Uma animação simplesmente tocante e encantadora.

Quanto Vale ou é por Quilo?, 2015.

quanto vale ou e por quilo 3735927 6759111

Uma analogia entre o antigo comércio de escravos e a atual exploração da miséria pelo marketing social, que forma uma solidariedade de fachada. No século XVII um capitão-do-mato captura uma escrava fugitiva, que está grávida. Após entregá-la ao seu dono e receber sua recompensa, a escrava aborta o filho que espera. Nos dias atuais uma ONG implanta o projeto Informática na Periferia em uma comunidade carente. Arminda, que trabalha no projeto, descobre que os computadores comprados foram superfaturados e, por causa disto, precisa agora ser eliminada. Candinho, um jovem desempregado cuja esposa está grávida, torna-se matador de aluguel para conseguir dinheiro para sobreviver.

Questões sobre cidadania

1. (Enem 2014) TEXTO l

Olhamos o homem alheio às atividades públicas não como alguém que cuida apenas de seus próprios interesses, mas como um inútil; nós, cidadãos atenienses, decidimos as questões públicas por nós mesmos na crença de que não é o debate que é empecilho à ação, e sim o fato de não se estar esclarecido pelo debate antes de chegar a hora da ação.
TUCÍDIDES. História da Guerra do Peloponeso. Brasília: UnB, 1987 (adaptado).

TEXTO II

Um cidadão integral pode ser definido por nada mais nada menos que pelo direito de administrar justiça e exercer funções públicas; algumas destas, todavia, são limitadas quanto ao tempo de exercício, de tal modo que não podem de forma alguma ser exercidas duas vezes pela mesma pessoa, ou somente podem sê-lo depois de certos intervalos de tempo prefixados.
ARISTÓTELES. Política. Brasília: UnB, 1985.

Comparando os textos l e II, tanto para Tucídides (no século V a.C.) quanto para Aristóteles (no século IV a.C.), a cidadania era definida pelo(a)
a) prestígio social.
b) acúmulo de riqueza.
c) participação política.
d) local de nascimento.
e) grupo de parentesco.

2. (Enem 2010) “Pecado nefando” era expressão correntemente utilizada pelos inquisidores para a sodomia. Nefandus: o que não pode ser dito. A Assembleia de clérigos reunida em Salvador, em 1707, considerou a sodomia “tão péssimo e horrendo crime”, tão contrário à lei da natureza, que “era indigno de ser nomeado” e, por isso mesmo, nefando.

NOVAIS, F.; MELLO E SOUZA L. História da vida privada no Brasil. V. 1. São Paulo: Companhia das Letras. 1997 (adaptado).

O número de homossexuais assassinados no Brasil bateu o recorde histórico em 2009. De acordo com o Relatório Anual de Assassinato de Homossexuais (LGBT – Lésbicas, Gays, Bissexuais e Travestis), nesse ano foram registrados 195 mortos por motivação homofóbica no
País.

Disponível em: www.alemdanoticia.com.br/utimas_noticias.php?codnoticia=3871.
Acesso em: 29 abr. 2010 (adaptado).

A homofobia é a rejeição e menosprezo à orientação sexual do outro e, muitas vezes, expressa-se sob a forma de comportamentos violentos. Os textos indicam que as condenações públicas, perseguições e assassinatos de homossexuais no país estão associadas
a) à baixa representatividade política de grupos organizados que defendem os direitos de cidadania dos homossexuais.
b) à falência da democracia no país, que torna impeditiva a divulgação de estatísticas relacionadas à violência contra homossexuais.
c) à Constituição de 1988, que exclui do tecido social os homossexuais, além de impedi-los de exercer seus direitos políticos.
d) a um passado histórico marcado pela demonização do corpo e por formas recorrentes de tabus e intolerância.
e) a uma política eugênica desenvolvida pelo Estado, justificada a partir dos posicionamentos de correntes filosófico-científicas.

3. (Enem 2009) Segundo Aristóteles, “na cidade com o melhor conjunto de normas e naquela dotada de homens absolutamente justos, os cidadãos não devem viver uma vida de trabalho trivial ou de negócios — esses tipos de vida são desprezíveis e incompatíveis com as qualidades morais —, tampouco devem ser agricultores os aspirantes à cidadania, pois o lazer é indispensável ao desenvolvimento das qualidades morais e à prática das atividades políticas”.
VAN ACKER, T. Grécia. A vida cotidiana na cidade-Estado. São Paulo: Atual, 1994.

O trecho, retirado da obra Política, de Aristóteles, permite compreender que a cidadania
a) possui uma dimensão histórica que deve ser criticada, pois é condenável que os políticos de qualquer época fiquem entregues à ociosidade, enquanto o resto dos cidadãos tem de trabalhar.
b) era entendida como uma dignidade própria dos grupos sociais superiores, fruto de uma concepção política profundamente hierarquizada da sociedade.
c) estava vinculada, na Grécia Antiga, a uma percepção política democrática, que levava todos os habitantes da pólis a participarem da vida cívica.
d) tinha profundas conexões com a justiça, razão pela qual o tempo livre dos cidadãos deveria ser dedicado às atividades vinculadas aos tribunais.
e) vivida pelos atenienses era, de fato, restrita àqueles que se dedicavam à política e que tinham tempo para resolver os problemas da cidade.

Respostas

01- C , 02- C , 03- B

Fontes

Politize, link: https://politize.com.br/por-que-e-importante-cidadania/

Brasil escola, link: https://meuartigo.brasilescola.uol.com.br/educacao/o-papel-escola-na-formacao-cidadao.htm

Fim do post sobre O que é cidadania

Obrigada por ter acompanhado esse post sobre O que é cidadania. Espero que tenha gostado do conteúdo e que tenha sido útil para sua persquisa ou complementar seus planos de aula.

Deixe seus comentários e suas ideias para o Demonstre. Estamos abertos a suas contribuições!

Como se faz Slime

Quem disse que pra se divertir é preciso gastar muito certamente nunca ouviu falar em como se faz Slime caseiro. O Demonstre, pensando em trazer uma experiência interessante para quem está de férias e disposto a arriscar alguns minutinhos (e fazer aquela bagunça na cozinha), trouxe a receita de como fazer Slime com TRÊS INGREDIENTES.

Como se faz Slime

1d0749b79d0af76ebbd916835466e674 9371677 2849637

Certamente você não terá alguns dos ingredientes em casa, então, considere a opção de ir àquela papelaria para comprar um tubo de Cola Vinílica e purpurina, e à farmácia para pegar Borato de Sódio. Vamos aprender como se faz?

Como se faz Slime – Primeiro passo

1 – Misture duas partes iguais de cola e água em um recipiente. Ou seja, metade do recipiente com cola vinílica e a outra metade com água.

img 3703slime 1024x612 2740386 2442462

Como se faz Slime – Segundo passo

2 – Em seguida, dilua uma colher de café de Borato de Sódio em quatro colheres de sopa de água.

Como se faz Slime – Terceiro passo

3 – Coloque a mistura do passo 1 em um recipiente maior e acrescente a purpurina, mexendo até incorporar totalmente o pigmento à cola.

Como se faz Slime – Quarto passo

4 – Agora é só acrescentar o Borato de Sódio com Água ao recipiente com Cola Vinílica e Purpurina. A reação é instantânea!

Mexa até a massa começar a desprender do recipiente. Nesse ponto, já é possível agarrar o Slime com as mãos e amassar. O auge da brincadeira é deixar o Slime escorrer entre as mãos como uma massa gelatinosa, entretanto, cuidado com as roupas pois essa brincadeira pode deixar manchas permanentes naquela blusa que você adora!

Como se faz Slime – Sugestão alternativa em vídeo

Caso você não encontre a Cola Vinílica, não se preocupe! Selecionamos abaixo um vídeo indicando o passo a passo de como fazer Slime com Cola Branca e Bicarbonato de Sódio:

https://youtube.com/watch?v=_ScHY3Tglx8

Teste para saber se você realmente aprendeu como se faz um slime

1 – Qual ingrediente é responsável por dar consistência gelatinosa ao Slime?

(a) Água

(b) Cola Vinílica

(c) Bicarbonato de Sódio

2 – Onde é possível encontrar o Borato de Sódio?

(a) Em lugares rochosos

(b) No mar

(c) Em qualquer farmácia

Respostas

1 – b, 2 – c.


Fonte

Nicole Rios, link:

Fim

Bom, é isso, espero que você tenha gostado e curta nossos próximos textos sobre como se faz diferentes coisas para sala de aula.

https://demonstre.com/como-se-faz-um-fichamento/

Não deixe de nos curtir no facebook e até a próxima!

O que é Empatia?

Você sabe o que é Empatia? Começamos uma nova série com uma responsabilidade fora do comum, que é a apresentar e conceituar dúvidas constantes no dia a dia escolar e cotidiano do aluno e professor.

O que é Empatia?

A Empatia pode ser entendida como a capacidade de se colocar no lugar do outro. Dessa forma, o outro pode compreender a realidade do próximo, entender o porquê de determinadas atitudes e opiniões, e entender como o outro se sente.

“A capacidade de se colocar no lugar do outro é uma das funções mais importantes da inteligência. Demonstra o grau de maturidade do ser humano.”
                                                                                                                    -A. Cury-
Além da compreensão, a Empatia parte do pré-suposto do não julgamento. Você se coloca no lugar do outro tentando pensar como ele, como as mesmas crenças e valores do outro, e não com as suas. Dessa maneira, há um processo de aceitação da realidade do outro.

Graus de Empatia

DQmSzyX9fXQaoRffqxTiSxprpTyrL63ViWGvjrRo2RmLCqK 3066743 3746576

Existem diversos níveis de Empatia. Dessa maneira, algumas pessoas tem uma facilidade natural em reconhecer os sentimentos dos outro. Entretanto, devemos ter cuidado para não confundir a empatia com outro conceito que básico para termos empatia. Nesses caso estamos falando das emoções. Esse sentimentos são felicidade, medo, ansiedade, tristeza, angústia, etc.

Além disso, existem outras características que podem influenciar em um maior grau de empatia. Dessa forma, estamos falando da familiaridade que temos com a pessoa que demonstra a emoção, o nosso grau de cansaço, a predisposição de comunicação, etc.

Entretanto, é valido salientar que praticar e treinar a ação de nos colocarmos no lugar do outro, e não esquecer que quem está na situação problema é o outro e não você. Dessa forma, não cairemos na desconexão emocional, quando passamos a sentir mais as emoções dos próximos do que a nossa.

Quando Demonstramos Empatia?

066226 Ampliada 9129920 2859563

Podemos ser empáticos, e para isso precisamos demonstrar isso. Listamos algumas formas de demonstrar a empatia:

  • Quando sabemos ouvir e compreender os sentimentos do outro 
  • Quando não usamos apenas palavras para consolar. 
  • Quando estamos com alguém que tem um problema e o ajudamos, por exemplo, com o nosso senso de humor.
  • Quando nos expressamos com delicadeza e cortesia.

O que é Empatia e sua Relação com o ambiente escolar

gestao escolar participativa os alunos como parte das decisoes 1326262 4364359

A Empatia pode ajudar a melhorar nossa comunicação e expressão em sala de aula, com o professor e com os pais. Dessa forma, poderemos entender melhor o porquê das escolhas desses, como estão se sentindo, etc.

O que é Empatia: Pontos Positivos x Pontos Negativos

feedback negativo e positivo 1 8999096 9356558

Pontos Positivos sobre a Empatia

  •  Facilita a comunicação
  •  Resolução de problemas
  • Identificação das Emoções

Pontos Negativos sobre Empatia

  • Como falamos anteriormente, devemos ter cuidado para não confundirmos a Empatia com outro conceito, a emoção.

Proposta de aula para trabalhar Empatia em sala de aula:

Tema:

Empatia

Objetivos sobre a aula de Empatia:

Objetivos Gerais sobre a aula de Empatia:

Desenvolver/ aprimorar a Empatia.

Objetivos Específicos sobre  a aula de Empatia:

  • Reconhecer as Emoções
  • Desenvolvimento da Comunicação
  • Melhorar a Convivência

Conteúdo sobre a aula de Empatia:

Vídeo 01: https://youtube.com/watch?v=gQJmngamIfw

Vídeo 02: https://youtube.com/watch?v=aPs6q5vqnFs

Texto Base: https://contioutra.com/empatia-e-a-habilidade-mais-importante-que-voce-deve-ter/

Metodologia sobre a aula de Empatia:

Poderia começar a aula com a apresentação do vídeo 02, onde poderá discutir o conceito de Empatia e como identificar as emoções. Em seguida, poderia reproduzir o vídeo 01 para falar sobre a importância  da empatia. Dessa forma, o professor poderá debater com os alunos sobre esse tema.

Referências

Filmes sobre Empatia:

Intocáveis

20143859 3798814 8222552

Philippe (François Cluzet) é um aristocrata rico que, após sofrer um grave acidente, fica tetraplégico. Precisando de um assistente, ele decide contratar Driss (Omar Sy), um jovem problemático que não tem a menor experiência em cuidar de pessoas no seu estado. Aos poucos ele aprende a função, apesar das diversas gafes que comete. Philippe, por sua vez, se afeiçoa cada vez mais a Driss por ele não tratá-lo como um pobre coitado. Aos poucos a amizade entre eles se estabelece, com cada um conhecendo melhor o mundo do outro.

i am movie 1 298820 5168139 7532017

I AM – Você tem o poder de mudar o mundo

O diretor Tom Shadyac fala com os líderes intelectuais e espirituais sobre o que há de errado com nosso mundo e como podemos melhorar a nós mesmos e o modo como vivemos nele.

The Power of Outrospection

maxresdefault 4 8080039 1087686

A animação de 10 minutos sobre empatia faz parte da aclamada série RSA Animate. No vídeo, o filósofo e escritor romano Krznaric explica como podemos ajudar a impulsionar a mudança social.

Questionário

01- Um dos fatores de qualidade no atendimento ao público é a empatia. Empatia é:

Resposta

01- C

Fontes

A mente maravilhosa, link: httpas://amenteemaravilhosa.com.br/empatia-arte-compreender-emocoes/

Como se faz um Artigo

Oi pessoal, o post de hoje tem o tema Como se faz um artigo, muito procurado pelos nossos leitores. Espero que gostem! Vamos lá!

Como se faz um Artigo

    Quando eu sei que estou preparado(a) para escrever um artigo? Por onde devo começar? Quantas páginas tem um bom artigo? … Dúvidas desse tipo vão surgindo ao longo do percurso na nossa vida acadêmica. Durante essa trajetória na faculdade, é natural nos depararmos com disciplinas que exigem o desenvolvimento de artigos. Sendo esse um dos trabalhos mais extensos (depois do TCC, é claro), hoje o Demonstre trouxe algumas dicas de como criar um artigo, com o intuito de orientar aqueles que estão passando por esse processo e se sentem perdidos. Vamos lá?


Como se faz um Artigo: Defina sua pesquisa

   A criação de um artigo está corriqueiramente associada a uma problemática. Por exemplo, se você deseja escrever um artigo na área das Ciências Humanas, irá se voltar para questões discutidas nesse campo das ciências, como por exemplo a política, diferenças de gênero, raça e classe, etc. Os exemplos dados anteriormente constituem a ideia central que você irá abordar na sua pesquisa. Pensando nisso, é interessante buscar um embasamento teórico aprofundado acerca daquilo que você deseja pesquisar e um ponto de vista exclusivo, pois o diferencial no trabalho de um pesquisador é que poucos artigos estejam sendo desenvolvidos com o mesmo viés, destacando este em sua área de trabalho.

 Como se faz um Artigo: As etapas de escrita

Definido o tema da pesquisa, atente para o que um artigo acadêmico deve conter. As partes principais e exigidas em qualquer instituição são:

  • Título: deve estar relacionado ao tema da pesquisa e aconselha-se que dê uma ideia geral do que se trata o artigo.
  • Resumo: essa parte do trabalho deve ter no mínimo 6 linhas e indicar do que se trata o artigo, o objetivo, os métodos e a conclusão deste. Uma dica importante é deixar o resumo como a última etapa a ser feita no trabalho, pois com a pesquisa concluída, é mais simples resumir do que se trata. Em alguns casos, é necessário acrescentar uma versão do resumo em outra língua, por isso, aprofunde-se em algum curso de inglês, francês ou espanhol, visto que são os idiomas mais solicitados em um abstract.
  • Palavras-chave: indicam os conceitos gerais abordados no artigo. É interessante colocar, no máximo, três conceitos-chave. Mais que isso, é desnecessário, e menos, pode tornar o artigo menos atrativo.
  • Introdução: considere essa etapa do artigo como um resumo mais extenso da sua pesquisa. Ou a “sinopse” dele.  Nele, você deverá indicar ao leitor do que se trata o trabalho. Procure fazer uma introdução atrativa, que deixe o leitor curioso para ler o restante do trabalho.
  • Desenvolvimento: nessa parte do trabalho, você irá escrever todo o embasamento teórico. Normalmente, está subdividida em tópicos e é aconselhável atrelar a teoria à bibliografia que você teve acesso para se aprofundar no tema. Como um artigo normalmente não é muito extenso, é interessante que você tente ser conciso nas suas ideias, não estendendo a discussão teórica por mais do que o necessário. Isso pode confundir o leitor.
  • Conclusão: essa etapa costuma ter 1 ou 2 parágrafos pequenos, que consistem na conclusão que você estabeleceu ao final da sua pesquisa. É uma espécie de resumo final de todo o seu trabalho.
  • Referencial Bibliográfico: consiste em todos os materiais utilizados no desenvolvimento do artigo e deve estar organizado em ordem alfabética.

Como se faz um Artigo: Dicas importantes

  • Após o término do artigo, leia-o novamente imaginando que você é uma pessoa a ter o primeiro contato com o trabalho. Pareceu coerente? Então o trabalho está terminado. Ficou confuso? Reescreva algumas partes, se necessário.
  • Consulte sempre seu orientador(a), em caso de dúvidas. Ele(a) está com você justamente para lhe orientar.
  • O corpo do texto deve estar conforme as normas ABNT, inclusive: Fonte Times New Roman, tamanho 12 e espaçamento 1,5. Já as referências, devem seguir o seguinte modelo:

MAGNOLI, Demétrio. União Européia: História e Geopolítica. 5.ed. São Paulo: Moderna, 2000. 80p.

    E aí, sente-se preparado para fazer seu artigo? Não? Pois veja abaixo um vídeo explicando o passo a passo da criação de um artigo:


Exercício de fixação sobre como fazer artigo

1 – Qual etapa de construção de um artigo está relacionada ao conteúdo da pesquisa e deve explanar uma ideia geral do conteúdo?

(a) Conclusão

(b) Título

(c) Palavras-chave

2 – Qual a formatação indicada para um artigo acadêmico?

(a) ABNT

(b) Arial, tamanho 9

(c) Não há exigência de uma formatação específica

3 – De quantas etapas consiste o processo de escrita de um artigo, de acordo com as informações acima?

(a) 5

(b) 7

(c) 9

Respostas

1 – b, 2 – a, 3 – b.


Fonte

Lendo,org, link: https://lendo.org/fazer-escrever-artigo-academico/

Livro de História e Geopolítica: MAGNOLI, Demétrio. União Européia: História e Geopolítica. 5.ed. São Paulo: Moderna, 2000. 80p.

FIM

Muito obrigada por ter nos acompanhado até aqui! Compartilhe e comente sua opinião sobre o post!

Se quiser contribuir escrevendo para o blog ou dando ideias para novos posts é só entrar em contato pelos comentários ou pelo email [email protected]!

Curta a página do DEMONSTRE no face e fique por dentro das novidade do blog!

Você também pode gostar do texto:

https://demonstre.com/como-se-faz-um-relatorio/

O que é Resiliência?

Você sabe o que é Resiliência? Começamos uma nova série com uma responsabilidade fora do comum, que é a apresentar e conceituar dúvidas constantes no dia a dia escolar e cotidiano do aluno e professor.

O que é Resiliência?

Presentation1 3900702 9389861

Termo emprestado da Física, Resiliência é a capacidade de um corpo, após ser deformado por forças externas, retornar à sua forma inicial. Trazendo para a esfera da forma de agir do ser humano, a Resiliência pode ser entendida como a capacidade que as pessoas, frente a grandes adversidade, se impulsionarem e superarem obstáculos.

Pessoas Resilientes

5ec6d93e93de93c3075c1b4cb83c6abe 5052726 5672424

Seja violência física ou psicológica, um luto, doenças, algum tipo de trauma, negligência, bullying, ou qualquer forma de abandono ou rejeição, entre outras formas de sofrimento, o resiliente tem a capacidade de transformar suas dores em impulso para superá-las. Entretanto, para isso, alguns fatores podem contribuir para a pratica da Resiliência, como: ter uma boa autoestima; ser otimista; ter facilidade em comunicar-se e falar de si mesma.

Dessa forma, pessoas com características opostas a de um indivíduo resiliente, sentirão maior dificuldade em superar problemas.

O que é Resiliência e sua Relação com o ambiente escolar

gestao escolar participativa os alunos como parte das decisoes 8578213 1616366

O exercício da Resiliência é extremamente importante no ambiente escolar. Seja na hora de mudar de escolar, ou na hora de prestar o vestibular, se adaptar a situação é a melhor forma para superar obstáculos durante a escola. Se por exemplo, o resultado do vestibular não for satisfatório, aceite a dor desse acontecimento, mas não resida nessa for. Busque tornar essa “falha” em uma força de superação para enxergar os pontos que não foram muito trabalhados, praticar mais os pontos já otimizados, e assim, alcançar o ponto de chegada: A Aprovação!

O que é Resiliência: Pontos Positivos x Pontos Negativos

feedback negativo e positivo 1 8932931 1822839

Pontos Positivos sobre Resiliência

  • Maior adaptação ao contexto
  • Inteligência Emocional
  • Saber lidar com as dificuldades

Pontos Negativos sobre Ecologia:

Não encontramos nenhum ponto negativo sobre Resiliência.

Proposta de aula para trabalhar Resiliência em sala de aula:

Tema:

Resiliência

Objetivos sobre a aula de Resiliência:

Objetivos Gerais sobre a aula de Resiliência:

Trabalhar o conceito de Resiliência e suas características.

Objetivos Específicos sobre a aula de Resiliência:

  • Conceituar Resiliência
  • Caracterizar como é uma pessoa Reiliente
  • Compreender a importância de ser resiliente

Conteúdo sobre a aula de Resiliência:

Vídeo 1: https://youtube.com/watch?v=dQY1hK_RTBI

Vídeo 2: https://youtube.com/watch?v=hFwN93b10jg

Texto: https://entretenimento.ne10.uol.com.br/coluna/o-amor-que-guardei-para-mim/noticia/2016/08/11/resiliencia-para-nao-desistir-de-nos-631114.php

Metodologia sobre a aula de Resiliência:

É interessante começar a aula com a leitura do texto para entender melhor o conceito de Resiliência, em que contexto ela é usada e como ser uma pessoa resiliente. Em seguida, debater com os alunos e perguntar quais situações problemas mais comuns no meio escolar, e juntos descobrirem quais as melhores soluções para esses problemas. Depois, passar o vídeo 1 e 2 para melhor fixar o tema.

Referências

Filmes sobre Resiliência:

A procura da felicidade, 2006

download 3 2557025 9164031

Chris Gardner (Will Smith) é um pai de família que enfrenta sérios problemas financeiros. Apesar de todas as tentativas em manter a família unida, Linda (Thandie Newton), sua esposa, decide partir. Chris agora é pai solteiro e precisa cuidar de Christopher (Jaden Smith), seu filho de apenas 5 anos. Ele tenta usar sua habilidade como vendedor para conseguir um emprego melhor, que lhe dê um salário mais digno. Chris consegue uma vaga de estagiário numa importante corretora de ações, mas não recebe salário pelos serviços prestados. Sua esperança é que, ao fim do programa de estágio, ele seja contratado e assim tenha um futuro promissor na empresa. Porém seus problemas financeiros não podem esperar que isto aconteça, o que faz com que sejam despejados. Chris e Christopher passam a dormir em abrigos, estações de trem, banheiros e onde quer que consigam um refúgio à noite, mantendo a esperança de que dias melhores virão.

A vida é bela, 1997.

19962446 8791376 1451804

Durante a Segunda Guerra Mundial na Itália, o judeu Guido (Roberto Benigni) e seu filho Giosué são levados para um campo de concentração nazista. Afastado da mulher, ele tem que usar sua imaginação para fazer o menino acreditar que estão participando de uma grande brincadeira, com o intuito de protegê-lo do terror e da violência que os cercam.

A caça, 2012.

maxresdefault 5 2597146 8382676

O professor Lucas tenta reconstruir sua vida após o divórcio. Tudo anda bem, até que uma aluna da creche diz à diretora que ele lhe mostrou suas partes íntimas. A acusação faz com que ele seja afastado do trabalho e perseguido pelos vizinhos, mesmo não havendo comprovação da acusação.

Fontes

Obvious,link: https://lounge.obviousmag.org/palavras_desconcertantes/2014/05/resiliencia-e-superacao.html

Como fazer um resumo?

Hoje vou vou te ensinar a como se faz um resumo, vamos lá!?

Como se faz um resumo

Talvez, o trabalho mais recorrente em todos os níveis de formação escolar é a elaboração de um resumo. Muitos encaram essa atividade com dificuldade, por se tratar de algo feito inteiramente com suas próprias palavras, sem o famigerado control+c = control+v que a internet nos possibilitou até agora. Entretanto, não é difícil, se você seguir as dicas que o Demonstre resolveu trazer para você hoje.

como fazer um resumo

O que é resumo?

Um resumo é um trabalho escolar/acadêmico que consiste na síntese das ideias principais de algo que você leu, assistiu, etc. É construído com suas próprias palavras, sendo inadequado a cópia por se tratar de “plá

gio”. Deve conter, no máximo, dois parágrafos longos e bem construídos.

OBS.: Nessa matéria, iremos tratar desse modelo de resumo, mas fique ciente da existência de um outro modelo, que no caso é o resumo de artigo acadêmico, que irei tratar em outro texto. Este, usualmente, fica no início do artigo e serve para indicar o que será abordado no trabalho.

Como fazer um bom resumo?

Primeiramente, desdobre-se sobre o conteúdo que você irá resumir. Se for um livro, por exemplo, leia-o todo e marque as partes principais, pois estas irão lhe guiar durante a escrita do seu texto. Em seguida, busque escrever o primeiro parágrafo atentando sempre para uma introdução daquilo de que se está falando, de modo que possa ajudar na compreensão do leitor que terá acesso ao seu trabalho. Nesse mesmo parágrafo, foque as ideias centrais, para que no segundo parágrafo seja possível concluir o texto adequadamente.

O que devo evitar na hora de fazer um resumo escolar?

Tente evitar o uso de expressões repetitivas. Uma dica é substituir os mesmos termos por advérbios de tempo, intensidade, conclusão… Eles tornam a leitura muito mais fluída e agradável, além de ortograficamente ser mais adequado.

O que não posso esquecer na hora de fazer um resumo

Em especial, não podemos esquecer duas coisas na hora de fazer um resumo:

Não esqueça das referências no resumo

É sempre válido lembrar que todo trabalho acadêmico deve vir acompanhado de referências bibliográficas. A Universidade costuma seguir o princípio de Lavoisier: “Nada se perde, nada se cria, tudo se transforma (…)”, ou seja, seu trabalho pode ter sido inteiramente criado por você, mas sem referencial bibliográfico ele perde totalmente a credibilidade. Por isso, atente-se para inserir as referências de todo material utilizado ao final do texto.

O resumo precisa das palavras-chave!

Sim, elas são importantes! Existe um modelo de resumo que é inserido no início de artigos acadêmicos. É a síntese de toda a sua pesquisa, funcionando mais ou menos como uma introdução para a leitura que está por vir. Nesse modelo, é obrigatória a inserção de palavras-chave, pois elas vão guiar o leitor acerca do que é tratado no seu trabalho. Foque nas ideias principais do texto.

Dicas de como fazer um resumo

  1. Antes de começar a escrever o resumo, coloque no papel toda a informação que você tiver sobre o conteúdo. Não importa se está em ordem ou não. Dessa maneira, quando for o momento de escrever, você irá saber por onde começar e o que deve incluir ou não.
  2. Visto que é necessário dedicar um tempo à leitura antes de começar a escrever qualquer coisa, aqui vai uma ferramenta muito útil para quem facilmente se distrai e perde a concentração: o post-it. Coloque o post-it em trechos importantes que não devem ser esquecidos e anote nele a ideia central de cada um. Fica muito mais fácil!
  3. Um estudo recente indica que o uso de cores no momento do estudo é útil para memorização. Então, na hora de destacar as partes principais, experimente utilizar canetas com cores diferentes. Isso auxilia na visualização e no momento da escrita será mais fluído e menos complicado.

Vídeo sobre como fazer um resumo TOP

Gostou? Para complementar as informações acima, trouxemos um vídeo que nos ensina passo a passo a construção de um resumo.

FIM

E chegamos ao fim de mais um Como se faz. Espero realmente ter ajudado você a construir seu resumo. Em breve vou fazer um guia de como fazer um resumo para artigo acadêmico e postar aqui, pode esperar.

Enquanto isso me siga no twitter e no facebook e também veja outro de nossos posts dessa tag chamada como se faz:

https://demonstre.com/como-se-faz-uma-redacao/

E é isso. Até a próxima! o/

O que é Depressão

Você sabe o que é Depressão? Começamos uma nova série com uma responsabilidade fora do comum, que é a apresentar e conceituar dúvidas constantes no dia a dia escolar e cotidiano do aluno e professor.

De acordo com a Organização Mundial da Saúde(OMS), a Depressão é considerada o mal/doença do século, seguida da ansiedade. Entretanto, essa doença não é exclusividade deste século, tendo habitado e sobrevivido épocas anteriores, onde os conhecimentos sobre a depressão ainda eram bem escassos.

O que é Depressão ?

depressão

Porém, mesmo com milhares de pesquisas relacionadas a esse tema, a depressão ainda continua sendo uma incógnita para a maioria da população. Em sua maioria, o desconhecimento em massa dessa doença e de suas consequências estão relacionados ao silêncio em volta da depressão. Considerada tabu, a depressão é um assunto evitado há séculos, em rodas de conversa entre amigos, no meio familiar e até nas escolas. Mas se engana quem acha que o melhor método de evitar e “curar” a depressão é evitar falar sobre ela.

Desde O Sofrimento do Jovem Werther até a série 13 Reasons Why, perpassando por programas de tv, como o Encontro com Fátima. Gradativamente, a mídia tem aberto um canal de comunicação e debate sobre a depressão . Dessa forma, podemos entender a depressão como a perda de interesse e prazer pela vida causando desde angústia, fraqueza, cansaço, irritabilidade, baixo autoestima, insônia, procrastinação, mudança de postura até sua consequência extrema, o suicídio. Além disso, é interessante notar que essa doença possui variadas causas, atingindo pessoas de qualquer idade e desequilibrando neurotransmissores. Dessa forma, é imprescindível iniciar um debate sobre o tema em outros ambientes, como nas escolas, para transformar o pensamento coletivo sobre a depressão.

O que é Depressão e sua Relação com o ambiente escolar

gestao-escolar-participativa-os-alunos-como-parte-das-decisoes-2397206-5451374

O ambiente escolar está repleto de diversidade,e é preciso que os alunos juntamente ao professor desenvolvam melhor este ponto da formação, visto que a maioria dos alunos não conseguem lidar com o outro e suas especificidades de forma harmônica. Visto que a depressão é uma doença silenciosa e que pode comprometer outros) âmbitos de cada indivíduo, como a esfera cognitiva( no que se refere a concentração, a esfera afetiva, poderá modificar a relação entre os alunos e o aluno com depressão.

Entretanto, isso não significa que o aluno com depressão precise de um ensino diferenciado. Certamente, esse aluno precisará de uma maior compreensão da turma acerca de sua situação, de saberem como lidar e interagir com ele para que possa torna o ambiente mais agradável para esse aluno.

https://facebook.com/quebrandootabu/videos/1779562102100169/

O que é Depressão: Pontos Positivos e Negativos

feedback-negativo-e-positivo-1-2864712-6100705

Pontos Positivos sobre tratar o que é Depressão em sala de aula

  • Desmistificar o tema;
  • Entender sobre a doença;
  • Saber identificar os sinais da doença,

Pontos Negativos sobre a questão da Depressão em sala de aula

O despreparo do corpo docente em lidar com o assunto pode ser um empecilho na hora de falar sobre a depressão. Dessa forma, faz-se necessário capacitar esses professores para saber falar sobre o tema mas principalmente para saber ouvir. A instituição poderia desenvolver, juntamente ao (a) psicologo(a) da escola, um curso para capacitar esses professores.

Proposta de aula para trabalhar o que é Depressão em sala:

Tema: O que é Depressão

Objetivos sobre a aula O que é Depressão

Objetivos Gerais:

Entender melhor o que é a depressão desmistificando o seu senso comum.

Objetivos Específicos:

  • Compreender como a depressão se manifesta;
  • Como a depressão pode afetar os indivíduos e suas famílias;
  • Conseguir identificar alguns sintomas da depressão;
  • Saber que existem formas de tratamento;
  • Entender a importância de falar sobre;

Conteúdos para aula sobre depressão

Tirinha sobre percepção de estar deprimido:

sno-7783231-7664785

Texto sobre os mitos da depressão:

https://pt.scribd.com/document/42569643/Desmistificando-a-Depressao

Vídeo sobre a diferença entre o que é depressão e ficar triste:

Proposta de produção textual sobre depressão:

O Projeto Redação sugeriu como tema ainda em 2016 a Depressão, e com isso fez um trabalho muito bacana com podcast e proposta de redação que pode ser trabalhado com nossos estudantes:

Link para proposta: https://s3-sa-east-1.amazonaws.com/projetoredacao/temas/2016_10_03_tema_da_semana_depressao.pdf

Metodologia para aula sobre o que é depressão:

Através da mediação do professor (e com um especialista da área, um psicologo), os alunos podem debater inicialmente, após a leitura da charge, sobre o que eles consideram ser depressão, o que eles consideram estar deprimidos, e se estar deprimido é o mesmo que estar triste, e se eles já se sentiram muito tristes. Em seguida, o Vídeo é mostrado. Depois, o professor ou o psicologo podem debater algumas características da doença, falar sobre os sintomas, formas de tratamento, sobre a importancia de falar sobre, e o porque dessa doença continuar tão atual.

Sugestão de avaliação para o tema o que é depressão

Propor uma redação sobre o tema: A questão da depressão e os impactos na sociedade, de acordo com o tema de redação https://projetoredacao.com.br/temas-de-redacao/a-questao-da-depressao-e-seus-impactos-na-sociedade/

Referências Básicas:

FIM

Esse é o meu primeiro texto sobre o tema. Prometo no próximo me aprofundar na temática trazendo para vocês os tipos de depressão.

Falar sobre o assunto é algo sério e precisamos comprar essa briga de frente!

Como fazer fichamento

Logo no início de qualquer curso na faculdade, é comum você se deparar com a atividade de elaborar o fichamento de um texto, e com isso vem a dúvida de Como fazer fichamento.

Como fazer fichamento

Em alguns casos, você irá precisar fichar até mesmo um livro INTEIRO. Por isso, é necessário estar preparado. De imediato, pode parecer complicado, mas hoje daremos algumas dicas para lhe ajudar nesse momento.

Como fazer fichamento

Um fichamento pode ser definido como um método de armazenamento e consulta de informações principais. É uma ferramenta muito útil na hora do estudo, pois muitas vezes nos deparamos com a leitura de textos extensos que demandam um tempo muito grande. Nesse caso, o fichamento diminui o tempo empenhado na leitura por concentrar apenas as ideias principais que o autor pretendia passar.

Como fazer fichamento

Tipos de fichamento – Como fazer fichamento

Vamos conhecer primeiro os três tipos de fichamento que possivelmente você irá ter contato na faculdade.

Como fazer fichamento – Fichamento por citação

É o mais simples de todos, pois consiste no destaque das passagens mais importantes de um texto/livro. Você deve transcrever exatamente como está no texto em questão, atentando para as normas da ABNT na hora de fazer isso. É interessante que os trechos não tenham mais do que três linhas, pois um fichamento desse tipo costuma prezar por passagens curtas e que repassem perfeitamente a ideia central do autor.

fichamento de citacaoimg 9100785 2465112

Como fazer fichamento – Fichamento por resumo

Consiste em uma transcrição resumida da ideia principal do texto. É muito semelhante a um resumo, entretanto, deve-se atentar sempre para manter o trabalho estruturado como uma ficha, visto que esse é o intuito. Você deve escrever com as suas próprias palavras, tendo a possibilidade de incluir algumas citações que lhe ajudem na construção do texto.

fichamento textualimg 2814235 7620448

Como fazer fichamento – Fichamento crítico

Um dos modelos mais interessantes, pois possibilita a inclusão do seu olhar pessoal e crítico acerca do que foi lido. Deve-se inserir os comentários abaixo de cada citação, atentando sempre para o uso das normas ABNT. É muito semelhante a uma resenha crítica, diferenciando-se apenas na transcrição de citações.

Como fazer fichamento – Estrutura

Vejamos abaixo um exemplo de modelo que você pode utilizar para a construção do seu fichamento:

Cabeçalho de um fichamento – Como fazer fichamento

Ex.: ARAÚJO, Francisco de Assis Noberto Galdino de. Regras gerais de apresentação. In.: FREITAS NETA, Antonia de.; ARAÚJO, Francisco de Assis Noberto Galdino de. Manual de estruturação de um trabalho acadêmico: de acordo com a norma da ABNT NBR-14724/2006. Natal: UFRN, 2010. p. 15-16.

Deve ser feito com base nas normas de referência bibliográfica estipuladas pela ABNT. Coloca-se como cabeçalho no texto, sem o uso da palavra “Fichamento”. Inclua todas as informações do que texto que será utilizado no trabalho, inclusive as páginas, como indicado no exemplo acima.

Indicação do Assunto em um fichamento – Como fazer fichamento

Indica o tema principal do trabalho. Por exemplo, se o texto refere-se a algum assunto voltado à história da antropologia social, deve-se inserir posterior ao cabeçalho “História da Antropologia Social”

Como de faz o Corpo do texto de um fichamento – Como fazer fichamento

Caso o fichamento seja de citação, ele será basicamente assim:

“Uma das primeiras feministas do Brasil, Nísia Floresta Augusta, defendeu a abolição da escravatura, ao lado de propostas como educação e a emancipação da mulher e a instauração da República” (p.30);

Já um fichamento por resumo e crítico difere-se unicamente pela inserção de um texto escrito com suas próprias palavras, ao invés das citações diretas.

Dica: citações com mais de três linhas devem ser justificadas à direita, de acordo com as normas da ABNT.

Como se faz o Referencial bibliográfico de um fichamento – Como fazer fichamento

É obrigatório na maioria dos trabalhos acadêmicos, inclusive para um fichamento. Deverá estar ao final do trabalho com todo o material utilizado no corpo do texto. Nesse caso, se você fizer um fichamento por citação, a referência será a mesma do cabeçalho.

Vídeo explicando como fazer fichamento

Para elucidar todas essas informações, veja abaixo um vídeo do professor Ivan Guedes explicando o que é e como se faz um fichamento:

https://youtu.be/dWMqyP4wEPM

Fim de Como fazer fichamento

Bom, é isso, acho que agora você já tem a teoria para fazer um bom fichamento. Agora é ler os livros e praticar. Boa sorte!

Não deixe de conferir nosso último post na temática de gêneros acadêmicos e nos curtir no facebook e twitter.

https://demonstre.com/como-se-faz-uma-resenha/

Até mais! o/

As fontes que utilizei para montar esse texto:

UNAMA, link: https://unama.br/noticias/fichamento-academico-o-que-e-e-como-fazer

Toda Matéria, link:          https://todamateria.com.br/fichamento/

Modelos fáceis, linkhttps://modelosfaceis.com.br/modelo-de-fichamento-de-citacoes/

Como se faz um Relatório

Olá, hoje o Demonstre pretende mostrar um passo a passo sobre como se faz um relatório genérico, independente da sua finalidade.

como se faz um relatório

Veja então do passo a passo de:

Como se faz um relatório

Primeiramente, pense que você precisará de uma questão específica a nortear o que você irá escrever. Um bom relatório é composto por um objetivo claro.  Junte todas as informações que você tiver sobre o que você deseja escrever e siga as dicas a seguir: 

Como se faz um Relatório: Objetivo

Antes de produzir o seu relatório, reflita sobre o que realmente você deseja escrever. O objetivo tem que estar claro, pois é ele que irá lhe guiar durante a escrita. Seja uma pergunta a ser respondida, um ponto de vista ou um debate… Mantenha sempre o foco no que você deseja alcançar com o relatório.

Como se faz um Relatório: Anotações

Para a produção de um relatório, você terá que fazer algumas leituras antes, pois estas irão servir de base para sua escrita. Procure fazer o máximo de anotações possíveis sobre o conteúdo das suas leituras, já que durante a escrita do relatório você provavelmente irá fazer referência a estas.

Como se faz um Relatório: Temas

Durante a leitura-base, preste atenção na ideia central que cada uma busca repassar. Assim, você poderá, inclusive, alterar o foco da sua escrita para algo mais elaborado e calcado em conhecimento teórico.

Como se faz um Relatório: Esboço

Para qualquer tipo de escrita, é recomendável que antes o autor produza um esboço. Basta escrever tudo aquilo que você tem registrado na sua memória sobre o assunto. Não se preocupe em organizar suas ideias agora, pois posteriormente, o esboço irá lhe ajudar nisso. Atente para as informações que você adquiriu com as leituras e selecione o que é relevante para o seu relatório.

 Como se faz um Relatório: Organização de ideias

Agora é a hora de organizar seu relatório! Estabeleça uma quantidade de parágrafos que você vai escrever e para cada um, dê uma finalidade. Por exemplo, o primeiro será uma introdução, o segundo começará a abordar a questão central, etc… Apenas tenha cuidado para que os parágrafos estejam conectados entre si, de modo a dar uma certa coerência ao seu texto.

Como se faz um Relatório: Revisão

Após escrever o seu relatório, faça uma leitura deste, buscando aquilo que você pode alterar, ou que deixou de incluir. Aproveite para revisar a ortografia e a coerência das ideias. Temos certeza de que seguindo esse passo a passo você irá produzir um material de qualidade e bom conteúdo.

Vídeo de como se faz um relatório:

     Separamos o vídeo abaixo, onde é explicado cada etapa de produção de um relatório:

Fim

Bom, esse foi o nosso post. Espero do fundo do coração ter te ajudado com essa dúvida.

Se você gostou do post, não deixe de curtir nossa fanpage e me seguir no twitter.

Também não deixe de ver meu último post da coluna: como se faz um currículo:

https://demonstre.com/como-se-faz-um-curriculo/

Tudo de bom e até a próxima.

Como se faz uma Redação

Você sabe como se faz uma redação? Neste post vou te dar o passo a passo para produzir a sua primeira redação de sequência simples:

Como se faz uma redação?

A maior dificuldade para muitos estudantes, sejam estes universitários, ou até mesmo aqueles que estão se preparando para iniciar no mundo acadêmico, é a parte dissertativa.Primeiramente, é necessário compreender que não existe fundamento algum que comprove o mito de que algumas pessoas são mais aptas a escrever melhor do que outras. Ou seja, prepare-se, pois depois desta matéria, você com certeza irá garantir um ótimo desempenho nas suas próximas produções textuais!

como se faz uma redação

O primeiro passo para escrever um bom texto é estruturá-lo de maneira adequada. Comece escrevendo suas ideias em um papel, sem necessariamente seguir uma ordem. Em seguida, organize de maneira que haja um parágrafo para Introdução, Desenvolvimento e Conclusão. A seguir, iremos mostrar como fazer cada etapa da sua redação corretamente.

 Como se faz uma redação: Introdução

Na Introdução, você irá direcionar o texto de maneira sintetizada para o que se deseja falar. Se você busca produzir um bom texto, tente não ser tão conciso, deixando alguma abertura para o detalhamento do conteúdo. Como no exemplo a seguir de um texto que trata sobre Cultura e Personalidade, na antropologia:

“No texto de Ruth Benedict, “Considerações sobre a antropologia na américa do norte”, a professora de antropologia apresenta considerações importantes acerca da construção do trabalho antropológico de campo, atentando para a especificidade das comunidades estudadas.”

 Como se faz uma redação: Desenvolvimento

A segunda etapa no processo de construção de uma redação é justamente a que corresponde a um especificação do assunto tratado. É necessário que você se aprofunde no tema, pelo menos o suficiente para que possa preencher a redação com informações úteis e que se relacionem harmonicamente, de modo a não tornar a leitura extremamente cansativa. Procure não repetir palavras/termos já usados anteriormente. Uma dica valiosa é utilizar os dicionários de sinônimos disponíveis na internet. Basta buscar pelo termo em qualquer mecanismo de busca e logo você encontrará uma infinidade de expressões que substituiriam perfeitamente o uso daquela palavra já mencionada antes no corpo do texto. É interessante, também, mostrar que você possui senso crítico acerca do que está escrevendo, então busque diferentes pontos de vista acerca de um mesmo tema e insira-os na redação. Desse modo, as chances de ser bem sucedido são bem maiores.

 Como se faz uma redação: Conclusão

Essa, talvez, é a etapa mais complicada, já que não pode ser muito longa e tampouco repetitiva. Reúna todas as informações expostas no decorrer da redação e faça um resumo das principais ideias, seguido de uma conclusão. Para que isso fique mais esclarecedor, temos abaixo um exemplo do mesmo texto usado anteriormente:

“Por isso, é importante o recorte de gênero e a leitura de cientistas mulheres – e aqui principalmente no que concerne a estudos antropológicos – pois estas fizeram grandes trabalhos e deram ótimas contribuições para temas que hoje tomamos como essenciais. Dessa maneira, também incentivamos as mulheres que estão trilhando o seu caminho na antropologia, para que possam se sentir representadas e se espelhem no trabalho de outras que há anos lutam pelo seu espaço e pela valorização de seu trabalho intelectual nas ciências.”

O uso de advérbios de conclusão nessa etapa da redação é uma dica muito eficaz, pois diminui as chances de construção de um texto repetitivo. Concluído o texto, procure revisá-lo para não correr o risco de ter esquecido uma vírgula aqui, ou um ponto… Eles fazem muita diferença, acredite! Aproveitando a ocasião, aqui vai uma dica sobre pontuação: quando não souber onde colocar uma vírgula, tenha preferência por não pontuar. Às vezes, uma vírgula no lugar errado pode comprometer todo o seu trabalho.

Como se faz uma redação: Vídeo no Youtube

    Para um esclarecimento melhor sobre todas essas questões, aqui vai um vídeo interessante sobre o assunto:

FIM

E chegamos ao fim de mais um post aqui no Demonstre. Espero de coração ter te ajudado a resolver esse impasse e conquistado a habilidade de produzir uma redação.

Não deixe de nos adicionar no facebook e twitter.

Também veja nosso último post da coluna de gêneros acadêmicos e curiosidades que estou trabalhando aqui no blog:

https://demonstre.com/como-fazer-uma-avaliacao-por-observacao/

Agora é praticar, vai lá!

Como se faz uma Resenha

Olá, pessoal, vocês sabem como se faz uma resenha?l! O Demonstre, hoje, vai falar sobre um gênero literário muito popular no meio acadêmico: A Resenha Crítica. Parece complicado, mas nos propusemos a mostrar como fazer um modelo simples de resenha crítica.     Esse gênero literário pode ser bastante atrativo para aqueles que desejam conhecer um pouco mais acerca de filmes, livros, discos de músicas, etc.

Como se faz uma Resenha

Para isso, é interessante que o escritor  tenha um contato prévio, porém denso, com o que será resenhado. Dessa forma, a resenha será desenvolvida  mais detalhada, aproximando o leitor com o objeto de maneira crítica. Além disso, é importante que o escritor domine a “estética” da resenha.

Dessa forma, para a produção de uma resenha crítica, é aconselhável que o escritor siga algumas etapas. Vejamos a seguir um exemplo de resenha crítica:

(OBS.: É válido lembrar que cada parágrafo da resenha crítica corresponde a um setor do objeto resenhado. Por exemplo, se a resenha for de um livro que contém 10 capítulos, cada parágrafo da resenha corresponderá a um capítulo.

Como se faz uma resenha: Introdução

Ex.: “O livro é constituído de duas partes, cada uma delas sob a responsabilidade de um autor, traduzindo sua experiência e fundamentação sobre o método científico, em abordagens que se complementam.

Na primeira parte, GEWANDSZNAJDER discute, em quatro capítulos, o método nas ciências naturais, apresentando conceitos básicos como o da lei, teoria e teste controlado.”

Essa etapa, constituída de, no máximo, dois parágrafos, vai servir de base para todo o restante do texto. Nela, o autor faz uma breve explanação daquilo que deseja resenhar.  É interessante que, pelo menos nesse momento do texto, escreva-se de maneira impessoal, atentando para uma descrição do objeto de resenha.

Para isso, o escritor pode descrever características físicas do objeto, como quantidade de capítulos, número de faixas de um disco, etc, além de introduzir o contexto de produção do objeto e resumi-lo.

Como se faz uma resenha: Desenvolvimento

Nessa etapa da escrita, o autor irá abordar cada capítulo separadamente, ficando a seu critério a inclusão de sua perspectiva pessoal. Vejamos um exemplo:

“No capitulo inicial há uma visão geral do método nas ciências naturais e um alerta sobre a não concordância completa entre filósofos da ciência sobre as características do método científico. Muitos concordam que há um método para testar criticamente e selecionar as melhores hipóteses e teorias. Entretanto, penso que (…)”.

“O segundo capítulo trata dos pressupostos filosóficos do método científico, destacando as características do positivismo lógico, segundo o qual o conhecimento factual ou empírico deve ser obtido a partir da observação (…)”.

Como se faz uma resenha: Conclusão

     Aqui, é obrigatório que o autor estabeleça um contraponto acerca do que está falando. É nesse momento que ele irá reunir sua percepção pessoal e crítica ao senso comum e, possivelmente, apontar os pontos positivos e negativos, atentando sempre para o público que se deseja alcançar. Um escritor acadêmico pode produzir a resenha crítica de um livro para obter nota na faculdade, ou um escritor de blogs pretende informar seus leitores acerca de um filme, um disco novo, etc… Ainda utilizando como exemplo a resenha crítica de um livro, a conclusão seria basicamente assim:

“A obra fornece subsídios à nossa pesquisa científica, à medida que trata dos principais autores/protagonistas da discussão/construção do método cientifico na história mais recente, reportando-se a esclarecimentos mais distantes sempre que necessário.”   

Para explicar melhor as etapas informadas até aqui, veja o vídeo a seguir do Prof Rafael Cabral:

Exercícios para fixar como se faz uma resenha

Responda as três questões a seguir, sem consultar as respostas.

1 – Quantos parágrafos é aconselhável que a Introdução de uma resenha crítica tenha?

(a) 3 parágrafos escritos de maneira bem resumida

(b) 1 parágrafo com 20 linhas

(c) 2 parágrafos concisos, que instiguem a leitura da resenha crítica

2 – No Desenvolvimento de uma resenha, qual característica é opcional incluir?

(a) Uma descrição física do objeto a ser resenhado

(b) O senso crítico e a perspectiva pessoal do escritor

(c) A referência bibliográfica do objeto resenhado

3 – Quais os elementos mais importantes a incluir na Conclusão de uma resenha crítica?

(a) O autor deve unir sua percepção pessoal aos pontos positivos e negativos observados através de sua experiência com o objeto resenhado e estabelecer uma conclusão

(b) Os elementos mais importantes em uma Conclusão são os advérbios de conclusão

(c) A referência detalhada ao que está sendo resenhado é essencial para concluir o trabalho

Respostas

1 – c, 2 – b, 3 – a.

________________________________________________________________________

Fonte

Lendo.org, link: https://lendo.org/como-fazer-uma-resenha/

Ebah, link: https://ebah.com.br/content/ABAAABHfsAA/como-fazer-resenha-critica

Exemplo de resenha crítica, UESC: https://nead.uesc.br/arquivos/Biologia/modulo_7_bloco_1/estagio_supervisionado/material_apoio/elemebros_resenha_critica.pdf

Demonstre Atividades

Demonstre Atividades é um Portal Educacional focado em conteúdo e atividades para professores.

Demonstre Atividades - 2020 | Desenvolvido por Nixem Dev