A casa no lago filme (2006)

Este “A Casa do Lago filme” é inspirado no filme coreano “Siworae”, marcando o reencontro de Sandra Bullock e Keanu Reeves no cinema, apenas doze anos após o lançamento do single superpopular “Maximum” em 1994. Pode Pode-se dizer com certeza que este é um novo trabalho deles, um filme, uma daquelas histórias de amor choroso e sério, que raramente é feito em Hollywood.

A casa no lago filme (2006)
A casa no lago filme (2006)

Esta não é uma comédia romântica boba que passa nos cinemas quase todas as semanas, mas uma comédia romântica em forma original e clássica, acompanhada por uma escolta, comprou um maço de alto-falantes populares na entrada, e claro não se esqueça do bolso lenço.

A casa no lago filme

Block é Kate Foster, ela é uma médica recém-formada, depois de alguns anos morando à beira do lago, mudou-se para um hospital em uma cidade grande. Reeves é Alex Wyler. Ele é um arquiteto talentoso. Seu pai está com problemas e é o novo dono da casa.

Pelas cartas deixadas na caixa de correio local, os dois começaram a se conhecer e a se manter em contato, até que surgiu um interesse comum, incapaz de dar um detalhe simples: ele viveu em 2004 e ela foi em 2006.

Preciso calcular a distância espaço-temporal entre os dois métodos, sem deixar que essa situação pareça ridícula ou impossível (embora seja o caso), o diretor Alejandro Agristi em seu primeiro inglês.

A casa no lago filme (2006)
A casa no lago filme (2006)

A casa no lago filme fez um trabalho preciso e comovente: o filme é apenas uma história de amor entre os dois, este filme aproveita para discutir questões do cotidiano comum a qualquer pessoa através do excelente roteiro de David Auburn.

O filme de repente sucumbiu a esse clichê e fez a diferença: Ao contrário do famoso romance impossível, Kate e Alex podem ficar juntos, desde que um deles saiba como superar o intervalo de dois anos que os separava.

A casa no lago filme – Desenvolvimento do enredo

É legal porque já começamos a apoiar os dois, embora saibamos que uma rotina tão simples poderia impedir uma reunião inicialmente marcada com dois anos de antecedência.

É um filme que faz as pessoas chorarem, mas quando conta a história, não acha que o público é burro, e tem a estrutura clássica de toda tragédia, e ousa ser diferente, por isso tem coragem de ‘ser menos tradicional em estética. E preencha-o com eficiência.

A casa no lago filme (2006)
A casa no lago filme (2006)

Mesmo aos quarenta anos, Brock ainda manteve sua incrível beleza e de forma convincente tornou o personagem alguns anos mais jovem. Mesmo o discurso claro de Reeves raramente é glorioso aqui. O filme de todos os atores Qualquer progresso, parece que está ficando tarde.

Christopher Plummer ainda não tem muito espaço no elenco, o que é uma pena, mas sua aparição na tela é um fator muito importante para aumentar o sentido artístico da obra, pois ele estará se mostrando em pouco tempo. obras e seu pai são diferentes no processo de criação, a amargura de Alex.

A casa no lago filme – Além da fotografia

Tem uma cena densa e é um romance de luto e muito bem filmado (bela fotografia por Alar Kivilo). Em suma, esse romance pode ser visto junto e pode aparecer no filme.

Historicamente, isso não se deve apenas à falta de competição pelo gênero de lançar um grande filme todos os anos, mas as vantagens discutidas acima dão a ele suas próprias vantagens para hospedar um maravilhoso filme romântico. Basta acompanhar as deliciosas histórias que vão acontecendo e ficar feliz com o tempo que o roteiro leva durante a leitura.

Se o protagonista tem um problema mais sério, diz-se que em algumas cenas o diretor espera unir os dois personagens e colocá-los no mesmo plano, o que envolve dois anos de tempo, mas o diálogo é considerado como se não existisse.

A casa no lago filme – Considerações Finais

Por exemplo, vimos Kate e Alex conversando na enfermaria do hospital, aparentemente escrevendo cartas, mas parecia que eles estavam lá, sentados e conversando. Isso é ruim porque elimina quase completamente o efeito do final onde os dois realmente se fundiram.

Você os viu juntos, então vê-los aqui não é tão estranho, esse é o maior erro de toda a função.

No entanto, a coragem de fazer um filme é triste e trágica, mas o final é agradável e não resolvido. Isso é vantajoso, pois os romances de hoje são populares e quase sempre atraem tragédias. No final da reunião, ela raramente aparecia com um sorriso de cinema. E esta A Casa do Lago alcançou beleza, beleza, alegria, tristeza e extraordinária ao mesmo tempo.

Perguntas frequentes com relação ao filme, abaixo.

O que acontece no filme A casa no lago?

Uma médica solitária vai morar numa linda casa na beira de um lago, apaixona-se por um arquiteto frustrado, que troca de bilhetes com ela pela caixa de correio da casa onde ela mora. Quando eles descobrem que estão vivendo no mesmo dia, mas com dois anos de diferença, eles resolvem desafiar o tempo e tentam descobrir qual é o mistério atrás do incrível romance deles.

Quem dirigiu o filme a casa no lago?

O Filme a casa no lago foi dirigido por Alejandro Agresti

Quem são todos os responsáveis pela produção do filme a casa no lago?

Alejandro Agresti com Keanu Reeves, Sandra Bullock, Christopher Plummer, Ebon Moss.

Quando foi gravado o filme A casa no lago?

O Filme a casa no lago foi gravado e lançado em 2006

Qual a avaliação do filme A casa no lago?

91% das pessoas que assistiram gostaram e recomendam esse filme

Espero que tenha tirado boas ideias de A casa no lago filme, sempre estou trazendo resenhas, resumos e análises interessantes sobre filmes badalados ou até mesmo sobre filmes nacionais que merecem mais atenção.

Gostou do post sobre A casa no lago filme (2006)

Gostou? Compartilhe!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Conteúdo Relacionado

Este é um site do grupo B20