Auto da Compadecida é uma comédia teatral brasileira lançada em 2000, dirigida por Guel Arraes, escrita por Adriana Falcão, João Falcão e o próprio diretor. O filme é adaptado de Auto da Compadecida de Ariano Suassuna em 1955, e do mesmo autor com elementos de O Santo e a Porca e Torturas de um Coração, e a influência das obras clássicas de Giovanni Boccaccio Decameron.

O Auto da Compadecida 2000 - História e Análise
O Auto da Compadecida 2000 – História e Análise

No Grande Prêmio Cinema Brasil do Festival de Cinema do Ministério da Cultura, o filme ganhou os prêmios de Melhor Diretor, Melhor Roteiro, Melhor Lançamento e Melhor Ator. Este é o filme brasileiro de maior bilheteria em 2000, atraindo mais de 2 milhões de espectadores.

O Auto da Compadecida – História e Análise

Obra coproduzida pela Globo Filmes e Lereby Produções, foi filmada em Cabaceiras, no estado da Paraíba, em 1999. É palco de vários outros filmes brasileiros.

Estreou no Brasil em 15 de setembro de 2000, e foi exibido em cinemas e mídia de outros países. Nos Estados Unidos, o filme foi renomeado para “Testamento de um cachorro”. Na maioria dos países da América do Sul, foi bem recebido.

Enredo

No início da década de 1930, Chicó e João Grilo, dois pobres que moravam perto da cidade de Taperoá ns Paraíba, conseguiram emprego em uma padaria da cidade.O padeiro Eurico e sua esposa Dora Minta para ele.

Os patrões gostam mais de cachorros de estimação do que de seus empregados, dão comida estragada para Chicó e João Grilo e dão bifes de manteiga para seus cachorros, o que deixava João insatisfeito.

A morte da cadela

Depois que o cachorro morreu, Dora pediu a João Grilo e Chicó que pedissem ao padre da cidade que abençoasse seu cachorro antes do funeral. O padre discordou, João Grilo era esperto e astuto, alegando que a cachorra era do terrível Major Antônio Morais, e o padre aceitou.

Para que o padre usasse o latim no funeral, João Grilo também disse que a cadela era uma cristã devota e deixou dez vontades de Conto para a igreja.

O padre finalmente fez um funeral para a cachorra. Quando todos voltaram para a igreja, descobriram que o bispo estava muito chateado. Quando soube que a cachorra havia deixado suas sete contos de réis a paróquia, e três para igreja.

Chicó e Rosinha

Chicó apaixonou-se pela filha do Major Antônio Morais em Rosinha, e eles trabalharam com João Grilo para traçar um plano para obter a autorização de autorização do major. Em um de seus planos, Chicó deveria parecer corajoso diante de todos, eles encontraram o cangaceiro Severino, que fez seu subordinado “Cabra” matar o padre, o bispo e Eurico e Dora.

Morte de João Grilo

Por sua vez, João Grilo e Chicó, enganaram Severino com a chamada gaita mágica, que ressuscitou os mortos, e Severino era um crente. Ele vai visitar o Padre Cícero, o devoto, e depois voltar, pedindo aos capangas que o matem. Cabra viu que seu chefe não voltou nem mesmo depois de tocar gaita, então ele matou João Grilo e Chicó escapou.

O julgamento final

João Grilo, Eurico, Dora, Severino, padres e bispos reuniram-se no céu para fazer o julgamento final. Depois de intensas discussões com o diabo, se João Grilo ganhou a presença da Virgem e deu uma dica ao filho Jesus Cristo: mande Severino diretamente para o céu porque ele não é responsável por seus atos

O Auto da Compadecida 2000 - História e Análise
O Auto da Compadecida 2000 – História e Análise

E enviou Eurico, Dora, pastor e bispo ao purgatório, porque todos eles redimiram seus pecados quando morreram (Dora certa vez pediu a Eurico que perdoasse sua traição, ele a perdoou, e o padre e o bispo a perdoaram. ), e João Grilo volta à terra.

A volta de João grilo na terra

Depois que João Grilo ressuscitou, ele descobriu que Chicó havia enterrado seu corpo na árida região do interior. Continuaram a deixar Chico casar com Rosinha como planejado, mas quando o pai da menina descobriu que Chico não era rico como dizia antes, falhou e se preparou para “Arrancar uma tira de couro”.

O Auto da Compadecida 2000 - História e Análise
O Auto da Compadecida 2000 – História e Análise

No entanto, Rosinha e João Grilo salvaram Chicó. Ele disse que o contrato anterior entre Antônio Morais e Chicó não dizia que uma gota de sangue deveria ser pingada do couro de Chicó. Chicó e Rosinha fugiram com João Grilo, irritando Morais.

Parte final do filme

No caminho, após a fuga, Chicó, João Grilo e Rosinha encontraram um pobre andarilho negro, semelhante a Jesus Cristo, que perambulava por uma área remota, pedindo-lhes que trouxessem comida Rosinha separou um pedaço de pão e trouxe para o homem, que agradeceu e saiu.

Rosinha concluiu que Jesus “pode se disfarçar de mendigo pra testar a bondade do homem”, e Chicó afirmou ter conhecido um homem que viu o Jesus escuro de um andarilho e partiram na estrada enquanto João Grilo brincava alegremente pelo caminho Sua gaita.

Perguntas frequentes

O que quer dizer o Auto da Compadecida?

Auto é uma representação teatral, geralmente de alguma passagem bíblica. Portanto, quando se diz Auto de Natal, refere-se à encenação do nascimento de Cristo. No caso de Auto da Compadecida, trata-se de representação envolvendo Nossa Senhora, que se compadece (solidariza) dos sofrimentos dos humanos.

Em que ano se passa o filme O Auto da Compadecida?

Auto da Compadecida é uma peça teatral em forma de auto, em três atos, escrita pelo autor brasileiro Ariano Suassuna em 1955. Sua primeira encenação aconteceu em 1956, no Recife, em Pernambuco. A peça também foi encenada em 1974, com direção de João Cândido.

Onde assistir o Auto da Compadecida?

Você pode assistir “O Auto da Compadecida” legalmente no Apple iTunes, Microsoft Store para comprar o Download ou no Apple iTunes, Microsoft Store alugando online.

O que o filme O Auto da Compadecida retrata?

O filme é uma adaptação do livro “Auto da Compadecida” de Ariano Suassuna. Suassuna buscou nessa peça teatral retratar a região em que nasceu e sua cultura. … A peça escrita em 1955, contém elementos cômicos, porém trágicos ao retratar o contexto geográfico nordestino.

Em que cidade se passa toda a história?

O filme foi filmado na cidade de Cabaceiras, interior do estado da Paraíba.

Espero ter ajudado e que tenha gostado

Gostou do post sobre O Auto da Compadecida 2000 – História e Análise

Gostou? Compartilhe