Terminal Praia Grande – O Filme (2019)

O Terminal Praia Grande (2019) é regido por reconhecidas dinâmicas artificiais. A longa dança de Catarina (Áurea Maranhão) em frente ao telefone seduz o interlocutor. Parece brincadeira, pois não conhecemos a personalidade do protagonista. Mulheres em vestidos brancos percorreram um longo caminho pelas ruas de St. Louis, o que também despertou surpresa.

Terminal Praia Grande  - O Filme (2019)
Terminal Praia Grande – O Filme (2019)

O nível de ressaca do personagem aumentou para um nono, formando um corpo desconstruído que é mais fácil de dançar do que um passo natural. No caminho, ele encontrou alguns robôs que moviam pessoas ou suas costas estavam estranhamente dobradas para trás.

Ao passar por Francesco (Rafael Lozano), que havia se relacionado com ele, os dois se viram em exatamente um terço da foto, simétricos e frente a frente ao mesmo tempo, falando em dúvida.

Mais tarde, a jovem voltou para casa, tomou banho no banheiro repleto de plantas e encontrou caranguejos andando sobre os restos da festa. O realizador Mavi Simão utilizou quase todos os elementos que podem ser considerados desligados da realidade.

Terminal Praia Grande – Enredo

A história inclui um aceno para a imaginação coletiva dos filmes de fantasia. Há relâmpagos de mulheres mortas, corvos correndo, pessoas assustadoras e um motorista assustador na rua. No entanto, esses elementos nunca estiveram realmente ligados à história até a revelação final, um tanto repentina e previsível.

A breve jornada para a fantasia é como um pesadelo ou o sonho de um personagem. Katarina disse em um dos raros diálogos do filme: “Há um poder que me puxa para algum lugar, mas não sei onde devo morrer.” No sentido de envolver um elemento de transcendência que nunca foi realmente realizado, a frase é explicativa e obscura.

Terminal Praia Grande  - O Filme (2019)
Terminal Praia Grande – O Filme (2019)

O Flash nos prepara para a conclusão inesperada, mas em termos de tom e atmosfera, não faz o personagem chegar a esse ponto. De certa forma parece uma intervenção editorial em uma história que não combina com a linguagem, sem contaminar a realidade com coisas sobrenaturais.

O elemento surpreendente se parece com uma mesa toda branca, tirada com um longo disco de borracha ou um ornamento com dezenas de garrafas de licor cuidadosamente colocadas ao lado da piscina. É decorativo e suas características exageradas o tornam compatível com Cartoon Borders.

Terminal Praia Grande – Desenvolvimento

Sem provocar conflito ou aprofundar a linguagem do horror, deixaram inúmeras sequências de contemplação e ficaram muito satisfeitos com a satisfação que não eram obrigados a produzir.

A longa cena de Catarina puxando o vaso para fora do vaso, o replay repetido de danças gravadas no telefone e a sequência de volta para a festa e a piscina soavam como esticar o enredo altamente detalhado ao mínimo da categoria de longa-metragem. atalho. Se você redefinir esses retornos e trazer novos insights e novas informações, eles se tornarão motivadores na aparência.

Terminal Praia Grande  - O Filme (2019)
Terminal Praia Grande – O Filme (2019)

Agora, essa repetição priva o público de qualquer notícia. A satisfação com narrativas etéreas e a evitação de papéis podem ser interpretadas como vaidade retórica, como quando a liberdade criativa é entendida como o direito de fazer o que quiser a qualquer momento, irresponsável com qualquer pessoa.

Na relação com o espectador, na construção de personagens que pouco importam para a trama, há uma certa forma de indiferença e rebeldia (alguém notou quando Francisco desapareceu da festa?), De ficar feliz em expandir. Expanda a cena.

Filmes de sexo sempre foram construídos como uma linguagem sensorial e sensorial. No entanto, aqui, os gerentes procuram anormalidades por meio da anestesia.

Terminal Praia Grande – Análise Final

Talvez este seja um conceito estranho por trás do Terminal Praia Grande: o cruzamento de cenas medíocres do cotidiano e entradas típicas de filmes de terror sem forçá-los a se comunicar. Nessa hipótese, o filme constituirá o uso de ferramentas terroristas para buscar meios de evitar sua influência.

Seja linguística ou esteticamente, é um trabalho ainda mais curioso do que a solução certa. Parte do tiro de Catarina é o rosto cortado na porta, na frente do nevoeiro da rua ou atrás da garrafa no balcão do bar, o que parece um eufemismo.

Terminal Praia Grande  - O Filme (2019)
Terminal Praia Grande – O Filme (2019)

Ao mesmo tempo, as costas de uma jovem negra estão dobradas, ou cinco amigas viram o rosto, e a imagem voltada para a câmera encontra uma comédia que o filme jamais compreenderá. Apesar de estranho, não há dúvida de que o projeto está funcionando.

Mas qual é o valor de contra a própria natureza como um fim? Quando nos preocupamos com a vida de um personagem em um filme de terror, fazemos isso porque o conhecemos e nos identificamos com ele de uma forma ou de outra. Agora, a trajetória de Katarina parece uma blasfêmia.

Com o objetivo de pesquisar imagens de impacto, abordamos a liberdade fragmentada do vídeo. Pessoas posam em molduras, sobre dimensionadas ou invulgarmente atraentes (vestidos brancos fixados em plantas), sem estabelecer d ‘histórias e palavras para provar isso. A razoabilidade deste conteúdo.

Perguntas relacionadas ao tema:

O que acontece no filme Terminal Praia Grande ?

Ficção 74 min. Catarina decide deixar São Luís para iniciar uma vida desconhecida. Enquanto faz compras para sua festa de despedida, reencontra Francisco, com quem teve uma relação – interrompida em seu auge, quando ele desapareceu, alguns anos antes.

Quando lançou filme Terminal Praia Grande ?

Data de lançamento: 16 de dezembro de 2019

Quem dirigiu o filme Terminal Praia Grande ?

Direção: Mavi Simão

Quantos filmes o Brasil produz por ano?

A produção nacional tem mantido uma média de 90 a 100 filmes de longa-metragem por ano, sendo que nem todos conseguem lançamento comercial.

Qual foi o primeiro filme a chegar no Brasil?

O curta-metragem Os Estranguladores (1908), de Francisco Marzullo e Antônio Leal, é considerado a primeira película de ficção do Brasil. Já o primeiro longa-metragem foi O Crime dos Banhados (1914), dirigido por Francisco Santos.

Espero que tenha tirado boas ideias do post, sempre estou trazendo resenhas, resumos e análises interessantes sobre filmes badalados ou até mesmo sobre filmes nacionais que merecem mais atenção.

Gostou do post sobre Terminal Praia Grande – O Filme (2019)

Continue nos acompanhando e interagindo com a gente, gostaria que comentasse qual filme marcou a sua vida, assim como esse foi marcante para mim! irei trazer mais filmes antigos e também filmes que foram marcantes na épica sessão da tarde.

Sua avaliação e sua interação são de suma importância pra conseguirmos trazer o que é interessante pra você leitor!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Conteúdo Relacionado

Este é um site do grupo B20