Olá pessoal, hoje no Demonstre vamos falar de uma bebida muito importante para a história do Brasil e do mundo. Isso mesmo o assunto de hoje é como fazer café.

Como fazer Café

Desde sua popularização o café tem sido uma das bebidas mais consumidas no mundo, principalmente devido a suas características como estimulante cerebral. Atualmente seu consumo se tornou um hábito para grande parte da população e uma parte quase imprescindível do cotidiano de muita gente.

A origem do café

Segundo especialistas a planta de onde o café é extraído é natural do continente africano. Sua provável origem aponta para as terras altas da Etiópia. Uma das versões populares sobre sua descoberta diz que foi um pastor de cabras etíope o primeiro a encontrar o café. É dito que enquanto pastoreava seu rebanho o homem percebeu que algumas de suas cabras ficavam mais ativas e enérgicas ao comerem os frutos e folhas do cafeeiro. Depois de provar ele mesmo o fruto e perceber suas propriedades ele teria exposto sua descoberta para os monges da região. Aos poucos o café acabou se tornando popular na Etiópia até ser introduzido no mundo árabe.

Foram os árabes os primeiros a criar lavouras de café. A primeira evidência histórica sobre conhecimento do cafeeiro, assim como o café sendo bebido é datado no século XV próximo ao Iêmen. Naquele local os monges Sufi, teriam detalhado em seus manuscritos as propriedades do fruto e os métodos para extrair e torar o mesmo.

O café acabou se tornando extremamente popular junto às populações árabes sendo muito usado por suas propriedades terapêuticas. A ele era creditado capacidades como  favorecer a digestão, alegrar o espírito e afastar o sono. Isso acabou permitindo até que o fruto superasse a resistência inicial por parte de algumas autoridades islâmicas que o viam com desconfiança.

É dito que a palavra café vem do idioma árabe, na qual o fruto era chamado de kahwah ou qah’wa cujo significado original era vinho. Uma dos fatores que ajudaram a popularização do café junto aos árabes foi à lei seca imposta pela religião mulçumana. Ela permitiu que ele se espalhasse rapidamente chegando ao Egito e até a Constantinopla, atual Istambul. Contudo o café acabou sofrendo vários entraves em seu avanço. A bebida foi proibida por repetidas vezes em diferentes lugares aonde era introduzida, em sua maioria devido à desconfiança por parte dos lideres religiosos locais.

O primeiro contato dos europeus com a bebida provavelmente aconteceu na ilha de Malta, onde eles notaram o café sendo consumido por escravos de origem turca que estavam aprisionados ali. Subsequentemente o café chegaria a Veneza onde depois acabaria se espalhando por toda a Europa e depois por todo o mundo.

Segundo os registros históricos o café só chegaria ao Brasil por volta do ano de 1729, sendo primeiramente plantado no estado do Pará. A lenda conta que governador tinha a intenção de participar do comércio internacional do café devido a sua lucratividade. Contudo ele não possuía sementes e os países que tinham eram extremamente cuidadosos com a proteção das suas.

Dessa forma ele teria enviado um de seus homens de confiança para a Guiana Francesa. Lá o oficial teria usado seu charme pessoal para convencer a primeira-dama local e conseguir uma muda de cafeeiro. Evitando assim ter que entrar em conflito para roubar uma dos muito bem guardados cafezais da região.

Fachada do edifício onde funcionava a antiga Bolsa do Café – atualmente Museu do Café em Santos / SP

Por aqui o café viu uma relativa demora em se tornar um produto importante em nossa pauta de exportações. Foi por meio da ação de João Castelo Branco que o café é trazido pela primeira vez para o Sudeste, onde acabaria se tornando um dos principais produtos da região. Durante a década de 1850 o café já era campeão de exportações, tornando o estado de São Paulo, um dos mais ricos do país no inicio do século XX.

Com o passar do tempo o café acabou se tornando uma parte muito importante da história de nosso país. Atualmente o Brasil é o maior produtor de café do mundo, posição que ocupa a 150 anos. Somos responsáveis por cerca de um terço de toda produção mundial. Depois disso tudo que tal aproveitar pra aprender como fazer um café fresquinho e delicioso?

Receita do café – como fazer café

Devido à popularização do café no mundo moderno existem varias formas de beber e preparar esse líquido tão adorado. Seja quente ou gelado, puro ou com açúcar, com leite ou até cremoso com chantilly e chocolate o café é, sem sombra de dúvidas uma das bebidas mais apreciadas pelos brasileiros.

Como existem muitas formas de preparar o café optarei por compartilhar o jeito que eu minha família fazemos. Nesse caso a receita que apresentarei aqui hoje é uma das formas mais comuns de consumir essa bebida no Brasil, aquele clássico e imprescindível café preto quentinho e com um pouquinho de açúcar pra deixar a vida mais alegre e doce.

Ingredientes do café:

  • Três colheres de pó de café
  • 300 ml de água
  • ½ xícara de açúcar

Como fazer café: passo a passo

  1. Coloque uma panela em fogo médio e adicione 300 ml de água.
  2. Adicione o açúcar na água e mexa com uma colher até que ele dissolva.
  3. Coloque o pó de café no filtro.
  4. Quando a água começar a fazer bolhas pequenas desligue o fogo.
  5. Despeje cuidadosamente a água sobre o pó de café.
  6. Espere a água passar pelo pó.
  7. Parabéns este pronto seu café.

Dicas para fazer café:

  • Lembre-se de usar uma água de boa procedência, dando preferencia à filtrada.
  • Muitos dizem que não se deve deixar a água ferver demais ou o café ficará mais amargo, sendo o ponto ideal no instante em que as primeiras bolhas começam a surgir.
  • Existem muitas pessoas que dizem que não se deve acrescentar o açúcar na água durante o processo de fervura, pois isso deixa o café mais doce e muda o ponto de ebulição da água. Contudo fazermos isso aqui em casa porque diminui a quantidade de açúcar no café sem mudar muito o sabor.
  • Quanto ao tipo de filtro eu recomento o de papel pela praticidade. Entretanto caso você prefira usar o filtro de pano pela econômia é só se lembrar de manter ele sempre bem lavado.

Vídeo ensinando como se faz café:

Quer mais dicas pra deixar seu cafezinho ainda mais saboroso? Que tal dar uma olhada no vídeo abaixo pra ver na prática como fazer um delicioso café. Você pode também aprender um pouco sobre como aprimorar ainda mais suas técnicas.

Como o café pode ser usado na escola?

Além de ser uma bebida que faz parte do dia a dia de grande parte da população mundial devido a suas propriedades estimulantes. O café é um dos principais produtos de nosso país sendo parte fundamental de nossa História. No decorrer dos anos o café acabou protagonizando eventos icônicos na história do Brasil, como o chamado Convênio de Taubaté, que deu fim ao ciclo do café. Ele foi responsável por grande parte das transformações econômicas em nosso país. Principalmente durante o começo do século XX.

Esse produto teve participação junto às tensões pelo fim do regime de escravidão no Brasil, já que ela favorecia os lucros dos cafeicultores. O café também influenciou na criação de um tímido processo de industrialização. Além de ocasionar mudanças em alguns ciclos migratórios de estrangeiros que vinham trabalhar nas lavouras. Dito isso é fácil compreender o porquê dá importância do café para nossa história e identidade enquanto brasileiros.

Obrigado por ler o nosso post sobre o café

Por hoje é isso. Muito obrigado prestigiar nosso post sobre o café, espero você aqui no Demonstre para mais posts sobre culinária.

Veja também:

Fontes:

Weinberg, Bennett Alan; Bealer, Bonnie K. (2001). The world of caffeine. Routledge. pp. 3–4