Como adotar um bebê

1

Você sabe como adotar um bebê? ter um filho é um sonho para muitos casais, porém nem todos conseguem realizar esse sonho de maneira tradicional, em alguns casos a gravidez não é possível e em outros casos os futuros pais optam pela adoção como uma forma de ajudar uma criança.

O ato de adotar um bebê é realmente lindo e precisa ser incentivado, mas ainda assim graças a uma onda de burocracia muitas pessoas não sabem realmente qual o procedimento adequado para conseguir adotar legalmente um bebê.

Nesse artigo vamos falar um pouco sobre isso, vamos ensinar o que você precisa e qual o procedimento necessário de como adotar um bebê, assim você vai poder prosseguir com seu processo de adoção sabendo exatamente o que te espera, acredite vale muito a pena. 

Documentação necessária para adotar um bebê

Como adotar um bebê
Como adotar um bebê

Um dos principais pontos na hora de adotar um bebê é que você precisa garantir que sua documentação está toda organizada, assim você não corre riscos de ter o seu pedido de adoção negado e evita perder tempo no processo.

Entre os principais documentos exigidos para quem deseja adotar um bebê temos: 

  • Identidade
  • CPF
  • Requerimento de adoção
  • Certidão de antecedentes criminais
  • Certidão negativa de distribuição cível
  • Atestado de Sanidade
  • Comprovante de residência
  • Comprovante de rendimentos
  • Comprovante de casamento/ certidão de nascimento ( para solteiros) 
  • Fotos dos Requerentes

Além dos documentos listados acima é exigido também um estudo social que vai ser realizado e preenchido por um técnico do juizado da infância e da juventude, o técnico vai ser designado pelo juizado local e o estudo vai ser feito de acordo com uma série de visitas e entrevistas. 

Avaliação antes de adotar um bebê

Conseguir adotar um bebê é algo que exige comprometimento, naturalmente existe uma avaliação para garantir que os candidatos a novos pais e mães sejam adequados para a tarefa, essa avaliação é bastante rigorosa, porém justa e deve ser encarada como uma oportunidade, a avaliação acontece em 2 passos.

  1.  A primeira avaliação é feita por um assistente social, essa avaliação tem como objetivo determinar se a casa onde o bebê deverá morar é um ambiente seguro, além disso ele avalia se todos na casa estão realmente dispostos a receber o bebê e acolher essa criança como parte da família.
  2. A segunda parte da avaliação vai ser feita por um psicólogo, essa parte tem como objetivo entender se os requerentes sejam um casal ou apenas uma pessoa estão mentalmente preparados para lidar com a criança e se estão mesmo fazendo isso pelos motivos certos.

As avaliações têm como principal objetivo proteger o seu bebê e garantir que ele vai ser adotado por uma família que realmente vai ter amor para dar e vai de verdade proteger essa criança.

Quanto tempo leva para adotar um bebê? 

Esse não é um processo que segue um único ritmo, de fato existem muitos fatores que podem alterar a duração do processo de adoção e fazer com que você encontre o seu bebê mais cedo ou tornar o processo mais longo.

Ainda assim o principal fator de aumento de tempo atualmente não é outro se não a diferença de etnias e de idade, é muito comum encontrar requerentes que estão procurando por Bebês por isso o tempo de espera é bem maior, além disso, infelizmente a etnia o bebê também tem uma influência.

É triste que ainda exista tanta resistência entre os futuros pais na hora de adotar um bebê negro, sendo assim é muito mais difícil para as crianças com esta característica serem adorados, da mesma forma isso torna mais longo o processo para quem faz questão de adotar uma criança branca.

Quero aprender mais!

Se você gostou de aprender sobre como adotar um bebê, então não perca a oportunidade de saber mais sobre maternidade, mães e filhos, veja nossa matéria sobre Como parar o soluço do bebê e não perca a chance de aprender ainda mais.