in

Dia da família: cinco atividades para família e escola

Dia da família: cinco atividades para família e escola 5

Em novembro também temos dia da família!

Dia da família: 8 de dezembro

No dia 8 de dezembro é comemorado o dia da família no Brasil. Em outros lugares pelo mundo a data é diferente, mas todas contam com propósitos comuns. Mostrar a importância da família para a sociedade, propagar o respeito, cordialidade, amor e união; alertar a sociedade para questões de renda e de oportunidade que atingem diretamente as estruturas familiares por todo o mundo e, ainda, mostrar a importância da família para a educação das crianças, que são o futuro das nações.

almoço-em-familia

Veja estas atividades para o dia da família comentadas em vídeo!

Veja esse vídeo que fizemos apresentando e comentando estas atividades:

5 sugestões de atividades integrar a família à comunidade escolar

A família precisa acompanhar o desenvolvimento estudantil da criança e do adolescente, e para comemorar essa data não há nada melhor do que promover a integração da comunidade e suas famílias com a escola.

Atividade: Cuidados para toda a vida

Família

Objetiva a prevenção de riscos de saúde durante a prática atividades física. Tem a duração de uma a duas horas e os materiais necessários são: papel manilha, tesouras, revistas, pedaços de papéis coloridos, colas e canetões.

Como funciona:

  • Antes do dia da família e das atividades na escola convide um morador da comunidade que possua mais de 50 anos e peça para que ele conte quais eram as atividades, jogos e brincadeiras de sua época.
  • Em seguida organize todos os participantes em equipes explicando que a ideia central da atividade é fazer um mural sobre os cuidados que as pessoas devem tomar antes, durante e depois da prática de atividades físicas.
  • Cada uma das equipes deve criar um cartaz explicando situações de risco nos esportes e como não se expor à elas.
  • Dê cerca de 1 metro de papel manilha para cada equipe para que eles criem os cartazes utilizando-se de textos e imagens.
  • Quando terminarem, reúna todos os cartazes em uma parede e faça um intercâmbio de opiniões sobre as diversas situações abordadas pelas equipes.

Encerre a atividade explicando os benefícios da atividade física, mas, que para tal é preciso seguir certos cuidados tais como a boa alimentação, exames regulares para o diagnóstico de possíveis complicações ou doenças que precisam de maiores cuidados, além da necessidade de cuidados específicos com a saúde conforme o avanço da idade.

Atividade: Fora, mosquito da dengue!

dengue2

O maior objetivo dessa atividade, além de promover momentos de integração em família, é também ensinar de uma maneira didática e fácil a como combater o mosquito da dengue através de uma armadilha. A duração é cerca de uma a duas horas e os materiais necessários para sua realização são: garrafas pet (1,5 ou 2L), lixas de madeira nº 180, tesouras, fita isolante preta, pedaços de 5 x 5 cm de micro tule, 04 grãos de alpiste por pessoa, ou pedacinhos de ração para gato.

Como funciona:

O início da atividade se dá com a explicação para todos os presentes de que depois de alguns estudos se chegou à conclusão de que é possível criar uma armadilha eficiente e barata no combate à dengue. A “mosquitérica” como é chamada é fácil de construir e muito eficaz, e que as famílias aprenderão a como fazer uma. Eis o passo-a-passo:

  • Retire a tampa da garrafa e remova o anel do lacre da tampa sem danificá-lo. Guarde esse anel, pois ele será utilizado mais tarde.
  • Corte a garrafa em duas partes: a parte do fundo será a base e a do funil será a tampa.
  • Agora lixe a parte superior (a do funil), de modo a deixa-la completamente áspera e fosca.
  • Com o micro tule você irá cobrir a boca da garrafa.
  • Nesse momento, pegue o anel que você havia guardado, coloque-o na boca da garrafa, em cima do tule, e force-o para baixo até prender o micro tule.
  • Coloque as 4 sementes de alpiste ou pedaços de ração para gato dentro do copo (fundo).
  • Posicione o funil de cabeça para baixo inserindo-o dentro do fundo da garrafa pet. É preciso deixar totalmente simétrico. Após o encaixe basta selar a circunferência com a fita isolante, para que o mosquito não entre por essa junção.
  • Agora coloque água até a altura próxima a junção.

A armadilha precisa estar em local fresco e com sombra e o seu funcionamento é simples; o mosquito deposita suas larvas na mosquitérica, que descem até o alpiste ou ração de gato, atravessando o micro tule. Conforme elas se alimentam começam a crescer e quando tentam subir novamente à superfície não conseguem e acabam morrendo. Se ainda lhe restaram dúvidas você pode assistir ao link do vídeo fornecido. Porém, é importante ter esse roteiro em mãos para eventualmente não acabar se esquecendo de algum dos passos.

Atividade: É gol!

Essa atividade tem como objetivo fortalecer o vínculo entre pais e filhos, família e escolha. Tem duração em média de 40 minutos e os materiais necessários são uma bola, um apito e um colete.

futebol em família

Como funciona

  • Primeiro é preciso reunir toda a comunidade na quadra esportiva da escola. Depois, todos os familiares são orientados sobre a necessidade da prática de exercícios físicos para a manutenção da boa saúde.
  • Agora é preciso solicitar que sejam formadas duas ou mais equipes, de preferência uma feita apenas dos familiares (pais, mães, responsáveis) e do outro apenas os alunos. Todos farão alongamento e um breve aquecimento. Feito isso, comunique a todos que atividade será uma partida de futebol. A partida precisará de um árbitro, que irá garantir o bom funcionamento da disputa.
  • Cada partida terá dois tempos de no máximo 15 minutos com uma pausa de até cinco. É importante esse intervalo, pois, alguns dos familiares podem não ser praticantes regulares de esportes e a longa exposição ao esforço físico pode causar mal estar.
  • O time vencedor será o que tiver o maior número de gols no placar. Em caso de empate todos serão considerados vencedores! O importante é ressaltar que o essencial não é a vitória, e sim esse momento de descontração entre pais e filhos.
  • Após o fim das partidas, reúna todos em um círculo e peça para dizerem o que acharam da atividade.

Para finalizar a atividade, incentive a prática de atividades físicas e fale sobre os benefícios que elas trazem, tanto física quanto intelectualmente. Além do mais, incentive as famílias a praticarem tais atividades em conjunto, pois isso só tende a aproximá-los e estreita seus laços.

Atividade: A necessidade da convivência

convivência é uma arte

É uma atividade que visa conscientizar a família em todos os níveis para as necessidades de cuidado para consigo e com o próximo. A duração estimada é de uma a uma hora e meia e os materiais necessários são: retângulos de cartolina com 3 cm x 4 cm, tesouras, colas, folhas, conchas, papéis coloridos, fios de linha e de lã, serragem, penas e canetas coloridas.

Como funciona:

  • Primeiramente é preciso ter um local onde os pais, alunos e familiares possam se acomodar. Pode ser no chão ou em bancos com mesas.
  • Divida os grupos em equipes com até no máximo 6 pessoas e disponibilize todo o material no centro do circulo (caso seja no chão) ou em cima de uma mesa central (caso utilizem-se bancos com mesas para o apoio).
  • Cada participante deverá escrever cada letra do seu nome em um retângulo de cartolina.
  • Ao terminar, pergunte quais diferenças nota-se entre os nomes dos participantes.
  • Agora peça que todos embaralhem as letras dentro do centro de cada grupo.
  • Peça que reconstruam todos os nomes colhendo as letras aleatoriamente do monte que se formou.
  • Ao término, pergunte como se sentiram por outras pessoas terem se utilizado das “suas” letras na nova construção dos nomes.

O Para encerrar a atividade explique como é preciso muita reflexão e tolerância para se abrir ao novo. E, qualquer experiência ou situação é possível aprender e nos tornarmos pessoas melhores e mais tolerantes e para isso precisamos aprender a lidar com as diferenças.

Atividade: Filme com pipoca!

cinema em família

Essa é uma boa oportunidade de entreter e divertir pais e filhos durante um dia na escola. Trata-se de uma oportunidade para colocar em debate questões socioculturais por meio de alguns filmes que tratam sobre, por exemplo, racismo, bullying, superação, entre outros… À partir disso é possível trocar opiniões e experiências. É preciso de um projetor ou aparelho de TV e DVD, ou conforme o caso um notebook ou computador de mesa.

Como funciona:

  • Escolha um filme que além de ter entretenimento passe alguma mensagem para a família. Assistam ao filme, comam pipoca e divirtam-se durante a sessão. Não podemos nos esquecer da pipoca, é claro.
  • Criem uma lista com os temas abordados durante o filme e discutam acerca disso.
  • Finalize a atividade abordando os principais pontos e questões promovidas pelo filme e durante o debate.

A discussão saudável pode promover o entendimento entre as partes e sobre as diferentes realidades e situações vividas pelas famílias em todo o mundo. Adquirir essa consciência é importante, e, apesar de não ser do dia para a noite, essa atividade pode marcar o início de uma mudança na vida de determinada família.

Filmes sugeridos: Up: altas aventuras, Os incríveis, Procurando Nemo, Rio, as aventuras de Peabody e Sherman.

Com essas sugestões de atividades, o seu dia da família tem tudo para ser incrível. Caso também seja possível, visitas a zoológicos e excursões para parques de diversão farão a alegria não somente dos pais e filhos, além é claro de todos os docentes… Todos juntos fazem parte da grande família chamada Educação!

Thunderbird - O Pássaro do Trovão da América do Norte 9

Thunderbird – O Pássaro do Trovão da América do Norte

Brincadeiras Africanas - Dia da Consciência Negra 4

Brincadeiras Africanas – Dia da Consciência Negra