Animais de estimação são uma ótima companhia, além disso fazem bem à saúde. É o que muitas pesquisas comprovam. Contudo, nem todo mundo considera as vantagens de ter um gato; na hora em que vai escolher um pet, escolhem quase sempre, os cachorros.

Existem vários preconceitos criados sobre os felinos e eles podem ser desfeitos se forem analisados corretamente.

Descobrindo as vantagens de ter um gato

Os gatos têm comportamentos bem diferentes dos de um cachorro. Eles são mais reservados, não gostam de brincar o tempo todo e, quase sempre, preferem ficar em casa a sair para passear. Porém, apesar das diferenças, também são verdadeiros companheiros.

Eles são mais higiênicos

Os gatos adoram tomar banho e fazem isso de forma autônoma. Quando estão se lambendo, removem poeira e sujeira que podem ter sido adquiridas ao longo do dia.

Além disso, eles sempre fazem suas necessidades em uma caixa de areia, basta que você os ensine. E, acredite, eles aprendem rápido. Também é importante lembrar que o gato é tão higiênico que não usa o local quando este está sujo. Então, a terra precisa ser trocada com frequência.

Eles vão te ajudar a relaxar

Existem estudos que comprovam que acariciar um gato ajuda a relaxar, reduzindo a pressão cardíaca e diminuindo em até um terço o risco de infartos.

Fora isso, o ronronar, típico da maioria dos gatos, também funciona como um processo calmante. E ajuda no combate a ansiedade clinica.

Adaptam-se a espaços menores

Se você morar em um apartamento ou em um local que não tenha jardim, os gatos são a melhor escolha para o ambiente. Afinal, eles não precisam de muito espaço para sentirem-se felizes.

Desse modo, basta colocar alguns brinquedos para o seu bichinho e deixá-lo circulando pela casa. Assim, a rotina de algumas sonecas, refeições e brincadeiras será mais do que satisfatória.

São independentes

A independência pode ser vista como uma das vantagens de ter um gato, principalmente se você for uma pessoa mais atarefada. Afinal, seu pet não precisará sair para passear ou fazer as necessidades e também não verá problema em passar um tempo sozinho.

japanese-bobtail-cinza-1024x600-1431137-4081665-3019592-7843157

Contudo, não confunda independência com descaso. Gatos não precisam de atenção constante, mas não quer dizer que não precisem de carinho e cuidados. Sendo assim, nada de deixar seu bichinho sozinho por grandes períodos de tempo.

São animais silenciosos

Por conta das pantufas que possuem nas patas, os gatos fazem pouco ou quase nenhum barulho ao se movimentarem. Além disso, miam apenas em ocasiões específicas, como quanto estão com fome ou entediados. Ou seja, são os pets ideais para quem gosta de silêncio.

Depois de conhecer as vantagens de ter um gato, saiba onde adotar um

Atualmente, existem diversos animais em abrigos e ONGs esperando para encontrar um novo lar. E com os gatos isso não é diferente.

Estes sites podem te ajudar a encontrar um pet perto de você:

Onde é encontrado o gato?

Domesticado há quase 4 mil anos, esse pequeno mamífero descende do gato selvagem encontrado na África e no sudoeste da Ásia.

Qual a origem dos gatos domésticos?

 O gato doméstico é descendente do Felis silvestris lybica, que surgiu do cruzamento de cinco espécies selvagens, segundo análise genética

Em que ambiente vive o gato?

ambiente em que um gato vive precisa ser tranquilo, limpo e arejado. Gato, em geral, não gosta de coisas e situações que não o são familiares; sempre que possível, deixá-lo em paz e sossegado é a melhor opção.

Por isso, compartilhe este post nas redes sociais e mostre para seus amigos porque os gatos podem ser ótimos companheiros!