Filosofia e Sociologia

0

Olá pessoal hoje o demonstre traz um trabalho onde retrata do nosso dia a dia de acordo com o nosso modo de entender as pessoas, com base no uso de filosofia, e nesse post vamos trabalhar com o “Filosofia”.

Onde vamos mostrar o modo de se relacionar das pessoas baseada em práticas filosóficas, que demonstram como estão se sentindo.

Filosofia e Sociologia

Filosofia é o estudo das questões gerais e fundamentais relacionadas com a natureza da existência humana; do conhecimento; da verdade; dos valores morais e estéticos; da mente; da linguagem, bem como do universo em sua totalidade.

Filosofia e Sociologia
Filosofia e Sociologia

Sociologia é a área das ciências humanas que estuda o comportamento humano em função do meio e os processos que interligam os indivíduos em associações, grupos e instituições.

Iluminismo – Filosofia e Sociologia

O Iluminismo foi um movimento intelectual que surgiu durante o século XVIII na Europa, que defendia o uso da razão (luz) contra o antigo regime (trevas) e pregava maior liberdade econômica e política.

Resultado de imagem para Iluminismo

O movimento promoveu mudanças políticas, econômicas e sociais, baseadas nos ideais de liberdade, igualdade e fraternidade.

Pensadores Iluministas – Filosofia e Sociologia

John Locke

John Locke é Considerado o “pai do Iluminismo”. Sua principal obra foi “Ensaio sobre o entendimento humano”, aonde Locke defende a razão afirmando que a nossa mente é como uma tábula rasa sem nenhuma ideia.  Defendeu a liberdade dos cidadãos e Condenou o absolutismo.

Voltaire

François Marie Arouet Voltaire destacou-se pelas críticas feitas ao clero católico, à inflexibilidade religiosa e à prepotência dos poderosos.

Montesquieu

Charles de Secondat Montesquieu em sua obra “O espírito das leis” defendeu a tripartição de poderes: Legislativo, Executivo e Judiciário. Montesquieu não era a favor de um governo burguês. Sua simpatia política inclinava-se para uma monarquia moderada.

Vídeo sobre Iluminismo:

Consequências da globalização – Filosofia e Sociologia

A globalização veio e consigo trouxe algumas soluções e também trouxe alguns problemas, que interferiram na vida de algumas pessoas, que tiveram de mudar o seu cotidiano, como relações de trabalho.

Imagem relacionada

Mas com certeza os benefícios trazidos pelas globalização foi uma gama de consequências que fizeram com que os trabalhos ficassem muito mais ágeis.

Mudança com a Globalização

A globalização modificou o papel do Estado num outro aspecto. Alterou radicalmente a ênfase da ação governamental, agora dirigida quase exclusivamente para tomar possível As economias nacionais desenvolverem e sustentarem condições estruturais de competitividade em escala global.

Vídeo sobre Consequências da globalização:

Existencialismo – Filosofia e Sociologia

O existencialismo pressupõe que a vida seja uma jornada de aquisição gradual de conhecimento sobre a essência do ser, por esta razão ela seria mais importante que a substância humana.

Resultado de imagem para Existencialismo

Seus seguidores não crêem, assim, que o homem tenha sido criado com um propósito determinado, mas sim que ele se construa à medida que percorre sua caminhada existencial.

Determinismo – Existencialismo

Compreende-se um sistema no qual tudo vem a ser por causas anteriores, tornando os efeitos que se seguem destas causas necessários e inevitáveis. Em seu sentido mais amplo o determinismo é o nome moderno para a ideia antiga de Demócrito, de que leis causais controlam o movimento dos átomos e que tudo, incluindo a mente humana, consiste de átomos, em ultima instância. Portanto, tudo seria controlado por tais leis causais

Vídeo sobre Existencialismo:

Contratualismo – Filosofia e Sociologia

Contratualismo é uma classe abrangente de teorias que tentam explicar os caminhos que levam as pessoas a formar governos e manter a ordem social.

Imagem relacionada

Contrato social – contratualismo

O contratualismo é uma abordagem da ética e filosofia política com base na teoria dos contratos sociais. Assim sendo, são chamados de “contratualistas” os filósofos que buscaram explicar a origem da sociedade e o fundamento do poder político em um contrato social entre os indivíduos (seja ele implícito ou explícito), marcando o fim do estado natural e o início da vida social e política.

Vídeo sobre Contratualismo:

Marxismo – Filosofia e Sociologia

O marxismo é uma teoria sobre a evolução da sociedade que pretende explicar cientificamente o capitalismo. Além disso, também se apresenta como uma corrente política voltada para a transformação radical da ordem socioeconômica.

Resultado de imagem para Marxismo

O termo “marxismo” só passou a ser utilizado anos após a morte de Marx e agrega pensamentos distintos e, as vezes, até discordantes. Vejamos alguns pontos de comum acordo entre os marxistas.

Vídeo sobre Marxismo:

Cultura de massa – Filosofia e Sociologia

Entre o final do século XIX e o início da Primeira Guerra Mundial ocorreram algumas mudanças como o aumento do número de pessoas alfabetizadas, melhores condições de vida e desenvolvimento tecnológico que possibilitaram o surgimento de novos pensamentos e estilos de vida.

Resultado de imagem para Cultura de massa

Sendo que, ocorreu a penetração dos meios de comunicação em massa com uma configuração cultural específica que difere das manifestações culturais anteriores.

Impacto da Cultura de massa

A cultura de massa teria impacto na sociedade ao produzir uma homogeneização dos indivíduos. Esse comportamento ocorreria, pois, ao conseguirem atingir um número de pessoas muito maior, os meios de comunicação fazem a difusão de modelos planificados de cultura reproduzindo padrões homogêneos e não levando em consideração as diferentes possibilidades de configuração de gostos e identidades.

Vídeo sobre Cultura de massa:

Relações de trabalho – Filosofia e Sociologia

A teoria da relação de trabalho surgiu e ganhou projeção na Alemanha nazista, através do anticontratualismo, também na Itália fascista com o institucionalismo.

Imagem relacionada

Os sistemas visavam a economia do Estado, onde o trabalhador e o empresário não tinham liberdade de escolha, senão trabalhar e produzir.

Regras nas relações de trabalho

Regras que atendem a esses critérios reduzem conflitos e aumentam a segurança jurídica de empresas e trabalhadores nas relações de trabalho. Relações de trabalho menos conflituosas geram aumento de produtividade e eficiência na produção, com ganhos para a economia brasileira.

Vídeo sobre Relações de trabalho:

Pensadores da Grécia antiga – Filosofia e Sociologia

A extraordinária capacidade intelectual grega foi a causadora do extraordinário progresso das diversas áreas do conhecimento, as artes, a literatura, a música e a própria filosofia.

Resultado de imagem para Grécia antiga

A Filosofia se esforça por conhecer de forma clara e racional a natureza, o ser humano e o universo que nos rodeia e a metamorfose que nelas acontecem.

Etapas da filosofia grega – Grécia Antiga

Período pré-socrático, a Filosofia foi empregada para elucidar a procedência do mundo e das coisas a sua volta, foi representado pela physis (natureza) que procurava compreender através da razão a origem e as mudanças que acometeram a natureza e o ser humano ao longo do tempo; destacou-se nesta fase o filósofo Tales de Mileto.

Já o período socrático apontou para uma modificação a respeito do elemento de pesquisa da filosofia, que sai da metafísica e caminha em direção ao homem em si.

Período helenístico surgiu após o declínio político das polis e o surgimento de um conjunto de disciplinas que, além de trabalhar com a natureza e o estudo das leis do raciocínio, procuravam também dar ênfase a felicidade e a ensinar as pessoas a encontrarem a maneira correta de direcionarem a própria vida.

Vídeo sobre Pensadores da Grécia antiga:

Fé e Razão – Filosofia e Sociologia

A Filosofia tem como característica o estabelecimento de conceitos cada vez mais racionais através da História e mostra que, desde o início, a relação da fé com razão tem os seus momentos de embate e de reconciliação.

Resultado de imagem para fe

Na Grécia Antiga, a Filosofia surgiu como uma tentativa de superar os obstáculos originados de uma fé cega em narrativas de Homero e Hesíodo. Para os seguidores de uma crença religiosa, o espírito é imortal; para a Filosofia, esta é uma afirmação que exige provas concretas.

São Tomás de Aquino – Fé e Razão

Tomás de Aquino, em italiano Tommaso d’Aquino, foi um frade católico da Ordem dos Pregadores italiano cujas obras tiveram enorme influência na teologia e na filosofia, principalmente na tradição conhecida como Escolástica, e que, por isso, é conhecido como “Doctor Angelicus”, “Doctor Communis” e “Doctor Universalis”.

Santo Agostinho – Fé e Razão

Agostinho de Hipona, conhecido universalmente como Santo Agostinho, foi um dos mais importantes teólogos e filósofos dos primeiros anos do cristianismo cujas obras foram muito influentes no desenvolvimento do cristianismo e filosofia ocidental. Ele era o bispo de Hipona, uma cidade na província romana da África.

Vídeo sobre Fé x Razão:

https://youtu.be/pSvGh9jI_WI

FIM

Chegamos ao fim do poste onde fala das Estudo das práticas filosóficas, falando e explicando como foi feito até os dias atuais, assim tanto nos negócios quanto na vida pessoal. Se você gostou compartilhe nas redes sociais.

Veja também na Demonstre: https://demonstre.com/frases-de-reflexao/