Desejamos  apresentar alguns filmes executados por Georges Méliès, e comentar   quem foi essa celebridade, falando um pouco, de cada um dos seus melhores filmes.

Georges Méliès – Melhores filmes

Seus filmes são envolvidos pela fantasia, criações de situações e acontecimentos surreais, com muito efeito de câmera, já que foi ele quem conseguiu, pela primeira vez, descobrir meios de fazer efeitos visuais nos filmes.

Quem foi  Georges Méliès

Marie-Georges-Jean-Méliès, foi um dos mais conhecidos mágicos ilusionistas da França, e dono do teatro “Robert-Houdin”. Ele nasceu em 08 de dezembro de 1861 em Paris na França, e faleceu em 21 de janeiro de 1938 ( aos 76 anos).

 É considerado o pai do cinema ficcional e o primeiro a entender a linguagem cinematográfica como arte. Seus filmes não retratavam a realidade, eram grandes fantasias, bem elaboradas e repletas de efeitos especiais.

Em 1895, conheceu o cinematógrafo. Méliès se encantou pela invenção e propôs a  compra de um equipamento,porém os Lumière não desejava comercializar sua máquina. Ele precisou então adquirir um protótipo criado pelo cinematógrafo inglês Robert William Paul. Então, bastante entusiasmado,  saiu filmando cenas do cotidiano pelas ruas de Paris.

Um dia sua câmara parou de repente, mas as pessoas não pararam de se mexer e quando ele voltou a filmar, a ação que havia resultado na filmagem era diferente da ação que ele havia filmado, era o início dos efeitos especiais. A esta trucagem ele deu o nome de stop-action. Criou várias outras como perspectiva forçada, múltiplas exposições ou filmagens em alta e baixa velocidade. Abaixo temos alguns de seus filmes:

1 – O castelo Assombrado – Georges-Méliès

Suas obras possuem muitos elementos tradicionais da pantomima(teatro gestual, mimica) e foi feito para divertir as pessoas, mais do que para assustá-las.

Sinopse do filme: O castelo Assombrado de Georges – Méliès

Um morcego voa em um antigo castelo e transforma-se em Mefistófeles. Ao produzir um caldeirão, Mefistófeles evoca uma jovem e várias criaturas sobrenaturais. Dois guerreiros entram no castelo e são açoitados pelo demônio.

Eles ficam completamente terrificados e não sabem o que fazer. Quando tudo parece perdido o guerreiro encontra um crucifixo e o brande em uma tentativa de fazer o vampiro diabo desaparecer.

Curiosidades do filme: Castelo assombrado – Georges – Méliès

  •  Esse filme, é considerado o primeiro filme de terror da história .

Ficha técnica do filme Castelo assombrado

Título: O Castelo Assombrado
Título Original: Le Manoir du diable
Ano: 1896
Direção: Georges Méliès
Roteiro: Georges Méliès
Gênero: Terror/Curta
Nacionalidade: França

Elenco do filme: O castelo assombrado

  • Não disponível

Motivos para ver o Castelo assombrado de Georges  Méliès

Além de ter sido o primeiro filme de terror publicado, ele está cheio de efeito especiais, e quem aprecia a arte do cinema, poderá fazer suas comparações para com os filmes atuais.

2 A lua à um metro – Georges  Méliès

Repleto de efeitos especiais, esse filme se torna interessante por trazer por meio das cenas cinematográficas, as ideias fantasiosas que existem na cabeça de muito gente.

Sinopse do filme: A lua à um metro

Enquanto trabalhava em seu observatório, um astrônomo vê surgir dois seres. Em seguida, ele desenha os corpos celestes, que, em seguida, animam-se no quadro-negro. Em seguida, a mobília desaparece, e quando ele quer ver a Lua com um telescópio enorme, parece-lhe um metro na frente dele, e come seu instrumento.
Ela também destrói outros objetos, e cospe os dois filhos vestidos de Pierrot para fora de sua boca. O astrônomo quer bater, mas recua e ela se torna cada vez maior, no momento em que uma jovem que finalmente aparece perto do astrônomo, então ele voa para longe.
O astrônomo é então comido pela Lua, que cospe seus membros e a mulher reconstituí o astrônomo.

Ficha técnica do filme: A lua à um metro

Título: A Lua a Um Metro
Título Original: La lune à un mètre
Ano: 1898
Direção: Georges Méliès
Roteiro: Georges Méliès
Gênero: Fantasia/Curta
Nacionalidade: França

Elenco do filme: A lua à um metro

  • Não possui

Motivos para ver: “A lua à um metro”- Filme de Georges  Méliès

Esse filme pode ser usado, como forma de mostrar, quão engenhosa é a mente humana, e como situações inusitadas podem passar por nossas cabeças.

3   Cinderela – Filme de Georges Méliès

Cinderela é considerado o primeiro filme a usar sem problemas uma técnica de desaparecimento de uma fase para ir para outra (fade). O filme termina com uma nota alta com um balé de musas, uma cena com mais de 36 figurantes.

Sinopse do filme  : Georges Méliès.

O conto de Charles Perrault oferece a Georges Méliès uma oportunidade de integrar com sucesso truques intercalando-os em uma história. A fada transforma não só a carruagem de abóbora, mas também um gnomo em um rato.

Curiosidades:

  • Albert E. Smith afirmou que este foi o primeiro filme estrangeiro a ser adquirido por uma empresa americana (sua empresa, a Vitagraph). Impressões da versão foram comprados na França por US $ 100, ganhou um pedaço gratuito e trouxe para os EUA, onde uma equipe de trabalhadores começou a colorir cada quadro a mão.
  • De acordo com Smith, colorir um filme não foi tentado novamente através da Vitagraph porque causou o cansaço visual muito grande para seus trabalhadores.

Ficha técnica

Título: Cinderella
Título Original: Cendrillon
Ano: 1899
Direção: Georges Méliès
Roteiro: Georges Méliès, Charles Perrault
Gênero: Fantasia/Curta
Nacionalidade: França

Elenco:

Não Disponível

Motivos para ver: Cinderela- Filme de Georges  Méliès

Por ser um conto de fadas, já muito conhecido, no entanto com diversas variedades, o Filme feito na versão de Georges Méliès, possui entre seus detalhes, a transformação de um gnomo em ratinho.Assista o  filme, é muito divertido!

4- Viagem à lua – Filme de Georges Méliès

Bem típico das histórias relacionadas ao mundo lunar, o filme  traz uma aventura envolvendo extraterrestres e uma tripulação aventureira. Ele utilizou recursos inovadores de animação e efeitos especiais, incluindo a famosa cena da nave pousando no olho do “Homem da lua”.

Sinopse: do Filme Viagem à lua de Georges Méliès

 O presidente, por nome de Barbenfuillis, tem um plano audacioso. Fazer uma viagem à Lua através de uma capsula disparada por um canhão gigante. Ele reúne seu comitê e explica suas intenções.

Um membro se opõe violentamente, mas o presidente o reprime na mesma medida e logo seu plano é aprovado. Barbenfuillis e mais cinco outros sábios conhecerão a Lua, porém, também conhecerão seus habitantes, os selenitas.

Curiosidades:

  • Foi, provavelmente, o primeiro filme de ficção científica e o primeiro a tratar de seres alienígenas. O filme teve roteiro e direção de Georges Méliès, com assistência de seu irmão Gaston Méliès. Foi extremamente popular em sua época e o mais conhecido das centenas de produções de Méliès.
  • Méliès tinha a intenção de lançar seu filme nos Estados Unidos com a ideia de lucrar com isso. Entretanto, técnicos dos filmes de Thomas Edison secretamente fizeram cópias e o distribuíram por todo o país. Enquanto o filme era muito bem sucedido na América, Méliès acabou indo à falência.

Ficha Técnica do filme Viagem à lua de Georges Méliè

Título: Viagem à Lua
Título Original: Le voyage dans la Lune
Ano: 1902
Direção: Georges Méliès
Roteiro: Georges Méliès
Gênero: Aventura/Fantasia/Ficção Científica
Nacionalidade: França

Elenco:

Não disponível

Motivos para ver:Viagem à lua de Georges Méliè

Considerando que, Viagem à Lua, foi baseado em dois romances populares de seu tempo: “Viagem ao Redor da Lua, de Julio Verne, e Os Primeiros Homens na Lua, de H. G. Wells”. Isso torna um bom motivo para ver esse filme, pois é uma oportunidade para se fazer um a boa análise.

5 – O homem com a cabeça de borracha – Georges Méliè

Fantasia e ficção, controlam o discorrer desse filme. Afinal no mundo da fantasia tudo é possível não é mesmo?

Sinopse do filme: O homem com a cabeça de Borracha

Um químico está em seu laboratório, em cima de uma mesa esta a sua própria cabeça, viva. Ele fixa um tubo de borracha sobre a cabeça com um par de foles. Ele começa a soprar com toda a força.

Imediatamente a cabeça aumenta de tamanho e continua a aumentar até que se torna verdadeiramente colossal enquanto faz caretas. O químico, temendo a explosão dela, abre uma torneira no tubo.

A cabeça imediatamente contrai e retoma ao tamanho original. Em seguida, ele chama sua assistente e informa-o de sua descoberta. O assistente, que deseja experimentar por si mesmo, aproveita e da golpes no fole com toda a força. A cabeça incha até que estoura com um estrondo, derrubando os dois experimentadores.

Curiosidades:

Para criar a ilusão de uma cabeça de expansão, Melies utilizou o zoom em em sua própria cabeça com uma câmera e sobrepôs ao filme. Ele recebeu a ideia de Albert A. Hopkins, magico do Stage Illusions e Diversions Scientific.

Ficha Técnica do filme : O homem com a cabeça de borracha

Título: O Homem com a Cabeça de Borracha
Título Original: L’homme à la Tête en Caoutchouc
Ano: 1901
Direção: Georges Méliès
Roteiro: Georges Méliès
Gênero: Fantasia/Curta
Nacionalidade: França

Elenco:

Não disponível.

Motivos para ver o filme: O homem com a cabeça de borracha de Georges Méliè

Você vai se divertir muito, ao ver as fantasias desse filme. Excelente para se distrair  e pensar um pouco, sobre o que faria se pudesse controlar sua cabeça?

6- Viagem através do impossível – de Georges Méliè

Nesse filme, a sociedade geográfica, o Instituto de Geografia incoerente, planeja fazer uma turnê mundial, em tal forma que  supere em design e invenção de todas as expedições realizadas pelo mundo.

Sinopse do filme: Viagem através do impossível – de Georges Méliè

Eles fazem uma reunião liderada pelo presidente Polehunter, em que participam:o secretário Rattlebrain, o arquivista Mole, o Vice -Presidente, os membros do conselho, o facilmente enganado, o Demolidor, Schemer, entre muitos outros.

Os membros escutam atentamente o Plano de Professor  para a turnê mundial, pretendem rejeitá-la por estar fora de prazo. Porem o Presidente chama o excêntrico engenheiro, explica que, seu projeto para uma nova viagem “impossível”, usando “todos os meios conhecidos de agrupamento, locomoção, ferrovias, automóveis, balões dirigíveis, barcos e submarinos.

Os viajantes são jogados no ar, aterrissando em um porto com segurança entre os destroços do submarino. Eles retornam em triunfo para o Instituto de Geografia incoerente, onde há um grande regozijo preparado para eles.

Curiosidades:

  • O filme é baseado na obra homônima de julio Verne.

Ficha técnica do filme : Viagem através do impossível

Título: Viagem Através do Impossível
Título Original: Le voyage à travers l’impossible
Ano: 1904
Direção: Georges Méliès
Roteiro: Adolphe d’Ennery, Georges Méliès, Jules Verne
Gênero: Aventura/Comédia/Fantasia/Ficção Científica
Nacionalidade: França

Motivos para ver o filme Viagem através do impossível

É um filme repleto de criatividade e pode servir de reflexão e uma forma das pessoas avaliarem seu mundo real comparando com o imaginário utilizado na obra. Seria possível de alguma forma os fatos expostos acontecerem?  Veja o filme e confira!

Fim

Aqui terminamos um incrível catálogo com “ Georges Méliè e seus melhores filmes”. Para ver mais listas assim, se mantenha conectado conosco!

Um abraço e até breve!

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.