in

Qualidade de Links: como avaliar e excluir os links ruins

Qualidade de Links: como avaliar e excluir os links ruins

A qualidade de links é um tema já discutido nos textos anteriores de Marketing Digital postados aqui no Demonstre. Isso porque incorporar links de qualidade aos nossos textos é essencial para a manutenção de uma ótima posição de um site nos motores de busca.

Backlinks e a qualidade de um link

O backlink é uma análise detalhada da estrutura de um link, sendo esses internos ou externos ao site. A partir dessa análise podemos obter uma lista de links, que estarão ranqueados.

Qualidade de Links: como avaliar e excluir os links ruins 1

O ranque é dividido em links bons e links ruins. Os primeiros ajudarão a melhorar a posição do seu site nos motores de busca, bem como aumentar o tráfego orgânicos para o seu site. Por outro lado os links ruins farão o oposto acontecer: diminuir o seu tráfego e te colocar em uma posição ruim nos resultados das pesquisa.

Isso tudo pode acontecer devido um conceito chamado de autoridade. Se seu blog que possui uma autoridade alta(com conteúdo responsável  e de qualidade) e possuir links que não funcionam com o mesmo tipo de conteúdo produzido por você, você está colocando a sua autoridade em risco, e suas informações também.

Por outro lado, se você utiliza links também de qualidade, você estará mantendo sua autoridade, bem como reforçando o seu conteúdo. Por isso, é muito importante realizar consultas aos links relacionados ao seu blog, antes de produzir mais links.

O que faz um bom link?

Já sabemos mais ou menos o que são bons links, e que esses são os links recomendados para serem colocados em seu blog. Agora vamos entender um pouco sobre os efeitos  em seu blog ao indexar um bom link.

Definir um o que é um link bom não é muito fácil, mas se você tiver em mente que um bom links não é tão fácil de ser encontrado, você saberá superficialmente o que é um bom link. Isso acontece porque um bom link tem o poder de impulsionar a classificação do seu blog nos motores de busca.

Critérios de análise

Por isso, sabendo que é difícil definir o que é um bom link, é que existem alguns critérios a serem analisados para saber se um determinado link possui uma boma “índole”.

  • Bons backlink advêm de páginas conceituadas em determinado assunto: Isso é observável por meio da relevância da página para aquele nicho.
  • Bons backlink advêm de sites de confiança: ter links de confiança indexados ao seu site garantem a você a certeza de uma boa classificação nos resultados de busca
  • Ter links dentro de um conteúdo: O lugar que um link ocupa em seu site modifica a sua posição nos resultados orgânicos do Google. Links que ficam localizados fora do texto costumam lhe colocar em uma posição baixa.

Portanto, se você associar um link de confiança e colocá-lo dentro do seu texto as chances de ascender nos resultados do Google são maiores.

  • Links que estão ligados naturalmente ao conteúdo: você precisa primeiro focar em criar o seu conteúdo, e em segundo lugar, buscar hyperlinks que se encaixem em seu texto para fazer a referência
  • Links com conteúdo grande e de qualidade possuem maior valor: isso porque o usuário tende a passar mais tempo no link lendo o conteúdo.
  • Use links de sites com um domínio de autoridade alto

O que faz um link ser ruim?

Para diferenciar um link bom de um link ruim é simples. Já que você sabe os critérios que fazem o link ser considerado bom, os links que não atingirem esses critérios serão considerados ruins, pois estão fora das orientações do Google.

Dessa forma, se você utiliza esses links em seu conteúdo você será penalizado.

Veja algumas outras dicas para evitar usar um link ruim:

  •  Não utilizar link farms, links pagos, link wheels, e outras técnicas de black hat de link building.
  • Links globais:  normalmente são sites que possuem em suas páginas links dofollow para outras páginas específicas, como páginas de reservas de viagens. Isso acaba por manipular o usuário.
  • Links vindos de páginas que não se relacionam
  • Links sitewide dofollow e footer links: são links que não se relacionam a um site externo
  • Links que pertencem a páginas de autoridade de domínio baixa
  • Links de diretório de artigos
  • Backlinks com textos-âncora superestimados: textos superestimados podem influenciar negativamente o seu blog. Anteriormente, superestimar um texto era vista como uma alternativa fácil para melhorar a classificação de um site.

Entretanto, com as novas atualizações da Google, essa tática influencia negativamente a posição de um site. Portanto, a partir de 2012, o Google começou a penalizar links superestimados, desclassificando textos excessivamente exagerados.

  • Link de uma página com conteúdo de baixa qualidade e pequeno: O Google normalmente entende esse tipo de conteúdo como sendo gerado automaticamente, guest post.
  • Link de um site penalizado

 

Ferramentas de Análise de backlinks

Existem várias ferramentas que são utilizadas para analisar a qualidade de um link. Elas são excelentes para detectar que links são ruins e, por fim, excluí-los.

Essas ferramentas mostram além da qualidade dos links, a qualidade das palavras-chave, e a autoridade dos sites de onde esses links partem.

Citaremos algumas dessas plataformas. Algumas delas já ganharam um artigo só para elas, aqui no blog.

  • Ahrefs: Essa plataforma online auxilia a analisar a qualidade de backlinks. Além disso, ela checa as palavras-chave e menções de uma determinada marca. Dessa forma, você poderá explanar mais temas que estão em alta, de acordo com o período do ano.

 Nessa ferramenta, você ainda pode explorar qualquer site e conseguir links por meio da seção Site Explorer.

  • SEMRush: Com essa ferramenta você analisará os backlinks, além de observar como anda as estratégias SEO empregadas no seu site.

No que se refere as palavras-chaves, a plataforma poderá analisar as palavras-chave orgânicas, e as palavras-chave de propagandas pagas utilizadas pelos seus concorrentes.

Obrigado por querer aprender sobre a qualidade dos links e como excluir os links ruins

Obrigado por ter acompanhado o post. Espero do fundo do coração que você tenha aprendido sobre a qualidade dos links e como excluir os links ruins.

Nascido para Matar

Nascido para Matar

Tartaruga doméstica - Guia alimentar completo

Cobra como animal de estimação – Como escolher