in ,

Questões sobre Paulo Freire

Questões sobre Paulo Freire

Você sabe tudo sobre Paulo Freire? Faça estas questões e comprove!

Índice: hide
2. Questões sobre Paulo Freire

Quem foi Paulo Freire?

Paulo Reglus Neves Freire nasceu em Recife, no dia 19 de setembro de 1921, foi um educador, pedagogo e filósofo. Ele é um dos pensadores mais notáveis na história da pedagogia Mundial, que influenciou o movimento chamado pedagogia crítica. Em se tratando dele, não podemos deixar de mencionar que ele é o Patrono da Educação Brasileira.

Questões sobre Paulo Freire

Houve um período em sua vida que o levou a se preocupar com os mais pobres, e foi essa experiência que o ajudou a construir um método revolucionário de alfabetização.

O seu talento como escritor o ajudou a conquistar um amplo público de pedagogos, cientistas sociais, teólogos e militantes políticos, quase sempre ligados a partidos de esquerda.

Paulo Freire defendia que a educação permite aos oprimidos resgataram o seu senso de humanidade e, assim superar a sua condição.  Freire também  acreditava e afirmava com sabedoria que a educação é um ato político que não pode ser divorciada da pedagogia. Ele propôs o método de alfabetização dialético que se diferenciou do “vanguardismo” dos intelectuais de esquerda tradicionais e sempre defendeu o diálogo com os mais simples.

Questões sobre Paulo Freire

Vamos para as questões sobre Paulo Freire?

1. O método popularmente conhecido como Método Paulo Freire, desenvolvido na década de 1960 como estratégia para alfabetização de alunos, possui fundamentação:

  • A) Interacionista do desenvolvimento.
  • B) Transcendental que deduz que todos trazemos conceitos a priori.
  • C) Humanista que vislumbra na educação um ato criador.
  • D) No processo de internalização na transmissão do conhecimento.

Resposta: Letra C

Explicação: Possui fundamentação humanista que vislumbra na educação um ato criador, a medida em que proporciona ao indivíduo autonomia, consciência crítica e capacidade de decisão.

2. Os princípios éticos-metodológicos da teoria de Paulo Freire eram constituídos com base no:

  • A) Comodismo, ou seja, o homem é responsável por sair da menoridade.
  • B) Sociedade justa que subordina o indivíduo para melhor servi-lo.
  • C) Respeito pelo educando e na conquista de autonomia.
  • D) Poder de autoridade do docente sob o educando.

Resposta: Letra C

Explicação: No respeito pelo educando e na conquista da autonomia, tendo o dialogicidade como fio condutor do processo de ensino-aprendizagem.

3. Na visão de Paulo Freire a educação deve ser capaz de promover a autoconfiança e toda ação educativa deve ser:

  • A) Um ato contínuo de recriação e de resignificação de significados.
  • B) Um ato de preservação de significados.
  • C) Restrita ao modelo de escola tradicional.
  • D) Uma determinante fonte de relativismo conceitual.

Resposta: Letra A

Explicação: Um ato contínuo de recriação e de resignificação de significados enquanto condição de possibilidade para uma educação conscientizadora e libertadora.

4. Paulo Freire foi um grande aliado dos professores, defendia que o professor deveria:

  • A) Se ater ao ensino.
  • B) Ser valorizado em todos os sentidos.
  • C) Ser rigoroso e tradicionalista.
  • D) Criar estratégias para o ensino.

Resposta: letra B

Explicação: Ser valorizado em todos os sentidos, pois ele é fundamental para a construção de uma sociedade que pretende atingir uma educação de qualidade.

5. Paulo Freire escreveu várias obras que são amplamente utilizadas e citadas em trabalhos acadêmicos e por estudos pedagógicos no mundo. A mais conhecida é “Pedagogia do Oprimido” que destaca:

  • A) Que o conceito de soberania seria a vontade geral.
  • B) Que todos devem estar sob a vontade geral.
  • C) Que cada um tem a educação que deseja.
  • D) Que a educação é o caminho para o despertar da visão crítica.

Resposta: Letra D

Explicação: O fato de a educação ser o caminho para o despertar da visão crítica e a formação de sujeitos que busquem mudar sua realidade.

6. Conhecido principalmente pelo método de alfabetização de adultos que leva seu nome, ele desenvolveu um pensamento pedagógico assumidamente político e preconizava que:

  • A) O maior objetivo da educação é conscientizar o aluno.
  • B) A sociedade não tem objetivo estabelecido, é auto determinante.
  • C) A liberdade do homem garante os direitos e predomina o consenso.
  • D) As formas de governo são democracia, aristocracia e monarquia.

Resposta: Letra A

Explicação: O objetivo maior da educação é conscientizar o aluno. Isso fará às parcelas desfavorecidas da sociedade, entenderão sua situação e agirão para a própria libertação.

7. Para Freire o profissional da educação deve:

  • A) Saber que ninguém ensina nada a ninguém.
  • B) Levar os alunos a conhecer conteúdos, não como verdade absoluta.
  • C) Facilitar as condições para o auto aprendizado.
  • D) Renunciar a exercer autoridade.

Resposta: Letra B

Explicação: Segundo o pensador pernambucano, o profissional de educação deve levar os alunos a conhecer conteúdos, mas não como verdade absoluta.

8. O método Paulo Freire não visa apenas tornar mais rápido e acessível o aprendizado, mas pretende:

  • A) Refletir na necessidade de formação rigorosa.
  • B) Que a alfabetização conserve a realidade dos desfavorecidos.
  • C) Habilitar o aluno a “ler o mundo”, expressão famosa do educador.
  • D) Formar adultos com diplomas e certificados.

Resposta: Letra C

Explicação: C Habilitar o aluno a “ler o mundo”, na expressão famosa do educador. “Trata-se de aprender a ler a realidade para em seguida poder reescrever essa realidade”.

9.A teoria do educador, pedagogo e filósofo distinguem-se em três momentos claros de aprendizagem, qual seria o primeiro?

  • A) Em que o educador se inteira daquilo que o aluno conhece.
  • B) Em que investiga como e porque a sociedade se instituiu.
  • C) Se baseia no estudo das condições e limites do poder soberano.
  • D) Um estudo de sufrágios, assembleias e órgãos governamentais.

Resposta: Letra  A

Explicação: Em que o educador se inteira daquilo que o aluno conhece, não para poder avançar no ensino de conteúdos mas para trazer a cultura do educando para a sala de aula.

10. O segundo momento é o que permite que o aluno construa o caminho do senso comum para:

  • A) Uma visão neoliberalista.
  • B) Uma visão crítica da realidade.
  • C) Uma visão tradicionalista.
  • D) Uma visão do indivíduo sobre a sociedade.

Resposta: Letra B

Explicação: Uma visão crítica da realidade. É momento de exploração das questões relativas aos temas em discussão.

11. No livro Pedagogia da Autonomia, Freire se baseou em:

  • A) Em ideias de um professor com raízes tradicionais.
  • B) Em ideias progressistas de ensino.
  • C) Em ideias neoliberalistas de ensino.
  • D) Na globalização pedagógica.

Resposta: Letra B

Explicação: Em ideias progressistas de ensino, isto é, levando em conta, principalmente, o conhecimento do aluno em diálogo com a disciplina.

12. O eixo norteador da prática pedagógica de Paulo Freire, defendia que:

  • A) Que os seres que se adaptam não se tornam objetos da sociedade.
  • B) Liberdade dos professores e alunos na construção do conhecimento.
  • C) O educando deve levar adiante aquilo que absorveu do professor.
  • D) Formar é muito mais que formar o ser humano em suas destrezas.

Resposta: Letra  D

Explicação: Formar é muito mais que formar o ser humano em suas destrezas, ressaltando à formação ética dos educadores para estimularem os alunos a uma reflexão crítica da realidade.

13. Freire criticava a visão fatalista, porque acreditava que:

  • A) Significa enxergar o destino como irrevogável.
  • B) Os seres que se adaptam, se adequam melhor a sociedade.
  • C) A possibilidade de mudança seria disseminada.
  • D) Dessa forma a população enfrentaria menos problemas.

Resposta: Letra A

Explicação: Que significa enxergar o destino como irrevogável, e apenas esperar o futuro acontecer, sem qualquer possibilidade de mudança através da capacidade crítica que possuímos.

14. Para o encorajamento de seres críticos, dentro do espaço escolar, é fundamental ao educador adentrar-se sem contradizer o partidarismo político. Por isso, a prática educativa consiste em:

  • A) Politizar e formar pessoas capazes de se adequar à sociedade.
  • B) Politizar levando ao aluno o partidarismo político que acredita.
  • C) Politizar ressaltando a sociedade.
  • D) Politizar sem ser indiferente a diversos olhares da realidade.

Resposta: Letra D

Explicação: Politizar e nunca ser indiferente a diversos olhares sobre a realidade e possuir esperanças na melhora da real situação da educação brasileira.

15. Na visão de Freire, nem sempre a sociedade adota os aspectos primordiais que são: simplicidade, humanismo, ética e esperança, já que o capitalismo leva a sociedade a:

  • A) Uma tradição partidária.
  • B) Um separatismo lógico.
  • C) Um comunismo exacerbado.
  • D) Uma alienação individualista.

Resposta: Letra C

Explicação: Na sua visão, o capitalismo leva a sociedade a um comunismo exacerbado e a uma alienação coletiva, através, principalmente, dos veículos de comunicação de massa.

16. Freire acredita que com a globalização, os valores morais e éticos estão perdendo o seu respeito, e ainda afirma que a ética passou a agir a favor:

  • A) Das técnicas de ensino-aprendizado.
  • B) Da maioria da população.
  • C) Dos interesses humanos de convívio, respeito e justiça.
  • D) Dos interesses da economia e do lucro gerado por ela.

Resposta: Letra D

Explicação: A favor dos interesses da economia e do lucro que dela é gerado e não favorecendo os interesses humanos de convívio, respeito e justiça.

17. Paulo Freire defende uma pedagogia fundamentada na ética, no respeito e na dignidade, com isso:

  • A) A técnicas de ensino ultrapassadas.
  • B) A conexão com o contexto social e econômico.
  • C) A técnicas de ensino moderno.
  • D) Aos interesses geopolíticos e econômicos.

Resposta: Letra A

Explicação: Em particular a técnicas de ensino ultrapassadas e sem conexão com o contexto social e econômico do aluno.

18. Paulo Freire defende uma pedagogia fundada na ética, no respeito e na dignidade, com isso:

  • A) Concorda com as formas de ensino tradicionais.
  • B) Defende o educador autoritário.
  • C) Questiona a função do educador autoritário e conservador.

D) Enfatiza que a curiosidade dos educandos é um aspecto negativo.

Resposta: Letra C

Explicação: Questiona a função de educador autoritário e conservador, que não permite a participação dos educandos, suas curiosidades e as suas vivências.

19. Para Paulo Freire ensinar não é transferir conhecimento, senso assim pode-se afirmar, EXCETO:

  • A) Educar é respeitar a autonomia e a identidade do educando.
  • B) Educar é também respeitar as diferenças sem discriminação.
  • C) Qualquer forma de discriminação deve ser rejeitada.
  • D) Não há necessidade de escolhas para alcançar os objetivos.

Resposta: Letra D

Explicação: Que há necessidade de decisão, ruptura e escolhas para alcançar os objetivos.

20. Paulo Freire cita que o desemprego no mundo não é uma fatalidade como muitos querem que acreditemos e sim:

  • A) O resultado de uma educação moderna.
  • B) O resultado de uma globalização da economia e avanço tecnológico.
  • C) A pedagogia que estimula a decisão e responsabilidade.
  • D) A pedagogia é centrada em experiências de incentivo a reflexão.

Resposta: Letra B

Explicação: O resultado de uma globalização da economia e de avanços tecnológicos, deixando de ser algo a serviço e bem estar do homem.

Fim das questões sobre Paulo Freire!

Então pessoal, espero que vocês tenham gostado! Comentem e compartilhem!

Filme Online: The Pawnshop (1916)

Filme Online: The Pawnshop (1916)

Filme Online: As Chaves do Reino (1944) - The Keys of The Kingdom (1944) - John M. Stahl 2

Filme Online: Intolerance 1916