Quando furar a orelha do bebê

0

Alguns pais acham um charme colocar um brinquinho na orelhinha dos seus bebês, é realmente muito fofo e realça sua aparência, mas como todo outro método para quando furar a orelha do bebê, você deve ficar atento a infecções, dores dentre outras, então afinal; quando devemos furar a orelha do bebê?

Além do furo, assim como qualquer outro ser humano, você terá que tratar o brinco constantemente para evitar alergias, ficar atento a febre em casos de infecção bacteriana e lembrar sempre da utilização da esterilização, opte sempre por um bom profissional conhecido, com ferramentas higienizadas e esterilizadas pois sua pele é relativamente sensível, hoje entenderemos o que pode e se pode ocasionar alguma coisa ao bebê e quando devemos realizar tal ato.

Quando furar a orelha do bebê?

Não existe momento específico de quando furar a orelha do bebê, é comum ouvir de alguns pediatras que recomendam furar o quanto para o recém nascido se acostumar, alguns também pedem para esperar as vacinas para evitar infecções perigosas ou até o bebê completar ao menos 3 meses de vida.

Você pode incluir todas as recomendações para formar um momento ideal, então você pode esperar um pouco menos de 3 meses para fazer com que o lóbulo da criança tenha um tamanho adequado para suportar um desses brincos, então ao esperar um pouco você pode ter um formato do lóbulo e o peso estejam adequados.

Neste meio tempo, providencie as vacinas da criança, pois reduzirá os riscos de alguma infecção perigosa, lembre-se que você estará constantemente lidando com um ferimento aberto, além de que, um bom preparo mental e iniciativa por parte dos pais é ideal também.

  1. Seja atento na posição no qual a orelhinha será furada, já que o indicado é que seja um pouco acima do centro do lóbulo para que quando colocar um brinco grande ou pesado, não acabe rasgando ou mudando o formato do furo.
  2. Lembre-se, o brinco deve ser composto por aço cirúrgico, pois é um material antialérgico que minimiza posteriores inflamações.
  3. É importante usar brincos esterilizados, pois têm um menor risco de infecção, depois que o furo for feito é essencial limpar o local com álcool 70% após o banho e girar o brinquinho uma vez ao dia, fique alerta há possíveis sinais como vermelhidão e dor.
  4. Uma observação importante de auxílio, o álcool 70% é o mesmo álcool usado para higienizar o coto umbilical.

Ao seguir este passo a passo você vai conseguir passar por este procedimento com o minimo de incomodo para o bebe.

O bebê sente dor?

Quando furar a orelha do bebê
Quando furar a orelha do bebê

Muitos pensam que, por ser um recém nascido eles não vão se importar com a dor, já que estão sempre chorando e logo vão esquecer, mas não é bem assim que a coisa funciona.

A criança pequena também pode sentir dor, mesmo que reaja menos que um adulto, por isso requer atenção e cuidado quando furar a orelha do bebê.

Uma parte boa nisso, é que há orelha é uma cartilagem e, isso conta com menos presenças de nervos no local comparado a outras partes do corpo, então isso reduzirá há cor sentida, sendo inferior a dor sentida de furos em outras regiões ou de uma vacina na perna.

Caso seu bebê esteja muito incomodado, para aliviar o furinho você pode usar de alguns anestésicos tópico próprio para esse tipo de procedimento, uma espécie de pomada, aplicada aproximadamente uns 40 minutos antes. Mas converse com seu médico sobre isso.

Qual é o melhor tipo de brinco?

Opte sempre por aço cirúrgico quando furar a orelha do bebê, os brincos de ouro maciço são os mais recomendados por terem menor risco de causar infecções ou reações alérgicas, mas existem pessoas que tem alergia a ouro também então se informe, se esse for o caso também podem ser de aço inoxidável esterilizado.

O tamanho recomendado é que ele sejam pequenos e arredondados, ficando coladinhos à orelha evitando que incomode o bebê ou vá parar em sua boca.

A tarraxa precisa cobrir toda a parte traseira do brinco e também ter uma pontinha arredondada por fora, para o pino do brinco não ficar entrando na pele do bebê atrás da orelha.

Como devem ser os cuidados com o furo depois?

Depois de todo procedimento e atenção, você furou, então fique atento a:

  • Sinais de inflamação na área
  • Mantenha sempre os brincos iniciais pôr seis semanas
  • Use sempre um pouco de álcool 70% na orelhinha e ao redor do brinco.
  • Não esqueça de manter suas mãos higienizadas sempre que for manusear o bebê.
  • Sempre após o banho, seque a região para que não fique úmida.
  • Caso tenha sinais de infecção, como dor, secreções, inflamação ou sangramento, retire os brincos imediatamente, limpe-os com álcool para guardar e pergunte ao pediatra se deve usar alguma pomada ou medicamento específico no local.

Então além de sua beleza, envolve cuidados especiais, se você estiver preparado e disposto a cuidar de tudo isso, tudo ocorrerá bem e você e seu bebê poderão arrasar com um bom estilo diferenciado!

Quero aprender mais!

Se você quer aprender ainda mais sobre maternidade e dicas de como cuidar ainda melhor do seu bebê, não perca a chance de ler nosso artigo sobre: Como fica a gengiva do bebê quando vai nascer um dente?

(Visited 2 times, 1 visits today)