• Início
  • Saúde
  • Tipos de Diabetes saiba o que é e como se prevenir

Tipos de Diabetes saiba o que é e como se prevenir

Hoje vamos falar sobre os tipos de diabetes que podemos desenvolver ao longo da nossa vida.A insulina é um hormônio produzido no corpo humano pelo pâncreas e quando este órgão entra em desfunção desenvolvemos a diabetes.

Tipos de Diabetes

Relacionada a disfunção do pâncreas em produzir o hormônio da insulina, os tipos de diabetes estão cada dia mais comum no mundo todo o mundo.

Tipos de Diabetes: Definição

Um pâncreas em bom funcionamento, ao detectar o aumento da glicose no sangue produz e libera o hormônio da insulina para regularizar e combater.

A glicose é o que chamamos de açúcar. É um processo químico resultante da digestão dos carboidratos.

Carboidrato é um macronutriente usado pelo nosso corpo pra produzir energia. Caso não seja utilizado, o organismo se encarrega de armazenar a glicose como reserva ou como gordura.

O pâncreas possui uma função endócrina, quando realiza a secreção de dois hormônios gástricos: a insulina e o glucagon.

A insulina e o glucagon são hormônios produzidos nas Ilhotas de Langerhans, que são células betas presentes no tecido pancreático.

Esse dois hormônios são responsáveis por metabolizar o açúcar para a corrente sanguínea e mantê-lo em níveis normais.

O índice normal de açúcar está entre 70 e 110 miligramas por decilitro (mg/dl) de sangue.

Mas não é só isso, o órgão também secreta grandes quantidades de bicarbonato de sódio para o duodeno, o que neutraliza a acidez do estômago.

Conforme os anos vão passando e dependendo de nossa dieta e de nossos hábitos, o pâncreas vai produzindo menos insulina, perdendo sua capacidade.

Ao perder a capacidade de produzir insulina, desenvolvemos a patologia chamada de diabetes.

Outra forma conhecida da diabetes, pode acontecer até os 23 anos e é chamada de diabetes melittus I.

Ao nascer o pâncreas não consegue exercer sua função, pois trabalha de forma irregular, e de repente para de funcionar.

A diabetes mellitus I é portanto o resultado desta disfunção precoce e a diabetes mellitus II é a perda da função conforme a idade avança.

Temos ainda um terceiro tipo de diabetes que ocorre durante a gravidez em algumas mulheres, resultado de um corpo já fragilizado.

Tipos de Diabetes: Diabetes Mellitus I

tipo 1 9589290 8518906

Diabetes tipo I é uma doença crônica, resultado da incapacidade progressiva de produzir o hormônio da insulina.

É uma ativação imunológica, ou seja, é causada pelo próprio organismo na tentativa de defender o organismo dele mesmo.

Os principais sintomas da diabetes mellitus I é a perda de peso, aumento da produção de urina e cansaço.

Não acontece da noite para o dia, começa a surgir ao longo de semanas até que o indivíduo piore.

É comum se descobrir a diabete mellitus I num quadro que é chamado de cetoacidose. É quando o sangue torna-se ácido podendo levar ao estado de coma.

Para diagnosticar a diabetes mellitus I é correto aferir a glicose no sangue com o organismo em jejum. O nível normal é entre 70 à 99 mg/dl.

O tratamento para a diabetes mellitus I é a aplicação de insulina, para suprir a falência do pâncreas e ajudar a queimar a glicose excessiva.

Aplica-se doses fixas 3 vezes ao dia, além de uma dieta saudável evitando o consumo de alimentos ricos em carboidrato.

Para obter sucesso no tratamento, já que a diabetes mellitus I não tem cura, é preciso disciplina para não elevar e nem baixar demais o nível de glicose.

O controle da alimentação e a prática de exercícios físicos é primordial para sua regularização. A hipoglicemia como é conhecido os nível baixos de glicose também são prejudiciais.

A hipoglicemia deve ser corrigida com a ingestão de alimentos ricos em glicose, os níveis muito baixos acarretam o coma e podem levar a obto.

Tipos de Diabetes: Diabetes Mellitus II

tipo 2 2388347 8766869

 A diabetes mellitus tipo II é uma doença crônica adquirida no decorres dos anos e fiando até o fim da nossa vida.

Quem tem diabetes mellitus II pode apresentar resistência a insulina, isso significa que o corpo continua produzindo o hormônio porém não em quantidade suficiente.

Dessa forma, eleva-se os níveis de açúcar no sangue e o organismo necessita de ajuda externa para eliminá-lo.

A diabetes mellitus II geralmente não apresenta nenhum sintoma no início. Sendo possível se alertar devido algumas enfermidades recorrentes.

Infecção urinária, feridas que levam tempo para cicatrizar, visão embaçada e sede constante são alguns sintomas que levam ao diagnóstico.

Além disso, cansaço frequente, fome constante, e formigamento nos pés são alguns dos indícios de diabetes mellitus II.

Tipos de Diabetes: Diabetes Gestacional

diabete gestacional 1024x937 3034816 9448594

A diabete gestacional se manifesta durante a gravidez e em boa parte das pacientes os sintomas desaparecem logo após o parto.

Ao desenvolver a diabetes gestacional, a mulher grávida deve monitorar o índice glicêmico para não afetar o bebê.

Os altos índices glicêmicos da diabetes gestacional pode provocar o crescimento excessivo do bebê, desenvolvendo crianças de 50 cm ou mais.

É importante ter uma rotina de exercícios e uma dieta balanceada para não prejudicar nem a mãe nem o bebê.

Caso a mulher apresente diabetes gestacional, as demais gestações devem ser observadas. E aquelas que já engravidam estando acima do peso e com histórico na família em primeiro grau.

Tipos de Diabetes: Atividades

O pâncreas é uma glândula mista, ou seja, possui função endócrina e exócrina. Na porção endócrina, o pâncreas produz dois hormônios: a insulina e o glucagon. Esses hormônios são produzidos em regiões constituídas por milhares de células denominadas:

a) Glicogênio.

b) Ilhotas de Langerhans.

c) Glicocálix.

d) Ilhotas de mucosa.

e) Ilhotas Ranvie

Resposta: alternativa B

Um indivíduo foi diagnosticado com diabetes tipo I.  Esse tipo de diabete é causado em razão de uma redução na produção do hormônio __________. Esse hormônio é produzido nas __________ das ilhotas de Langerhans.

Marque a alternativa que completa corretamente as frases acima:

a. Insulina e glucagon.

b. Insulina e células alfa.

c. Glucagon e pâncreas.

d. Insulina e células beta.

e. Glucagon e células beta

Respostas: alternativa D

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

CONTEÚDO RELACIONADO

Este é um site do grupo B20