Somos todos iguais, mesmo que diferentes – Atividades para educação especial e inclusão social

Que tal algumas atividades para educação especial e inclusão social? As atividades sobre cidadania e inclusão social  trazem para você professor, ideias que irão levar a garotada, a se colocar, no lugar do coleguinha deficiente. Propomos dinâmicas, que os farão experimentar, como  é estar presente em uma sala de aula onde não se ouve, não se pode ver nada. Como demonstração do que poderá ser feito, trouxemos aqui Somos todos iguais, mesmo que diferentes e outras Atividades para educação especial e inclusão social.

Eles irão sentir, como é estar em uma quadra e não ter como correr atrás da bola, como incluir o coleguinha com autismo ou que tenha dificuldades de socialização nas brincadeiras, além de incentivar o respeito aos emigrantes e combater o racismo. Você poderá conferir como fazer isso no post:

Somos todos iguais, mesmo que diferentes

Trabalhar a inclusão de pessoas com deficiência em crianças e jovens é uma das formas mais eficazes de criar adultos sensíveis e preparados para lidar com essa realidade na escola, nas ruas e no mercado de trabalho.

Atividades para educação especial e inclusão social

Trabalhando a cidadania e a inclusão social com os alunos do ensino fundamental em sala de aula.

Somos todos iguais, mesmo que diferentes – Atividades para educação especial

Por mais que se combata o racismo, ainda existem raízes para serem arrancadas. Nosso papel é mostrar que o preconceito racial deve ser extinto por completo da vida do ser humano.

Recursos para atividade sobre cidadania e inclusão social:Somos todos iguais, mesmo que diferentes

  • Livro de histórias ou imagens com figuras de escravos de todas as cores
  • Computador ou telão, para passar o desenho da família Barba papa

Passo a passo da atividade sobre cidadania e inclusão social:Somos todos iguais, mesmo que diferentes

  1. A ideia aqui é contar a história dos escravos e índios, mostrar para as crianças que o racismo vem de pessoas que se achando superiores, tiraram cruelmente os semelhantes de suas culturas e convívio familiar para obriga-los a se submeter aos serviços forçados.
  2. mostre a eles que antigamente também existiam escravos brancos, que eram escravizados devido as guerras.
  3. Uma super sugestão e mostrar a eles o desenho da família Barbapapa, que embora antigo mostra como as diferenças não existem quando o amor entre as pessoas é verdadeiro.
  4. As pessoas possuem talento, bondade e beleza, não importando a cor da pele ou etnia.

Embora esteja com uma resolução, não muito boa, o link a seguir mostra o desenho dos Barba papas que combatem exatamente o preconceito: https://www.youtube.com/watch?v=EACwkf8BGn4 .

Fim da atividade Somos todos iguais, mesmo que diferentes

Se você gostou da atividade, compartilhe a ideia, deixe seu comentário ou crítica.

Obrigado por acompanhar este post até aqui. Se você gostou dessa lista, e quer mais, temos diversas outras para alegrar a garotada. Então deixe seu comentário e compartilhe com os colegas, depois disso desejamos que você tenha lindos sonhos, em um sono feliz! Divulguem entre todos!

Add Comment