O objetivo é que todos possam conhecer o espaço e quem sabe outros Planetas. Então seriamos os “Aliens” ? e será que muitos iriam ter coragem de voar assim tão longe? Turismo no espaço é um fenômeno novo que são viagens espaciais realizadas por indivíduos com o propósito não científico, apenas pelo simples e puro lazer. Mas no memento, poucos podem usufruir desse privilégio.

Além do custo de milhões de dólares cobrado pelo Turismo no espaço , o candidato a turista espacial precisa passar por uma série de testes físicos e médicos, podendo ser reprovado e impedido de viajar caso apresente alguma deficiência ou problema em qualquer parte do teste.

Turismo no espaço
Turismo no espaço

Turismo no Espaço: 2021

O futuro é incontrolável, apenas temos que aceitar e nos adaptar ao futuro que se usado de forma correta pode ajudar muito no futuro do mundo. No caso do turismo espacial é um passo inevitável no século XXI como o turismo aéreo foi no século XX. A tendência é que cada vez mais pessoas tenham acesso ao turismo no Espaço.

Foi divulgado um comunicado de que quatro pessoas terão vagas na Crew Dragon, aeronave construída para levar astronautas dos Estados Unidos até Estação Espacial Internacional.

Turismo no espaço
Turismo no Espaço

Especialistas acreditam que os primeiros voos turísticos serão suborbitais(suborbitais é quando um voo espacial em que a nave atinge o espaço, mas a sua trajetória cruza a atmosfera ou superfície do corpo gravitacional do qual foi lançado, de modo que não efetue uma revolução orbital completa), ainda que algumas empresas tenham capacidade de levar seres humanos até o espaço.

Resumindo, as viagens serão até a borda do espaço, com retorno imediato e sem completar uma órbita terrestre. Existem alguns perigos do voo e do ambiente espacial, como força G, radiação e microgravidade. As ameaças para a saúde acontecem em todas as fases da preparação do voo e do pós-voo espacial.

Turismo no Espaço: Acessibilidade

Para quem pagar e for viajar para fazer um turismo no espaço, os turistas terão que assinar termos de compromisso sobre os riscos das viagens, isentando o governo dos Estados Unidos e a companhia das responsabilidades inerentes a possíveis acidentes.

Turismo no espaço

Em janeiro deste ano(2020), a Axiom Space, responsável pela SpaceX, foi escolhida pela Nasa para construir um hotel na Estação Espacial Internacional (ISS). O projeto ficaria pronto em 2024. A ideia não é bem que o espaço seja usado para o turismo, mas sim para que astronautas representantes de empresas possam ir até a Estação Espacial. Para isso, eles teriam que desembolsar cerca de US$ 35 mil por dia.

Já a Orion Span lançou há alguns anos o projeto da Estação Aurora, inicialmente prevista para ser inaugurada no fim de 2021 para que os hóspedes chegassem já em 2022.

A estação é mais modesta que o hotel Von Braun e se assemelha mais à Estação espacial Internacional. Os hóspedes flutuarão em um espaço bem menor, de 13,3m por 4,3m, a 320km acima da Terra.

Turismo no espaço
Turismo no espaço

A SpaceX divulgou, no ano de 2018, qual será seu primeiro turista em orbita: o bilionário japonês Yusaku Maezawa. Ele comprou todos os assentos disponíveis para a viagem, mas o valor total não foi revelado: a própria SpaceX disse apenas que o primeiro “turista de orbita” já pagou a entrada e que é uma “quantia significativa”.

Turismo no Espaço: custos

Desde o fim do programa com ônibus espacial, em 2011, a Nasa estava utilizando os foguetes russos para levar carga e tripulantes à Estação Espacial Internacional. Para se ter uma ideia do elevado custo, por cada “passagem” dentro das cápsulas Soyuz os norte-americanos pagavam cerca de US$ 90 milhões. Agora com o SpaceX o custo foi de US$ 55 milhões e objetivo é diminuir ainda mais o custo nos próximos voos, principalmente quando se tornarem mais frequentes.

Um dos grandes avanços da parceria com as empresas privadas em comparação ao ônibus espacial é o foguete de lançamento. A cápsula Crew Dragon da SpaceX foi lançada acoplada ao Falcon 9, que custa cerca de US$ 90 milhões.

Perguntas Frequentes sobre o Turismo no espaço:

Quanto custa um turismo espacial?

A NASA anunciou no ano de 2019 que permitirá que turistas durmam na Estação Espacial Internacional pelo preço de US$ 35 mil por noite.

Quanto custa para lançar um foguete?

A SpaceX afirma que custa cerca de 90 Milhões de dólares

Qual é o combustível de um foguete espacial?

Os foguetes geralmente usam um tipo de combustível líquido, como hidrogênio líquido ou um hidrocarboneto como (RP-1) e um liquido oxidante, como oxigênio líquido.

Quanto tempo uma pessoa pode sobreviver no espaço?

Qualquer ser humano ficaria inconsciente em cerca de aproximadamente 15 segundos, devido à ausência de oxigênio.

Qual é o planeta mais distante do planeta Terra?

O gigante e gelado Netuno é o planeta mais afastado do Sol e foi o primeiro a ser localizado a partir de cálculos matemáticos em vez de observações regulares do céu.

Esperamos que tenha gostado das dicas, informações e que tenhamos te ajudado de alguma forma. Para ter acesso a mais informações, acesse nosso site clicando aqui.